Jovem Pan Online

    Datafolha: Em SP, Doria tem 53% dos votos válidos; Marcio França, 47%

    Datafolha: Em SP, Doria tem 53% dos votos válidos; Marcio França, 47%


    A pesquisa Datafolha de intenção de voto para o governo de São Paulo divulgada nesta quinta-feira (18) mostra que João Doria (PSDB) tem 53% dos votos válidos, enquanto Marcio França (PSB) tem 47%. Entre os votos totais, contando brancos e nulos,...

    A pesquisa Datafolha de intenção de voto para o governo de São Paulo divulgada nesta quinta-feira (18) mostra que João Doria (PSDB) tem 53% dos votos válidos, enquanto Marcio França (PSB) tem 47%.

    Entre os votos totais, contando brancos e nulos, Doria tem 44%, contra 40% de França. Entre os entrevistados, 9% pretendem votar em branco ou nulo e 7% estão indecisos. Nessa leitura, os candidatos estão tecnicamente empatados no limite da margem de erro.

    Os números são muito parecidos aos indicados pela pesquisa do Ibope divulgada nesta quarta (17), que dava 52% dos votos válidos para Doria e 48% para França.

    O levantamento foi feito nesta quarta e quinta-feira e ouviu 2,356 pessoas em 73 municípios. A margem de erro é dois pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número SP-06938/2018.

    PSL confirma que Bolsonaro não irá em debates e chama acusações de ‘palhaçada’

    PSL confirma que Bolsonaro não irá em debates e chama acusações de ‘palhaçada’


    O presidente do PSL, Gustavo Bebianno, realizou uma coletiva de imprensa no fim da tarde desta quinta-feira (18) em um espaço do partido no Jardim Botânico, Rio de Janeiro. Aos jornalistas presentes, confirmou que o candidato Jair Bolsonaro, mesmo...

    O presidente do PSL, Gustavo Bebianno, realizou uma coletiva de imprensa no fim da tarde desta quinta-feira (18) em um espaço do partido no Jardim Botânico, Rio de Janeiro. Aos jornalistas presentes, confirmou que o candidato Jair Bolsonaro, mesmo liberado por sua equipe médica, não participará de nenhum debate presidencial neste segundo turno.

    De acordo com Bebianno, não há a necessidade de “expor o candidato a um nível de estresse desnecessário” e nem de “desgastá-lo” em um eventual debate com Fernando Haddad (PT), definido por ele como “poste” e um “pau-mandado” de Luiz Inácio Lula da Silva.

    Além disso, o presidente da sigla falou da reportagem divulgada pela Folha de S. Paulo durante a manhã sobre supostas doações ilegais recebidas pela campanha. Segundo suas palavras, trata-se de “palhaçada, calúnia e brincadeira”. Afirmou ainda que o partido pretende mover uma ação na Justiça contra o PT e contra Haddad, que mostram estar “desesperados, pois sabem que vão perder” a disputa.

    *Informações do repórter Rodrigo Viga

    O retorno de Simone e Simaria aos palcos já está marcado – e será em um evento grandioso

    O retorno de Simone e Simaria aos palcos já está marcado – e será em um evento grandioso


    O ano da dupla Simone e Simaria teve seus altos e baixos. As duas estrearam como técnicas do reality musical da Globo “The Voice Kids” e colocaram vários hits nas paradas de sucessos, mas chegou a tuberculose ganglionar de Simaria – o que...

    O ano da dupla Simone e Simaria teve seus altos e baixos. As duas estrearam como técnicas do reality musical da GloboThe Voice Kids” e colocaram vários hits nas paradas de sucessos, mas chegou a tuberculose ganglionar de Simaria – o que derrubou as irmãs neste final de ano e as obrigou a se afastarem por alguns meses dos palcos.

    Esse afastamento, porém, pode ter data para se encerrar. As artistas foram confirmadas nesta quinta-feira, 18, como atrações do Festival da Virada de Salvador, festa que comemora o Réveillon na capital da Bahia e acontece entre os dias 28 de dezembro e 1 de janeiro. A data específica para o show ainda não foi fechada.

    Além das irmãs, Anitta, Luan Santana, Claudia Leitte e Ivete Sangalo, que fará a contagem regressiva para 2019, já estão confirmados no evento.

    Verão é com Salvador mesmo, né não? Lançamos há pouco a programação da melhor estação do ano e uma das novidades é que o…

    Publicado por Virada Salvador em Quarta-feira, 17 de outubro de 2018

    Adversário do Corinthians, Vitória também sofreu com desmanche e troca de treinadores

    Adversário do Corinthians, Vitória também sofreu com desmanche e troca de treinadores


    Vice-campeão da Copa do Brasil, o Corinthians voltará a campo neste domingo (21), às 16 horas, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O adversário será o Vitória, que assim como o Timão foi derrotado 23 vezes ao longo da temporada – times da...

    Vice-campeão da Copa do Brasil, o Corinthians voltará a campo neste domingo (21), às 16 horas, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. O adversário será o Vitória, que assim como o Timão foi derrotado 23 vezes ao longo da temporada – times da Série A que mais perderam, e teve que encarar problemas semelhantes, como desmanche e troca de treinadores.

    O rubro-negro baiano iniciou o ano com Wagner Mancini no comando da equipe. O treinador tinha moral com a diretoria e possuía status de herói entre os torcedores após salvar o time do rebaixamento no Brasileirão de 2017, mas na 16ª rodada da competição nacional de pontos corridos deste ano, não resistiu aos maus resultados e foi demitido.

    Assim como o Corinthians fez com Osmar Loss após a saída de Fábio Carille para o futebol árabe, o Vitória promoveu João Burse das categorias de base para a equipe principal. No entanto, o novo treinador durou menos que Loss no cargo – trabalhou em apenas dois jogos – e foi substituído pelo experiente Paulo César Carpegiani, que segue no comando da equipe.

    As semelhanças entre Vitória e Corinthians também estão em seus elencos, ou no que aconteceu com eles. Se o alvinegro paulista perdeu Balbuena, Sidcley, Maycon e Rodriguinho ao longo da temporada, o Leão viu Fernando Miguel, Uillian Correia, José Welison, Denilson e Kieza deixarem o Barradão para defenderem outros clubes do futebol brasileiro.

    Ausências importantes que refletiram nos resultados da equipe dentro de campo, tanto que o Vitória passou nove das 29 rodadas da competição nacional de pontos corridos na zona do rebaixamento e atualmente se encontra na 16ª posição, a um ponto da degola. Agora chegou a hora dos times, que viveram dramas parecidos, medirem as forças que restaram.

    Estrela de ‘Teen Mom’ é hospitalizada após cair em fogueira

    Estrela de ‘Teen Mom’ é hospitalizada após cair em fogueira


    A atriz Jenelle Evans, estrela do seriado Teen Mom, da MTV estadunidense, foi hospitalizada após cair sobre uma fogueira no quintal de sua casa. O caso aconteceu no último dia 13 de outubro, mas foi divulgado nesta quinta-feira (18). Por volta das 22h,...

    A atriz Jenelle Evans, estrela do seriado Teen Mom, da MTV estadunidense, foi hospitalizada após cair sobre uma fogueira no quintal de sua casa. O caso aconteceu no último dia 13 de outubro, mas foi divulgado nesta quinta-feira (18).

    Por volta das 22h, a polícia de Columbus, na Carolina do Norte, atendeu a um chamado de assalto na residência da atriz, onde ela vive com o esposo, David Eason. O casal chegou a chamar uma ambulância, mas o pedido foi cancelado e ela foi levada ao hospital pelo cônjuge. O chefe de polícia do condado de Columbus afirmou ao portal People que nenhum boletim de ocorrência foi registrado.

    Um dos assessores da atriz veio a público explicar que o casal havia recebido alguns amigos e tinham acendido uma fogueira no quintal. Durante a reunião, a atriz teria se desequilibrado e caído. Ainda não está claro porque o casal chamou a polícia. A MTV não comentou o caso. A atriz não estava em período de gravações do show, que já soma sete temporadas.

    ‘Animais Fantasticos’: J. K. Rowling e Jude Law discutem personagens em vídeo

    ‘Animais Fantasticos’: J. K. Rowling e Jude Law discutem personagens em vídeo


    A AT&T divulgou um vídeo exclusivo em que J.K. Rowling e Jude Law discutem os personagens de Dumbledore e Grindelwald em “Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald”. Assista: A autora e roteirista afirma que Grindelwald (Johnny Depp), por ser...

    A AT&T divulgou um vídeo exclusivo em que J.K. Rowling e Jude Law discutem os personagens de Dumbledore e Grindelwald em “Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald”. Assista:

    A autora e roteirista afirma que Grindelwald (Johnny Depp), por ser um personagem presente desde “Harry Potter e a Pedra Filosofal” (Primeiro filme da franquia), é “a fera que estava dentro da cabeça” dela por mais de 10 anos.

    Ela afirma que neste filme particularmente a batalha entre o bem e o mal é de estrema importância, pois mostra “o nosso impulso humano para simplificar e dividir todos entre os mocinhos e os vilões”.

    “As coisas vão ficar muito mais negras e complicadas”, adianta a escritora.

    Jude Law, defendendo seu personagem, Albus Dumbledore, diz que o professor é aquela pessoa que “sempre está três passos à frente de todos os outros” e que ele “lidera os outros a fazer coisas que particularmente eles não fariam”. J. K ainda conta que terão personagens, coisas e lugares que os fãs reconhecerão dos livros de Harry Potter.

    “Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald” é a segunda das cinco novas aventuras do Mundo Bruxo de J.K. Rowling e tem estreia marcada para 15 de novembro.

    Consulado de SP suspende novos pedidos de nacionalidade portuguesa

    Consulado de SP suspende novos pedidos de nacionalidade portuguesa


    Devido a um “número crescente de pedidos”, o Consulado Geral de Portugal em São Paulo suspendeu novos pedidos de nacionalidade até dia 2 de janeiro de 2019. O anúncio foi feito no site do órgão e inclui também o escritório do Consulado em...

    Devido a um “número crescente de pedidos”, o Consulado Geral de Portugal em São Paulo suspendeu novos pedidos de nacionalidade até dia 2 de janeiro de 2019. O anúncio foi feito no site do órgão e inclui também o escritório do Consulado em Santos.

    De acordo com a instituição, a demanda crescente pode provocar demoras na capacidade de processamento, análise e conclusão dos novos pedidos apresentados e também nos processos pendentes.

    Se o cidadão brasileiro não quiser aguardar, pode dar continuidade ao processo, pessoalmente ou via procuração, diretamente em uma Conservatória dos Registros Centrais em Portugal. Nesse link é possível ver quem pode solicitar a nacionalidade.

    *Com informações do Estadão Conteúdo

    Santos busca feito inédito na temporada diante do Internacional

    Santos busca feito inédito na temporada diante do Internacional


    O bom momento vivido pelo Santos no Campeonato Brasileiro pode fazer com que os comandados de Cuca alcancem um feito inédito na próxima segunda-feira (22), às 20 horas, no Beira-Rio, diante do Internacional, pela 30ª rodada. O Peixe, que vem uma...

    O bom momento vivido pelo Santos no Campeonato Brasileiro pode fazer com que os comandados de Cuca alcancem um feito inédito na próxima segunda-feira (22), às 20 horas, no Beira-Rio, diante do Internacional, pela 30ª rodada.

    O Peixe, que vem uma sequência de três triunfos na competição nacional de pontos corridos, contra Atlético-PR, Vitória e Corinthians – todos pelo placar de 1 a 0, está em busca da sua quarta vitória consecutiva.

    Até o momento, o Santos falhou duas vezes para alcançar essa série de vitórias. A primeira, ocorrida no Campeonato Paulista, o time alvinegro bateu São Caetano, São Paulo e Santo André, mas acabou sendo derrotado pelo Real Garcilasso, na Libertadores da América.

    Na segunda oportunidade, o Santos venceu o Palmeiras na semifinal do Campeonato Paulista (mas foi derrotado nos pênaltis), bateu o Estudiantes na competição continental e triunfou diante do Ceará na estreia do Brasileirão, mas parou contra o Bahia na segunda rodada.

    A última vez em que o Peixe alcançou quatro vitórias consecutivas foi no início do ano passado, quando bateu Red Bull Brasil e Linense, pelo Campeonato Paulista, o Kénitra FC, do Marrocos, em um duelo amistoso, e o América-MG, pela última rodada do Brasileirão de 2016.

    PF tenta prender Euripedes Júnior, presidente nacional do PROS

    PF tenta prender Euripedes Júnior, presidente nacional do PROS


    O presidente nacional do PROS, Euripedes Júnior, está sendo procurado pela Polícia Federal para cumprimento de mandado prisão pela Operação Partialis, deflagrada nesta quinta-feira (18). Ele é investigado por envolvimento em suposto esquema de...

    O presidente nacional do PROS, Euripedes Júnior, está sendo procurado pela Polícia Federal para cumprimento de mandado prisão pela Operação Partialis, deflagrada nesta quinta-feira (18). Ele é investigado por envolvimento em suposto esquema de desvios de recursos públicos destinados a compra de gases medicinais no estado do Pará.

    A operação é um desdobramento da Operação Asfixia, que tinha como objetivo investigar a prefeitura de Marabá por supostas fraudes em licitações. A PF cumpre, nesta quinta, 17 mandados em três cidades: Marabá, Altamira e Brasília.

    Euripedes não estava presente no endereço visitado pela Polícia Federal para o cumprimento do mandado. Além disso, os agentes fizeram buscas na sede do partido.

    O PROS publicou em seu site oficial uma nota negando qualquer envolvimento da sigla em atos ilícitos.

    Confira o comunicado do partido:

    Sobre as notícias de hoje (18/10) acerca de uma operação da Polícia Federal e Receita Federal em endereços relacionados ao PROS, o partido esclarece que:

    – O PROS preza pela lisura e transparência de sua gestão e estará à disposição para prestar todos os esclarecimentos necessários;

    – Os advogados do partido e do presidente do partido estão tomando ciência do processo para maior esclarecimento dos fatos. De toda forma, não há qualquer relação com as informações inicialmente apontadas e nem com a prefeitura de Marabá;

    – O ex-prefeito de Marabá, João Salame, não é filiado ao PROS conforme certidão do TSE;

    – O MP se pronunciou contrário à prisão temporária presente na decisão judicial que gerou a operação. Trata-se de uma acusação absurda sem fundamento jurídico algum;

    – A menção ao PROS na operação dá-se ao fato de o partido ter adquirido, dentro da legalidade, seguindo todos os tramites legais, uma aeronave no estado do Pará. Tanto é que a aeronave citada foi comprada, paga e já até vendida pelo partido, e informado à justiça eleitoral;

    – Não há qualquer envolvimento do partido ou do presidente do partido em atos ilícitos;

    – Todas as movimentações partidárias são devidamente informadas aos órgãos competentes conforme legislação.

    Pagamento do 13º salário irá injetar R$ 211,2 bilhões na economia brasileira

    Pagamento do 13º salário irá injetar R$ 211,2 bilhões na economia brasileira


    Cerca de 84,5 milhões de trabalhadores do mercado formal, entre eles aposentados, pensionistas e empregados domésticos, serão beneficiados esse ano com o pagamento do 13° salário, que irá injetar 211,2 bilhões de reais na economia brasileira até...

    Cerca de 84,5 milhões de trabalhadores do mercado formal, entre eles aposentados, pensionistas e empregados domésticos, serão beneficiados esse ano com o pagamento do 13° salário, que irá injetar 211,2 bilhões de reais na economia brasileira até o final do ano – o valor representa cerca de 3% do Produto Interno do País (PIB).

    Esses trabalhadores formais representam 57,6% (48,7 milhões) do total de beneficiados pelo pagamento do 13° salário. Os empregados domésticos são 1,8 milhão, ou 2,2% do total. Os aposentados e pensionistas representam 34,8 milhões, ou 41,2% do total. Dos R$ 211,2 bilhões pagos, os empregados do mercado formal ficarão com 66%, ou R$ 139,4 bilhões. Os aposentados e pensionistas receberão R$ 71,8 bilhões, ou 34%.

    As estimativas do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) apontam um rendimento adicional de R$ 2.320,00, com fonte na relação anual de Informações Sociais (Rais) e do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho.

    Região

    Os estados da região Sudeste ficarão com 49,1% do pagamento do 13º salário, seguido pelos estados do sul com 16,6%, Nordeste com 16%, Centro-oeste com 8,9% e Norte com 4,7%.

    O beneficiário com o maior valor médio (R$ 4.278,00) será pago no Distrito Federal e o menor no Maranhão (R$ 1.560,00) e Piauí (R$ 1.585,00).

    Os assalariados do setor de serviços irão receber a maior parcela R$ 137,1 bilhões, ou 64,1% do total destinado ao mercado formal. Os empregados da indústria receberão 17,4%, os comerciários 13,3%, enquanto que os da construção civil ficarão com 3,1% e da agropecuária com 2,1%.

    O valor médio do 13º salário do setor formal ficará em R$ 2.927,21, sendo que a maior média será paga aos trabalhadores do setor de serviços com valor de R$ 3.338,81 e o menor para os trabalhadores do setor primário da economia, com R$ 1.794,86.

    A economia paulista receberá cerca de R$ 60,7 bilhões, ou 28,8% do total do Brasil. Os beneficiados são estimados em 21,6 milhões, equivalente a 25,6% do total.

    *Com informações da Agência Brasil

    Para recuperar boa fase da defesa, São Paulo deve apostar em Arboleda

    Para recuperar boa fase da defesa, São Paulo deve apostar em Arboleda


    Um dos pontos fortes do São Paulo no primeiro turno do Campeonato Brasileiro, o setor defensivo do time passou a sofrer muitos gols nas últimas rodadas. E para tentar recuperar a boa fase da zaga e recolocar o Tricolor de volta ao caminho das...

    Um dos pontos fortes do São Paulo no primeiro turno do Campeonato Brasileiro, o setor defensivo do time passou a sofrer muitos gols nas últimas rodadas. E para tentar recuperar a boa fase da zaga e recolocar o Tricolor de volta ao caminho das vitórias, Diego Aguirre deve apostar em Arboleda.

    O zagueiro que defendeu a seleção equatoriana nos amistosos contra Catar e Omã, ambos em Doha, está de volta ao Brasil e nesta quinta-feira (18) já participou das atividades no CT da Barra Funda. O camisa 5 é um dos favoritos para ocupar a vaga de Anderson Martins, que está suspenso para a partida contra o Atlético-PR, neste sábado (20).

    A seu favor, Arboleda conta com o apoio da torcida, que gosta de seu futebol, e o bom retrospecto no Campeonato Brasileiro. Nas 17 vezes que esteve em campo pelo São Paulo na competição nacional de pontos corridos, o zagueiro venceu oito jogos, empatou outros oito e perdeu apenas uma – 2 a 1 para o Grêmio, em Porto Alegre.

    Nessas 17 partidas disputadas pelo equatoriano, a defesa do São Paulo foi vazada 15 vezes – ao todo o time do Morumbi sofreu 27 gols em 29 partidas, sendo oito somente nos últimos quatro compromissos da equipe, três deles em que o zagueiro não entrou em campo (Botafogo, Palmeiras e Internacional).

    O seu último jogo pelo São Paulo foi o empate em 1 a 1 contra o América-MG, quando atuou até os 40 minutos do segundo tempo e deu lugar ao atacante Gonzalo Carneiro. Depois cumpriu suspensão no empate em 2 a 2 com o Botafogo e ficou no banco de reservas na derrota por 2 a 0 para o Palmeiras. No revés diante do Inter, por 3 a 1, estava defendendo o Equador.

    Bolsonaro rebate acusação de doações ilegais: ‘PT desconhece apoio voluntário’

    Bolsonaro rebate acusação de doações ilegais: ‘PT desconhece apoio voluntário’


    Uma reportagem publicada pela Folha de S. Paulo nesta quinta-feira (18) noticiou que empresas compraram pacotes de disparos em massa de mensagens no WhatsApp e estão preparando uma operação para a semana anterior ao segundo turno para atacar o PT e...

    Uma reportagem publicada pela Folha de S. Paulo nesta quinta-feira (18) noticiou que empresas compraram pacotes de disparos em massa de mensagens no WhatsApp e estão preparando uma operação para a semana anterior ao segundo turno para atacar o PT e incentivar o crescimento do candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL). Pouco tempo depois da publicação do texto, o presidenciável foi às redes sociais se manifestar.

    “Apoio voluntário é algo que o PT desconhece e não aceita. Sempre fizeram política comprando consciências. Um dos ex-filiados de seu partido de apoio, o PSOL, tentou nos assassinar. Somos a ameaça aos maiores corruptos da história do Brasil. Juntos resgataremos nosso país”, escreveu Bolsonaro em um tuíte.

    Apoio voluntário é algo que o PT desconhece e não aceita. Sempre fizeram política comprando consciências. Um dos ex-filiados de seu partido de apoio, o PSOL, tentou nos assassinar. Somos a ameaça aos maiores corruptos da história do Brasil. Juntos resgataremos nosso país!

    — Jair Bolsonaro 1️⃣7️⃣ (@jairbolsonaro) October 18, 2018

    “O PT não está sendo prejudicado por fake news, mas pela VERDADE. Roubaram o dinheiro da população, foram presos, afrontaram a justiça, desrespeitaram as famílias e mergulharam o país na violência e no caos. Os brasileiros sentiram tudo isso na pele, não tem mais como enganá-los”, disse em outro.

    O PT não está sendo prejudicado por fake news, mas pela VERDADE. Roubaram o dinheiro da população, foram presos, afrontaram a justiça, desrespeitaram as famílias e mergulharam o país na violência e no caos. Os brasileiros sentiram tudo isso na pele, não tem mais como enganá-los!

    — Jair Bolsonaro 1️⃣7️⃣ (@jairbolsonaro) October 18, 2018

    De acordo com a Folha, a prática denunciada na reportagem é ilegal, pois, além de o suposto valor não ter sido declarado, representa a doação de campanha por empresas, o que é vedado pela legislação eleitoral. A publicação afirmou também que cada contrato chega a R$ 12 milhões e que, entre as empresas compradoras, estaria a Havan.

    Desde a manhã, o concorrente do segundo turno Fernando Haddad (PT) tem feito uma série de postagens nas redes sociais comentando o caso. Disse, por exemplo, que “estamos diante de uma fraude eleitoral”, que quer a apuração dos crimes denunciados e ainda cobrou uma posição do WhatsApp.

    Estamos diante de uma tentativa de fraude eleitoral. O esforço do Bolsonaro era pra liquidar já no primeiro turno. Ele contava que viraríamos a página e isso tudo não seria apurado. O que está hoje nos jornais não são indícios, são provas. Não estamos falando de suposições.

    — Fernando Haddad 13 (@Haddad_Fernando) October 18, 2018

    O que queremos é a apuração dos crimes denunciados. O montante de recursos e o número de empresários envolvidos nesse complô é muito grande. Temos a informação de que 156 empresários estão envolvidos nisso. As pessoas vão ser chamadas a depor. Ele deixou rastro e nós vamos atrás.

    — Fernando Haddad 13 (@Haddad_Fernando) October 18, 2018

    O WhatsApp pode fingir que não é com ele ou pode ajudar. Se tiver compromisso com valores, vai tomar providência e vai procurar evitar o que aconteceu na última semana do primeiro turno.

    — Fernando Haddad 13 (@Haddad_Fernando) October 18, 2018

    Soldado morre após passar mal durante exercício militar

    Soldado morre após passar mal durante exercício militar


    O soldado Matheus da Conceição Santos Moraes, do 2º Regimento de Cavalaria de Guarda (2º RCG) do Exército, morreu enquanto fazia um exercício no quartel, localizado na Vila Militar, na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro. Ele teria passado mal...

    O soldado Matheus da Conceição Santos Moraes, do 2º Regimento de Cavalaria de Guarda (2º RCG) do Exército, morreu enquanto fazia um exercício no quartel, localizado na Vila Militar, na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro. Ele teria passado mal durante o treinamento chamado “pista de progressão diurna”.

    Segundo o CML, Comando Militar do Leste, o exercício é uma atividade que compõe a fase de instrução individual básica e é “planejada conforme todas as normas de segurança previstas”.

    Matheus foi “prontamente atendido pela equipe médica que acompanhava o exercício” e encaminhado para o Hospital Central do Exército. Ele ficou internado por dois dias, em tratamento intensivo, antes de entrar em óbito, segundo informações do exército.

    Um inquérito policial militar (IPM) foi instaurado para apurar as circunstâncias da morte.

     

    *Com informações da Agência Brasil

    Marcio França diz que Bolsonaro ‘representa frustração’ e Haddad é ‘tucano no PT’

    Marcio França diz que Bolsonaro ‘representa frustração’ e Haddad é ‘tucano no PT’


    Em entrevista ao Pânico nesta quinta-feira (18), o candidato ao governo de São Paulo Marcio França (PSB) comentou sobre o segundo turno das eleições presidenciais, entre Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL). Para França, Haddad parece um...

    Em entrevista ao Pânico nesta quinta-feira (18), o candidato ao governo de São Paulo Marcio França (PSB) comentou sobre o segundo turno das eleições presidenciais, entre Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL). Para França, Haddad parece um “tucano filiado ao PT”, enquanto Bolsonaro “representa a frustração de todo mundo”.

    O atual governador paulista disse que Bolsonaro passa sinceridade em seu discurso. “Você pode até não concordar com o que o Bolsonaro está falando, mas ele não parece estar mentindo”, explicou. França acredita que o ex-capitão representa a frustração da população, não uma renovação na política. “Ele representa a frustração de todo mundo. Ele não é uma pessoa desconhecida, nem de fora da política, muito pelo contrário”, disse.

    O candidato ainda lembrou que a campanha do presidenciável teve uma característica muito peculiar após o atentado sofrido por ele em setembro. “Houve um episódio que não é normal, que é a história da facada. No Fantástico, foram dois blocos falando desse assunto. Ele foi poupado de algumas coisas”, analisou, dizendo que o fato de Bolsonaro ter ficado internado por muito tempo fez com que os outros candidatos o atacassem menos.

    Por outro lado, França vê Fernando Haddad como um “tucano”. “Ele parece um tucano filiado ao PT. Ele é simpático, é leve”, disse, fazendo relação ao PSDB. Mas ele reforça que o partido de Haddad não o ajuda. “As pessoas não gostam do PT”, cravou, lembrando que o candidato do seu partido nas eleições de 2014, Eduardo Campos, teria grandes chances de ser eleito se não tivesse morrido em um acidente de avião naquele mesmo ano.

    Nova geração

    Marcio França também comentou sobre os novos nomes que foram eleitos para a Câmara dos Deputados, muitos deles em sua primeira vez na política. Falando principalmente sobre Kim Kataguiri (DEM), Arthur do Val (DEM) e outro membros do MBL, o candidato disse que pensa de forma diferente deles.

    “Essa nova geração pensa diferente do que eu penso, são meninos de outra geração”, afirmou. Nascido em 1963 e vivendo toda sua juventude durante a ditadura militar, ele lembrou que os jovens deputados viveram um Brasil diferente do dele. “Meu sonho era falar em público e eu era proibido. Queria votar para prefeito e não podia. Eles não passaram nenhuma dificuldade que eu passei”, disse o candidato paulista.

    Em último artigo, jornalista saudita escreveu sobre liberdade de expressão; leia

    Em último artigo, jornalista saudita escreveu sobre liberdade de expressão; leia


    O jornal norte-americano “The Washington Post” publicou na noite desta quarta-feira, 17, o último artigo assinado pelo jornalista saudita Jamal Khashoggi, que desapareceu depois entrar no consulado da Arábia Saudita em Istambul, na Turquia, no...

    O jornal norte-americano “The Washington Post” publicou na noite desta quarta-feira, 17, o último artigo assinado pelo jornalista saudita Jamal Khashoggi, que desapareceu depois entrar no consulado da Arábia Saudita em Istambul, na Turquia, no começo do mês. Na coluna, intitulada “O que o mundo árabe mais precisa é liberdade de expressão”, ele critica os governos do Oriente Médio e diz que eles “receberam rédea livre para continuar silenciando a mídia em um ritmo crescente”.

    No texto, o jornalista cita um incidente no qual o governo egípcio tomou o controle de um jornal. “Essas ações não provocam mais reação da comunidade internacional. Em vez disso, quando desencadeiam condenações, elas são rapidamente seguidas de silêncio. Como resultado, governos árabes foram liberados para continuar silenciando a mídia em ritmo crescente”, escreveu.

    O jornal exibiu o texto algumas horas depois que o turco “Yeni Safak” publicou que funcionários sauditas teriam cortados os dedos de Jamal e o decapitado enquanto a mulher o esperava do lado de fora do consulado. Tanto o governo saudita quanto o príncipe herdeiro, Mohammed bin Salman, negam qualquer envolvimento no desaparecimento.

    Karen Attiah, editora da seção de opinião global do “The Washington Post”, escreveu uma nota antes do texto dizendo que recebeu a matéria um dia depois do desaparecimento do jornalista. Ela agradeceu o trabalho do saudita que estava no jornal há exato um ano.

    “Esta coluna capta perfeitamente seu compromisso e paixão pela liberdade no mundo árabe. Uma liberdade para a qual ele aparentemente deu sua vida. Sou eternamente grata por ele ter escolhido o ‘Post’ como sua última casa jornalística, há um ano, e ter nos dado a chance de trabalhar juntos”, escreveu Karen.

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recuou da crítica que havia feito inicialmente contra os sauditas e ordenou que a Turquia entregue qualquer gravação em áudio ou vídeo, “caso existam”, do suposto assassinato.

    Em sua última coluna, assim como nas demais, o jornalista não deixou de criticar o príncipe saudita e o governo, mas agradeceu por toda a colaboração do jornal norte-americano no último ano de sua carreira e falou sobre a importância na tradução de suas ideias, “fazendo o Oriente Médio ler sobre a democracia no Ocidente”.

    “O mundo árabe está enfrentando a própria versão da Cortina de Ferro, imposta não por atores externos, mas por forças domésticas que disputam o poder”, escreveu.

    *Com informações do Estadão Conteúdo