G1 > Amapá

    Justiça Eleitoral do AP abre 50 vagas para mesários voluntários no 2º turno das Eleições 2018

    Justiça Eleitoral do AP abre 50 vagas para mesários voluntários no 2º turno das Eleições 2018


    Inscrições estão abertas e podem ser feitas pela internet ou nos cartórios eleitorais de Macapá. TRE Amapá abre inscrições para mesários voluntários no segundo turno das Eleições 2018 Jéssica Alves/G1 O Tribunal Regional Eleitoral (TRE)...


    Inscrições estão abertas e podem ser feitas pela internet ou nos cartórios eleitorais de Macapá. TRE Amapá abre inscrições para mesários voluntários no segundo turno das Eleições 2018 Jéssica Alves/G1 O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Amapá tem 50 vagas disponíveis para os eleitores que queiram trabalhar como mesários voluntários no segundo turno das Eleições deste ano, no dia 28 de outubro. Os interessados podem se cadastrar pela internet ou comparecer aos cartórios da 2ª e 10ª zonas, em Macapá. De acordo com o TRE, as vagas são para substituir mesários que atuaram no primeiro turno, mas que justificaram ausência para o segundo pleito por motivos de doença, viagem e outros. Para quem optar em fazer a inscrição de forma presencial, os pontos são os cartórios eleitorais: Cartório da 2ª Zona Eleitoral - Casa da Cidadania – na Avenida Mendonça Júnior, nº 1452, bairro Central Cartório da 10ª Zona Eleitoral – na Avenida Maria Cavalcante de Azevedo Picanço, S/N, atrás da Justiça Federal, bairro Infraero 2 Todos os voluntários vão receber treinamento para atuarem no dia das Eleições. Podem se inscrever eleitores em situação regular com a Justiça Eleitoral e com mais de 18 anos. O TRE garante auxílio-alimentação no dia da eleição e certidão de comprovação pelos dias trabalhados, além de outras vantagens. Em todo o estado, um total de 6.264 mesários vão atuar na votação que vai escolher o governador do Amapá e o presidente do Brasil. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Cadastramento abre 120 vagas para vendas no Dia de Finados em cemitérios de Macapá

    Cadastramento abre 120 vagas para vendas no Dia de Finados em cemitérios de Macapá


    Empreendedores interessados devem se inscrever de 23 a 25 de outubro na Semduh. Prefeitura abre 120 vagas para pessoas interessadas em fazer vendas nos cemitérios de Macapá no Dia de Finados John Pacheco/G1 Pequenos empreendedores interessados em...


    Empreendedores interessados devem se inscrever de 23 a 25 de outubro na Semduh. Prefeitura abre 120 vagas para pessoas interessadas em fazer vendas nos cemitérios de Macapá no Dia de Finados John Pacheco/G1 Pequenos empreendedores interessados em realizar vendas no entorno dos cemitérios de Macapá no Dia de Finados, em 2 de novembro, devem se cadastrar. Serão ofertadas 120 vagas e as inscrições serão abertas de 23 a 25 deste mês, na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Semduh). O órgão fica na Avenida Presidente Vargas, n° 831, entre as ruas Odilardo Silva e Eliezer Levy, no Centro, e o horário de atendimento será das 8h às 12h, de segunda a sexta-feira. De acordo com o município, as vagas serão distribuídas da seguinte forma: 50 para o cemitério São José, no bairro Santa Rita; 20 para o Nossa Senhora da Conceição, no Centro; e 50 vagas para o São Francisco de Assis, situado na BR-210, zona norte da capital. Para se cadastrar, o empreendedor deve apresentar cópia e original do RG, CPF, comprovante de residência e uma foto 3x4. As autorizações para a ocupação dos locais determinados, apenas para o dia 2 de novembro, serão entregues nos dias 30 e 31 de outubro, na Semduh. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Moradoras de habitacional de Macapá buscam atendimentos para evitar câncer de mama e de útero

    Moradoras de habitacional de Macapá buscam atendimentos para evitar câncer de mama e de útero


    Ação social aconteceu nesta quinta-feira (18), no Conjunto Mucajá, na Zona Sul. Moradores do Mucajá receberam ação de saúde nesta quinta-feira (18), em Macapá Victor Vidigal/G1 O Conjunto Habitacional Mucajá, no bairro Beirol, Zona Sul de...


    Ação social aconteceu nesta quinta-feira (18), no Conjunto Mucajá, na Zona Sul. Moradores do Mucajá receberam ação de saúde nesta quinta-feira (18), em Macapá Victor Vidigal/G1 O Conjunto Habitacional Mucajá, no bairro Beirol, Zona Sul de Macapá, recebeu nesta quinta-feira (18) uma ação de saúde em alusão a campanha "Outubro Rosa", que tem objetivo de conscientizar e prevenir mulheres contra o câncer de mama e do colo de útero. Cerca de 150 pessoas receberam atendimentos, segundo a organização. No local, além do encaminhamento para exames de PCCU e mamografia, as pacientes realizaram testes rápidos de sífilis, HIV, hepatites e atendimentos com clínico geral e dentista. Também houve distribuição de kits odontólogicos. A moradora Elena Brito, de 52 anos, realizou atendimento com o clínico geral. Ela diz querer que esse tipo de ação aconteça com mais frequência no conjunto, para mostrar que o local não tem apenas violência. "Fui atendida com muita rapidez. Esse tipo de ação facilita muito a nossa vida. Eu só ouço falar da violência do Mucajá, então é muito bom quando acontece esse tipo de ação por aqui", contou a dona de casa. Moradora Elena Brito, de 52 anos, recebeu atendimento Victor Vidigal/G1 A dona de casa Albenita Almeida, de 39 anos, aproveitou a ação para pedir encaminhamento e realizar pela primeira vez o exame de PCCU e mamografia. "Conseguir esse encaminhamento é muito importante para cuidar da minha saúde, até porque eu nunca fiz os exames. Quem dera se tivesse todo mês esse tipo de ação pra gente. Seria muito mais fácil de conseguir exames e fazer consultas", disse. Entre os dias 1º e 16 de outubro as ações do "Outubro Rosa" em Macapá já realizaram 516 encaminhamentos para exame de PCCU e 319 de mamografia para as unidades de saúde. Os exames podem ser marcados todos os dias nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Macapá. Testes rápidos de algumas DST's foram realizados na ação, em Macapá Victor Vidigal/G1 Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    VÍDEOS: JAP1 de quinta-feira, 18 de outubro

    VÍDEOS: JAP1 de quinta-feira, 18 de outubro


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do...


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá.
    Sargento suspeito de executar testemunha que o acusou de homicídio tem prisão mantida

    Sargento suspeito de executar testemunha que o acusou de homicídio tem prisão mantida


    Justiça negou habeas corpus ao militar José Wilson Maciel, suspeito de ter mandado matar Micherlon Aleluia, em março. Sargento preso vai responder pelo assassinato de Micherlon Reprodução O Tribunal de Justiça do Amapá (Tjap) negou habeas...


    Justiça negou habeas corpus ao militar José Wilson Maciel, suspeito de ter mandado matar Micherlon Aleluia, em março. Sargento preso vai responder pelo assassinato de Micherlon Reprodução O Tribunal de Justiça do Amapá (Tjap) negou habeas corpus e manteve a prisão do sargento da Polícia Militar José Wilson Maciel de Cantuária, preso preventivamente desde 21 de julho, acusado de ser o mandante da morte de Micherlon Aleluia, de 33 anos, funcionário de um atacadão que foi executado em 12 de março quando saía do trabalho na Zona Sul de Macapá. A defesa do sargento solicitou a liberdade justificando que o tempo da prisão provisória já havia extrapolado. O pedido foi para garantir a saída de José Wilson ou converter a preventiva em domiciliar. Relator do processo, o desembargador Rommel Araújo de Oliveira considerou a complexidade do crime, “traduzida pela ocorrência de incidentes processuais, pluralidade de réus e testemunhas, concurso de agentes e quantidade de vítimas”. Diante do fato, o magistrado lembrou que a audiência de instrução e julgamento do militar está marcada para o dia 7 de novembro e que ele pode aguardar até lá na prisão. Entenda o caso Além do sargento Cantuária, também foram presos temporariamente o soldado Lucas Vilhena Batista Filho, que teve pedido de liberdade aceito na semana passada, e a esposa do sargento, Hellen Crhiystine Gonçalves Pinheiro, que segue presa. A detenção dos três motivou a operação "Letus", deflagrada pelo Ministério Público do Amapá (MP-AP) e Polícia Civil. O funcionário morto foi testemunha de outro assassinato a qual José Wilson responde. O sargento teria ordenado a morte de Michelron e Lucas Vilhena teria sido o executor. A vítima teve a rotina monitorada pelos suspeitos e foi morto no caminho de casa com cinco tiros por volta de 23h. Imagens de câmeras de segurança mostraram toda a movimentação do crime, inclusive registrando o carro usado pelos atiradores, um modelo Pálio de cor preta. O veículo esperou Micherlon sair do trabalho de bicicleta e o acompanhou por cerca de 1 quilômetro até o local do crime. Micherlon foi testemunha importante da morte de Joaquim Rubilota de Sousa Rodrigues, ocorrida em 2016, na capital. Segundo o MP-AP, a vítima havia saído do carro do sargento José Wilson depois de uma discussão e levou tiros nas costas. Em dezembro do ano passado, Micherlon testemunhou, afirmando que os tiros saíram do carro do sargento. Mulher de sargento pediu para amiga investigar horários de Micherlon no trabalho Reprodução Cronologia do crime A esposa de José Wilson presa na operação teria tido papel fundamental na organização para a morte. Ela teria pedido a uma amiga para sondar os horários de entrada e saída de Micherlon na empresa, descobrindo que ele deixava o local geralmente por volta de 23h. No dia do crime, o carro preto onde estariam Lucas Vilhena e outra pessoa ainda não identificada, estacionou em frente ao atacadão e lá permaneceu até a saída da vítima. Minutos antes, José Wilson passou no local na viatura da PM na qual estava de serviço no momento do assassinato. Micherlon saiu do emprego e foi perseguido pela Rua Hildemar Maia até ser baleado e morto no local. A mesma viatura onde o sargento estava foi ao local onde ocorreu a execução. Reincidência Além das mortes de Micherlon e Joaquim Rubilota, os dois policiais militares são investigados por outros crimes. No caso do soldado Lucas Vilhena, ele é acusado de outro homicídio ocorrido em agosto de 2017, onde baleou e assassinou um adolescente de 17 anos numa área de ponte na Zona Sul da capital. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Confira a programação dos cinemas do AP de 18 a 24 de outubro

    Confira a programação dos cinemas do AP de 18 a 24 de outubro


    'O Primeiro Homem', 'A Casa do Medo - Incidente em Ghostland' e 'Legalize Já - Amizade Nunca Morre' estreiam esta semana. Veja sessões e preços. Ryan Gosling vive Neil Armstrong no filme 'O Primeiro Homem' Divulgação/Universal Pictures Assistir...


    'O Primeiro Homem', 'A Casa do Medo - Incidente em Ghostland' e 'Legalize Já - Amizade Nunca Morre' estreiam esta semana. Veja sessões e preços. Ryan Gosling vive Neil Armstrong no filme 'O Primeiro Homem' Divulgação/Universal Pictures Assistir a filmes pode ser uma boa opção de lazer para reunir a família e os amigos. Pensando nisso, o G1 fez uma agenda com as programações dos três cinemas de Macapá para esta semana. Confira quais são os filmes, os horários das sessões e os preços dos ingressos: Cine Teatro Imperator - Villa Nova Shopping Programação não foi atualizada Ingressos: De segunda-feira a quarta-feira: R$ 10 (meia para todos; exceto feriados) e R$ 15 (premium) De quinta-feira a domingo: R$ 20 (inteira); R$ 10 (meia) e R$ 20 (premium (A meia-entrada é válida para crianças de até 12 anos e idosos a partir dos 60 anos. Também é válida para estudantes, professores estaduais, municipais e federais, policiais Militar, Civil e Federal, agente penitenciário, guarda municipal, bombeiro militar e empresas conveniadas, que devem apresentar a devida identificação). Cena do filme 'A Casa do Medo - Incidente em Ghostland' Divulgação Moviecom Cinemas, no Macapá Shopping A Casa do Medo: Incidente em Ghostland (estreia) Sessões: 15h40, 17h40, 19h40, 21h40 (2D dublado) Gênero: Terror Classificação: 16 anos O Primeiro Homem (estreia) Sessões: 15h40, 18h30, 21h20 (2D dublado) Gênero: Biografia, Drama Classificação: 12 anos Goosebumps 2: Halloween Assombrado Sessões: 17h, 21h10 (2D dublado) Gênero: Aventura, Comédia , Família, Terror Classificação: livre PéPequeno Sessões: 14h50, 19h (2D dublado) Gênero: Animação, Aventura Classificação: livre Tudo por um Popstar Sessões: 15h15, 17h15, 19h15, 21h15 (2D nacional) Gênero: Comédia, Romance Classificação: livre Venom Sessões: 21h30 (3D dublado); 14h30, 16h50, 19h10 (2D dublado) Gênero: Ação, Ficção científica Classificação: 14 anos Ingressos: Para sessões em 2D Segundas, terças e quartas: R$ 14 (inteira) e R$ 7 (meia) Quinta a domingo e feriados: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia) Moviecom+ 2D Segundas e terças: R$ 14 Quartas-feiras: R$ 7 Quinta a domingo e feriados: R$ 16 (Limitado a 1 ingresso por sessão por cartão) Para sessões em 3D Segunda a quarta: R$ 15 (inteira) e R$ 7,50 (meia) Quinta a domingo e feriado (matinê*): R$ 24 (inteira) e R$ 12 (meia) Quinta a domingo e feriado (noite): R$ 26 (inteira) e R$ 13 (meia) (*matinê são sessões iniciadas até às 17h59) Moviecom+ 3D Segundas e terças: R$ 20 Quartas-feiras: R$ 10 Quinta a domingo e feriados: R$ 24 (Limitado a 1 ingresso por sessão por cartão) Renato Góes e Ícaro Silva em cena do filme 'Legalize Já - Amizade Nunca Morre' Divulgação Cinépolis, no Amapá Garden Shopping A Casa do Medo: Incidente em Ghostland (estreia) Sessões: 17h20, 19h30 (2D dublado); 21h30 (2D legendado) Gênero: Terror Classificação: 16 anos Legalize Já - Amizade Nunca Morre (estreia) Sessões: 15h45, 17h50, 20h15, 22h20 (2D nacional) Gênero: Drama Classificação: 16 anos O Primeiro Homem (estreia) Sessões: 15h, 18h, 21h (2D legendado - Sala VIP) Gênero: Biografia, Drama Classificação: 12 anos Cinderela e o Príncipe Secreto Sessões: 15h15 (2D dublado) Gênero: Animação Classificação: livre Goosebumps 2: Halloween Assombrado Sessões: 19h, 21h15 (2D dublado) Gênero: Aventura, Comédia , Família, Terror Classificação: livre Nasce uma Estrela Sessões: 14h, 17h, 20h, 22h45 (2D legendado - Sala VIP) Gênero: Drama, Musical, Romance Classificação: 16 anos PéPequeno Sessões: 14h30, 16h50 (3D dublado) Gênero: Animação, Aventura Classificação: livre Tudo por um Pop Star Sessões: 16h, 18h15, 20h20 (2D nacional) Gênero: Comédia Classificação: 12 anos Venom Sessões: 14h15, 14h45, 16h45, 17h15, 19h15, 19h45, 22h15 (3D dublado); 21h45 (3D legendado) Gênero: Ação, Ficção-científica, Thriller Classificação: 14 anos Ingressos: Para sessões em 2D Segundas, terças e quartas-feiras, exceto feriados: R$ 15 (inteira) e R$ 7,50 (meia) Quinta a domingo e feriados: R$ 20 (inteira - matinê**), R$ 10 (meia - matinê); R$ 22 (inteira - noite), R$ 11 (meia-noite) (**matinê são sessões iniciadas até as 16h55, e noite, a partir de 17h) Para sessões em 3D: Segundas, terças e quartas-feiras, exceto feriados: R$ 16 (inteira) e R$ 8 (meia) Quinta à domingo e feriados: R$ 27 (inteira) e R$ 13,50 (meia) Para sessões em Sala VIP 2D: Segundas, terças e quartas-feiras, exceto feriados: R$ 26 (inteira) e R$ 13 (meia) Quinta a domingo e feriados: R$ 33 (inteira - matinê), R$ 16,50 (meia - matinê); R$ 36 (inteira - noite), R$ 18 (meia-noite) Para sessões em Sala VIP 3D: Segundas, terças e quartas-feiras, exceto feriados: R$ 28 (inteira) e R$ 14 (meia) Quinta a domingo e feriados: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) Bradley Cooper e Lady Gaga em cena de 'Nasce uma estrela' Divulgação Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Sem água, moradores de área periférica pagam até R$ 40 por abastecimento

    Sem água, moradores de área periférica pagam até R$ 40 por abastecimento


    Situação acontece há dois meses na Rua das Estrelas, no bairro Jardim Marco Zero, Zona Sul. Sem água, moradores não conseguem lavar louça em área periférica de Macapá Marcilene Costa/Arquivo Pessoal Moradores de uma área periférica de...


    Situação acontece há dois meses na Rua das Estrelas, no bairro Jardim Marco Zero, Zona Sul. Sem água, moradores não conseguem lavar louça em área periférica de Macapá Marcilene Costa/Arquivo Pessoal Moradores de uma área periférica de Macapá estão há dois meses sem receber água nas residências. A situação acontece na Rua das Estrelas, no bairro Jardim Marco Zero, Zona sul da capital. Cerca de 40 famílias contam que estão sofrendo com o transtorno. A Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) informou que não encontrou cadastro das residências no sistema de abastecimento da empresa, mas até sexta-feira (19) uma equipe de manutenção deve estar indo ao local verificar o problema. Na casa da empregada doméstica Marcilene Costa, de 34 anos, moram nove pessoas. Segundo ela, a família chega a pagar R$ 40 por mês para vizinhos de outra área de periferia repassarem água para a residência. "A gente tem até que pagar para pegar água de outra ponte. Tem pessoas que cobram R$ 25, mas tem outras que chegam a cobrar R$ 40. Por mês acabamos gastando R$ 100 com água", disse a moradora. Caixa d'água totalmente vazia por conta da falta de água em área periférica, em Macapá Marcilene Costa/Arquivo Pessoal O morador Waldeli Martins, de 35 anos, que divide a casa com a mulher, filhos e sogra, e conta que é díficil realizar atividades básicas do dia a dia. "A gente sofre para fazer comida, tomar banho, lavar roupa. Tudo que faz parte da higiene pessoal é uma dificuldade porque tem que correr atrás para conseguir água", contou o morador. Para conseguirem água, eles também pedem em outra área de ressaca próxima ao local, mas as pessoas se recusam em fazer doação por medo que falte nas próprias residências também. "Na outra ponte, onde a tubulução da Caesa vem da área do Congós, eles conseguem ter água na torneira, mas o pessoal coloca dificuldade para passar pra gente porque eles têm medo que falte", explicou Martins. Os moradores reclamam que já informaram representantes da Caesa sobre o problema na região, mas, segundo eles, nada foi feito para solucionar a falta de água. Pilha de roupa suja na casa de Marcilene Costa, em Macapá Marcilene Costa/Arquivo Pessoal Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Dupla armada rende funcionários e leva R$ 5 mil de supermercado no AP; VÍDEO

    Dupla armada rende funcionários e leva R$ 5 mil de supermercado no AP; VÍDEO


    Crime aconteceu na noite de quarta-feira (17). Assaltantes não foram presos. Supermercado que fica no centro comercial foi alvo de assaltantes, no AP Câmeras de segurança de um supermercado registraram o momento em que dois criminosos assaltaram o...


    Crime aconteceu na noite de quarta-feira (17). Assaltantes não foram presos. Supermercado que fica no centro comercial foi alvo de assaltantes, no AP Câmeras de segurança de um supermercado registraram o momento em que dois criminosos assaltaram o estabelecimento, localizado no bairro Trem, Zona Central de Macapá. O crime aconteceu na noite de quarta-feira (17) e a dupla conseguiu levar R$ 5 mil da empresa. Nenhum dos assaltantes foi preso. O supermercado, que fica na Avenida Tiradentes, foi assaltado por volta das 21h, informou o Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciodes). O vídeo mostra o momento em que os assaltantes armados chegam de motocicleta ao local e anunciam o assalto. Veja o vídeo acima. Um deles chega sem o capacete e o coloca logo ao entrar. Enquanto o homem de capacete rosa rende funcionários, o outro comparsa vai direto para os caixas. Ele rende uma das funcionárias e pega parte do dinheiro. Depois ele segue para outro balcão e também recolhe dinheiro de uma gaveta. O mesmo homem vai para outro caixa e pega mais dinheiro. Assaltantes roubaram R$ 5 mil de supermercado, em Macapá Rede Amazônica/Reprodução De acordo com o tenente Josiagabe Oliveira, do 6º Batalhão da Polícia Militar (PM), que atende a área, alguns fatos dão índicios de que os assaltantes teriam estudado o local antes de realizarem o crime. "Eles estacionaram a motocicleta em uma área que a câmera de segurança não mostra. Então, nós não descartamos a possibilidade de que eles estudaram o terreno, estudaram o posicionamento das câmeras para cometer esse crime", disse. A PM informou os bandidos fugiram em direção à Zona Leste da capital. Até a última atualização desta matéria nenhum suspeito havia sido encontrado. Esse é o terceiro assalto registrado nesta rede de supermecados em menos de dois meses, segundo a polícia. Supermecado fica no bairro Trem, zona Central de Macapá Rede Amazônica/Reprodução Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Grupo faz sete reféns durante assalto a farmácia no Centro de Macapá

    Grupo faz sete reféns durante assalto a farmácia no Centro de Macapá


    Crime aconteceu na manhã desta quinta-feira (18). Três pessoas foram presas. Grupo faz sete reféns durante assalto a farmácia no Centro de Macapá Dois homens e uma mulher fizeram sete pessoas reféns na manhã desta quinta-feira (18), no Centro...


    Crime aconteceu na manhã desta quinta-feira (18). Três pessoas foram presas. Grupo faz sete reféns durante assalto a farmácia no Centro de Macapá Dois homens e uma mulher fizeram sete pessoas reféns na manhã desta quinta-feira (18), no Centro comercial de Macapá, sob mira de armas. O trio invadiu uma farmácia localizada em frente à Praça Veiga Cabral e, com a chegada da polícia no local, funcionários foram mantidos em cárcere. Por volta das 10h, as vítimas foram liberadas, o grupo se entregou e foi preso. Ninguém ficou ferido. Com eles, a polícia apreendeu um simulacro e uma pistola ponto 40, possivelmente usada pela polícia do Pará. Três pessoas, sendo uma mulher, foram presas após o cárcere Carlos Alberto Jr/G1 De acordo com o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), o grupo entrou no empreendimento como clientes, próximo das 9h40. A mulher suspeita foi direto ao balcão e, logo depois, foi anunciado o assalto. A ideia dos criminosos, segundo a polícia, era levar telefones celulares que são vendidos no estabelecimento. O Bope detalhou ainda que um guarda civil que passava pelo local suspeitou da ação e entrou na farmácia, perguntando se estava tudo bem. Inicialmente ninguém confirmou nada, mas ele insistiu, um dos funcionários confirmou o crime, e ele conseguiu sair do local e avisou a polícia. Polícia apreendeu duas armas usadas no crime Carlos Alberto Jr/G1 Uma equipe do Batalhão da Força Tática fez o cerco, os criminosos não resistiram e se entregaram cerca de 30 minutos após o início do cárcere. A ação aconteceu na Av. Presidente Vargas, entre as ruas São José e Cândido Mendes. "No primeiro momento gerou-se uma crise, aconteceu um princípio de negociações, mas não foi preciso elas se entenderem porque eles notaram que não ia dar certo e resolveram liberar as pessoas que estavam lá e se entregaram", detalhou o tenente-coronel Paulo Matias, comandante do Bope. Tenente-coronel Paulo Matias, comandante do Bope no Amapá Carlos Alberto Jr/G1 A PM apurou que os três presos nesta manhã são paraenses e chegaram na capital no fim de semana. Um deles já tem passagem pela polícia por homicídio. Devido o local do crime ser no Centro comercial, com grande movimentação de pessoas, muitos curiosos acompanharam a ação policial. O trio, as armas e mais três mochilas com celulares, itens pessoais e produtos pegos da farmácia foram encaminhados para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) do Pacoval. Mulher presa colaborou com o crime Carlos Alberto Jr/G1 Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    VÍDEOS: Bom Dia Amazônia de quinta-feira, 18 de outubro

    VÍDEOS: Bom Dia Amazônia de quinta-feira, 18 de outubro


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do...


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá.
    Vendedor de peixe é baleado na perna ao reagir a assalto em Santana

    Vendedor de peixe é baleado na perna ao reagir a assalto em Santana


    Dupla armada levou um cordão e mais R$ 700 da vítima na noite de quarta-feira (17). Vítima foi levada por familiares para o Pronto Socorro da cidade, onde está internado sem risco de vida Jorge Abreu/G1 Um vendedor de peixe, de 38 anos, foi...


    Dupla armada levou um cordão e mais R$ 700 da vítima na noite de quarta-feira (17). Vítima foi levada por familiares para o Pronto Socorro da cidade, onde está internado sem risco de vida Jorge Abreu/G1 Um vendedor de peixe, de 38 anos, foi baleado em um assalto no ponto de vendas que ele é proprietário na noite de quarta-feira (17), em Santana, cidade a 17 quilômetros de Macapá. De acordo com o 4º Batalhão da Polícia Militar (BPM), o homem foi atingido em uma das pernas e levado por familiares para o Pronto Socorro da cidade. A ação foi praticada por dois criminosos armados, que abordaram a vítima por volta das 19h, na quitanda dele. A polícia apurou que um dos ladrões puxou o cordão do homem, que reagiu a ação e o outro fez o disparo. Além do cordão, a dupla levou a quantia de R$ 700 antes de fugir. Depois da ação a polícia foi acionada e começou a fazer buscas nas redondezas, mas até a última atualização desta reportagem, nenhum dos criminosos foi encontrado. A vítima segue internada na unidade médica da cidade, sem risco de vida. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Professora é assassinada com golpes de barra de ferro na cabeça, no interior do AP

    Professora é assassinada com golpes de barra de ferro na cabeça, no interior do AP


    Crime aconteceu na quarta-feira (17), no município de Cutias. Professora Ducivalda Santiago, de 44 anos, foi assassinada em Cutias Reprodução/Facebook Uma professora foi encontrada morta no início da noite de quarta-feira (17) no município de...


    Crime aconteceu na quarta-feira (17), no município de Cutias. Professora Ducivalda Santiago, de 44 anos, foi assassinada em Cutias Reprodução/Facebook Uma professora foi encontrada morta no início da noite de quarta-feira (17) no município de Cutias, a 135 quilômetros de Macapá. Dulcivalda Gomes Santiago, de 44 anos, foi atacada e assassinada com golpes feitos com uma barra de ferro na cabeça. Ninguém foi preso pela Polícia Militar (PM) até a última atualização desta matéria. Segundo o Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciodes), o crime foi registrado por volta das 18h, na própria casa de Dulcivalda. A professora estava no quarto quando foi surpreendida pelo criminoso, que desferiu uma série de golpes na cabeça da vítima, informou o Ciodes. A PM apurou com pessoas que conheciam a professora que ela tinha realizado um saque de R$ 1,6 mil, recentemente. A polícia informou que o valor não foi encontrado na casa. Também não se sabe se outros objetos foram levados do local do crime. A PM não soube informar a motivação do crime. Os policiais estão no município na busca de informações, mas nenhum suspeito foi apontado. A Polícia Técnico-Científica (Politec) fez a perícia e remoção do corpo e o caso foi repassado para a investigação da Polícia Civil. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Equipe do AP faz meme 'Solta a pisadinha’ pedindo doação de leite humano e viraliza na web; VÍDEO

    Equipe do AP faz meme 'Solta a pisadinha’ pedindo doação de leite humano e viraliza na web; VÍDEO


    Objetivo é chamar a atenção de doadoras para alimentar bebês de UTI e berçários. Vídeo viralizou na internet ao pedir doação de leite ao som do 'Solta pisadinha' Enfermeiras, nutricionistas e técnicas do Banco de Leite Humano (BLH) do...


    Objetivo é chamar a atenção de doadoras para alimentar bebês de UTI e berçários. Vídeo viralizou na internet ao pedir doação de leite ao som do 'Solta pisadinha' Enfermeiras, nutricionistas e técnicas do Banco de Leite Humano (BLH) do Amapá entraram no clima do “Desafio do Nordeste”, viral das redes sociais, para chamar a atenção sobre a importância da doar leite. Ao som do “Solta a pisadinha”, o vídeo com a equipe dançando virou sucesso na internet. Gravado e publicado na segunda-feira (15), o vídeo alcançou quase 9 mil visualizações em dois dias. Só no perfil do Facebook de umas das funcionárias do BLH foram mais de 220 compartilhamentos. A ideia de tudo isso partiu das irmãs Eva e Eli Silva, que são técnicas em enfermagem e nutrição, respectivamente. Apesar de elas terem se divertido bastante, a intenção foi trabalhar a conscientização da campanha de doação de leite humano e tentar aumentar o estoque. Enfermeiras, nutricionistas e técnicas participaram do 'Desafio do Nordeste' Reprodução/Facebook Eva conta que não esperava a repercussão. A técnica em enfermagem destaca que os primeiros compartilhamentos foram das próprias mães, internadas no Hospital da Mulher Mãe Luzia, maior maternidade do estado, onde fica também localizado o BLH, em anexo. “Eu achei muito bom o vídeo ter viralizado no sentido de conscientizar as mulheres que estão amamentando de doarem um pouquinho do excesso de leite que elas produzem. Tenho certeza que daqui em diante as mãezinhas vão fazer mais doações, que para os bebês são vidas”, disse. Além do pedido de leite, a campanha pede doações de frascos de vidro ou de plástico de cafés, maioneses, entre outros produtos, que servem para as mães retirarem o leite, que passa por um processo de pasteurização e é armazenado no banco. Para a coordenadora do BLH, Ana Carla Ferreira, qualquer forma de chamar a atenção de doadores em potencial é válida, sendo que é necessário arrecadar 1 litro de leite por dia para atender a demanda de UTI e berçário de todo o estado. Campanha pede leite humano e frascos para armazenar doações Jorge Abreu/G1 Atualmente, o Banco de Leite tem arrecadado cerca de 600 mililitros do produto, como resultado da campanha Agosto Dourado, que aborda a importância da amamentação. Ana Carla relata que muitas mães sofrem com problemas na produção de leite e, por isso, é feita a mobilização. “No dia 25 de outubro, o Banco de Leite completa 16 anos e, ao longo desse tempo, a nossa demanda tem aumentado bastante. Com a campanha Agosto Dourado, a procura só cresceu e nós conseguimos triplicar o número de doadores, mas a necessidade é constante”, contou. Banco de Leite Humano tem central dentro da área do Hospital da Mulher Mãe Luzia Jorge Abreu/G1 Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    G1 e JAP 2 realizam série de entrevistas com os candidatos do 2º turno ao governo do AP

    G1 e JAP 2 realizam série de entrevistas com os candidatos do 2º turno ao governo do AP


    Entrevistas são transmitidas ao vivo no portal e na TV, nesta quinta (18) e na sexta (19). Arte/G1 O G1 Amapá e o Jornal do Amapá - 2ª Edição (JAP2) realizam uma série de entrevistas com os candidatos do 2º turno ao Governo do Estado do...


    Entrevistas são transmitidas ao vivo no portal e na TV, nesta quinta (18) e na sexta (19). Arte/G1 O G1 Amapá e o Jornal do Amapá - 2ª Edição (JAP2) realizam uma série de entrevistas com os candidatos do 2º turno ao Governo do Estado do Amapá nesta quinta-feira (18) e sexta-feira (19). Nas entrevistas, cada candidato responderá perguntas elaboradas pela equipe de jornalismo da Rede Amazônica. Inicialmente, as sabatinas aconteceriam na segunda-feira (15) e na terça-feira (16), mas, devido indecisão sobre quem disputaria o 2º turno, a Rede Globo decidiu não realizá-las. Com a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na terça-feira, as entrevistas foram remarcadas. Saiba mais abaixo. Entrevistas na TV Na TV, os dois candidatos à vaga serão entrevistados durante 15 minutos, cada um, pela jornalista Elainne Juarez, apresentadora do JAP2, que é transmitido ao vivo também pelo G1. Um sorteio realizado na presença de representantes dos candidatos definiu a ordem das entrevistas, que acontecem durante o jornal, que inicia após a novela "Espelho da Vida", pela Rede Amazônica no Amapá. A ordem das entrevistas será: 18/09 (quinta-feira) – Capi (PSB) 19/09 (sexta-feira) – Waldez (PDT) Entrevistas no G1 As entrevistas do G1 com os dois candidatos seguem a mesma ordem da TV, conforme acordado entre a Rede Amazônica e os representantes dos candidatos. Cada entrevista terá duração de 10 minutos e é transmitida ao vivo pelo portal, logo após o JAP2 (TV). O jornalista John Pacheco, editor do G1, e Elainne Juarez farão as perguntas. Os vídeos das entrevistas são disponibilizados ao público no mesmo dia no catalogo de vídeos. Caso algum dos candidatos não compareça, um texto informando sobre a ausência será publicado e destacado na página principal do G1 e lido no JAP2. Sabatina adiada A decisão foi motivada pela indefinição quanto aos candidatos que seguem na disputa, e por isso também a emissora não está realizando a cobertura diária dos candidatos. O PT deixou de prestar contas no ano de 2015 e concorria na majoritária das Eleições 2018 à vice-governadoria na chapa com o PSB, legenda da qual Capi é candidato. O Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) e o TSE invalidaram todas as candidaturas do PT, o que implicou na chapa. O PSB entrou com recurso no TSE, pedindo a validação dos votos e a troca do candidato à vice-governadoria da chapa, por alguém do partido. Na época, o TSE concedeu liminar que permitia a contagem dos votos do Capi. Uma decisão de 11 de outubro do TSE impediu a veiculação da propaganda eleitoral na TV e no rádio, até que a corte superior julgasse recurso do PSB, porque o terceiro colocado, Davi (DEM), seria prejudicado com o início da propaganda, já que existia a possibilidade dele herdar a vaga de Capi. Na noite de terça-feira, o TSE decidiu validar os votos recebidos por Capi no primeiro turno da eleição e permitiu, ainda, o direito à substituição do candidato a vice-governador. A possibilidade de a chapa fazer propaganda eleitoral também foi aprovada por unanimidade. No último dia 7, primeiro turno da eleição, Waldez Góes (PDT) recebeu 133.214 votos, e Capiberibe, com 119.500. O terceiro colocado, Davi (DEM), somou 94.278 votos.
    Jovem morre durante troca de tiros com o Bope em área periférica de Macapá

    Jovem morre durante troca de tiros com o Bope em área periférica de Macapá


    Rapaz ainda não identificado teria tentado praticar um assalto nesta quarta-feira (17). Jovem morreu em confronto com o Bope na Zona Sul de Macapá Jorge Abreu/G1 Após ter tentado praticar um roubo, um jovem ainda não identificado morreu ao...


    Rapaz ainda não identificado teria tentado praticar um assalto nesta quarta-feira (17). Jovem morreu em confronto com o Bope na Zona Sul de Macapá Jorge Abreu/G1 Após ter tentado praticar um roubo, um jovem ainda não identificado morreu ao trocar tiros com uma equipe do Batalhão de Operações Especiais (Bope). O caso aconteceu na noite desta quarta-feira (17), em uma área periférica do bairro Buritizal, Zona Sul de Macapá. Segundo o capitão Hércules Lucena, o rapaz em posse de um revólver calibre 38 tentou assaltar um mototaxista, nas proximidades da Rua Claudomiro de Moraes, principal via da região. A situação foi presenciada por um policial à paisana, que impediu o assalto. Ainda de acordo com a Polícia Militar (PM), o jovem correu e adentrou uma área de pontes, de difícil acesso, para se esconder. Ele teria invadido a casa de um idoso, na tentativa de fazer o morador de refém, mas foi interceptado pela equipe do Bope que fazia rondas no bairro. “Houve uma tentativa de roubo a um mototaxista. Um indivíduo com arma de fogo não teve êxito no assalto porque teve a intervenção de um policial à paisana. Uma equipe do Bope que passava pela região deu continuidade ao acompanhamento dele”, disse Lucena. Na residência do idoso, o jovem atirou contra a equipe policial que revidou e acertou ele, conforme relato do capitão do Bope. A arma de fogo usada na tentativa de roubo foi apreendida e levada para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) do bairro Pacoval. A Polícia Técnico-Científica (Politec) foi até o local para realizar a perícia e a remoção do corpo, que foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), onde deve passar por necrópsia. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Confira as vagas de emprego do Sine em Macapá para o dia 18 de outubro

    Confira as vagas de emprego do Sine em Macapá para o dia 18 de outubro


    Há oportunidades para eletricista, nutricionista, recepcionista, tapeceiro, vidraceiro e confeiteiro. Sine oferta uma vaga para eletricista em Macapá Reprodução/EPTV O Sistema Nacional de Empregos no Amapá (Sine/AP) oferece vagas de empregos para...


    Há oportunidades para eletricista, nutricionista, recepcionista, tapeceiro, vidraceiro e confeiteiro. Sine oferta uma vaga para eletricista em Macapá Reprodução/EPTV O Sistema Nacional de Empregos no Amapá (Sine/AP) oferece vagas de empregos para Macapá. O número de vagas está disponível de acordo com as empresas cadastradas no Sine e são para todos os níveis de escolaridade e experiência. Os interessados podem procurar o Sine/AP, localizado n Rua General Rondon, nº 2350, na praça Floriano Peixoto. Em toda a rede Super Fácil tem guichês do Sine e neles é possível obter informações sobre vagas em Macapá e Santana. Outras informações e oferta de vagas são pelo número (96) 4009-9702. Para se cadastrar e atualizar os dados, o trabalhador deverá apresentar Carteira de Trabalho, RG, CPF e comprovante de residência (atualizado). Veja as vagas disponíveis de acordo com as solicitações das empresas: Auxiliar de limpeza (caseiro) - 5 vagas Eletricista - 1 vaga Empregada doméstica - 1 vaga Confeiteiro - 1 vaga Cuidador de idoso - 2 vagas Instalador reparador sênior - 1 vaga Fonoaudiólogo - 1 vaga Massoterapeuta - 1 vaga Montador de formas - 30 vagas Nutricionista - 1 vaga Recepcionista - 1 vaga Tapeceiro - 1 vaga Terapeuta ocupacional - 1 vaga Operador de manipulador - 2 vagas Serralheiro - 1 vaga Vidraceiro - 1 vaga Vendedor pracista - 3 vagas
    Meteorologia prevê chuvas intensas para quinta-feira, clima incomum em outubro no AP

    Meteorologia prevê chuvas intensas para quinta-feira, clima incomum em outubro no AP


    Especialista aponta que estado sofre influência de furacão no Atlântico e de fenômenos El Niño e La Niña. Clima deve ser de chuva na quinta-feira (18) em 9 municípios do Amapá, segundo meteorologia Fabiana Figueiredo/G1 Chuvas intensas devem...


    Especialista aponta que estado sofre influência de furacão no Atlântico e de fenômenos El Niño e La Niña. Clima deve ser de chuva na quinta-feira (18) em 9 municípios do Amapá, segundo meteorologia Fabiana Figueiredo/G1 Chuvas intensas devem atingir 9 municípios amapaenses na quinta-feira (18), segundo previsão do Núcleo de Hidrometeorologia e Energias Renováveis (NHMet), órgão ligado ao Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Amapá (Iepa). Esse tipo de previsão é incomum no mês de outubro, quando o estado passa por estiagem. O boletim do núcleo, divulgado nesta quarta-feira (17), prevê que o dia amanhece com céu parcialmente nublado a claro em todo o estado, e no decorrer do dia, deverá permanecer com variação de nuvens. Há previsão de chuvas mais intensas para os municípios de Itaubal, Porto Grande, Ferreira Gomes, Tartarugalzinho, Pracuúba, Serra do Navio, Pedra Branca do Amapari e Cutias, podendo se estender para a Região Metropolitana de Macapá. Os acumulados previstos variam entre 15 e 30 mm. Segundo o meteorologista Jefferson Vilhena, no NHMet, essa quantidade de chuva não era esperada para o período. As chuvas de quinta-feira deverão ser as mais fortes do mês. Animação mostra, no lado superior direito (em azul), pulsos provocados por furacões e outros fenômenos Reprodução/Inpe A previsão detalha ainda pancadas rápidas pelos interiores do estado, que podem vir acompanhadas de ventos fortes, trovoadas e ocorrer principalmente nas comunidades próximas à faixa litorânea. Em Macapá, Santana, Mazagão e áreas litorâneas, os ventos podem chegar aos 20 quilômetros por hora com rajadas de 32 quilômetros por hora. As temperaturas deverão oscilar entre mínimas de 25°C e máximas 34°C. Esse clima anormal é apontado pelo meteorologista como influência de fenômenos climáticos como o furacão que atinge o Atlântico e também do El Niño e da La Niña. “Essas chuvas não são tão normais. Elas estão sendo provocadas por outros efeitos globais, como o El Niño e o La Niña e também pelos furacões que estão passando muito próximos ao nosso litoral. Quando esses furacões e essas tempestades tropicais estão numa faixa muito baixa, próxima do nosso continente, a gente diz que essas nuvens são pulsos desses sistemas. Como está muito perto, hora ou outra esses sistemas podem estar jogando uma nuvem de chuva no estado”, falou Vilhena. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Dia Nacional da Vacinação no Amapá tem alerta sobre baixa imunização contra HPV

    Dia Nacional da Vacinação no Amapá tem alerta sobre baixa imunização contra HPV


    Vacina está disponível em todas UBS's da capital. Crianças e adolescentes de 9 a 14 anos devem se imunizar. Vacinação adequada previne contra doenças e vírus Reprodução O Dia Nacional da Vacinação foi celebrado nesta quarta-feira (17) e,...


    Vacina está disponível em todas UBS's da capital. Crianças e adolescentes de 9 a 14 anos devem se imunizar. Vacinação adequada previne contra doenças e vírus Reprodução O Dia Nacional da Vacinação foi celebrado nesta quarta-feira (17) e, no Amapá, a data foi usada para alertar a população da importância em imunizar crianças e adolescentes contra o vírus HPV. A adesão da vacina é uma das mais baixas no estado, segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). Andréa Marvão, coordenadora estadual de imunização, reforça que o estado vem trabalhando em conjunto com o município para aumentar a cobertura vacinal de HPV. A distribuição das doses é feita pela Central de Abastecimento e Distribuição de Imunobiológicos do Amapá (Cadi). "A vacina de HPV ainda tem baixa adesão. Nós só conseguimos alcançar nosso público alvo [meninas entre 9 e 14 anos e meninos de 11 a 14 anos] quando os municipios, através de suas coordenações municipais, deslocam a equipe de vacinadores para as escolas", e Andréa Marvão, coordenadora estadual de imunização Victor Vidigal/G1 A imunização de HPV e de outras 18 vacinas disponibilizadas pelo Ministério da Saúde, é ofertada diarimente pela Unidades Básicas de Saúde. Além da oferta, Andréa diz que é necessário a família leve e incentive as crianças para a vacinação. "É extremamente importante que nós possamos estar incentivando cada vez mais pessoas a se vacinarem e vacinarem as suas crianças. Lembrando que no primeiro ano de vida a criança precisa frequentar nove vezes as salas de vacinas", lembrou. Dados da Unicef em conjunto com a Organização Mundial da Saúde (OMS), afirmam que a cobertura vacinal no Brasil vem diminuindo. A imunização de poliomielite (doença erradicada no país) alcançou 78,5% em 2017, não alcançando os 95% adequados pelo Ministério da Saúde. "A gente aproveita esse dia para fazer a reflexão sobre como estão as coberturas vacinais no Brasil e sobretudo no Amapá para que possamos cada vez mais utilizar estratégias para que as vacinas cheguem até a população", finalizou Andréa. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Festival Amapá Jazz chega à 10ª edição com seis atrações locais e nacionais

    Festival Amapá Jazz chega à 10ª edição com seis atrações locais e nacionais


    Shows gratuitos acontecem na sexta-feira (19) e no sábado (20), na orla de Macapá. Grupo Amazon Music se aprsentará em festival, em Macapá Amapá Jazz/Divulgação Sexta-feira (19) e sábado (20) a orla do Araxá, na Zona Sul de Macapá, ganhará...


    Shows gratuitos acontecem na sexta-feira (19) e no sábado (20), na orla de Macapá. Grupo Amazon Music se aprsentará em festival, em Macapá Amapá Jazz/Divulgação Sexta-feira (19) e sábado (20) a orla do Araxá, na Zona Sul de Macapá, ganhará um som diferente das ondas do Rio Amazonas. O jazz é a atração principal de um festival que acontece pela 10ª vez, e reúne artistas locais e nacionais em apresentações com todo requinte que a música merece. Além de seis atrações musicais, a programação também tem workshop gratuito de improvisação, na sexta-feira à tarde. Segundo Fineias Nelluty, diretor geral do 10º Festival Amapá Jazz, o maior objetivo do evento é incentivar a classe musical amapaense. "O nosso maior intuito é, além de fomentar a cena da música instrumental em Macapá, incentivar a classe, os novos talentos, para que eles possam ir em busca do conhecimento e melhorar o desempenho musical. Esse é o nosso papel", disse. Seis shows acontecem em dois dias de programação Amapá Jazz/Divulgação Estão programados seis shows para os dois dias de evento, todos com entrada gratuita. Três atrações são de fora do estado. O carioca Ney Conceição se apresenta regendo uma "big band" formada por músicos amapaenses. Mestre Solano da guitarrada, de Belém, vai lançar o 35º disco da carreira. E o artista Elias Coutinho, também de Belém, divide o palco com o grupo Amazon Music. Em toda edição, um artista amapaense que tenha dedicado a vida pela música é homenageado. Este ano, o festival escolheu Mestre Espíndola, renomado saxofonista e uma das maiores referências da música instrumental da Amazônia, com mais de 50 anos de carreira. Programação Evento: 10° Amapá Jazz Festival Local: Restaurante Norte das Águas, no complexo do Araxá Entrada gratuita Dia: 19 de outubro (sexta) 19h - Carvô Jazz (AP) 20h - Elias Coutinho (PA), com participação do grupo Amazon Music 21h - Alan Gomes (AP) Dia: 20 de outubro (sábado) 19h - Ariel Moura (AP) 20h - Entrega de homenagem ao Mestre Espíndola 20h15 - Ney Conceição (RJ) e Big Band 21h15 - Mestre Solano da Guitarrada (PA) Workshop de improvisação com Elias Coutinho Dia: 19 de outubro Hora: 15h Local: Centro de Educação Profissional de Música Walkíria Lima Endereço: Rua Eliezer Levy, esquina com Av. Iracema Carvão Nunes, no Centro Entrada gratuita Atrações se apresentam na orla do Araxá, em Macapá, às margens do Rio Amazonas Amapá Jazz/Divulgação Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    VÍDEOS: JAP1 de quarta-feira, 17 de outubro

    VÍDEOS: JAP1 de quarta-feira, 17 de outubro


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do...


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá.
    Homens armados em vídeo são policiais, diz delegado sobre tiroteio após tentativa de assalto

    Homens armados em vídeo são policiais, diz delegado sobre tiroteio após tentativa de assalto


    Imagens chamaram atenção pela presença de várias pessoas armadas perseguindo suspeito de roubar empresária em frente a banco na segunda-feira (15), em Macapá. Vídeos mostram homens armados reagindo a tentativa de assalto perto de banco no AP Os...


    Imagens chamaram atenção pela presença de várias pessoas armadas perseguindo suspeito de roubar empresária em frente a banco na segunda-feira (15), em Macapá. Vídeos mostram homens armados reagindo a tentativa de assalto perto de banco no AP Os quatro homens armados que aparecem num vídeo cercando um criminoso que foi morto após tentativa de roubo na segunda-feira (15), foram identificados como policiais. De acordo com o delegado Ronaldo Coelho, responsável pelo caso, eles já manifestaram interesse em prestar esclarecimentos e se apresentarão na Delegacia de Homicídios nos próximos dias. O vídeo mostra os homens à paisana, sem qualquer identificação de serem policiais. O assaltante foi baleado e morreu na garagem de uma casa. O vídeo não mostra a imagem dele, apenas das pessoas com armas, que cercaram o local. Ninguém foi preso. Além dos homens armados do vídeo, a polícia identificou o assaltante. Ele se chamava Antônio Henriques Melo, de 22 anos. A investigação trabalha com a hipótese que o suspeito costumeiramente praticava essa modalidade de assaltos, conhecida por "saidinhas de banco". Delegado Ronaldo Coelho, titular da Delegacia de Homicídios Carlos Alberto Jr/G1 "Depois que foi amplamente noticiado o caso, uma possível vítima do assaltante morto procurou a polícia, ela teria sido roubada na mesma região onde aconteceu o crime. Por isso trabalhamos com a hipótese que ele, assim como o suspeito foragido, sejam especialistas em 'saidinhas de banco' naquela área, onde existem duas agências bancárias e escolhia mulheres como vítimas", detalhou o delegado. Agora o delegado aguarda a apresentação dos policiais para prestarem esclarecimentos sobre a ação que resultou a morte do assaltante, assim como os depoimentos da vítima do assalto e de um popular que participou da confusão. Ambos foram baleados e estão internados. Ainda não foi confirmada se as armas utilizadas pelos policiais são da corporação nem o paradeiro do segundo suspeito do assalto. Assalto ocorreu em frente a uma agência bancária localizada no bairro Buritizal, Zona Sul de Macapá Jorge Abreu/G1 Caso Na tarde de segunda-feira, um jovem tentou assaltar uma empresária que acabara de sair de um banco, localizada no bairro Buritizal, Zona Sul de Macapá. Durante a ação a vítima reagiu ao e foi atingida por um tiro na perna direita. A dupla fugiu em seguida e foi perseguida por populares. Durante a fuga, um dos suspeitos conseguiu se evadir e o segundo foi cercado por homens armados e depois morto. Um homem que passava de bicicleta no local também foi baleado. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Grupo mineiro realiza workshop de dança de salão em Macapá

    Grupo mineiro realiza workshop de dança de salão em Macapá


    Evento acontece nos dias 27 e 28 de outubro, no Sebrae, em Macapá. Workshop de dança de salão será oferecido em Macapá Luciano Calafiori/G1 Campinas Nos dias 27 e 28 de outubro Macapá recebe o workshop "BH Zouk - Conexão Norte". O evento...


    Evento acontece nos dias 27 e 28 de outubro, no Sebrae, em Macapá. Workshop de dança de salão será oferecido em Macapá Luciano Calafiori/G1 Campinas Nos dias 27 e 28 de outubro Macapá recebe o workshop "BH Zouk - Conexão Norte". O evento pretende capacitar dançarinos, amadores e profissionais, na arta da dança de salão. A programação acontece no Sebrae, no bairro Laguinho, Zona Central da capital. As aulas irão abordar temas como a dinâmica, movimentos, musicalidade, contatos e improviso no zouk. Os professores serão os criadores do projeto em Minas Gerais. As aulas estão divididas em três níveis: único, avançado e aprofundamento. O nível único é uma capacitação voltada para iniciantes e pessoas que dançam em bailes. Os níveis avançado e de aprofundamento são voltados para professores e dançarinos de companhias de dança. No domingo (28), os alunos participam de um baile fluvial sobre as águas do rio Amazonas e Matapí. O trajeto da embarcação irá passar pela orla de Santana, Macapá, Fazendinha e rio Matapí. O BH Zouk já existe há 15 anos na cidade de Belo Horizonte e desde 2017 vem se expandido a outros estados do brasil. Essa é a primeira vez que o projeto vem a uma cidade da Região Norte. 1ª Semana de Popularização da Dança de Salão em Macapá Entre os dias 22 e 26 de outubro também acontece a 1ª Semana de Popularização da Dança de Salão em Macapá. Durante a programação, aulas de brega, samba, forró, arrocha, bachata, zouk e bolero irão ser ofertadas gratuitamente em locais públicos de Macapá. Serviço BH Zouk - Conexão Norte Local: Sebrae Amapá (Avenida Ernerstino Borges, 740, Laguinho, Macapá) Período: 27 e 28 de outubro Hora: 14h às 18h (27 de outubro) / 14h às 17h (28 de outubro) Inscrições: pelo telefone (96) 99114-1843 Nível único R$ 50 - individual R$ 80 - casal Nível Avançado R$ 60 - individual R$ 90 - casal Nível Aprofundado R$ 70 - individual R$ 100 - casal 1ª Semana de Popularização da Dança de Salão em Macapá Programação 22 de outubro (segunda-feira) Local: Amapá Garden Shopping Hora: 19h30 às 21h30 23 de outubro (terça-feira) Local: Sebrae Amapá Hora: 19h30 às 21h 24 de outubro (quarta-feira) Local: Praça Floriano Peixoto Hora: 19h30 às 21h 25 de outubro (quinta-feira) Local: Amapá Garden Shopping Hora: 19h30 às 21h30 26 de outubro (sexta-feira) Local: Refúgio Bier na Orla do Araxá Hora: 20h às 00h Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Bebê morre após carro sair de pista e capotar na BR-156, no Amapá

    Bebê morre após carro sair de pista e capotar na BR-156, no Amapá


    Além da criança, outras cinco pessoas ocupavam o veículo, mas todas sofreram ferimentos leves. Acidente aconteceu na segunda-feira (15), na BR-156 Redes sociais Um bebê, de aproximadamente um ano, morreu após um acidente de trânsito na BR-156,...


    Além da criança, outras cinco pessoas ocupavam o veículo, mas todas sofreram ferimentos leves. Acidente aconteceu na segunda-feira (15), na BR-156 Redes sociais Um bebê, de aproximadamente um ano, morreu após um acidente de trânsito na BR-156, próximo ao distrito de Aporema, em Tartarugalzinho, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Amapá. O motorista que dirigia o carro perdeu o controle do veículo, que saiu da pista e capotou. O acidente aconteceu na segunda-feira (15), por volta das 12h30, mas a PRF repassou as informações somente nesta quarta-feira (17). Além do motorista, outras cinco pessoas estavam no carro. Ainda de acordo com a PRF, a criança foi a única vítima fatal do acidente, as demais tiveram apenas ferimentos leves. A perícia foi chamada e as causas do acidente ainda serão investigadas. Não foi informado se a criança estava na cadeirinha no momento do acidente e se os pais dela estavam entre os ocupantes do veículo. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e os bombeiros foram chamados para socorrer as vítimas, que foram levadas para uma unidade médica próxima, a qual não foi informada. A Polícia Técnico-Científica (Politec) fez a remoção do corpo da criança. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Operação da Polícia Civil do AP visa evitar crimes violentos e acelerar investigações

    Operação da Polícia Civil do AP visa evitar crimes violentos e acelerar investigações


    'Novatio' iniciou nesta quarta-feira (17) e não tem data para terminar. Polícia Civil deflagra a partir de hoje uma operação de combate à criminalidade, no AP Agentes e delegados da Polícia Civil iniciaram nesta quarta-feira (17), em Macapá e...


    'Novatio' iniciou nesta quarta-feira (17) e não tem data para terminar. Polícia Civil deflagra a partir de hoje uma operação de combate à criminalidade, no AP Agentes e delegados da Polícia Civil iniciaram nesta quarta-feira (17), em Macapá e no interior, as ações da operação Novatio, que pretende coibir crimes violentos e intensificar as investigações de casos em andamento. Serão 40 agentes espalhados em nove viaturas por toda a cidade. Entre os principais delitos a serem combatidos estão homicídios, latrocínios, roubos e tráfico de drogas. Foram expedidos mandados de prisão e busca e apreensão e a operação não tem data para terminou, informou Uberlândio Gomes, delegado geral de Polícia Civil. "Ela [operação] terá duas frentes: enquanto uma equipe fará a fiscalização nas ruas, checagem de documento para saber se não existem foragidos, com mandado de prisão em aberto, existe uma investigação paralela, que finalizará a operação", detalhou Gomes. O nome da operação Novatio faz referência aos novos policiais civis e delegados do estado, que ingressaram na corporação através do último concurso público para a área. Com o novo efetivo, a Delegacia Geral acredita que haverá uma elevação na conclusão de inquéritos. Os agentes vão aumentar as atividades em locais rotineiramente apontados como áreas de prática de crimes. Polícia Civil do Amapá está cumprindo mandados DGPC/Divulgação Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    VÍDEOS: Bom Dia Amazônia de quarta-feira, 17 de outubro

    VÍDEOS: Bom Dia Amazônia de quarta-feira, 17 de outubro


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do...


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá.
    Moradores reclamam de baderna e barulho em rua de acesso à orla de Macapá; VÍDEO

    Moradores reclamam de baderna e barulho em rua de acesso à orla de Macapá; VÍDEO


    Vizinhança da Rua General Rondon com a Avenida Acelino de Leão, no bairro Trem, dizem que além do barulho, o fedor de urina e fezes é insuportável. Moradores de área central de Macapá reclamam de baderna e barulho que atormentam as...


    Vizinhança da Rua General Rondon com a Avenida Acelino de Leão, no bairro Trem, dizem que além do barulho, o fedor de urina e fezes é insuportável. Moradores de área central de Macapá reclamam de baderna e barulho que atormentam as noites Moradores do bairro Trem, mais precisamente da Rua General Rondon, esquina com a Avenida Acelino de Leão, que dá acesso à orla de Macapá, dizem não aguentar mais a baderna realizada frequentemente por dezenas de pessoas que se aglomeram nas imediações da área. O barulho de som, gritos e outros excessos acontecem nas noites de quinta-feira a domingo. Um vídeo gravado por uma moradora mostra os exageros cometidos. Nas imagens aparecem carros buzinando alto, ocupando vias e as calçadas, atrapalhando o trânsito e bloqueando entrada de garagens das casas. Veja o vídeo acima. Segundo relatos, a polícia é acionada e faz ronda no local, mas basta as viaturas saírem para que o movimento recomece. Os moradores dizem que a situação vem ocorrendo há cerca de um ano e que muitos chegam a ficar até às 4h. Eles dizem também que a situação vem piorando, com pessoas urinando, usando drogas e até defecando em frente das casas. Nascida e criada no bairro, a auxiliar de secretaria Fabiane Marques, de 28 anos, diz que tem passado noites em claro por conta da situação. “É um tormento. As pessoas ficam bebendo, tem competição de som, fora o buzinaço, falatória, o desrespeito aos moradores. As pessoas estão mijando na porta das casas, o fedor é horrível. Tem disputa de som de carro. Queremos uma resposta em relação a barulheira. A rua virou point, e se a gente reclama é xingado e ofendido”, relatou. Ocupação ocorre na Rua General Rondon com a Avenida Acelino de Leão, em Macapá Fabiane Marques/Arquivo Pessoal Outra moradora, que preferiu não se identificar, diz que a bagunça não dá trégua de madrugada. “Está piorando cada vez mais. A polícia até vem aqui, aparta, mas depois quando vai embora todo mundo volta. Minha irmã tem uma bebê e teve que sair de casa para poder conseguir dormir. A nenê fica agitada. Além do uso de drogas, o cheiro é muito forte. A gente não aguenta mais. Isso ocorre geralmente de quinta a domingo”. Um comerciante da região, que afirma manter o estabelecimento aberto até 1h, comentou que a aglomeração iniciou quando passou a ser proibido estacionar na orla da cidade, o que fez as pessoas migrarem para o bairro Trem. Para tentar conter o barulho, o microempresário espalhou no comércio dele e nas redondezas placas informativas de “proibição de som automotivo” e “proibido estacionar”, mas não teve resultado. "Eu vivo do que eu vendo, mas respeito o horário de funcionamento. Infelizmente não temos poder sobre as pessoas. Mandei fazer as placas, mas muitos não respeitam. Aqui também é proibido venda para menores e bebidas são vendidas somente para viagem, mas muitos já até trazem as suas bebidas. Houve a migração da orla para cá após a proibição de estacionar", disse o comerciante. Comerciante mantém placas informativas aos clientes Divulgação Sobre a proibição de estacionamento na orla, a Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac) explicou que existe um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) determinando que, após a meia-noite é proibido parar veículo no entorno da Fortaleza e que existe uma recomendação do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional) nesse sentido. Em outras áreas a proibição vale das 2h às 6h. O titular da Delegacia do Meio Ambiente (Dema), Leonardo Brito, informou que não recebeu registros dos moradores sobre os fatos, mas disse que vai fiscalizar o local. “Trata-se de poluição sonora e perturbação do silêncio. Solicitarei uma fiscalização imediata no local para apurar os responsáveis e aplicar as devidas providências”, disse o delegado. Como denunciar Crimes contra o meio ambiente podem ser denunciados por qualquer pessoa pelo disque denúncia 99132-0777 (Dema). Quem preferir, pode ter a identidade preservada. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Cerca de 85% das lojas de Macapá não devem contratar temporários para o fim do ano, diz CDL

    Cerca de 85% das lojas de Macapá não devem contratar temporários para o fim do ano, diz CDL


    São esperadas até 1 mil contratações neste último trimestre. Baixa do comércio influenciou. Contratação temporária para fim de ano será reduzida no comércio Jorge Abreu/G1 O comércio em Macapá prevê uma baixa adesão na contratação de...


    São esperadas até 1 mil contratações neste último trimestre. Baixa do comércio influenciou. Contratação temporária para fim de ano será reduzida no comércio Jorge Abreu/G1 O comércio em Macapá prevê uma baixa adesão na contratação de funcionários temporários durante as vendas de fim de ano, para o Natal e as festas de réveillon, informa a Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) da capital. A entidade afirmou ao G1 que cerca de 85% das lojas de varejo não devem fazer contratações temporárias e os segmentos que pretendem abrir vagas no período são os de calçados, brinquedos e vestuário. De acordo com Marcos Antônio, presidente da CDL na capital, a conjuntura do comércio neste ano está seguindo os passos de 2017, tanto na capital amapaense, como no restante do país. "Segundo o levantamento nacional da CDL, a perspectiva é que menos de 60 mil sejam contratados em todo o país, número bem pequeno. Aqui [Macapá] as coisas não são muito diferentes. A estimativa é que até 1 mil sejam contratados neste período de fim de ano, algo semelhante ao que aconteceu em 2017", explicou o presidente da CDL. Marcos Antônio, presidente da CDL Macapá Carlos Alberto Jr/G1 A criação de vagas para as festas de fim de ano normalmente tem início em outubro e ganha força em novembro, mês que historicamente registra a maior geração líquida de vagas formais, com mais admissões e menos desligamentos no varejo amapaense, segundo a CDL. Mas, devido a queda de vendas no comércio, o cenário parece desfavorável para um grande número de contratações. "Macapá segue os passos do país, que tenta se reerguer de uma crise, mas os números ainda estão estáveis. O resultado é o que vemos, nos últimos anos tivemos muito mais demissões e lojas fechando do que o contrário", comentou Marcos Antônio. CDL alerta que baixos números são reflexos da economia local Victor Vidigal/G1 Apesar dos números pouco favoráveis, 50% dos empresários que atuam na capital, segundo a Câmara, estão confiantes que as vendas na reta final do ano será positiva. Mesmo com poucas chances, esse é um período esperado por jovens e pessoas que estão há muito tempo sem um emprego fixo. É o caso de Emanoel Amaral, de 33 anos, que desde 2009 atua como autônomo. Mesmo nunca atuando no varejo, ele não descarta a possibilidade. "Estou há anos fazendo 'bicos', já tentei vagas do varejo, mas nunca trabalhei no ramo. Porém, estamos vivendo uma situação complicada e não posso me dar ao luxo de não tentar qualquer vaga disponível", disse. Emanoel Amaral está desempregado desde 2009 Carlos Alberto Jr/G1 Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Sobre decisão do TSE, Capi diz que povo ganhou no tribunal; Waldez lamenta atraso no 2º turno

    Sobre decisão do TSE, Capi diz que povo ganhou no tribunal; Waldez lamenta atraso no 2º turno


    Por 6 votos a 1, TSE aceitou recurso do PSB e manteve Capi na disputa eleitoral. Davi (DEM) também se posicionou. Waldez e Capi disputam o segundo turno no Amapá Victor Vidigal/G1; Carlos Alberto Jr/G1 Capi, do PSB, vai enfrentar o segundo turno das...


    Por 6 votos a 1, TSE aceitou recurso do PSB e manteve Capi na disputa eleitoral. Davi (DEM) também se posicionou. Waldez e Capi disputam o segundo turno no Amapá Victor Vidigal/G1; Carlos Alberto Jr/G1 Capi, do PSB, vai enfrentar o segundo turno das Eleições 2018 para o governo do Amapá contra Waldez, do PDT. Em sessão nesta terça-feira (16), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu manter válidos os votos do candidato obtidos no primeiro turno. Com seis votos a favor e um contra, os ministros aceitaram o recurso apresentado pelo partido, que poderá indicar um outro vice à chapa, desvencilhando-se do PT. Veja como votaram os ministros Pelas redes sociais, o pessebista escreveu: “O povo ganhou no tribunal, agora o povo vai ganhar no voto! Ousar lutar, ousar vencer!”. A candidatura de Capi, que foi o segundo colocado no primeiro turno, foi indeferida com recurso porque o Partido dos Trabalhadores (PT), que estava compondo a chapa com o PSB com candidato a vice-governadoria, ficou impedido de participar das eleições por não ter prestado contas em 2015. Com a decisão, o candidato poderá indicar um outro nome a vice-governador que seja do próprio PSB, já que o partido não tem nenhum impedimento de registro de candidatura. O nome provável para ocupar o cargo é de Andreia Tolentino, que era candidata a deputada estadual. A irregularidade do PT contaminou a chapa de Capi, a ponto dos votos dele serem considerados nulos no dia da eleição, condição que só foi revertida por uma decisão liminar do ministro do TSE Og Fernandes, emitida na hora da apuração dos votos. TSE aceita recurso do PSB e Capi segue na disputa ao governo do Amapá no segundo turno das Eleições 2018 Rede Amazônica/Reprodução Agora, o segundo turno segue normalmente no Amapá. A propaganda eleitoral no rádio e na TV estava suspensa no estado por causa dessa indefinição. Com 100% das urnas apuradas, Waldez Góes (PDT) ficou em primeiro lugar, com 133.241 votos, seguido de Capiberibe, com 119.500. O terceiro colocado, Davi (DEM), somou 94.278 votos. Após o julgamento do TSE, o PDT emitiu nota sobre o assunto lamentando que a situação tenha gerado transtornos ao processo eleitoral. “O problema na justiça era do outro candidato. Lamentamos, contudo, que esta situação tenha causado o atraso no início do segundo turno, com prejuízo para a população e para a democracia. (…) Nosso trabalho e nossas propostas para continuarmos fazendo o Amapá seguir em frente estão sendo bem compreendidas pela população e temos confiança de que sairemos vencedores também neste segundo turno”. O candidato Davi, do DEM, também se posicionou por meio de nota. “Eu recebo essa decisão do TSE com a tranquilidade de quem ofereceu ao Amapá a possibilidade de, depois de 24 anos, escolher um novo governador. Fiz a minha parte. Não fiz nenhum movimento para interferir no processo democrático. Eu me mantive distante em respeito à decisão dos amapaenses e da justiça eleitoral. Sobre o nosso posicionamento no segundo turno, será decidido em conjunto com todas as nossas lideranças. Cumprimento os dois candidatos e afirmo que continuarei colocando o Amapá em primeiro lugar, representando todos os amapaenses e fazendo um mandato a favor do nosso Estado”. Como fica a propaganda eleitoral Após a decisão do TSE, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Amapá informou que a propaganda eleitoral está liberada. "Nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (17), a Justiça Eleitoral do Amapá (TRE-AP) deve intimar as geradoras e os representantes de partidos para que sejam apresentadas as mídias para exibição", garantiu o órgão. O TRE ainda reiterou que, "na audiência pública que tratou do plano de mídias – antes da suspensão do horário eleitoral - foram acertados todos os detalhes sobre a ordem de exibição dos programas, emissoras geradoras, inserções, e horários para entrega das referidas mídias". Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    TSE mantém João Capiberibe no segundo turno da eleição para governador do Amapá

    TSE mantém João Capiberibe no segundo turno da eleição para governador do Amapá


    Candidato a vice na chapa de Capiberibe é do PT, que teve as candidaturas barradas pela Justiça Eleitoral. Candidato a governador recebeu 119,5 mil votos no primeiro turno e ficou em 2º lugar. João Capiberibe (PSB), candidato ao governo do...


    Candidato a vice na chapa de Capiberibe é do PT, que teve as candidaturas barradas pela Justiça Eleitoral. Candidato a governador recebeu 119,5 mil votos no primeiro turno e ficou em 2º lugar. João Capiberibe (PSB), candidato ao governo do Amapá Geraldo Magela/Agência Senado O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta terça-feira (16) validar os votos recebidos por João Capiberibe (PSB) no primeiro turno da eleição para governador do Amapá. Com isso, Capiberibe está mantido no segundo turno. Os votos dados a Capiberibe foram anulados porque candidatos do PT tiveram os registros indeferidos pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) – o candidato a vice na chapa de Capiberibe é Marcos Roberto, do PT. No último dia 7, primeiro turno da eleição, Waldez Góes (PDT) recebeu 133.214 votos, e Capiberibe, com 119.500. O terceiro colocado, Davi (DEM), somou 94.278 votos. Decisão do TSE Na sessão desta terça-feira, os ministros do TSE entenderam que não houve má-fé por parte da chapa de Capiberibe ao indicar o candidato a vice do PT. Isso porque, na avaliação dos ministros, Marcos Roberto não estava em uma situação "sabidamente inelegível". Por seis votos a um, o tribunal decidiu, então, manter a chapa na disputa. Permitiu, ainda, o direito à substituição do candidato a vice-governador – a proposta feita ao TSE foi a substituição de Marcos Roberto por Andrea Tolentino (PSB). A possibilidade de a chapa fazer propaganda eleitoral foi aprovada por unanimidade. Ao se manifestar sobre o caso, o vice-procurador-geral eleitoral, Humberto Jacques de Medeiros, opinou contra a candidatura, argumentando que a chapa teve até 17 de setembro para substituir o candidato a vice. "Um candidato que, sabidamente, com uma coligação que tinha um partido que, sabidamente, não podia estar ali, avança esse prazo, assumindo todos os riscos", disse. Votos dos ministros Relator do caso no TSE, o ministro Og Fernandes disse entender que a coligação agiu de boa-fé porque o impedimento do vice só foi confirmado dois dias antes do primeiro turno. "Tudo isso inviabilizou a substituição da candidatura. [...] Ao tempo da substituição, não havia óbice à chapa", votou. Fernandes também autorizou a substituição do candidato a vice, afirmando que a "melhor solução" para o caso é garantir que a chapa seja submetida ao voto popular. O ministro Luís Roberto Barroso acompanhou o relator. "Não há qualquer indício de que foi escolhido candidato sabidamente inelegível para preencher a chapa", afirmou. "Seria profundamente injusto com um candidato que não trazia mácula e com a soberania popular", acrescentou. O ministro Admar Gonzaga, em seguida, afirmou que a posição da Corte é a de "não trair a confiança do eleitor". "O eleitor foi informado sobre a higidez da chapa e que aqueles votos seriam computados", argumentou. Em seguida, Tarcisio Vieira de Carvalho votou afirmando que "não seria de se esperar dos candidatos um comportamento daquele". Os ministros Edson Fachin e Jorge Mussi também acompanharam o relator. Divergência Por fim, a ministra Rosa Weber, presidente do TSE, votou pela impossibilidade de cisão da chapa.
    VÍDEOS: JAP2 de terça-feira, 16 de outubro

    VÍDEOS: JAP2 de terça-feira, 16 de outubro


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do...


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá.
    Traficante preso com maconha vendia cada quilo por R$ 2 mil em Macapá; vídeo

    Traficante preso com maconha vendia cada quilo por R$ 2 mil em Macapá; vídeo


    Polícia achou nove quilos da droga escondida debaixo da cama dele nesta segunda-feira (16), no bairro Infraero 1. Traficante disse à polícia que vendia cada quilo de maconha a R$ 2 mil em Macapá Em um vídeo cedido pela Delegacia de Tóxicos e...


    Polícia achou nove quilos da droga escondida debaixo da cama dele nesta segunda-feira (16), no bairro Infraero 1. Traficante disse à polícia que vendia cada quilo de maconha a R$ 2 mil em Macapá Em um vídeo cedido pela Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), o traficante condenado Raimundo Correa Almeida, de 38 anos, admite que vendia cada quilo de maconha ao valor de R$ 2 mil. Ele foi preso em flagrante nesta terça-feira (16), no bairro Infraero 1, na Zona Norte de Macapá. Nas imagens, a Polícia Civil encontra nove quilos da droga escondidos em baixo da cama do “Raimundão”, como o traficante é conhecido. Ele estava em uma residência, localizada na Rua Marechal Eduardo Gomes. Veja o vídeo acima. Raimundo Correa Almeida é traficante condenado Reprodução Além da maconha, a polícia também recolheu uma balança de precisão e uma faca na residência. O traficante e o material apreendido foram levados para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) do bairro Pacoval. De acordo com a DTE, a prisão foi resultado de uma investigação iniciada através do disque denúncia (96) 98141-4161, que recebe por aplicativos de mensagens instantâneas as informações, vídeos e fotos, que ajudam no trabalho da polícia. Traficante foi preso em flagrante em uma casa no bairro Infraero 1 Polícia apreende 9 quilos de maconha com traficante condenado em Macapá Reprodução/Rede Amazônica Polícia encontrou a droga embaixo de uma cama Reprodução Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Confira as vagas de emprego do Sine em Macapá para o dia 17 de outubro

    Confira as vagas de emprego do Sine em Macapá para o dia 17 de outubro


    Há oportunidades para nutricionista, fonoaudiólogo, tapeceiro, vidraceiro e eletricista, confeiteiro. Sine oferta uma vaga para nutricionista em Macapá Allan Nunes/Inter TV O Sistema Nacional de Empregos no Amapá (Sine/AP) oferece vagas de...


    Há oportunidades para nutricionista, fonoaudiólogo, tapeceiro, vidraceiro e eletricista, confeiteiro. Sine oferta uma vaga para nutricionista em Macapá Allan Nunes/Inter TV O Sistema Nacional de Empregos no Amapá (Sine/AP) oferece vagas de empregos para Macapá. O número de vagas está disponível de acordo com as empresas cadastradas no Sine e são para todos os níveis de escolaridade e experiência. Os interessados podem procurar o Sine/AP, localizado n Rua General Rondon, nº 2350, na praça Floriano Peixoto. Em toda a rede Super Fácil tem guichês do Sine e neles é possível obter informações sobre vagas em Macapá e Santana. Outras informações e oferta de vagas são pelo número (96) 4009-9702. Para se cadastrar e atualizar os dados, o trabalhador deverá apresentar Carteira de Trabalho, RG, CPF e comprovante de residência (atualizado). Veja as vagas disponíveis de acordo com as solicitações das empresas: Auxiliar de limpeza (caseiro) - 5 vagas Fonoaudiólogo - 1 vaga Massoterapeuta - 1 vaga Montador de formas - 30 vagas Nutricionista - 1 vaga Tapeceiro - 1 vaga Terapeuta ocupacional - 1 vaga Operador de manipulador - 2 vagas Serralheiro - 1 vaga Vidraceiro - 1 vaga Vendedor pracista - 2 vagas Eletricista - 1 vaga Confeiteiro - 1 vaga Recepcionista - 1 vaga
    Sarau em Macapá reúne poesias de crianças sobre respeito e diversidade

    Sarau em Macapá reúne poesias de crianças sobre respeito e diversidade


    Projeto estudantil busca valorizar a produção literária de pequenos escritores de escolas públicas. Estudantes recitam próprias poesias sobre diversidade e respeito Como forma de combater o preconceito, um sarau reuniu poesias produzidas por...


    Projeto estudantil busca valorizar a produção literária de pequenos escritores de escolas públicas. Estudantes recitam próprias poesias sobre diversidade e respeito Como forma de combater o preconceito, um sarau reuniu poesias produzidas por estudantes da primeira etapa do ensino fundamental com os temas principais voltados para o respeito e a diversidade. Os 64 melhores trabalhos foram apresentados nesta terça-feira (16), em Macapá. David Emanuel Monteiro, de 10 anos, foi um dos representantes da Escola Municipal Professora Odete de Almeida Lopes. Animado com o lançamento da poesia que ele mesmo escreveu, o menino destacou que vai esquecer da importância de valorizar as pessoas como elas são. “Nós tivemos várias oficinas em nossas aulas. Ai eu fui aprendendo como se fazia as estrofes [da poesia]. O tema foi a escola que escolheu e eu aprendi muito sobre diversidade e respeito. Agora, eu e mais uma colega representamos nossa escola”, disse. David Emanuel Monteiro, representante da Escola Professora Odete de Almeida Lopes Jorge Abreu/G1 O sarau faz parte do projeto “Escola de Leitores”, que tem o objetivo de valorizar a produção literária de crianças. Esse trabalho alcançou 1,5 mil estudantes de 32 escolas da rede municipal de Macapá. Em uma seletiva foram escolhidas duas poesias de cada instituição de ensino. Para a coordenadora do projeto, Marisa Pinheiro, essa foi a forma de ensinar os alunos a lidar com a diferença física e cultural de cada pessoa, além de ajudá-los a terem amor-próprio, independente da cor, peso, altura, entre outras características. Escritor e poeta, Alex Oliveira, e a coordenadora do projeto, Marisa Pinheiro Rafaela Bittencourt/Prefeitura de Macapá Ao lado do escritor e poeta amapaense, Alex Oliveira, a coordenadora do projeto contou a história da “Abelha e do Vaga-lume” para reforçar ainda mais a mensagem sobre a diversidade. O enrendo conta como seres diferentes podem viver em harmonia com qualidades específicas. “Esses assuntos precisam ser abordados nas escolas. Por isso, nesse ano o projeto teve como carro-chefe os temas diversidade e respeito. Somos de um estado onde a maioria é afrodescendente, então devemos valorizar nossa identidade e as crianças precisam perceber isso”, finalizou Marisa. No dia 1º de dezembro a “Coletânea dos Pequenos Escritores Tucujus” será lançada na Biblioteca Elcy Lacerda, localizada no Centro da capital. O livro é composto pelas 62 poesias dos estudantes, que estarão no evento para uma sessão de autógrafos. Crianças recitaram as próprias poesias durante o sarau Rafaela Bittencourt/Prefeitura de Macapá Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Oficina de criação literária com escritor mineiro abre vagas em Macapá

    Oficina de criação literária com escritor mineiro abre vagas em Macapá


    Inscrições são gratuitas. Aulas acontecem entre os dias 22 e 26 de outubro. Sesc Araxá realiza oficina de criação literária em Macapá Sesc Amapá/Divulgação Visando a elaboração de novas obras, além de explorar a criatividade de jovens e...


    Inscrições são gratuitas. Aulas acontecem entre os dias 22 e 26 de outubro. Sesc Araxá realiza oficina de criação literária em Macapá Sesc Amapá/Divulgação Visando a elaboração de novas obras, além de explorar a criatividade de jovens e adolescentes, foram abertas as inscrições para uma oficina de criação literária, que acontece entre os dias 22 e 26 de outubro, na sede do Serviço Social do Comércio (Sesc), no bairro Araxá, Zona Sul de Macapá. As aulas serão ministradas pelo escritor mineiro Sérgio Fantini. A proposta é oferecer atividades que se relacionem com todo o processo produtivo da literatura e também valorizar obras e escritores brasileiros. A oficina acontece por meio do projeto "Arte da Palavra". São aceitos alunos a partir dos 15 anos. As aulas consistirão em apresentações de contos, comentários dos colegas e observações do professor. Os encontros irão acontecer no horario de 14 às 18h. As inscrições são feitas presencialmente, no setor de cultura do Sesc Araxá. As vagas são limitadas. Sérgio Fantini Escritor mineiro Sérgio Fantini ministrará as aulas Divulgação/Sesc Alagoas O escritor é famoso por participar de diversos projetos literários como: publicação de zines e livros de poemas, além da realização de shows, exposições, recitais e performances. Em 2008, se aventurou no mundo audiovisual com o lançamento de um curta-metragem de animação baseado em um de seus poemas. Também trabalha realizando oficinas de incentivo à leitura, à produção literária e fazendo revisões de texto em obras originais. Serviço: Oficina de Criação Literária Período: 22 a 26 de outubro Hora: 14h às 18h Inscrições gratuitas Mais informações: (96) 3241-4440 (Ramal -239) Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Palestras e serviços gratuitos marcam combate à obesidade em Macapá

    Palestras e serviços gratuitos marcam combate à obesidade em Macapá


    'Semana Saudável' acontece em sete UBSs da capital até sexta-feira (19). Ação contra obesidade acontece na UBS do Perpétuo Socorro, em Macapá Victor Vidigal/G1 Iniciou nesta terça-feira (16) na Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro...


    'Semana Saudável' acontece em sete UBSs da capital até sexta-feira (19). Ação contra obesidade acontece na UBS do Perpétuo Socorro, em Macapá Victor Vidigal/G1 Iniciou nesta terça-feira (16) na Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Perpétuo Socorro, Zona Leste da capital, a Semana Macapá Saudável. O projeto acontece em sete UBSs da capital, além de academias ao ar livre, até sexta-feira (19). A ideia é orientar a população para os cuidados com a alimentação. A autônoma Regiane Leal, de 34 anos, é do Afuá e está há dois dias em Macapá. Ela conta que veio consultar a filha e acabou se deparando com a programação especial, um momento que ela aproveitou para aprender mais sobre alimentação saudável. "Achei uma iniciativa muito boa para a gente, principalmente eu que sou do interior. Estou aprendendo muita coisa que eu não sabia e agora eu estou tendo noção de como me alimentar, de como me cuidar. Vou passar a ter hábitos saudáveis agora", contou. Regiane Leal diz que aprendeu assuntos novos assistindo as palestras Victor Vidigal/G1 Segundo Sônia Góes, nutricionista da UBS que fica na Zona Leste, a prevenção contra obesidade deve começar ainda na primeira infância introduzindo o leite materno e alimentos naturais ao paladar da criança. "A prevenção é ainda criança, fazendo o aleitamento materno até os 6 meses de idade e, após o seis meses, começar a introduzir alimento natural. Nada de alimento processado pois é isso que está acarrentando o alto índice de obesidade no mundo todo", explicou a nutricionista. Nutricionista Sônia Góes, em Macapá Victor Vidigal/G1 Na UBS do Perpétuo Socorro a programação contou com palestras de orientações nutricionais e atendimentos de livre demanda com fisioterapeuta, nutricionista e psicólogos. Segundo Janete Nunes, diretora da UBS, quem não pode comparecer na programação pode marcar um agendamento para ser atendido com algum dos serviços. "A UBS dispõe de profissionais todos os dias para esse tipo de atendimento. Hoje estamos realizando atendimentos em livre demanda, mas normalmente funciona através de agendamento. Então, o cidadão que estiver precisando se consultar com nutricionista, psicólogo ou fisioterapeuta pode vir marcar a consulta conosco que estamos atendendo diariamente", informou. Voluntária realiza palestra em dia de combate a obesidade, em Macapá Victor Vidigal/G1 Programação Data: 18/10 (quinta-feira) Hora: 14h às 16h Local: UBS Raimundo Hozanan (Muca) Atividades: palestra sobre alimentação saudável- nutricionista; verificação do índice de massa corporal- IMC; distribuição de material educativo. Data: 18/10 (quinta-feira) Hora: 8h30 às 10h30 Local: UBS Pedro Barros (Fazendinha) Atividades: palestra sobre alimentação saudável- nutricionista; verificação do índice de massa corporal- IMC; distribuição de material educativo. Data: 18/10 (quinta-feira) Hora: 8h30 às 10h30 Local: UBS Marabaixo Atividades: palestra sobre alimentação saudável- nutricionista; verificação do índice de massa corporal- IMC; distribuição de material educativo. Data: 18/10 (quinta-feira) Hora: 14h às 16h Local: UBS Novo Horizonte Atividades: palestra sobre alimentação saudável- nutricionista; verificação do índice de massa corporal- IMC; distribuição de material educativo. Data: 18/10 (quinta-feira) Hora: 14h às 16h Local: UBS Congós Atividades: palestra sobre alimentação saudável- nutricionista; verificação do índice de massa corporal- IMC; distribuição de material educativo. Data: 19/10 (sexta-feira) Hora: 16h às 18h Local: Academia ao Ar Livre do Araxá Atividades: orientações nutricionais, distribuição de material educativo, dança e treinamento funcional. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Semana de Ciência e Tecnologia 2018 tem mais de 300 atrações no Amapá

    Semana de Ciência e Tecnologia 2018 tem mais de 300 atrações no Amapá


    Evento acontece em seis municípios até domingo (21). Exposição atrai atenção do público na SNTC 2018, em Macapá Victor Vidigal/G1 A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNTC) 2018 tem uma vasta programação no Amapá. Com a...


    Evento acontece em seis municípios até domingo (21). Exposição atrai atenção do público na SNTC 2018, em Macapá Victor Vidigal/G1 A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNTC) 2018 tem uma vasta programação no Amapá. Com a participação de quatro instituições de ensino do estado, mais de 300 atrações entre exposições, mesas redondas, seminários e palestras fazem parte do evento que iniciou na segunda-feira (15) e segue até domingo (21). A grande quantidade de atividades científicas acontece pela parceria entre Universidade Federal do Amapá (Unifap), Universidade do Estado Amapá (Ueap), Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Amapá (Iepa) e Instituto Federal do Amapá (Ifap). Esse ano a SNTC aborda a temática "Ciência para Redução das Desigualdades". Em Macapá, a programação acontece na Ueap e no Ifap. No interior, ela se estende para os campus do Ifap de Laranjal do Jari, Santana, Porto Grande, Pedra Branca do Amapari e Oiapoque. Estudante Brenda Lazareth, de 22 anos, diz que ciência mudou sua vida Victor Vidigal/G1 A estudante de pedagogia Brenda Lazareth, de 22 anos, apresenta no evento a pesquisa que realizou sobre o bullyng nas escolas e a influência no aprendizado dos alunos. Ela conta que a prática de cientista a fez mudar como pessoa. "A ciência na minha vida veio para mudar tudo e veio para me trazer perspectivas mais abrangentes. Antes de entrar na universidade eu tinha uma pespectiva de mundo diferente, agora tenho uma visão mais abrangente, mais rica, mais cheia de possibilidade e eu descobri também um potencial que eu não imaginava que eu tinha", contou a acadêmica. Outro estudante que participa do evento é Emanuel Brandão, de 22 anos, que estuda ciências biológicas na Unifap. Apesar de ser da área biológica, Brandão escolheu falar sobre as adversidades enfrentadas por pessoas com deficiência como forma de chamar atenção para educação inclusiva. "Escolhi falar de um tema mais ligado ao social porque a educação envolve várias áreas do conhecimento. Então, eu penso ser necessário que todas as áreas do conhecimento entendam sobre o que é uma educação inclusiva. A inclusão deve acontecer em todas as áreas e locais", explicou Brandão. Estudante Emanuel Brandão junto com o estande da pesquisa que realizou, em Macapá Victor Vidigal/G1 Na Ueap, a SNTC acontece em conjunto com o 7º Congresso Amapaense de Iniciação Científica, onde mais de 200 pesquisas serão apresentadas, e também com a 2ª Mostra Científica, Cultural e Artística do Parfor. Confira a programação completa que acontece na Ueap e no Ifap do campus Macapá e para os cinco municípios do interior. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    VÍDEOS: JAP1 de terça-feira, 16 de outubro

    VÍDEOS: JAP1 de terça-feira, 16 de outubro


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do...


    Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias do Amapá.
    Polícia apreende 9 quilos de maconha com traficante condenado em Macapá

    Polícia apreende 9 quilos de maconha com traficante condenado em Macapá


    Flagrante aconteceu na manhã desta terça-feira (16), no bairro Infraero 1. Polícia apreende 9 quilos de maconha com traficante condenado em Macapá Reprodução/Rede Amazônica A Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) da Polícia Civil do...


    Flagrante aconteceu na manhã desta terça-feira (16), no bairro Infraero 1. Polícia apreende 9 quilos de maconha com traficante condenado em Macapá Reprodução/Rede Amazônica A Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) da Polícia Civil do Amapá apreendeu 9 quilos de maconha com um homem condenado por tráfico de drogas. O flagrante aconteceu na manhã desta terça-feira (16), no bairro Infraero 1, na Zona Norte de Macapá. De acordo com o delegado Sidney Leite, da DTE, Raimundo Correa Almeida, de 38 anos, é conhecido da polícia. Ele foi preso na Rua Marechal Eduardo Gomes. “O Raimundão é condenado por tráfico de drogas, foi preso outras vezes e já é um velho conhecido da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes. Passamos a investigá-lo, até flagrar hoje ele com 9 quilos de maconha. Essa droga já estava há algum tempo sendo distribuída na cidade”, falou Leite. Delegado Sidney Leite, da DTE, iniciou investigação após denúncia por telefone Polícia Civil/Divulgação A prisão foi resultado de uma investigação iniciada através de denúncia enviada à DTE. O disque denúncia recebe informações por aplicativos de mensagens instantâneas: (96) 98141-4161. O traficante e o material apreendido foram levados para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) do bairro Pacoval, também na Zona Norte. A polícia também recolheu uma balança de precisão e uma faca no local da prisão. Ainda nesta terça-feira Raimundo Correa Almeida deve passar por audiência de custódia. “Ele vai ser submetido a um auto de prisão em flagrante, pelo artigo 33 de tráfico de drogas, depois será levado para audiência de custódia, onde o juiz decide se vai decretar prisão preventiva ou vai permitir que ele responda o processo em liberdade, mas como ele não é réu primário, como já tem condenação, dificilmente ele vai conseguir aguardar o processo em liberdade”, comentou o delegado. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Jovem que teria disparado contra militares morre em confronto com o Bope

    Jovem que teria disparado contra militares morre em confronto com o Bope


    Segundo a PM, Jardson Barbosa Moraes, de 18 anos, atirou na equipe após ser abordado; família contesta versão. Caso aconteceu na manhã desta terça-feira (16). Crime aconteceu na parte de trás de uma casa no bairro Jesus de Nazaré Carlos Alberto...


    Segundo a PM, Jardson Barbosa Moraes, de 18 anos, atirou na equipe após ser abordado; família contesta versão. Caso aconteceu na manhã desta terça-feira (16). Crime aconteceu na parte de trás de uma casa no bairro Jesus de Nazaré Carlos Alberto Jr/G1 Um jovem de 18 anos foi morto por volta das 11h desta terça-feira (16) após um confronto com policiais. Ele teria atirado contra militares numa área periférica no bairro Jesus de Nazaré, na Zona Central de Macapá. De acordo com o Batalhão de Operações Especiais (Bope), que atendeu o caso, Jardson Barbosa Moraes estava armado e ameaçando a população. A equipe foi acionada por uma ligação anônima. Uma viatura da Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam) chegou ao local e fez o cerco atrás da casa em que o suspeito estava. Durante a abordagem, ele teria começado a atirar contra os policiais, que revidaram. Nenhum militar foi atingido. Após a ação, uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e constatou a morte do jovem no local. A polícia apreendeu um revólver calibre 38 e munições. José Moraes, tio da vítima Rede Amazônica/Reprodução O pedreiro José Moraes, tio de Jardson, contesta a versão da polícia. De acordo com ele, o sobrinho estava cozinhando no momento que os militares entraram na casa e o executaram. "O Bope chegou, não pediu licença para entrar na casa, entraram na casa, estava a minha mãe de 80 anos, um primo deficiente e executaram meu sobrinho perto do fogão, fazendo comida. Em nenhum momento ele trocou tiros com a polícia", contou. Tenente-coronel Paulo Matias, comandante do Bope no Amapá Carlos Alberto Jr/G1 O tenente-coronel Paulo Matias, comandante do Bope, acrescentou que o jovem foi preso durante uma tentativa de homicídio em março, além de ser apontado como autor de outros dois homicídios. "Fizemos um levantamento do nome dele e ele está imputado por dois homicídios e em uma tentativa de homicídio que aconteceu no conjunto São José, onde um motorista foi provavelmente um alvo errado. Jardson e mais três suspeitos foram presos com uma moto roubada", relatou. O local foi isolado e a Polícia Técnico-Científica (Politec) do Amapá foi acionada para fazer a perícia e a remoção do corpo. *Com informações da Rede Amazônica Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!
    Vídeo mostra homens armados perseguindo e baleando suspeito de assalto no Amapá

    Vídeo mostra homens armados perseguindo e baleando suspeito de assalto no Amapá


    Eles aparecem sem qualquer identificação de serem policiais ou seguranças. Assaltante morreu. Homens armados cercam assaltante e disparos são ouvidos A Polícia Civil segue investigando a tentativa de roubo que terminou em duas pessoas baleadas e...


    Eles aparecem sem qualquer identificação de serem policiais ou seguranças. Assaltante morreu. Homens armados cercam assaltante e disparos são ouvidos A Polícia Civil segue investigando a tentativa de roubo que terminou em duas pessoas baleadas e na morte do assaltante do roubo na segunda-feira (15). O caso ocorreu no bairro Buritizal, na Zona Sul de Macapá. Um vídeo feito durante a fuga mostra pelo menos quatro homens armados cercando o criminoso no local onde ele foi morto. No registro é possivel ouvir disparos. O vídeo mostram os homens à paisana, sem qualquer identificação de serem policiais ou vigilantes. O assaltante foi baleado e morreu na garagem de uma casa. O vídeo não mostra a imagem dele, apenas das pessoas com armas, que cercaram o local. Ninguém foi preso. Casa onde assaltante é cercada por homens; todos armados Reprodução O suspeito saiu em fuga após tentar roubar uma empresária na frente de uma agência bancária na Rua Santos Dumont. Ele baleou a mulher na pena e durante a perseguição também baleou outro homem que estava de bicicleta. O estado de saúde dele é considerado estável. O delegado Ronaldo Coelho, responsável pelas investigações, explicou que só vai se pronunciar sobre esse crime depois de ouvir a empresária, que foi baleada na perna. Até o momento o G1 não conseguiu informações sobre o estado de saúde dela. Registro aponta assaltante tentando roubar empresária Outro vídeo, obtido minutos após a tentativa de roubo, mostra um dos homens armados perseguindo o suspeito. Ele é um dos que aparece posteriormente no cerco à casa. Segundo a polícia, a empresária transportava uma alta quantia em dinheiro, mas o valor não foi revelado. Para a corporação, o assaltante morto, junto com um comparsa que não foi localizado, nem identificado, tinha informações privilegiadas sobre o depósito que a mulher iria fazer. Na perseguição, uma viatura da PM bateu em outros dois veículos, próximo do local do crime. Ninguém ficou ferido nesse acidente. Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!