G1 > Roraima

    Assaltante armado rende funcionários de mercado e rouba dinheiro dos caixas em Boa Vista

    Assaltante armado rende funcionários de mercado e rouba dinheiro dos caixas em Boa Vista


    Segundo o gerente do estabelecimento, era por volta de 13h30 deste sábado (22) quando o assaltante entrou no local com um revólver calibre 38 e anunciou o assalto. Homem usou um revólver para ameaçar funcionários e clientes Arquivo pessoal Um...


    Segundo o gerente do estabelecimento, era por volta de 13h30 deste sábado (22) quando o assaltante entrou no local com um revólver calibre 38 e anunciou o assalto. Homem usou um revólver para ameaçar funcionários e clientes Arquivo pessoal Um homem armado entrou em um mercado no bairro Buritis, zona Oeste de Boa Vista, rendeu funcionários e roubou dinheiro de quatro caixas. O crime foi na tarde deste sábado (22). Ninguém ficou ferido. Imagens de câmeras de segurança registraram o momento que o ladrão comete o crime. Ele estava de capacete e ainda não foi identificado. Segundo o gerente do estabelecimento, era por volta de 13h30 quando o assaltante entrou no local com um revólver calibre 38 e anunciou o assalto. O ladrão, segundo ele, deu uma sacola de plástico para uma caixa colocar o dinheiro e depois fugiu sozinho de moto. O gerente não quis informar quanto foi roubado. “Ele foi nos quatro caixas para recolher os valores”, disse. Policiais militares foram acionados logo após o assalto e fazem buscas pelo suspeito. As imagens serão entregues à Polícia Civil para ajudar na investigação. Assaltante recolheu dinheiro de quatro caixas do supermercado Arquivo pessoal
    Servidor público em Camaro é flagrado bêbado e tenta subornar agentes de trânsito em Roraima

    Servidor público em Camaro é flagrado bêbado e tenta subornar agentes de trânsito em Roraima


    Homem de 46 anos se negou a fazer o teste do bafômetro e ainda jogou nota de R$ 100 em carro de agentes. Ele pagou fiança e vai responder em liberdade por corrupção ativa e embriaguez ao volante. Camaro foi entregue a um amigo habilitado do...


    Homem de 46 anos se negou a fazer o teste do bafômetro e ainda jogou nota de R$ 100 em carro de agentes. Ele pagou fiança e vai responder em liberdade por corrupção ativa e embriaguez ao volante. Camaro foi entregue a um amigo habilitado do servidor público Arquivo pessoal Um servidor público estadual de 46 anos foi preso por policiais militares na noite dessa sexta-feira (22), em Boa Vista, por conduzir um Camaro embriagado e tentar subornar agentes do Departamento Estadual de Trânsito de Roraima (Detran-RR) com R$ 100. O motorista, que é técnico em telecomunicações e ex-policial civil, foi abordado por volta das 23h30 na avenida Ville Roy no bairro Canarinho, zona Norte da cidade. Dois agentes do Detran faziam fiscalização ostensiva quando viram o servidor conduzindo o Camaro em alta velocidade. Eles seguiram o veículo, e, na abordagem, conforme os agentes, o motorista foi irônico e apresentou sinais de embriaguez. Em seguida, ele foi convidado a fazer o teste do bafômetro Segundo os agentes, inicialmente ele concordou, mas em seguida se recusou e se "comportou de forma desrespeitosa e desobediente, não atendendo as ordens imputadas a ele". Ele ofereceu ainda dinheiro aos agentes abrindo a carteira e jogando R$ 100 para dentro do carro do Detran. A PM foi acionada e, no local, o servidor se negou a ser conduzido à delegacia. Os policiais perceberam que o servidor estava sob efeito de álcool e conseguiram conduzi-lo à Central de Flagrantes, no 5º Distrito Policial. Na delegacia, ele foi autuado em flagrante por corrupção ativa e embriaguez ao volante. O camaro foi entregue a um amigo habilitado e não foi recolhido para o pátio do Detran por falta de guincho. O servidor foi encaminhado neste domingo (22) para a audiência de custódia ocasião em que foi estipulada fiança de R$ 2,8 mil para ele ser liberado. Ele pagou o valor. "Na delegacia não pode ser arbitrada fiança porque os dois crimes ultrapassam os quatro anos. Mas em juízo pode. Então o Juiz arbitrou fiança de 2.862,00 e ele pagou e vai responder em liberdade", detalhou um agente da polícia civil.
    Vídeo mostra dezenas de presos soltos e circulando durante a noite na Penitenciária Agrícola de RR

    Vídeo mostra dezenas de presos soltos e circulando durante a noite na Penitenciária Agrícola de RR


    Imagens foram feitas na quarta-feira (19) no mesmo presídio em que massacre deixou 33 mortos em janeiro de 2017. OAB-RR diz que sistema prisional está falido. Vídeo mostra presos fora das celas na Penitenciária Agrícola de RR Vídeo compartilhado...


    Imagens foram feitas na quarta-feira (19) no mesmo presídio em que massacre deixou 33 mortos em janeiro de 2017. OAB-RR diz que sistema prisional está falido. Vídeo mostra presos fora das celas na Penitenciária Agrícola de RR Vídeo compartilhado em redes sociais mostra dezenas de presos circulando livremente durante a noite na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, em Boa Vista. O presídio, que é o maior do estado, é o mesmo onde 33 presos foram brutalmente assassinados em janeiro de 2017. Nas imagens, detentos aparecem soltos na área do chamado 'Cadeião', onde, em teoria, devem ficar os presos preventivos, ou seja, aqueles ainda sem condenação. A área abrange as alas 13, 14 e 15, e abriga cerca de 800 homens. A unidade tem em média 1,2 mil detentos e concentra presos ligados à facção Primeiro Comando da Capital. Procurada, a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc) informou que, 24h por dia, agentes e PMs do prédio fazem vistorias nos muros e cercas da unidade. (veja nota na íntegra ao fim da reportagem). Servidores que trabalham na unidade afirmaram ao G1 que as imagens foram feitas na noite de quarta-feira (19). Segundo eles, os vídeos foram gravados de cima de uma muralha que divide a unidade. Ele separaa área administrativa do presídio e o local onde ficam os detentos. Um PM lotado no presídio contou que já é rotineiro que presos fiquem soltos na unidade. Ele disse que "os detentos entram e saem das alas a hora que querem". Imagens foram feitas na quarta (20) à noite, segundo servidores Reprodução/Rede Amazônica Roraima "Antigamente eles saiam por volta das 6h e voltavam no máximo às 19h, mas recentemente estão ficando até mais tarde. Ontem [sexta-feira, 21] ficaram até 21h", relatou o policial que pediu para não ter o nome divulgado. Ele afirma que os presos estão ficando fora das alas porque o serviço de alimentação na unidade está irregular. Na terça (19), a firma contratada para fornecer café da manhã, almoço e janta aos presos cortou as entregas alegando que estava há 4 meses sem receber. O serviço foi retomado no dia seguinte. O PM disse ainda que quando é preciso retirar algum detento de dentro da unidade eles 'mandam recado' pelos outros presos. “Quando precisam levar um preso para audiência, por exemplo, os agentes vão até a muralha e chamam um detento responsável por aquela ala. Esse detento vai atrás de quem está sendo procurado, mas ele só pode ir se o líder da facção deixar. Ninguém entra depois da muralha", disse. Sistema falido, diz OAB Consultado acerca do vídeo, o presidente da Comissão do Sistema Carcerário da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Roraima, Marcos Pereira, afirmou que o órgão tem conhecimento que os presos estão soltos dentro da unidade e que o estado não tem controle sobre eles. "O sistema prisional está falido. O estado atua e prende. Quando ele [detento] entra no sistema, quem assume o comando são os próprios presos. Os presos da penitenciária agrícola estão soltos porque ela não tem condições de comportar o número de pessoas que tem lá, bem como não tem segurança suficiente para manter eles dentro das celas", disse Marcos. A solução, para ele, é a construção de uma penitenciária de segurança máxima, controle maior na entrada de presos e na execução das penas. Em agosto, a Ordem do Advogados do Brasil Nacional divulgou o resultado de uma vistoria que fez na unidade e constatou que a situação é grave. "A penitenciária de Monte Cristo é uma bomba relógio prestes a explodir enquanto as autoridades fazem um jogo de empurra-empurra", declarou à época presidente da OAB, Claudio Lamachia. Nota do governo A Sejuc (Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania) ressalta que, dentre as providências adotadas para solucionar os problemas do sistema carcerário, estão ações para realização de obras de construção de novos presídios e de reformas das unidades prisionais já existentes. Esclarece que o projeto arquitetônico referente à obra de reforma da Penitenciária Agrícola foi reenviado ao Depen (Departamento Penitenciário Nacional), com adequações, no dia 21 de agosto, e os trâmites burocráticos entre o Estado e o órgão estão em andamento. Tão logo a aprovação seja consolidada, os trabalhos de reforma serão iniciados.  Quanto ao que está sendo feito para evitar a quebra da segurança no presídio, a Sejuc esclarece que as equipes de agentes penitenciários e de policiais militares de serviço têm como protocolo padrão a realização de vistorias diárias nos muros e cercas da unidade prisional e a vigilância é feita 24 horas.
    Homem quase decapitado e com mãos e pés amarrados é achado morto em chácara de Boa Vista

    Homem quase decapitado e com mãos e pés amarrados é achado morto em chácara de Boa Vista


    Corpo foi encontrado por volta das 7h deste sábado (22). Corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) em Boa Vista Emily Costa/G1 RR Um homem ainda não identificado foi achado morto em uma chácara no bairro Nova Cidade, em Boa Vista, na...


    Corpo foi encontrado por volta das 7h deste sábado (22). Corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) em Boa Vista Emily Costa/G1 RR Um homem ainda não identificado foi achado morto em uma chácara no bairro Nova Cidade, em Boa Vista, na manhã deste sábado (22). O corpo estava quase decapitado e tinha as mãos e os pés amarrados. A Polícia Militar foi avisada e localizou o corpo por volta das 7h após receber uma ligação anônima. O homem também estava amordaçado. Ele foi encontrado por um trabalhador que chegava ao local. A PM acredita que o homicídio tenha ligação com a rivalidade entre facções criminosas que disputam o controle do tráfico. Essa foi a oitava morte com indícios de execução registrada em Roraima entre a noite de quinta (21) e este sábado. O corpo foi recolhido e levado ao Instituto Médico Legal (IML).
    Integrante de facção é executado com vários tiros no município do Cantá, em Roraima

    Integrante de facção é executado com vários tiros no município do Cantá, em Roraima


    Cinco homens armados invadiram casa e mataram Halisson Nascimento de Souza, 28, na madrugada deste sábado (22). Em julho, ele havia sido preso suspeito de ataque incendiário contra delegacia e quartel da PM. Halisson Nascimento de Souza era membro...


    Cinco homens armados invadiram casa e mataram Halisson Nascimento de Souza, 28, na madrugada deste sábado (22). Em julho, ele havia sido preso suspeito de ataque incendiário contra delegacia e quartel da PM. Halisson Nascimento de Souza era membro de uma facção criminosa e foi executado nesta madrugada por cinco homens Divulgação Halisson Nascimento de Souza, o 'Lúcifer' ou 'Caboco Halisson', de 28 anos, foi executado com vários tiros na madrugada deste sábado (22) no município do Cantá, em Roraima. A mulher de Halisson, que testemunhou o crime, contou à Polícia Militar que cinco homens armados entraram na casa do casal na madrugada e dispararam várias vezes contra ele. Esta foi a sétima execução a tiros a ocorrer em Roraima entre a noite quinta (20) e este sábado. A testemunha afirmou que não foi possível reconhecer os suspeitos porque eles estavam encapuzados. Após o crime, eles fugiram e ninguém foi identificado até a publicação desta matéria. Segundo a Divisão de Inteligência e Captura (Dicap) da Sejuc, 'Lúcifer' era membro da facção criminosa Primeiro Comando da Capital no Cantá. Ele foi preso em julho suspeito jogar coquetéis molotov na delegacia do município, em um veículo da unidade policial e no quartel da Policia Militar. A série de ataques que ocorreram em cinco municípios do estado foram ordenados pelo PCC, segundo a polícia. Além desses crimes, Halisson também tinha passagem na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo por tentativa de homicídio qualificado. A perícia da Polícia Civil esteve no local e vai investigar o caso. O corpo de Halisson foi recolhido pelo Instituto Médico Legal.
    Policial de folga prende suspeito de roubar celulares de venezuelanos em Boa Vista

    Policial de folga prende suspeito de roubar celulares de venezuelanos em Boa Vista


    Vítimas foram ameaçadas com uma faca pelo suspeito, que afirmou ter passagem pelo Centro Socioeducativo. Jovem ameçou imigrantes com uma faca para roubar os celulares Marcelo Marques/G1 RR Um policial civil de folga prendeu um jovem de 19 anos...


    Vítimas foram ameaçadas com uma faca pelo suspeito, que afirmou ter passagem pelo Centro Socioeducativo. Jovem ameçou imigrantes com uma faca para roubar os celulares Marcelo Marques/G1 RR Um policial civil de folga prendeu um jovem de 19 anos suspeito roubar celulares de dois venezuelanos nesta sexta-feira (21). Zidônio Vieira de Souza foi detido próximo a um banho no bairro Cidade Satélite, zona Oeste de Boa Vista. De acordo com o policial, ele soube do roubo e iniciou as buscas após colher informações com as vítimas. O suspeito teria usado uma faca para ameaçar e roubar os celulares dos imigrantes, que foram surpreendidos enquanto caminhavam em via pública. O agente disse ter visto o suspeito em uma região de mata, seguindo em direção a uma rua. "Foi quando eu corri e ele tentou escapar, mas acabou rendido", relatou o policial. Ao ser preso, o suspeito afirmou ter passagem pelo Centro SocioEducativo (CSE) por furto. Zidônio Vieira foi conduzido ao 3º Distrito Policial onde foi autuado em flagrante por roubo e conduzido à audiência de custódia que deverá ocorrer neste sábado (22).
    MP ajuíza ação contra governo e pede regularização do transporte escolar no Cantá, interior de RR

    MP ajuíza ação contra governo e pede regularização do transporte escolar no Cantá, interior de RR


    Documento foi protocolado na terça (18) pela Vara de Infância e Juventude e aguarda decisão da Justiça. Ministério Público de Roraima pede a oferta imediata de transporte escolar gratuito aos estudantes Ascom/MPRR O Ministério Público de...


    Documento foi protocolado na terça (18) pela Vara de Infância e Juventude e aguarda decisão da Justiça. Ministério Público de Roraima pede a oferta imediata de transporte escolar gratuito aos estudantes Ascom/MPRR O Ministério Público de Roraima (MPRR) ajuizou ação civil pública com pedido de liminar contra o Governo de Roraima devido ao fornecimento irregular do transporte escolar aos alunos da rede estadual de ensino no município de Cantá, Norte do estado. A ação desenvolvida pela Promotoria de Justiça de Defesa da Educação foi protocolada na terça-feira (18) na Vara de Infância e Juventude e aguarda decisão da Justiça. O documento pede ao estado a oferta imediata de transporte escolar gratuito, sob pena de multa. Segundo a promotora de Justiça de Defesa da Educação, Érika Michetti, os estudantes estão faltando às aulas e correm o risco de perder o ano letivo devido a falta de transporte escolar. As escolas afetadas são : Antonio Augusto Martins José Aureliano da Costa Professora Genira Brito Rodrigues Mário Homem de Melo Raimundo Carlos Mesquita Santa Catarina e Indígena Tuxaua Luiz Cadete "O segundo semestre escolar já se iniciou e os alunos de várias escolas estaduais do Cantá encontram-se prejudicados com o risco iminente de repetirem o ano, sem nos esquecermos dos danos ao aprendizado", lamentou. A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional estabelece como dever do Estado a educação escolar pública mediante garantia de atendimento ao aluno, inclusive, de transporte escolar. O G1 entrou em contado com o governo do estado e aguarda resposta.
    Ação arrecada brinquedos para serem doados no Dia das Crianças em Boa Vista

    Ação arrecada brinquedos para serem doados no Dia das Crianças em Boa Vista


    Campanha é uma iniciativa do Grupo de voluntários 'Amigos do Sorriso'. Meta é arrecadar até 500 brinquedos. Ação beneficiou cerca de mil crianças no ano passado Elaine Mirla/arquivo pessoal Com a proximidade do Dia das Crianças, celebrado em...


    Campanha é uma iniciativa do Grupo de voluntários 'Amigos do Sorriso'. Meta é arrecadar até 500 brinquedos. Ação beneficiou cerca de mil crianças no ano passado Elaine Mirla/arquivo pessoal Com a proximidade do Dia das Crianças, celebrado em 12 de outubro, o grupo de voluntários "Amigos do Sorriso" iniciou uma campanha para arrecadação de brinquedos que serão doados a abrigos infantis de Boa Vista. Segundo a coordenadora do grupo, Elaine Mirla, podem ser doados brinquedos novos e seminovos que estejam em bom estado de conservação e que tenham classificação de 12 anos. A meta é arrecadar até 500 brinquedos. Os interessados em fazer as doações podem entrar em contato através do telefone (95) 98108-3211. No ano passado, a ação beneficiou mil crianças do município de Mucajaí, no Sul de Roraima. Na ocasião foram realizas atividades recreativas e distribuição de alimentos. Atualmente o grupo 'Amigos do sorriso' conta com cerca de 50 integrantes. Elaine Mirla/arquivo pessoal Amigos do Sorriso O grupo nasceu em 2015, quando a fundadora, Larissa Melo, teve um sonho poucos dias antes do Dia das Crianças, no qual ela doava brinquedos a uma comunidade indígena. Depois disso, contou para uma amiga, que apoiou a ideia, e foram reunindo outras pessoas para contribuir com o projeto. A ideia deu certo e os brinquedos foram distribuídos na Comunidade Indígena Taba Lascada, no Cantá, Norte do estado e desde então o grupo vem realizando ações voluntárias como doações de roupas e alimentos, realização de atividades lúdicas em abrigos infantis e de idosos. Atualmente o grupo conta com aproximdamente 50 integrantes.
    Ação conjunta prende suspeito de envolvimento na morte de Major da Polícia Militar de RR

    Ação conjunta prende suspeito de envolvimento na morte de Major da Polícia Militar de RR


    'Yuri' é suspeito de executar o Major da Polícia Militar, Antônio Almeida de Oliveira, na noite de quarta-feira (19). Quatro suspeitos de envolvimento na morte do Major Antônio Almeida de Oliveira foram presos nesta sexta (21) Marcelo Marques/G1...


    'Yuri' é suspeito de executar o Major da Polícia Militar, Antônio Almeida de Oliveira, na noite de quarta-feira (19). Quatro suspeitos de envolvimento na morte do Major Antônio Almeida de Oliveira foram presos nesta sexta (21) Marcelo Marques/G1 RR Jorge Luiz Athan da Silva, apelidado de "Yuri", foi preso na madrugada desta sexta-feira (21) no bairro Cidade Satélite, zona Oeste de Boa Vista, por suspeita de ser um dos envolvidos na morte do Major da Polícia Militar Antônio Almeida de Oliveira, de 48 anos. O crime ocorreu na noite de quarta (19) em uma praça do Residencial Vila Jardim, no mesmo bairro. Athan da Silva foi detido em ação conjunta das polícias Civil e Militar e levado para a Delegacia Geral de Homicídios, onde foi autuado em flagrante pelo homicídio. Os policiais prenderam ainda outros três suspeitos. Thiago Silva Sousa, que é motorista de aplicativo e suspeito de levar um dos assassinos de um bairro para outro; Jonas Moreira da Silva, por envolvimento com tráfico de drogas; e Adivaldo Silva da Silva, que estava em uma boca de fumo e estava com o celular do Major assassinado. Os quatro envolvidos foram autuados em flagrante e, após passarem por exame de corpo de delito, serão encaminhados para audiência de custódia, onde ficarão à disposição da Justiça. Segundo as investigações da polícia, o crime ocorreu por ordem de uma facção criminosa. Três adolescentes também foram ouvidos como testemunhas e liberados em seguida. Na noite de quinta (20), durante uma ação conjunta das polícias Civil e Militar, um dos supostos envolvidos no crime, o adolescente Luiz Felipe Rodrigues da Silva, trocou tiros com policiais, foi baleado e morreu. Homicídio do Major Antônio Almeida Por volta da 1h o Major Antônio Almeida de Oliveira foi baleado na praça do Condomínio Angelin, dentro do Residencial Vila Jardim, no bairro Cidade Satélite, zona Oeste de Boa Vista. Ele foi alvejado por quatro disparos de arma de fogo. Testemunhas disseram que os suspeitos chegaram em um carro prata, atiraram contra a vítima e fugiram em seguida. De acordo com o Coronel Elias Santana, chefe do Comando de Policiamento da Capital (CPC), o Major Antônio Almeida estava afastado das funções. "Ele tinha problema com dependência química e estava afastado das funções", disse. À PM, a mulher do Major contou ainda que a vítima tinha dívida com um traficante conhecido como "Kaká", que estaria ameaçando Antônio de morte.
    Foragido acusado de tentativa de latrocínio é preso na Guiana, fronteira de Roraima

    Foragido acusado de tentativa de latrocínio é preso na Guiana, fronteira de Roraima


    Eduardo Vasconcelos Santos foi detido em Lethen nessa quinta (20). Eduardo Vasconcelos Santos, estava cometendo vários roubos em Boa Vista, segundo a Dicap Divulgação/Dicap O foragido do sistema prisional Eduardo Vasconcelos Santos, de 20 anos,...


    Eduardo Vasconcelos Santos foi detido em Lethen nessa quinta (20). Eduardo Vasconcelos Santos, estava cometendo vários roubos em Boa Vista, segundo a Dicap Divulgação/Dicap O foragido do sistema prisional Eduardo Vasconcelos Santos, de 20 anos, mais conhecido como 'Ice blue', foi preso no final da tarde dessa quinta-feira (20) em Lethen, na Guiana, fronteira com o Brasil. Segundo a Polícia Civil ele é acusado de tentativa de latrocínio contra um idoso. A prisão foi feita por agentes da Divisão de Inteligência e Captura (Dicap) da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc) e da Polícia de Lethen. Conforme a Dicap, 'Ice blue' já estava sendo investigado por roubos em Boa Vista, um deles contra um idoso, no dia 31 de agosto deste ano. Na época, ele e os comparsas, incluindo o foragido Adailton Costa Mateus, invadiram um comercio e roubaram o dinheiro da vítima. Durante as buscas pelo foragido, a polícia deteve três adolescentes, suspeitos de participação nos crimes. Na ocasião foram apreendidas duas armas de fogo. Após isso, o jovem fugiu para o país vizinho, mas acabou preso e foi levado à Penitenciaria Agrícola de Monte Cristo. De acordo com a Polícia Civil, ele estava foragido desde o dia 13 de agosto quando 75 detentos fugiram por um buraco na grade de contenção da penitenciária.

    Comerciante idoso é assassinado a facadas em São João da Baliza e PM suspeita de latrocínio


    Ele foi achado morto por funcionária que chegou para trabalhar às 7h desta sexta-feira (21). Um adulto e um menor foram detidos pela PM e levados à delegacia. Um comerciante de mais de 70 anos foi assassinado a facadas na madrugada desta sexta-feira...

    Ele foi achado morto por funcionária que chegou para trabalhar às 7h desta sexta-feira (21). Um adulto e um menor foram detidos pela PM e levados à delegacia. Um comerciante de mais de 70 anos foi assassinado a facadas na madrugada desta sexta-feira (21) em São João da Baliza, no Sul de Roraima. Um homem foi preso e um menor apreendido. A Polícia Militar suspeita de latrocínio. O idoso foi achado morto na casa onde morava e mantinha um comércio de venda de bebidas e alimentos. Uma funcionária do estabelecimento achou o corpo dele no chão do quarto por volta das 7h. Ele tinha várias perfurações de faca e estava coberto de sangue. A casa estava revirada e o caixa do comércio foi mexido. Ainda não se sabe se algo foi roubado, mas a PM aguarda a chegada de familiares da vítima para levantar o que havia na casa. Testemunhas disseram aos policiais que os dois suspeitos detidos, ambos brasileiros e moradores da cidade, foram vistos no estabelecimento antes do crime. A PM acredita que o idoso foi assassinado por volta de meia noite. O Instituto Médico Legal (IML) e a perícia, que já iriam a cidade vizinha Caroebe recolher dois cadáveres achados às margens da BR-210, foram chamados para também irem ao local. O corpo deve ser transportado para Boa Vista. O adulto e o menor detidos foram entregues à Polícia Civil na delegacia da cidade.
    Ex-presidiário é pego com arma e diz que tinha ordem para matar rivais de facção em Boa Vista

    Ex-presidiário é pego com arma e diz que tinha ordem para matar rivais de facção em Boa Vista


    Ele tinha escopeta e munição e foi detido na madrugada desta sexta (21) no bairro Senador Hélio Campos, zona oeste da cidade. Daylson Gomes da Silva, 28, foi preso no bairro Senador Hélio Campos Divulgação/PM O ex-presidiário Daylson Gomes da...


    Ele tinha escopeta e munição e foi detido na madrugada desta sexta (21) no bairro Senador Hélio Campos, zona oeste da cidade. Daylson Gomes da Silva, 28, foi preso no bairro Senador Hélio Campos Divulgação/PM O ex-presidiário Daylson Gomes da Silva, 28, foi detido pela Polícia Militar na madrugada desta sexta-feira (21) em Boa Vista ao ser flagrado com uma escopeta e munição. Ao ser preso, por volta das 2h50, no bairro Senador Hélio Campos, zona Oeste da cidade, ele admitiu pertencer à facção Primeiro Comando da Capital (PCC) e disse que tinha ordem para executar rivais de outro grupo criminoso. A PM chegou até o suspeito, que responde por roubo e já cumpriu pena na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, durante ação de policiamento ostensivo. Os policiais viram um grupo de homens em atitude suspeita na rua Closvaldo Paes Carolino, antiga S-16. Eles tentaram fugir, mas foram contidos. Daylson da Silva estava perto do grupo, mas deitado em uma rede. Ele tentou sair despercebido do local, mas foi visto e detido pelos PMs. Com ele, foi encontrada a escopeta calibre 36 e um cartucho de munição. Além de confessar integrar a facção e dizer que tinha a ordem para matar rivais, o ex-presidiário afirmou ainda que estava responsável por proteger um comparsa da mesma organização criminosa. Preso, ele foi entregue à Polícia Civil no 5º Disitrito Policial.
    Presos tentam fugir da Penitenciária Agrícola de Roraima, mas são flagrados pela PM

    Presos tentam fugir da Penitenciária Agrícola de Roraima, mas são flagrados pela PM


    Sete detentos iriam escapar por buraco que cavavam perto de muro na madrugada desta sexta (21). Buraco foi encontrado por PMs nesta madrugada, segundo a Sejuc Arquivo Pessoal Sete presos tentaram fugir da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, em...


    Sete detentos iriam escapar por buraco que cavavam perto de muro na madrugada desta sexta (21). Buraco foi encontrado por PMs nesta madrugada, segundo a Sejuc Arquivo Pessoal Sete presos tentaram fugir da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, em Boa Vista, na madrugada desta sexta-feira (21), mas foram impedidos pela Polícia Militar. Segundo o coronel Fabiano Peres, adjunto da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), os detentos iriam fugir por um buraco que faziam no chão, próximo ao muro do presídio. Dois deles foram detidos, mas os outros cinco conseguiram voltar à parte interna da unidade antes de sequer serem identificados. O coronel garantiu que não houve fuga da unidade. Uma equipe da Sejuc está no local nesta manhã para obter mais informações acerca da ação dos detentos. Com uma média de 1,2 mil detentos, a Penitenciária Agrícola de Monte Cristo é a maior unidade prisional do estado e concentra presos ligados à facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).
    Dois corpos com marcas de tiros são encontrados às margens de rodovia em Caroebe

    Dois corpos com marcas de tiros são encontrados às margens de rodovia em Caroebe


    Vítimas são do sexo masculino e ainda não foram identificadas. Segundo a PM de Caroebe, no Sul do estado, marcas de tiro são de grosso calibre. Corpos estavam do lado de motocicleta caída às margens da BR-210, em Caroebe Arquivo pessoal Dois...


    Vítimas são do sexo masculino e ainda não foram identificadas. Segundo a PM de Caroebe, no Sul do estado, marcas de tiro são de grosso calibre. Corpos estavam do lado de motocicleta caída às margens da BR-210, em Caroebe Arquivo pessoal Dois corpos ainda não identificados foram encontrados às margens da BR-210, em Caroebe, no Sul de Roraima, nessa sexta-feira (21). Segundo a Polícia Militar, os dois cadáveres são do sexo masculino e tinham marcas de tiros de grosso calibre. Com mais esses casos, chega a seis o número de pessoas assassinadas entre a noite de quinta (20) e esta sexta. Em Boa Vista foram quatro homicídios em 6h. As vítimas foram encontradas caídas no chão vestidas apenas de bermuda. Ao lado, havia uma motocicleta. Eles estavam a cerca de 8km da sede do município. De acordo com a PM, a informação de que tinham corpos na rodovia foi repassada por moradores e a polícia foi então acionada. Nesta manhã, policiais militares ainda aguardavam a chegada de uma viatura do Instituto Médico Legal (IML) para remover as vítimas do local. O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil.
    Sine em Roraima oferta 15 vagas de emprego nesta sexta-feira (21)

    Sine em Roraima oferta 15 vagas de emprego nesta sexta-feira (21)


    Interessados devem comparecer ao Sine das 7h30 às 13h30. Trabalhadores interessados devem manter o cadastro atualizado no Sine Jana Pessôa/Setas-MT O Sistema Nacional de Emprego (Sine) em Roraima oferta 15 vagas de trabalho em diferentes áreas de...


    Interessados devem comparecer ao Sine das 7h30 às 13h30. Trabalhadores interessados devem manter o cadastro atualizado no Sine Jana Pessôa/Setas-MT O Sistema Nacional de Emprego (Sine) em Roraima oferta 15 vagas de trabalho em diferentes áreas de atuação nesta sexta-feira (21). As oportunidades são para ambos os sexos e pessoas com deficiência (PCD). Para concorrer a uma vaga o candidato deve fazer o cadastro no sistema de emprego no Departamento de Emprego, Trabalho e Renda da Secretaria de Trabalho e Bem-Estar Social (Setrabes), localizado na avenida Mário Homem de Melo, bairro Mecejana, zona Oeste de Boa Vista. É necessário apresentar a carteira de identidade, CPF, carteira de trabalho e comprovante de residência atualizado. Aqueles que têm cursos na área que deseja concorrer podem levar os certificados para compor o cadastro. O atendimento ocorre das 7h30 às 13h30. Confira a lista de vagas: Assistente jurídico. Requisitos: estudando ou formado em Direito - 1 vaga; Auxiliar de escritório. Requisitos: ensino médio completo, experiência na área, transporte próprio, CNH, conhecimento em Excel, ofício, laudos, etc. - 1 vaga; Fiscal de caixa. Requisitos: Experiência na carteira - 1 vaga; Gerente comercial. Requisitos: experiência na área em supermercado - 1 vaga; Recepcionista de secretaria. Requisitos: ensino médio completo, experiência na área, tenha transporte e CNH, conhecimento em Excel, ofício, laudos e etc. - 1 vaga; Técnico em manutenção eletrônica. Requisitos: experiência na área, executar serviços de programação de computadores, processamento de dados, dando suporte técnico, orientar os usuários para utilização dos softwares e hardwares, executar o suporte técnico necessário para garantir o bom funcionamento dos equipamentos, com substituição, configuração e instalação de módulos, partes e componentes, administrar cópias de segurança, impressão e segurança dos equipamentos em sua área de atuação - 1 vaga; Vendedor pracista. Requisitos: ensino médio completo, experiência de seis meses na área, conhecimento no pacote Office, matemática básica e possuir veículo (preferência por moto) - 1 vaga; Auxiliar de limpeza (exclusiva PCD). Requisitos: transporte próprio - 1 vaga; Repositor (exclusiva PCD). Requisitos: experiência informal, disponibilidade de horário, ensino médio completo - 3 vagas Empacotador (exclusiva PCD). Requisitos: com experiência, ensino médio completo - 4 vagas;
    Suspeito de envolvimento em execução de PM e outros três são mortos a tiros em Boa Vista

    Suspeito de envolvimento em execução de PM e outros três são mortos a tiros em Boa Vista


    Quatro homicídios ocorreram entre 21h30 de quinta (20) e às 3h desta sexta (21) na zona Oeste de Boa Vista. Major da PM foi executado na madrugada de quinta no condomínio em que morava. Lennon da Cruz Feitosa, 29, e Augusto Neto Calheiros Plaster,...


    Quatro homicídios ocorreram entre 21h30 de quinta (20) e às 3h desta sexta (21) na zona Oeste de Boa Vista. Major da PM foi executado na madrugada de quinta no condomínio em que morava. Lennon da Cruz Feitosa, 29, e Augusto Neto Calheiros Plaster, 32, eram ex-detentos da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo Divulgação/Dicap Quatro homicídios por arma de fogo foram registrados entre a noite de quinta-feira (20) e a madrugada desta sexta-feira (21) em Boa Vista. Entre os mortos estão dois ex-presidiários e o menor Luiz Felipe Rodrigues da Silva, 17, que trocou tiros com a polícia no residencial Vila Jardim. Ele é suspeito de envolvimento na execução do major da PM Antônio Almeida de Oliveira, 48. De acordo com a Polícia Militar, as mortes ocorreram entre 21h30 e 3h nos bairros Cidade Satélite (residencial Vila Jardim), Bela Vista, Nova Canaã, e São Bento, todos na zona Oeste da cidade. Três dos quatro mortos foram identificados. Dois já tinham cumprido pena na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, unidade onde ficam presos ligados à facção Primeiro Comando da Capital (PCC). "Três mortes nós atribuímos a essa guerra entre facções criminosas. Pela dinâmica e pela narrativa das guarnições que atenderam esses homicídios tudo indica que é a disputa pelo poder e por espaço. Em relação à morte do Vila Jardim, ela decorreu de uma informação repassada à CIOPS [Centro Integrado de Operações de Segurança] de que quatro elementos que participaram da morte [do major] estariam naquele apartamento", declarou o coronel Elias Santana, chefe do Comando de Policiamento da Capital (CPC). A primeira morte foi a do menor Luiz Rodrigues. Ele foi baleado em uma troca de tiros com agentes do Bope ao ser abordado no condomínio Vila Jardim, no bairro Cidade Satélite, mesmo endereço onde o policial foi morto na madrugada de quinta. A PM chegou ao endereço por volta das 21h30 após receber a denúncia de que quatro foragidos envolvidos na morte do major estavam armados em um apartamento no local. Quatro baleados chegaram a ser levados ao HGR, mas morreram em razão dos ferimentos Laudinei Sampaio/Rede Amazônica Roraima Os policiais relataram ter visto Luiz Felipe fugindo pelo forro de um apartamento no último andar e foram atrás dele. Na abordagem, ele disparou contra os agentes, que revidaram e o balearam. Luiz chegou a ser levado para o Hospital Geral de Roraima, mas não resistiu e morreu. Com ele a PM apreendeu um revólver calibre 38 e quatro munições, sendo duas intactas e duas deflagradas. Na mesma hora, outra equipe da PM foi acionada para o bairro Bela Vista para atender uma nova ocorrência de disparo de arma de fogo. Quando a polícia chegou ao local, próximo a uma distribuidora, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) já havia levado a vítima para o Hospital Geral de Roraima. Testemunhas relataram que uma pessoa fez os disparos de dentro de um carro e fugiu. A vítima identificada como Lennon da Cruz Feitosa, 29, morreu no hospital. Segundo a Divisão Inteligência e Captura (Dicap) Lennon tinha passagem na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo por tráfico de drogas e estava em liberdade há um ano. Cerca de uma hora depois, um terceiro homicídio ocorreu no bairro Nova Canaã. No local, a polícia encontrou a vítima caída na calçada e com as roupas ensanguentadas. Ele foi levado para o HGR, mas não resistiu. Moradores relataram que não viram o que aconteceu e que não conheciam a vítima. Ele ainda não foi identificado. Já na madrugada, por volta das 3h desta sexta-feira (21), Augusto Neto Calheiros Plaster, 32, foi morto também com tiros em uma invasão no bairro São Bento. Ele era conhecido como 'Louro' ou 'Branco'. Testemunhas disseram que ele é integrante da facção criminosa Comando Vermelho, e comandava o tráfico de drogas na região. O corpo tinha marcas de pelo menos 23 tiros, relatou a PM. A Dicap informou que Augusto já tinha sido preso por tráfico, furto e roubo na Penitenciária Agrícola, mas estava em liberdade. Os quatro corpos foram recolhidos e levados ao Instituto Médico Legal (IML) para exames. Os homicídios devem ser registrados junto à Polícia Civil para investigação. Morte de PM O major da Polícia Militar Antônio Almeida de Oliveira, 48, foi assassinado a tiros na madrugada de quinta. Ele estava afastado de suas funções. À PM, a mulher dele relatou que ele era usuário de drogas e tinha dívida com um traficante, que já o ameaçara de morte. O policial estava na praça do condomínio Angelin, dentro do residencial Vila Jardim, onde morava, quando foi alvejado por volta de 1h. Ele levou pelo menos quatro tiros e morreu ainda no local.
    Mais de 20 imigrantes venezuelanos são levados de Roraima para Brasília e Rio de Janeiro

    Mais de 20 imigrantes venezuelanos são levados de Roraima para Brasília e Rio de Janeiro


    Voo da FAB saiu de Boa Vista às 8h10 (horário local). Esta semana, 94 pessoas participaram do processo de interiorização. Imigrantes venezuelanos serão levados para Brasília (19) e Rio de Janeiro (5) no processo de interiorização desta...


    Voo da FAB saiu de Boa Vista às 8h10 (horário local). Esta semana, 94 pessoas participaram do processo de interiorização. Imigrantes venezuelanos serão levados para Brasília (19) e Rio de Janeiro (5) no processo de interiorização desta sexta-feira (21) Alan Chaves/G1 RR Nesta sexta-feira (21) o avião C-99 da Força Aérea Brasileira (FAB) levou mais 24 imigrantes venezuelanos de Roraima para Brasília e Rio de Janeiro. O voo saiu do Aeroporto Internacional Atlas Brasil, em Boa Vista, às 9h10 (horário de Brasília) e deve chegar na capital carioca às 16h. Esta é a 9ª etapa do processo de interiorização do Governo Federal. Até agora, 16 voos foram realizados desde abril e nove estados do país receberam venezuelanos que migraram para Roraima em busca de melhores oportunidades de vida e trabalho. De Boa Vista o avião vai para a Base Aérea de Cachimbo, no Pará, e depois Brasília, onde deve chegar em torno das 13h. Na capital federal vão ficar 19 imigrantes e os outros 5 serão levados para o Rio de Janeiro, com previsão de chegada às 16h. Os imigrantes interiorizados nesta sexta-feira estavam no abrigo Rondon II, no bairro 13 de Setembro, zona Oeste da capital de Roraima. Eles foram levados por volta das 7h30 em um ônibus do Exército até o aeroporto de Boa Vista. Avião da FAB deixou o Aeroporto de Boa Vista às 8h10 e deve chegar no Rio de Janeiro às 16h (horário de Brasília) Alan Chaves/G1 RR Interiorizações de setembro Desde o início do mês de setembro, 879 imigrantes foram interiorizados de Roraima para 8 estados do país. Na primeira semana, 204 pessoas foram levadas para os estados do Amazonas, Mato Grosso, Distrito Federal, São Paulo e Rio Grande do Sul. O primeiro voo levou 204 venezuelanos para Manaus e Cuiabá e, o segundo, outros 204 para Brasília, São Paulo e Esteio (RS). Na segunda semana, outros dois voos levaram 377 venezuelanos para os estados do Rio Grande do Sul. O primeiro deles teve destino o município de Canoas e interiorizou 201 pessoas, enquanto que o segundo transferiu 176 imigrantes para as cidades de Canoas, novamente, e Esteio. Na terceira semana houve redução no número de interiorizados, no total foram 94 pessoas, mas, segundo o Governo Federal, isso ocorreu porque o Boing 767 - com maior capacidade - estava fora do país. Por esse motivo, voos menores ocorreram de terça (18) a sexta-feira. Na terça-feira, 30 pessoas foram levadas para a cidade de Igarassu (PE). Na quarta (19), outras 20 seguiram para Manaus e na quinta (20) mais 20 venezuelanos foram transferidos para os municípios de Igarassu (PE), novamente, e Conde Jacumã (PB). De acordo com a Casa Civil, antes de serem interiorizados, todos os imigrantes são vacinados, têm documentação como CPF e carteira de trabalho, são submetidos a exames de saúde e aceitaram participar voluntariamente do processo. Com este 16º voo, sobe para 1978 o número de venezuelanos que participaram do processo de interiorização do Governo Federal. Initial plugin text

    Veja a agenda desta sexta (21) dos candidatos ao governo de Roraima


    Acompanhe a programação diária dos cinco candidatos ao governo do estado. Confira abaixo a agenda dos candidatos ao governo de Roraima nesta sexta-feira (21). ANCHIETA (PSDB) Manhã reuniões em Boa Vista Tarde visitas em alguns bairros da...

    Acompanhe a programação diária dos cinco candidatos ao governo do estado. Confira abaixo a agenda dos candidatos ao governo de Roraima nesta sexta-feira (21). ANCHIETA (PSDB) Manhã reuniões em Boa Vista Tarde visitas em alguns bairros da cidade 16h30 - caminhada na Praça das Águas Noite reuniões em vários bairros de Boa Vista ANTONIO DENARIUM (PSL) candidato não informou a agenda para esta sexta-feira (21) FÁBIO (PSOL) candidato não informou a agenda para esta sexta-feira (21) SUELY CAMPOS (PP) candidata não informou a agenda para esta sexta-feira (21) TELMÁRIO MOTA (PTB) Manhã visitas e reuniões políticas em Comunidades Indígenas do município de Boa Vista Tarde visitas e reuniões políticas em Comunidades Indígenas do município de Pacaraima. Noite faz visitas e reuniões políticas em Boa Vista Confira outras mais notícias sobre as Eleições 2018 em Roraima.
    Governo de Roraima anuncia acordo para ajudar Maduro a repatriar imigrantes venezuelanos

    Governo de Roraima anuncia acordo para ajudar Maduro a repatriar imigrantes venezuelanos


    Estado vai disponibilizar ônibus para levar venezuelanos até Pacaraima, na fronteira com a Venezuela. Acordo foi firmado em Caracas durante reunião de Suely Campos com Nicolás Maduro nesta quinta (20). Suely Campos, governadora de Roraima, se...


    Estado vai disponibilizar ônibus para levar venezuelanos até Pacaraima, na fronteira com a Venezuela. Acordo foi firmado em Caracas durante reunião de Suely Campos com Nicolás Maduro nesta quinta (20). Suely Campos, governadora de Roraima, se reuniou com Nicolás Maduro em Caracas nesta quinta ()20 Elinaldo Santos/Secom/Divulgação A governadora de Roraima Suely Campos firmou um acordo com Nicolás Maduro para ajudá-lo a repatriar imigrantes para a Venezuela. A medida foi tomada nesta quinta-feira (20) durante reunião em Caracas, capital do país. Também ficou acertado que o governo venezuelano fará manutenção no Linhão de Guri para evitar novos apagões no estado. Com o acordo, Roraima disponibilizará ônibus para levar os venezuelanos até a cidade de Pacaraima, na fronteira. De lá, eles seguirão viagem com apoio do governo de Maduro no programa de “Volta à Pátria”. A repatriação com o apoio logístico do estado deve começar na semana que vem. De início, cerca de 100 venezuelanos devem regressar ao país. Todo o processo será acompanhado pelo Consulado da Venezuela em Roraima. O órgão vai fazer listas com nomes de imigrantes que quiserem ser repatriados. "Com essa parceira nós vamos oferecer o transporte até a fronteira para levar aqueles venezuelanos que queiram voltar ao país. Da fronteira em diante será com o governo da Venezuela. Na semana que vem já vamos implementar a primeira saída deles", disse Suely. A governadora retornou a Boa Vista por volta de 20h15 desta quinta. Com a volta dela para o estado, a desembargadora Elaine Bianchi, que havia ficado no cargo, volta à presidência do Tribunal de Justiça de Roraima. Mais cedo, Maduro publicou no Twitter que a reunião com Suely tinha sido produtiva e que os dois haviam chegado a acordos importantes. Initial plugin text A reunião de Suely com Maduro foi intermediada pelo Consulado da Venezuela em Roraima. A governadora viajou junto com uma comitiva de Boa Vista a Caracas em uma aeronave do governo venezuelano. Toda a viagem oficial foi bancada pelo país vizinho, informou a Secretaria de Comunicação do estado. A viagem da governadora foi publicada no Diário Oficial em mensagem governamental enviada para a Assembleia Legislativa de Roraima. No entanto, o texto citava apenas que Suely trataria sobre questões energéticas referentes ao Linhão de Guri. O governo de Roraima disse que esse apoio a Maduro na repatriação de venezuelanos foi uma solução encontrada entre ambas as partes para minimizar os impactos da imigração nos serviços públicos do estado. Criado por Maduro, o plano "Volta à Pátria" foi uma medida tomada pelo ditador para dar apoio a venezuelanos que deixaram o país, mas querem retornar à terra natal. No início do mês, um grupo de 100 imigrantes deixou Boa Vista e voltou à Venezuela em um ônibus fretados por Maduro. A saída deles do estado ocorreu em meio ao clima de tensão que formou quando um brasileiro e um venezuelano foram assassinados após uma confusão. Dias antes, em Pacaraima, 25 indígenas Warao também retornaram ao país com o apoio do governo venezuelano. A ida do grupo foi após brasileiros atacarem e expulsarem imigrantes que vivam nas ruas da cidade. Linhão de Guri Suely também disse que, durante a reunião, Maduro se comprometeu a fazer manutenção no Linhão de Guri, que fornece energia para Roraima. Nos últimos dias, em razão da falta de cuidados na linha de transmissão, o estado enfrentou uma série de apagões. Foram contabilizados nove desligamentos somente em um fim de semana. "O presidente Nicolás Maduro garantiu que vai iniciar imediatamente a manutenção na rede elétrica, ele garantiu também que vai melhorar a qualidade da nossa energia e que fará a prorrogação do contrato até que tenhamos a construção do Linhão de Tucuruí", afirmou Suely. De acordo com secretário-adjunto da casa Civil, Ivo Galindo, que também esteve na reunião, disse que Maduro afirmou que poderá, inclusive, aumentar a quantidade de megawatts ofertada atualmente para o estado. O contrato de fornecimento de energia com o governo venezuelano é até 2021. Roraima é o único do país que não faz parte do Sistema Interligado Nacional (SIN) e depende da energia venezuelana. No dia 11 deste mês, a governadora chegou a propor em Brasília que a Eletrobras fizesse a manutenção da linha de transmissão de energia que liga Roraima à usina na Venezuela. O governo estadual e o venezuelano também pactuaram estreitar relações comerciais e de produção em vários setores para fortalecer a economia do Norte do Brasil e do Sul da Venezuela.
    'O Mistério do Relógio na Parede' e '22 Milhas' estreiam nos cinemas de Roraima

    'O Mistério do Relógio na Parede' e '22 Milhas' estreiam nos cinemas de Roraima


    Terror 'A Freira' e a animação 'Os Jovens Titãs em Ação' seguem em exibição na capital. Cena de 'O Mistério do Relógio na Parede' Divulgação Entram em cartaz nos cinemas de Boa Vista nesta quinta-feira (20) a ação "22 Milhas", estrelada...


    Terror 'A Freira' e a animação 'Os Jovens Titãs em Ação' seguem em exibição na capital. Cena de 'O Mistério do Relógio na Parede' Divulgação Entram em cartaz nos cinemas de Boa Vista nesta quinta-feira (20) a ação "22 Milhas", estrelada pelo ator Mark Wahlberg e a aventura "O Mistério do Relógio na Parede", com Jack Black e Cate Blanchett no elenco. Seguem na programação o terror "A Freira" e a animação "Os Jovens Titãs em Ação". Confira os filmes: 22 Milhas O filme narra a história de um agente da CIA que precisa transportar um informante da Indonésia do Centro da cidade para refúgio em um aeroporto a 22 milhas de distância, depois de ser auxiliado por uma unidade de comando tático ultrassecreta. Gênero: ação Classificação: 14 anos Cine Araújo: 18h - 20h - 21h45 Super K: 19h15 - 21h10 O mistério do relógio na parede Lewis, um menino de apenas 10 anos, vai para Michigan morar com o tio após a morte dos pais. O que ele não sabe é que o próprio tio e a vizinha da casa ao lado são feiticeiros. Gêneo: aventura Classificação: 10 anos Cinemark: 14h20 - 17h - 19h30 - 21h50 Cine Araújo: 15h30 - 17h30 - 19h30 - 21h30 Super K: 19h15 - 21h20 O Predador: a caçada continua Gênero: ação Classificação: 18 anos Cinemark: 19h - 21h30 Cine Araújo: Super K: 19h25 - 21h30 Fantástica: uma aventura no mundo Boonie Bears Gênero: animação Classificação: livre Cinemark: 14h40 - 16h40 A Freira Gênero: terror Classificação: 14 anos Cinemark: 15h20 - 18h Cine Araújo: 15h30 - 16h - 17h30 - 18h - 19h30 - 20h - 21h30 - 21h45 Super K: 19h20 - 21h20 - 20h30 Alfa Gênero: aventura Classificação: 10 anos Cine Araújo: 16h Super K: 19h10 - 21h15 Crô em família Gênero: ação/suspense Classificação: 14 anos Cinemark: 14h O Candidato Honesto 2 Gênero: comédia Classificação: 12 anos Cinemark: 16h -18h30 - 21h Os Jovens Titãs em Ação Gênero: animação Classificação: 14 anos Cinemark: Cine Araújo: Super K: 19h15 Deus não está morto: uma luz na escuridão Gênero: drama Classificação: 12 anos Super K: 21h10
    Governadora de Roraima viaja à Venezuela para se reunir com Maduro sobre questão energética

    Governadora de Roraima viaja à Venezuela para se reunir com Maduro sobre questão energética


    Suely Campos (PP) viajou nesta quinta-feira (20) acompanhada de comitiva. Assunto da reunião foi publicado no Diário Oficial do estado, e presidente do TJRR assume governo até sexta (21). Em mensagem governamental, governadora informou viagem e...


    Suely Campos (PP) viajou nesta quinta-feira (20) acompanhada de comitiva. Assunto da reunião foi publicado no Diário Oficial do estado, e presidente do TJRR assume governo até sexta (21). Em mensagem governamental, governadora informou viagem e motivo da reunião à ALE Diário Oficial do Estado/Reprodução A governadora de Roraima Suely Campos (PP) viajou nesta quinta-feira (20) à Venezuela para uma reunião com o presidente do país Nicolás Maduro. Com o afastamento, a presidente do Tribunal de Justiça de Roraima, desembargadora Elaine Bianchi, assume o governo até essa sexta (21). A informação sobre a viagem de Suely foi publicada no Diário Oficial em mensagem governamental enviada para a Assembleia Legislativa de Roraima. Segundo o texto, ela se reúne com Maduro para falar sobre questões energéticas referentes ao Linhão de Guri. De acordo com a Secretaria de Comunicação do governo, um dos assuntos que devem ser abordados por Suely Campos é a manutenção do Linhão pela Eletrobras. O suporte pode garantir a qualidade da transmissão energética ao estado. Segundo o cônsul-adjunto da Venezuela em Roraima, José Martí Uriana, a governadora está acompanhada da cônsul Gabriela Ducharne Cardenas, e de uma comitiva. O grupo terá uma reunião em Caracas, capital do país. "Para beneficiar nossa população, hoje recebemos a visita da Governadora do Estado de Roraima da República Federativa do Brasil, Suely Campos, para iniciar uma troca de planos e propostas para o retorno de nossos compatriotas à nossa Pátria", publicou no Twitter Justo Noguera Pietri, governador do estado venezuelano de Bolívar. Initial plugin text No diário oficial, a governadora pediu autorização para se ausentar do país nesta quinta e na sexta (20). A solicitação foi feita na segunda (17). Em nota, o Tribunal de Justiça de Roraima informou que foi comunicado pela Assembleia Legislativa do afastamento da governadora. Em razão de impedimento previsto na legislação eleitoral, a presidente do TJ, a desembargadora Elaine Bianchi, assume o governo nesse período ao invés do presidente da ALE, deputado Jalser Renier, candidato à reeleição. Na fronteira com a Venezuela, Roraima recebe desde 2015 um crescente número de imigrantes que fogem, principalmente, da hiperinflação, escassez de comida e remédios que se agrava no regime de Maduro. Em uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF), Suely Campos cobra o fechamento temporário da fronteira com a Venezuela. O pedido, no entanto, já foi negado liminarmente (provisoriamente), pela relatora, a ministra Rosa Weber. Linhão de Guri No dia 11 deste mês, a governadora propôs em Brasília que a Eletrobras faça a manutenção da linha de transmissão de energia que liga Roraima à usina na Venezuela. O estado é o único do país que não faz parte do Sistema Interligado Nacional (SIN) e depende da energia venezuelana. Há 17 anos Roraima recebe energia da Venezuela por meio do Linhão de Guri. A subestação de energia foi inaugurada em 2001, ainda no governo de Fernando Henrique Cardoso e o então presidente venezuelano Hugo Chavez. Ao todo, são 211 Km de linha de transmissão entre Santa Elena, na Venezuela, a Boa Vista, capital de Roraima. Ao menos dois terços da energia consumida no estado são gerados pela usina hidrelétrica de Gúri, que fica ao Norte da Venezuela.

    Padrasto é preso suspeito de estuprar enteada de 5 anos em Boa Vista


    Jovem de 25 anos foi preso preventivamente nessa quarta-feira (19). Crime foi denunciado à polícia pela avó da menina. Um jovem de 25 anos foi preso preventivamente nessa quarta-feira (19) em Boa Vista acusado de estuprar a enteada de 5 anos. O...

    Jovem de 25 anos foi preso preventivamente nessa quarta-feira (19). Crime foi denunciado à polícia pela avó da menina. Um jovem de 25 anos foi preso preventivamente nessa quarta-feira (19) em Boa Vista acusado de estuprar a enteada de 5 anos. O mandado de prisão foi cumprido por agentes do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente (NPCA), no final da tarde. Ele estava em casa, no bairro Pérolas, zona Oeste da cidade, e não resistiu à voz de prisão. A polícia chegou até o acusado após receber denúncia da avó materna da menina. Com as investigações, a polícia reuniu provas e pediu a prisão dele. "A denúncia é a maior arma contra esse tipo de crime. Somente por meio dela a polícia pode ter conhecimento do caso e agir para punir o infrator”, ressaltou a delegada Jaira Farias, titular do NPCA. Após ser qualificado pelo crime e interrogado, o suspeito foi encaminhado à Cadeia Pública de Boa Vista.
    Governadora propõe interiorizar 500 imigrantes por dia para resolver crise imigratória em Roraima

    Governadora propõe interiorizar 500 imigrantes por dia para resolver crise imigratória em Roraima


    Suely Campos (PP) enviou ao STF proposta de acordo; União precisa se manifestar e validade depende de homologação. A governadora de Roraima, Suely Campos (PP), enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma proposta de acordo para resolver a...


    Suely Campos (PP) enviou ao STF proposta de acordo; União precisa se manifestar e validade depende de homologação. A governadora de Roraima, Suely Campos (PP), enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma proposta de acordo para resolver a situação dos imigrantes venezuelanos no estado. O documento foi divulgado esta quarta-feira (19) e anexado a uma ação em que Suely Campos pede o fechamento temporário da fronteira com a Venezuela, já negado liminarmente (provisoriamente), pela relatora, ministra Rosa Weber. A ministra propôs que União e estado façam um acordo para resolver a questão. Entre as propostas apresentadas ao STF, a governadora sugere o encaminhamento de, no mínimo, 500 imigrantes por dia a outros estados, "adequando tal quantidade de acordo com o futuro fluxo migratório". Pelo acordo, os estados e municípios que receberem este contingente serão compensados financeiramente por meio de repasses mensais de forma proporcional ao número de imigrantes recebidos. Ela também pede que, diariamente, os imigrantes sejam retirados das ruas e locais públicos e levados para abrigos. Suely propõe uma fiscalização nestes abrigos para evitar que os já acolhidos fiquem nos sinais de trânsito e nas portas dos estabelecimentos comerciais, como bancos e restaurantes, "mendigando, expostos ao sol escaldante". Mais 180 venezuelanos chegaram em Manaus no início deste mês Patrick Marques/G1 AM A governadora requer ainda que Roraima receba, no prazo de até 30 dias contado da homologação do acordo, medicamentos e insumos médicos para a rede pública de saúde, incluindo os serviços prestados pela própria união em Pacaraima e nos abrigos de refugiados em Boa Vista. Segundo a proposta, o Estado deve receber, mensalmente, valores gastos com saúde. A governadora propõe que os repasses sejam calculados de acordo com a quantidade de atendimentos dos imigrantes/refugiados na rede pública estadual no mês anterior. Entre outros pontos, a proposta de acordo estabelece que: Haja aumento de repasses a fundos estaduais, como o Fundo de Participação dos Estados e Distrito Federal, Fundo Estadual de Saúde e Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação; Sejam instituídas colônias agrícolas para acolher imigrantes que tenham tal vocação; No prazo de 60 dias, após a homologação do acordo, o Estado de Roraima receba: 50 viaturas policiais; 25 motocicletas; um ônibus urbano de 42 lugares; dois ônibus de 32 lugares; 20 mil munições de bala de borracha calibre 12; 3 mil granadas explosivas “menos letais”. A validade do acordo depende de homologação do documento, o que só ocorrerá com a concordância do governo. A governadora pede que a União se manifeste sobre a proposta em 10 dias e seja marcada uma audiência para homologar o acordo "em um prazo razoável". Initial plugin text
    Foragido e comparsa suspeitos de assaltar loja de celulares são presos em Rorainópolis

    Foragido e comparsa suspeitos de assaltar loja de celulares são presos em Rorainópolis


    Assalto ocorreu na quarta (19) em Caracaraí, e dupla foi presa na madrugada desta quinta (20). Josiel da Silva dos Santos, o 'Diel', fugiu da Cadeia Pública de Boa Vista em agosto. Assaltantes levaram dinhero e produtos da loja durante o...


    Assalto ocorreu na quarta (19) em Caracaraí, e dupla foi presa na madrugada desta quinta (20). Josiel da Silva dos Santos, o 'Diel', fugiu da Cadeia Pública de Boa Vista em agosto. Assaltantes levaram dinhero e produtos da loja durante o crime Arquivo pessoal O foragido do sistema prisional Josiel da Silva dos Santos, o 'Diel', e o comparsa Eliton Amorim Feio foram presos na madrugada desta quinta-feira (20) em Nova Colina, em Rorainópolis, no Sul do estado. Eles são suspeitos de assaltar à mão armada uma loja de celulares em Caracaraí, município vizinho. Segundo a Polícia Militar, uma denúncia informou que um homem estava armado próximo a uma praça na vila. A equipe foi ao local e constatou que o homem era 'Diel', foragido da Cadeia Pública de Boa Vista desde agosto. Aos policiais, ele contou que o comparsa estava com a arma em uma casa na vila. No local, os policiais encontraram Eliton, arma usada no assalto em Caracaraí e duas munições intactas. Os agentes também acharam alguns objetos que foram roubados na loja durante o crime e uma munição deflagrada. A dupla foi presa e conduzida para a delegacia de Rorainópolis. O caso vai ser registrado e eles serão presos em flagrante pelos crimes de roubo e porte ilegal de arma, segundo a Polícia Civil.
    Sine em Roraima oferta 28 vagas de emprego nesta quinta-feira (20)

    Sine em Roraima oferta 28 vagas de emprego nesta quinta-feira (20)


    Interessados devem comparecer ao Sine das 7h30 às 13h30. Trabalhadores interessados devem manter o cadastro atualizado no Sine Fernando Madeira/Divulgação O Sistema Nacional de Emprego (Sine) em Roraima oferta 28 vagas de trabalho em diferentes...


    Interessados devem comparecer ao Sine das 7h30 às 13h30. Trabalhadores interessados devem manter o cadastro atualizado no Sine Fernando Madeira/Divulgação O Sistema Nacional de Emprego (Sine) em Roraima oferta 28 vagas de trabalho em diferentes áreas de atuação nesta quinta-feira (20). As oportunidades são para ambos os sexos e pessoas com deficiência (PCD). Para concorrer a uma vaga o candidato deve fazer o cadastro no sistema de emprego no Departamento de Emprego, Trabalho e Renda da Secretaria de Trabalho e Bem-Estar Social (Setrabes), localizado na avenida Mário Homem de Melo, bairro Mecejana, zona Oeste de Boa Vista. É necessário apresentar a carteira de identidade, CPF, carteira de trabalho e comprovante de residência atualizado. Aqueles que têm cursos na área que deseja concorrer podem levar os certificados para compor o cadastro. O atendimento ocorre das 7h30 às 13h30. Confira a lista de vagas: Açougueiro. Requisitos: experiência na área - 3 vagas Assistente de vendas. Requisitos: ensino médio completo e bom desempenho para vendas - 1 vaga Assistente jurídico. Requisitos: estudando ou formado em Direito - 1 vaga Auxiliar de escritório. Requisitos: ensino médio completo, experiência na área, transporte próprio, CNH, conhecimento em Excel, ofício, laudos, etc. - 1 vaga Auxiliar de padeiro. Requisitos: experiência na área - 3 vagas Fiscal de caixa. Requisitos: Experiência na carteira - 1 vaga Gerente comercial. Requisitos: experiência na área em supermercado - 1 vaga Recepcionista de secretaria. Requisitos: ensino médio completo, experiência na área, tenha transporte e CNH, conhecimento em Excel, ofício, laudos e etc. - 1 vaga Auxiliar mecanico de refrigeração. Requisitos: curso de refrigeração em mecânica, instalação e limpeza, experiência mínima na carteira de um ano, ter carteira de reservista, ensino médio completo, CNH AB (ou A), disponibilidade para viagens - 4 vagas Técnico em manutenção eletronica. Requisitos: experiência na área, executar serviços de programação de computadores, processamento de dados, dando suporte técnico, orientar os usuários para utilização dos softwares e hardwares, executar o suporte técnico necessário para garantir o bom funcionamento dos equipamentos, com substituição, configuração e instalação de módulos, partes e componentes, administrar cópias de segurança, impressão e segurança dos equipamentos em sua área de atuação - 1 vaga Vendedor pracista. Requisitos: com experiência na área e transporte próprio - 1 vaga Vendedor pracista. Requisitos: ensino médio completo, experiência de seis meses na área, conhecimento no pacote Office, matemática básica e possuir veículo (preferência por moto) - 1 vaga Caseiro. Requisitos: ensino fundamental e carteira de motorista AB- 1 vaga Auxiliar de limpeza (exclusiva PCD). Requisitos: transporte próprio - 1 vaga Repositor (exclusiva PCD). Requisitos: experiência informal, disponibilidade de horário, ensino médio completo - 3 vagas Empacotador (exclusiva PCD). Requisitos: com experiência, ensino médio completo - 4 vagas
    Pernambuco e Paraíba recebem mais 20 venezuelanos de Roraima em novo processo de interiorização

    Pernambuco e Paraíba recebem mais 20 venezuelanos de Roraima em novo processo de interiorização


    Imigrantes foram levados de Boa Vista para os municípios de Igarassu (PE) e Conde Jacumã (PB). Imigrantes venezuelanos embarcam no avião da FAB em Boa Vista Rede Amazônica Roraima Mais 20 venezuelanos embarcaram de Boa Vista para o Recife no 15º...


    Imigrantes foram levados de Boa Vista para os municípios de Igarassu (PE) e Conde Jacumã (PB). Imigrantes venezuelanos embarcam no avião da FAB em Boa Vista Rede Amazônica Roraima Mais 20 venezuelanos embarcaram de Boa Vista para o Recife no 15º voo do processo de interiorização de imigrantes nesta quinta-feira (20). Eles saíram do Aeroporto Internacional Atlas Brasil em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) com destino a Pernambuco e Paraíba. O avião C-99 da FAB decolou de Boa Vista às 7h30 (horário local). Segundo o Exército Brasileiro, os imigrante devem chegar a Recife às 14h15. Ao chegarem na capital pernambucana eles serão divididos em ônibus do Exército Brasileiro para os municípios de Igarassu (PE) e Conde Jacumã (PB). Das 20 pessoas, 17 serão levadas para a cidade de Conde Jacumã (PB) e 3 para Igarassu (PE). Com estes, sobe para 130 o número de venezuelanos transferidos para a Paraíba e 102 para Pernambuco. Os dois estados já haviam recebido os primeiros imigrantes no mês de julho. Para a Paraíba, 44 já haviam sido levados para o município de Conde e outros 69 para a capital João Pessoa. Já no estado de Pernambuco, todos os estrangeiros seguiram para a cidade de Igarassu, na região metropolitana de Recife. Os imigrantes interiorizados estavam no abrigo Rondon II, no bairro 13 de Setembro, zona Oeste da capital. Eles foram levados por volta das 5h em um ônibus do Exército até o aeroporto de Boa Vista. O voo faz parte da 9ª etapa da ação de distribuição de imigrantes que vivem nos abrigos de Roraima para outras regiões do país. Na terça-feira, 30 pessoas já haviam sido levadas para o município de Igarassu. Na quarta, outras 20 foram para Manaus. Diferente das primeiras duas semanas de setembro, nesta, o número de imigrantes venezuelanos interiorizados diminuiu, porém, a quantidade de voos aumentou. De acordo com o Governo Federal, a mudança ocorreu devido a aeronave com maior capacidade - um Boeing 767 - estar fora do país. A previsão é que ela retorne na próxima semana. Enquanto isso, voos com menor número de venezuelanos ocorrem desde terça-feira. Na sexta (21) um novo voo deve ser realizado, dessa vez para o Rio de Janeiro, informou a Casa Civil. Ainda segundo a Casa Civil, antes de serem interiorizados, todos os imigrantes são vacinados, têm documentação como CPF e carteira de trabalho, são submetidos a exames de saúde e aceitaram participar voluntariamente do processo. Até esta quinta, 1.954 venezuelanos foram interiorizados para nove estados do Brasil. Initial plugin text
    Major da PM é morto a tiros em condomínio de Boa Vista

    Major da PM é morto a tiros em condomínio de Boa Vista


    Policial foi executado em praça de condomínio na madrugada desta quinta (20). PM faz buscas por suspeitos. Major da PM Antônio Almeida de Oliveira, 48, foi morto a tiros na madrugada desta quinta (20) Arquivo pessoal O major da Polícia Militar...


    Policial foi executado em praça de condomínio na madrugada desta quinta (20). PM faz buscas por suspeitos. Major da PM Antônio Almeida de Oliveira, 48, foi morto a tiros na madrugada desta quinta (20) Arquivo pessoal O major da Polícia Militar Antônio Almeida de Oliveira, de 48 anos, foi assassinado a tiros na madrugada desta quinta-feira (20) em Boa Vista. Ele estava afastado de suas funções. O homicídio aconteceu no residencial Vila Jardim, bairro Cidade Satélite, zona Oeste da capital, por volta de 1h, informou a Polícia Militar. Ninguém foi preso. O policial estava na praça do condomínio Angelin, dentro do residencial, quando foi alvejado. Ele levou pelo menos quatro tiros. Dois dos disparos lhe atingiram as costas, um foi nos glúteos e outro no rosto. Homicídio aconteceu perto de praça dentro do residencial Vila Jardim Bruna Andrade/Rede Amazônica Roraima Testemunhas disseram que os suspeitos chegaram em um carro prata, atiraram contra a vítima, que morava no Vila Jardim, e fugiram. À PM, a mulher do major relatou que ele era dependente químico e tinha dívida com um traficante conhecido como 'Kaká', que já o ameaçara de morte. "Ele tinha problema com dependência química e estava afastado das funções", informou o coronel Elias Santana, chefe do Comando de Policiamento da Capital (CPC). A Delegacia Geral de Homicídios (DGH) foi chamada e o corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML). No local do crime, foram encontrados estojos deflagrados e uma munição de pistola calibre 380. Até a manhã desta quinta, ninguém havia sido preso, mas a polícia fazia buscas pelos suspeitos de ligação com o assassinato.

    Veja a agenda desta quinta (20) dos candidatos ao governo de Roraima


    Acompanhe a programação diária dos cinco candidatos ao governo do estado. Confira abaixo a agenda dos candidatos ao governo de Roraima nesta quinta-feira (20). ANCHIETA (PSDB) Manhã campanha no interior do estado Tarde reuniões políticas nos...

    Acompanhe a programação diária dos cinco candidatos ao governo do estado. Confira abaixo a agenda dos candidatos ao governo de Roraima nesta quinta-feira (20). ANCHIETA (PSDB) Manhã campanha no interior do estado Tarde reuniões políticas nos bairros São Francisco e dos Estados Noite reuniões políticas nos bairros Santa Luzia, Paraviana, Jardim Floresta, Nova Cidade, Buritis e bairro União ANTONIO DENARIUM (PSL) Manhã reuniões com a coordenação de campanha Tarde reuniões em diversos bairros de Boa Vista Noite comício no bairro Caranã FÁBIO (PSOL) candidato não informou a agenda para esta quinta-feira (20) SUELY CAMPOS (PP) candidata não informou a agenda para esta quinta-feira (20) TELMÁRIO MOTA (PTB) Manhã visitas e reuniões políticas em vilarejos e comunidades indígenas no município de Cantá Tarde caminhada com carro de som e panfletagem na sede do município de Cantá Noite visitas e reuniões políticas na sede do município de Cantá Confira outras mais notícias sobre as Eleições 2018 em Roraima.
    Venezuelanos correm e fazem filas de dobrar quarteirão para ganhar comida em Boa Vista

    Venezuelanos correm e fazem filas de dobrar quarteirão para ganhar comida em Boa Vista


    Café da manhã com pão e copo de suco atrai cada vez mais refugiados e entrega de sopa gera correria: 'Eles vêm famintos', diz missionária que entrega comida. Cenário contrasta com opulência exibida por presidente venezuelano Nicolás Maduro em...


    Café da manhã com pão e copo de suco atrai cada vez mais refugiados e entrega de sopa gera correria: 'Eles vêm famintos', diz missionária que entrega comida. Cenário contrasta com opulência exibida por presidente venezuelano Nicolás Maduro em almoço de luxo em Istambul. Venezuelanos recebem pão e copo de suco servido por missionárias católicas no Centro de Boa Vista Emily Costa/G1 RR Ações de distribuição de comida estão atraindo um número cada vez maior de refugiados em Boa Vista, capital brasileira mais próxima à fronteira com a Venezuela. Por um café da manhã, filas dobram o quarteirão e uma entrega de sopa provoca correria. Famintos, venezuelanos que fugiram de um país afundado em uma complexa crise econômica e social se acotovelam para ganhar comida. Enquanto viraliza um vídeo do presidente Nicolás Maduro se fartando com churrasco e charuto em um restaurante de luxo em Istambul, centenas de venezuelanos se aglomeram para receber pão e suco doado pelas Irmãs Missionárias da Consolata, no Centro de Boa Vista. A fila, que começou ainda ao amanhecer dessa quarta-feira (19), às 7h40 já dobrava o quarteirão. Refugiados esperam distribuição de café da manhã no Centro de Boa Vista Emily Costa/G1 RR "Caminhei por meia hora para chegar até aqui", relata Richard Guerrero, 33, enquanto termina de comer o pão e beber o copo de suco que ganhou após duas horas na fila. Há dois meses no Brasil, o ex-cozinheiro está desempregado e dorme sobre papelões em frente à rodoviária da cidade. "Ontem à noite me deram arroz e carne na rua e eu comi". Richard Guerrero, 33, vivia em Santa Elena de Uairén e está há dois meses no Brasil Emily Costa/G1 RR Com um bebê recém-nascido no colo, e ao lado dos outros dois filhos de 8 e 13 anos, Evelin Morales, 30, também enfrentou fila para comer. "Sempre há mais e mais pessoas esperando aqui para tomar café da manhã", descreve Evelin Morales. Com 'clientes' que se multiplicam dia após dia, as missionárias já se acostumaram a ver o pão acabar antes da fila. Entre os venezuelanos se relata que até refugiados que vivem em abrigos estão indo ali para tomar café. Procurada, a operação Acolhida, que atende os estrangeiros que chegam ao Brasil, informou que a alimentação dos abrigos que mantêm em parceria com o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) e ONGs é regular. Três vezes ao dia há café, almoço e jantar nos 10 abrigos para venezuelanos sem teto no estado - 9 em Boa Vista e 1 em Pacaraima. "Anteontem encheu, ontem veio mais e hoje estourou", diz a irmã Elisa Pandiani, explicando que o café da manhã ofertado pelas Irmãs Missionárias da Consolata aos refugiados é servido de segunda a sexta-feira desde junho. "No começo eram 100, 150 pães. Hoje tem gente que vai embora sem conseguir comer, porque depois de servir 500 pães não temos mais o que doar. Eles vêm famintos". Irmã Elisa Pandiani entrega pães a crianças refugiadas venezuelanas no Centro de Boa Vista Emily Costa/G1 RR Quatro voluntárias ajudam na distribuição do café gratuito. Eles priorizam mulheres, crianças e idosos e controlam quem tenta furar fila. "Eu sinto muita pena dos idosos. Já pensou na velhice você se ver obrigado a começar tudo de novo?", lamenta Floria Penalba, enquanto tirava pães de um balde para entregar aos refugiados. "É muita gente, e todo dia tem mais". À medida que vão ganhando comida, os venezuelanos se dispersam pela rua e aos poucos vão desaparecendo. Mas basta alguém oferecer comida para que uma nova 'fila da fome' se forme. Em fila, venezuelanos recebem porções de sopa em frente à Rodoviária Internacional de Boa Vista Emily Costa/G1 RR "Às vezes consigo trabalho, às vezes não", diz Carlos Salas, 43, de Sán Felix, ao tomar uma porção de sopa que acaba de ganhar de voluntários da Fraternidade Espírita Amor e Luz, na noite de segunda-feira (17) em frente à Rodoviária Internacional de Boa Vista. "Há correria e desespero. A gente consegue ver isso neles", conta Polly Anna Azevedo, voluntária do grupo que distribui uma vez por semana cerca de 500 porções de sopa a refugiados. Em termos numéricos, a quantidade de venezuelanos que foge para o Brasil é irrisória. O fluxo diário na fronteira é de 500 pessoas, mas ficam no Brasil só 2% dos 2,3 milhões em êxodo do país em razão da crise que se agravou em 2015, segundo a Organização Internacional para Migrações (OIM). Para a segunda capital menos populosa do país e mais próxima à fronteira da Venezuela, porém, a chegada de milhares de novos moradores transformou a rotina. Os 25 mil venezuelanos que vivem na cidade equivalem a 7% da população local de 332 mil habitantes, contabilizou a prefeitura em junho. Já são mais de 5 mil venezuelanos vivendo em abrigos, mas ainda há acampamentos improvisados e precários nas ruas. Prédios públicos outrora abandonados também são ocupados por venezuelanos. Combina-se a isso o acirramento da violência entre a população local e os imigrantes e se tem uma bomba-relógio. Carlos Salas, 43, toma sopa em uma embalagem de leite reaproveitada Emily Costa/G1 RR Em 18 de agosto, venezuelanos tiveram acampamentos destruídos e deixaram Pacaraima sob protesto de moradores. O ato foi após um comerciante brasileiro relatar ter sido assaltado e agredido por imigrantes e faltar ambulância para socorrê-lo. O grave episódio não foi o único. Em março, refugiados tiveram bens queimados e foram expulsos de Mucajaí após um brasileiro e um venezulano morrerem em uma confusão. Menos de um mês antes, um guianense foi preso por jogar coquetéis molotov em casas de venezuelanos, deixando cinco feridos, entre eles uma menina de 3 anos. "Uma vez um brasileiro veio, ameaçou derrubar a mesa, chutou o carro, queria saber porque estávamos dando comida aos venezuelanos", relembra Polly Anna. Perguntada se a situação a fez mudar de ideia, ela garante que não. “Se cada um fizer sua parte nós podemos construir um mundo melhor", diz enquanto continua a servir sopa a uma fila de refugiados. Initial plugin text
    Criança de 2 anos é atacada na cabeça por pit bull na zona Oeste de Boa Vista

    Criança de 2 anos é atacada na cabeça por pit bull na zona Oeste de Boa Vista


    Menino estava brincando na frente de casa quando cachorro do vizinho o atacou. Caso foi na noite desta quarta-feira (19). Cão foi apreendido pela Cipa levado para a Central de Flagrantes, em Boa Vista Laudinei Sampaio/Rede amazônica Um menino de 2...


    Menino estava brincando na frente de casa quando cachorro do vizinho o atacou. Caso foi na noite desta quarta-feira (19). Cão foi apreendido pela Cipa levado para a Central de Flagrantes, em Boa Vista Laudinei Sampaio/Rede amazônica Um menino de 2 anos foi atacado por um cachorro da raça pit bull na noite desta quarta-feira (19) quando brincava na calçada de casa no bairro Liberdade, zona Oeste de Boa Vista. O menino levou sete pontos no ferimento da cabeça, segundo a mãe. Policiais militares da Companhia Independente de Policiamento Ambiental (Cipa) apreenderam o cachorro e levou para a Central de Flagrantes, no 5º Distrito Policial. O dono do animal também compareceu à delegacia. De acordo com a mãe, Graciele Lima, a criança estava na calçada quando o cão saiu da casa do vizinho e avançou no menino. O animal tem 1 ano e meio. “O cachorro foi direto em cima do meu filho e o mordeu na cabeça. Quando foi atacado, ele ficou imobilizado, sem reação. Minha sobrinha e o namorado dela quando viram foram tirar o cão de cima dele, junto com outros vizinhos que tacaram paus e pedras para assustar o bicho”, conta. Menino levou sete pontos no ferimento na cabeça Arquivo pessoal A vítima foi socorrida e levada para o Hospital da Criança Santo Antônio. “Meu filho levou sete pontos na cabeça devido à mordida do cão. Outras partes do corpo não tiveram lesões”, disse, acrescentando que apesar do susto, o filho passa bem, no entanto, segue internado. Testemunhas disseram que o cachorro chegou a arrastar o menino pela cabeça. Na delegacia, o dono do cão assinou um termo de responsabilidade assumindo ter cuidados com o cachorro. O pit bull foi levado para Cipa. Nesta quinta-feira (20), o animal será entregue ao Centro de Zoonoses. O proprietário poderá resgatar mediante documentação regular.
    'Soldado do tráfico' de 14 anos é detido com maconha e pasta base de cocaína em Boa Vista

    'Soldado do tráfico' de 14 anos é detido com maconha e pasta base de cocaína em Boa Vista


    Garoto foi preso nesta quarta-feira (19) próximo ao 'Beiral', no Centro da cidade. Drogas foram encontradas com adolesecnte GCM/ Divulgação Um adolescente de 14 anos foi detido nesta quarta-feira (19) por suspeita de tráfico de drogas no bairro...


    Garoto foi preso nesta quarta-feira (19) próximo ao 'Beiral', no Centro da cidade. Drogas foram encontradas com adolesecnte GCM/ Divulgação Um adolescente de 14 anos foi detido nesta quarta-feira (19) por suspeita de tráfico de drogas no bairro Caetano Filho, na área do ‘Beiral’, Centro de Boa Vista. Com ele, o Grupo de Ações Motorizadas da Guarda Municipal, apreendeu 19 trouxinhas de entorpecentes. Segundo a Guarda, o garoto disse ser 'soldado do tráfico' na região. Os guardas faziam patrulhamento quando viram o garoto em atitude suspeita. Ao tentar abordá-lo, ele tentou fugir pulando muros de residência, mas foi rendido. Na revista pessoal foram encontrados 16 papelotes de maconha e três de pasta base de cocaína. Aos guardas, o garoto disse que as drogas pertenciam a traficantes do Beiral. Em depoimento no 1º Distrito Policial, para onde foi levado, o garoto disse que os entorpecentes eram de um venezuelano, que fugiu ao ver o carro da Guarda Municipal, e entregou os papelotes a ele. “O menor disse que deram a droga para ele segurar, e foi quando tentou fugir, mas acabou detido. Ele afirmou ainda que é usuário de drogas e é ‘soldado’ dos traficantes. A função dele é avisar quando a polícia chega”, relata um agente. O garoto prestou esclarecimentos. Ele foi liberado após assinar um Boletim de Ocorrência Circunstanciado (BOC). O adolescente responderá pela infração em juízo.
    Foragido condenado a 5 anos por roubo é preso no Centro de Boa Vista

    Foragido condenado a 5 anos por roubo é preso no Centro de Boa Vista


    Heverton Saraiva de Carvalho foi preso na avenida Sebastião Diniz. Foragido foi levado para delegacia e, em seguida, para a cadeia Marcelo Marques/ G1 RR O foragido da Justiça Heverton Saraiva de Carvalho, de 30 anos, foi preso pela Polícia Militar...


    Heverton Saraiva de Carvalho foi preso na avenida Sebastião Diniz. Foragido foi levado para delegacia e, em seguida, para a cadeia Marcelo Marques/ G1 RR O foragido da Justiça Heverton Saraiva de Carvalho, de 30 anos, foi preso pela Polícia Militar no Centro de Boa Vista nesta quarta-feira (19). Ele estava com mandado de prisão em aberto pelo crime de roubo. Carvalho foi abordado pelos policiais na avenida Sebastião Diniz. Em consulta ao sistema da polícia, foi constatado que havia o mandado expedido pela Vara de Entorpecentes e Organização Criminosa do Tribunal de Justiça de Roraima. A ordem de prisão é do 4 de setembro deste ano. Ele deve cumprir pena de 5 anos e 4 meses de em regime semiaberto pelo crime de roubo ocorrido em 2015. O foragido foi conduzido ao 1º Distrito Policial. Conforme o delegado Domingos Sávio, Carvalho participou de um roubo de uma motocicleta, que trocou por drogas em uma boca de fumo. Mas acabou preso posteriormente. O envolvido passou por exame de corpo de delito e foi levado para a Cadeia Pública Masculina onde iniciará o cumprimento da pena.
    Líderes de facção transferidos para presídio federal ordenaram série de ataques incendiários em Roraima

    Líderes de facção transferidos para presídio federal ordenaram série de ataques incendiários em Roraima


    Sete detentos foram levados para presídio de segurança máxima em Rondônia. Em julho deste ano, eles ordenaram de dentro da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo 12 ataques a ônibus, agências bancárias, delegacia e quartel da PM....


    Sete detentos foram levados para presídio de segurança máxima em Rondônia. Em julho deste ano, eles ordenaram de dentro da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo 12 ataques a ônibus, agências bancárias, delegacia e quartel da PM. Transferência de sete presos de Roraima para o presídio de segurança máxima em Rondônia ocorreu na tarde quarta (19) Arquivo pessoal Os sete líderes de facção criminosa transferidos para um presídio federal em Rondônia nesta quarta-feira (19) são os responsáveis por uma série de ataques incendiários em Roraima em julho deste ano, informou a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc). Todos os transferidos, segundo a Sejuc, ocupavam a função mais alta na hierarquia do Primeiro Comando da Capital (PCC) em Roraima. A Divisão de Inteligência e Captura (Dicap) identificou que além dos ataques, eles, mesmo presos, ordenavam mortes fora do sistema, no chamado 'tribunal do crime'. Foram transferidos: Erisvaldo Ribeiro Pinto, o 'Baroni', Sebastião dos Santos Sobral Filho, o 'Sobralzinho', Edmilson Gomes Ferrari, o 'Abraão', Jonenson Pereira de Oliveira, 'Sakuraba', Osvaldo Nogueira Filho, 'Poucas  ideias', Rogério Cardoso Silva, o 'Cabeção', e Diego Nogueira Xavier, o 'AK47'. Na época do ataques, todos os envolvidos estavam na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, e foi de lá que eles deram as ordens para que tivessem os atentados. O comandante da PM disse à época que tudo aconteceu um dia após ser feita uma revista na unidade e isso pode ter motivado os crimes. A série de ataques incendiários foi nos dias 29 e 30 de julho, durante a madrugada, e ocorreram em Boa Vista, Caroebe, Caracaraí, Cantá e Iracema. Ao todo, foram 12 atentados, segundo a Dicap. Os bandidos atacaram agências bancárias e prédios públicos – incluindo sedes de Centros de Referência de Assistência Social (Cras), delegacia de Polícia Civil e um quartel da PM. Um caminhão de lixo foi incendiado. Após identificar como se deram os ataques, a Dicap produziu relatórios, encaminhou à Justiça e os detentos tiveram de cumprir Regime Disciplinar Diferenciado (RDD). "Inicialmente a Justiça determinou a aplicação de RDD (Regime Disciplinar Diferenciado) a todos, e posteriormente foi aceito a inclusão destes no Sistema Penitenciário Federal. As solicitações feitas pela Sejuc foram aceitos pelo Juiz corregedor Federal da Penitenciária Federal de Porto Velho (RO), para onde inicialmente os presos irão", informou a Sejuc. Detentos transferidos foram levados para a Base Aérea de Boa Vista e de lá embarcaram na aeronave com destino ao presídio federal Jackson Félix/G1 RR Os sete estão entre os detentos que foram transferidos de Monte Cristo para a Cadeia Pública de Boa Vista no dia 9 de agosto, quando deram início ao cumprimento do RDD. A transferência para o presídio federal de segurança máxima foi feita na tarde desta quarta. Por volta de 13h30 os sete detentos foram levados em vans do sistema prisional para a Ala 7, antiga Base Aérea de Boa Vista, na zona Norte da capital, e de lá embarcaram. Uma equipe do Departamento Penitenciário Nacional acompanhou a transferência dos detentos, informou o adjunto. De acordo com a Sejuc, outras transferências podem ocorrer, "principalmente pelo fato que algumas dessas lideranças têm impedido alguns presos de saírem para as audiências na Justiça com o único objetivo de causar instabilidade no sistema penitenciário".
    Dupla armada assalta loja de celulares e rouba dinheiro e produtos em Caracaraí, Sul de Roraima

    Dupla armada assalta loja de celulares e rouba dinheiro e produtos em Caracaraí, Sul de Roraima


    Homens também são suspeitos de roubar a moto e R$ 150 de um mototaxista. Um dos assaltantes é foragido do sistema prisional, informou a PM. Assaltantes levaram dinhero e produtos da loja, segundo a PM Arquivo pessoal Dois homens armados assaltaram...


    Homens também são suspeitos de roubar a moto e R$ 150 de um mototaxista. Um dos assaltantes é foragido do sistema prisional, informou a PM. Assaltantes levaram dinhero e produtos da loja, segundo a PM Arquivo pessoal Dois homens armados assaltaram uma loja de celulares no município de Caracaraí, região Sul de Roraima, na manhã desta quarta-feira (19). De acordo com a Polícia Militar, a dupla também é suspeita de roubar a moto e R$ 150 de um mototaxista. Os suspeitos chegaram na loja em uma motocicleta, por volta das 11h40. Um deles entrou e anunciou o assalto. Eles roubaram dinheiro e alguns produtos. Niguém ficou ferido. Após o crime, os dois fugiram em direção a BR–174. A PM não soube informar a quantia roubada. Um dos suspeitos é foragido do sistema prisional. Segundo a polícia, ele foi reconhecido por moradores devido outros crimes praticados na região. Câmeras do sistema interno de segurança da loja registraram a ação criminosa. Nas imagens é possível ver o assaltante apontando um revólver para o atendente. Pouco antes do assalto à loja, um mototaxista também foi roubado próximo ao matadouro da cidade. Segundo a polícia, um dos assaltantes solicitou uma viagem. Ao chegar no local, ele foi rendido, amarrado e teve os pertences roubados. A suspeita é que o crime tenha sido cometido pela mesma dupla. A PM segue fazendo buscas na região na tentativa de prender os suspeitos.

    TCU libera Telebras para instalar pontos de internet na fronteira com a Venezuela


    Contrato do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações com a Telebras para fornecer internet para instituições públicas, escolas e entidades sociais está suspenso por uma cautelar do tribunal. O Tribunal de Contas da União...

    Contrato do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações com a Telebras para fornecer internet para instituições públicas, escolas e entidades sociais está suspenso por uma cautelar do tribunal. O Tribunal de Contas da União (TCU) autorizou nesta quarta-feira (19) que a Telebras ative 98 pontos para acesso à internet na fronteira do Brasil com a Venezuela. A instalação desses pontos estava parada por uma cautelar de julho que suspendeu o contrato sem licitação entre o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e a Telebras para o fornecimento de internet para instituições públicas, escolas e entidades sociais, programa conhecido como Governo Eletrônico – Serviço de Atendimento ao Cidadão (Gesac). Nesta quarta, a ministra Ana Arraes reformou a decisão para liberar esses pontos na fronteira, mas manteve todo o restante do contrato suspenso. No processo, a ministra cita a situação delicada vivida na fronteira entre o Brasil e a Venezuela por causa da crise no país vizinho, que fez com que milhares de venezuelanos atravessassem a fronteira para o Brasil. Contrato parado A cautelar dada pelo TCU em julho atendeu um pedido do Sinditelebrasil, sindicato que representas as principais operadoras de telecomunicação do país. No questionamento feito ao TCU, o Sinditelebrasil afirmou que a ausência de licitação na contratação da Telebras para fazer o Gesac poderia gerar danos aos cofres públicos. Além de questionar os motivos da dispensa de licitação apontados pelo ministério, o TCU também questionou uma antecipação de R$ 60 milhões pagos à Telebras antes mesmo da prestação do serviço e da assinatura do contrato. Segundo o TCU, "chama atenção o fato de que, considerando que o contrato em discussão trata do montante de R$ 663,5 milhões, foi antecipado um volume de recursos que corresponde a quase 10% do valor total do contrato previsto e que essa antecipação ocorreu antes mesmo do início da execução do contrato, o que causa estranheza ao se considerar que o contrato duraria ainda por mais 60 meses”. Em seu voto de julho, a ministra Ana Arraes também questionou a ausência de pré-requisitos de qualificação técnica e financeira da empresa e a insuficiência de comprovação de que o preço contratado com a Telebras é equivalente ao preço de mercado.
    Corpo decapitado é encontrado dentro de geladeira em lagoa na zona Oeste de Boa Vista

    Corpo decapitado é encontrado dentro de geladeira em lagoa na zona Oeste de Boa Vista


    Vítima era um homem ainda não identificado. Corpo estava dentro da carcaça de uma geladeira boiando em uma lagoa no Nova Cidade Marcelo Marques/G1 RR O corpo de um homem ainda não identificado foi encontrado na tarde desta quarta-feira (19) em uma...


    Vítima era um homem ainda não identificado. Corpo estava dentro da carcaça de uma geladeira boiando em uma lagoa no Nova Cidade Marcelo Marques/G1 RR O corpo de um homem ainda não identificado foi encontrado na tarde desta quarta-feira (19) em uma lagoa no bairro Nova Cidade, zona Oeste de Boa Vista. A vítima estava decapitada. A cabeça e o corpo estavam dentro da carcaça de uma geladeria boiando na lagoa. Agentes da Degelacia Geral de Homicídios suspeitam que ele tenha sido morto há cerca de cinco dias. Em razão do estado de decomposição, a polícia não conseguiu identificar na hora se havia outros ferimentos na vítima. O corpo foi encontrado por moradores do bairro. A Polícia Militar foi acionada. Agentes da DGH estiveram no local para dar início às investigações. Uma equipe do Instituto Médico Legal removeu o corpo de dentro da geladeria com o apoio de uma canoa.

    STJ torna presidente do Tribunal de Contas de Roraima réu por peculato


    Segundo MPF, Manoel Dantas Dias autorizou pagamento de diárias em benefício próprio por viagem que não realizou. Ele recebeu R$ 26 mil em valores atualizados e devolveu valor nove meses depois. A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ)...

    Segundo MPF, Manoel Dantas Dias autorizou pagamento de diárias em benefício próprio por viagem que não realizou. Ele recebeu R$ 26 mil em valores atualizados e devolveu valor nove meses depois. A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) aceitou nesta quarta-feira (19), por maioria (8 a 3), uma denúncia apresentada contra o presidente do Tribunal de Contas do Estado de Roraima (TCE-RR), Manoel Dantas Dias. Com isso, ele se torna réu e responderá a uma ação penal na Corte pelo crime de peculato. Segundo a denúncia, o conselheiro requisitou e autorizou, na véspera de Natal do ano de 2009, o pagamento de sete diárias e meia em benefício próprio em razão de uma viagem que não foi realizada. O Ministério Público Federal sustenta que o presidente do TCE-RR permitiu o depósito de R$ 15 mil (R$ 26 mil em valores atualizados) em sua conta referente a diárias por viagens a Rio de Janeiro e Brasília e só restituiu os valores aos cofres do estado nove meses depois. Ele participaria de reuniões supostamente agendadas com o escritório de arquitetura de Oscar Niemeyer e com integrantes do Tribunal de Contas do Distrito Federal. A viagem, programada para o período de 24 a 29 de dezembro daquele ano, não foi realizada. Votaram pelo recebimento da denúncia os ministros Maria Thereza de Assis Moura, Félix Fischer, Nancy Andrighi, Humberto Martins, Mauro Campbell, Herman Benjamin, Jorge Mussi e Og Fernandes. Os ministros Luís Felipe Salomão (relator), Raul Araújo e João Otávio de Noronha rejeitaram a denúncia com o argumento de que não houve intenção na prática do crime. Julgamento O julgamento foi retomado na tarde desta quarta-feira com o voto do ministro Herman Benjamin, que havia pedido vista do caso (mais tempo para análise). Ele acompanhou a divergência aberta pela ministra Maria Thereza de Assis Moura. Para o ministro, o momento de se analisar se houve dolo ou não na prática do crime é no julgamento da ação penal e não no recebimento da denúncia. “É necessário que se permita ao MPF neste caso a produção de provas em paridade de armas com a defesa”, disse. Benjamin também considerou que há elementos suficientes para justificar o andamento das investigações. “A impossibilidade de realização de reunião em Brasília, por ser feriado de Natal, final de semana e período de recesso, a falta de mínima comprovação de reunião agendada no Rio de Janeiro, a inexistência de simples reservas de passagens aéreas ou de hotéis, formam considerável conjuntos de elementos que permite entrever, com juízo razoável de certeza, que por razões ainda a serem esclarecidas, o denunciado subscreveu documentos autorizativos de pagamento por motivos visivelmente destoantes da realidade”, afirmou ministro. Na sessão desta quarta-feira, ele foi acompanhado pelos ministros Jorge Mussi e Og Fernandes. “É verdade que ai está uma zona cinzenta entre a improbidade e a ação penal. Caberá à ação penal definir se é uma situação, se é outra ou nenhuma delas”, declarou Og Fernandes.
    Foragido vestido com jaleco e outros três criminosos roubam mais de R$ 50 mil de financeira em Boa Vista

    Foragido vestido com jaleco e outros três criminosos roubam mais de R$ 50 mil de financeira em Boa Vista


    Assalto foi por volta das 9h20 desta quarta (19). Dois dos quatros suspeitos são foragidos de alta periculosidade. Suspeito que aparece na imagem vestido de jaleco é o foragido conhecido como 'Sarapo'; suspeitos renderam vigilante e funcionários da...


    Assalto foi por volta das 9h20 desta quarta (19). Dois dos quatros suspeitos são foragidos de alta periculosidade. Suspeito que aparece na imagem vestido de jaleco é o foragido conhecido como 'Sarapo'; suspeitos renderam vigilante e funcionários da financeira Arquivo pessoal Quatro bandidos armados roubaram R$ 54 mil de uma agência de cooperativa financeira no bairro São Vicente, zona Sul de Boa Vista na manhã desta quarta-feira (19). Dois dos suspeitos são foragidos do sistema prisional, informou a Polícia Militar. Um deles estava vestido com um jaleco durante o assalto. O assalto foi por volta de 9h20. Com arma em punho, os suspeitos renderam o vigilante e os funcionários da agência. Além do dinheiro, eles roubaram celulares, um colete balístico e um revólver calibre 38 que estavam com o vigilante. A PM informou que os dois foragidos foram reconhecidos por imagens do circuito de segurança. Ambos são de alta periculosidade e integram uma facção criminosa. Eles fugiram da Cadeia Pública por um buraco no muro no dia 20 de agosto. O fugitivo que estava com o jaleco é Bruno Almeida da Silva, o ‘Sarapo’, que responde a homicídio, porte de arma e tráfico. O outro, segundo a PM, é Anderson Maxsuelle Dias Mafra, conhecido por 'Playboy ou Gongo', acusado de tráfico e organização criminosa. Depois do assalto, os quatro fugiram em um carro. O crime foi registrado no 1º Distrito Policial. Criminosos estavam armados durante assalto a financeira no Centro de Boa Vista Arquivo pessoal Assaltantes renderam vítimas e levaram R$ 54 mil e celulares nesta quarta (19) em Boa Vista Arquivo pessoal
    Sete líderes de facção são transferidos de Roraima para presídio federal em Rondônia

    Sete líderes de facção são transferidos de Roraima para presídio federal em Rondônia


    Detentos eram da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, mas atualmente estavam cumprindo Regime Disciplinar Diferenciado (RDD) na Cadeia Pública. Detentos transferidos foram levados para a Base Aérea de Boa Vista e de lá embarcaram na aeronave...


    Detentos eram da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, mas atualmente estavam cumprindo Regime Disciplinar Diferenciado (RDD) na Cadeia Pública. Detentos transferidos foram levados para a Base Aérea de Boa Vista e de lá embarcaram na aeronave com destino ao presídio federal Jackson Félix/G1 RR Sete detentos foram transferidos de Roraima para a penitenciária federal de segurança máxima em Porto Velho, Rondônia, nesta quarta-feira (19). Conforme o secretário-adjunto de Justiça e Cidadania, coronel Fabiano Peres, todos são líderes de uma facção criminosa que atua nos presídios do estado. Os sete foram levados em um avião da Força Aérea Brasileira, que decolou de Boa Vista nesta tarde. Todos são responsáveis por 12 ataques incendiários ocorridos em julho desde ano no estado, informou a Sejuc. Foram transferidos: Erisvaldo Ribeiro Pinto, o 'Baroni', Sebastião dos Santos Sobral Filho, o 'Sobralzinho', Edmilson Gomes Ferrari, o 'Abraão', Jonenson Pereira de Oliveira, 'Sakuraba', Osvaldo Nogueira Filho, 'Poucas ideias', Rogério Cardoso Silva, o 'Cabeção', e Diego Nogueira Xavier, o 'AK47'. Por volta de 13h30 os sete detentos foram levados em vans do sistema prisional para a Ala 7, antiga Base Aérea de Boa Vista, na zona Norte da capital, e de lá embarcaram. Uma equipe do Departamento Penitenciário Nacional acompanhou a transferência dos detentos, informou o adjunto. O processo de transferência corre em segredo de Justiça, informou em nota o Tribunal de Justiça de Roraima. Os sete estão entre os detentos que foram transferidos da Penitenciária Agrícola de Monte Cristo para a Cadeia Pública de Boa Vista no dia 9 de agosto. À época, a Justiça determinou que oito presos cumprissem Regime Disciplinar Diferenciado (RDD) e eles foram mudados de unidade.
    Empresa suspende alimentação de presos por um dia em Boa Vista e acusa governo de atraso nos pagamentos

    Empresa suspende alimentação de presos por um dia em Boa Vista e acusa governo de atraso nos pagamentos


    Empresa Qualigoumet, que serve comida na Penitenciária Agrícola e nas Cadeias Feminina e Masculina, não entregou alimentos na terça (18), mas disse ter retomado serviço nesta quarta (19). Na última sexta (16) familiares se aglomeraram em frente...


    Empresa Qualigoumet, que serve comida na Penitenciária Agrícola e nas Cadeias Feminina e Masculina, não entregou alimentos na terça (18), mas disse ter retomado serviço nesta quarta (19). Na última sexta (16) familiares se aglomeraram em frente à Penitenciária Agrícola na tentativa de entregar alimentos para os detentos Marcelo Marques/ G1 RR/Arquivo A Qualigourmet, empresa que fornece a alimentação no sistema prisional de Roraima, suspendeu durante toda terça-feira (18) a entrega de café, almoço e jantar nas unidades prisionais de Boa Vista. Segundo a assessoria jurídica e financeira, o governo está sem pagar a firma há quatro meses e a situação “ficou insustentável”. O serviço foi retomado nesta quarta (19). A suspensão atingiu a Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, que é a maior unidade prisional do estado e abriga uma média de 1,2 mil presos, a Cadeia Feminina e a Cadeia Pública, todos na capital. A empresa estima uma dívida de R$ 4 milhões com fornecedores. Em nota enviada na tarde desta quarta, a Secretaria de Comunicação informou que "o fornecimento de refeições está normalizado e ressalta que não houve alteração na entrega do 'sacolão'". O assessor jurídico da Qualigourmet disse que por conta do atraso do governo, fornecedores se recusam a ofertar mantimentos para a empresa e, com isso, não teve como manter o serviço na terça. A alimentação, no entanto, foi retomada nesta quarta. O café da manhã foi levado às unidades e o almoço também deve ser distribuído, segundo ele. "O governo se comprometeu a nos pagar amanhã [quinta, 20], conversamos com fornecedores e conseguimos itens para o café da manhã, que já foi entregue, e teremos como preparar almoço e jantar", explicou o assessor que pediu para não ter o nome divulgado. Conforme a empresa, estão atrasados pagamentos dos meses de junho, julho, agosto e setembro. Os dois últimos, disse o assessor, estão sem o empenho, que é a reserva do valor que cobre despesas contratadas pelo governo. "Sem empenho, trabalhamos totalmente desprotegidos juridicamente". Ele afirmou ainda que o estoque de mantimentos da Qualigourmet está zerado. "Na madrugada [de terça], inclusive, acabou o gás de cozinha". A empresa entrega uma média de 5 mil marmitas por dia nas três unidades. Parentes estiveram na Cadeia Feminina para entregar alimentos para as detentas na tarde desta terça-feira (18) Marcelo Marques/G1 RR De acordo com a Qualigourmet, no dia 5 deste mês foi enviado um ofício para a Secretaria de Fazenda (Sefaz) e à Sejuc informando sobre a inviabilidade de manter o serviço no sistema prisional. O governo teria acordado de pagar na tarde do dia 10, o que não ocorreu. "No dia 5 a gente verificou o estoque e viu que tinha condições de fornecer até o dia 10 de setembro. Oficiamos a Sefaz e Sejuc informando que se não ocorresse o pagamento iríamos fazer a suspensão da alimentação. No entanto, adiaram e não nos pagaram. Prometeram pagar ontem [segunda-feira, 17] e nada", explicou o assessor jurídico da empresa. Ainda de acordo com ele, diante da crise financeira, a empresa optou por pagar os funcionários."Não temos pão, porque nosso fornecedor suspendeu, não temos carne. Temos apenas arroz para dois dias". Na última sexta-feira (15) a empresa só conseguiu entregar café da manhã e o jantar na penitenciária. Familiares reclamaram da situação e disseram que os detentos ficaram o dia inteiro sem comer. Familiares entregam comida para detentas da Cadeia Na tarde de terça, familiares e amigos de detentas da Cadeia Feminina, no bairro Asa Branca, zona Oeste da capital, estiveram na unidade para entregar alimentos. "Minha amiga está sem comer desde ontem porque o governo não pagou a cozinha. Vim socorrer ela para não ficar com fome", disse a amiga de uma presa que não quis se identificar. Ela levou uma sacola com pão e refrigerante. A familiar de uma outra detenta disse que foi avisada pela Sejuc que em razão da suspensão na alimentação, ela teria de levar comida à unidade. "Ligaram agentes informando que era pra levar comida porque não tinha alimentação por falta de pagamento. Se o estado não consegue mantê-las lá dentro tem que liberar pra levarmos itens para que elas cozinhem lá dentro”, reclamou.