G1 > Pernambuco

    Alexandre Farias recebe alta após oito meses internado em hospital no Recife

    Alexandre Farias recebe alta após oito meses internado em hospital no Recife


    Apresentador passou por UTI depois de ter sido atingido por uma bala perdida em Caruaru. Jornalista recebeu alta no fim da tarde desta quinta-feira (24). Mavian Barbosa/G1 O jornalista Alexandre Farias, de 40 anos, recebeu alta no fim da tarde desta...


    Apresentador passou por UTI depois de ter sido atingido por uma bala perdida em Caruaru. Jornalista recebeu alta no fim da tarde desta quinta-feira (24). Mavian Barbosa/G1 O jornalista Alexandre Farias, de 40 anos, recebeu alta no fim da tarde desta quinta-feira (24). O apresentador estava internado havia oito meses, após ser atingido por uma bala perdida em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Ele estava no Hospital Esperança, no Recife, desde o dia 28 de setembro de 2017. Ao G1, o irmão dele, José Santos da Silveira Júnior, informou que Alexandre vai continuar o tratamento na capital pernambucana, ele ficará no apartamento do pai. Em março o jornalista foi submetido a uma cirurgia para a colocação de uma prótese craniana. O procedimento ocorreu como esperado pelos médicos. Na sexta-feira (25) o hospital irá se pronunciar em uma coletiva de imprensa às 15h para passar mais detalhes sobre o caso de Alexandre. Veja a mensagem de Alexandre Farias agradecendo todo apoio e orações. Alexandre Farias recebe alta após oito meses em hospital Entenda o caso Alexandre Farias foi vítima de uma bala perdida na noite de 16 setembro, no bairro Alto do Moura, em Caruaru. Ele ia para casa quando foi atingido por um disparo na cabeça. De acordo com informações da Polícia Militar, assaltantes estavam em um carro roubado quando houve perseguição e troca de tiros. Na fuga, os bandidos ainda atropelaram socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que estavam em uma ocorrência no local. Uma das auxiliares de enfermagem foi atingida. Alexandre Farias foi socorrido em estado grave para o Hospital Regional do Agreste (HRA) e em seguida transferido para Hospital Unimed, também em Caruaru. Um dos suspeitos de participar do tiroteio que atingiu Alexandre "era integrante do Primeiro Comando da Capital (PCC) do Rio Grande do Norte", conforme informou o chefe da Polícia Civil em Pernambuco, Joselito Amaral. O criminoso tinha 34 anos e foi morto durante um confronto com a polícia. No total, quatro suspeitos foram presos.
    Fábricas de veículos paralisam produção e já veem reflexo nas exportações

    Fábricas de veículos paralisam produção e já veem reflexo nas exportações


    Greve dos caminhoneiros afeta o fornecimento de peças e o fluxo logístico de distribuição das montadoras. Fábrica da Volkswagen em São Bernardo do Campo (SP) Divulgação Pelo menos 20 fábricas de automóveis do Brasil estão paradas por causa...


    Greve dos caminhoneiros afeta o fornecimento de peças e o fluxo logístico de distribuição das montadoras. Fábrica da Volkswagen em São Bernardo do Campo (SP) Divulgação Pelo menos 20 fábricas de automóveis do Brasil estão paradas por causa da greve de caminhoneiros, que está no quarto dia. Greve: veja mais reflexos da greve pelo país Unidades da Ford, Volkswagen, Fiat Chrysler, Chevrolet, Toyota, Nissan, Honda, Renault, Peugeot, Citroën, Caoa Chery, Volvo e Scania não produziram nesta quinta-feira (24) devido a falta de peças e problemas de logística. Algumas linhas estão paradas há mais de um dia. A Mitsubishi afirmou que irá interromper a produção em (GO) a partir desta sexta-feira (25). De acordo com a associação das fabricantes (Anfavea), o setor automotivo já espera impactos para este mês na produção, nas vendas e também nas exportações. "Se a greve dos caminhoneiros continuar até o fim de semana, é certo que todas as fábricas pararão", afirmou Antonio Megale, presidente da Anfavea. No ABC paulista, Ford e Volkswagen já estão sem produzir desde ontem. Chevrolet e Scania também pararam hoje, segundo informaram os sindicatos de metalúrgicos do ABC e de São Caetano do Sul. A General Motors (GM) não confirmou oficialmente quais unidades estão paradas, mas afirmou em nota que o movimento dos caminhoneiros tem impacto na operação. Os sindicatos dos metalúrgicos de Gravataí (RS) e São José dos Campos (SP), onde a empresa tem fábricas, afirmaram que a produção foi interrompida. Na unidade gaúcha, apenas um dos turnos estava funcionando. "Com a falta de componentes, as linhas de produção começam a ser paralisadas e também estamos enfrentando dificuldades na distribuição de veículos à rede de concessionárias”, disse a GM. A Fiat Chrysler (FCA) suspendeu a produção em Betim (MG) e em Goiana (PE) nesta quinta-feira, por causa dos bloqueios nas estradas. A empresa aproveitou a parada para fazer inventário de peças na unidade mineira. A Ford também interrompeu também as linhas em Taubaté (SP) ontem e Camaçari (BA) na segunda-feira, além de São Bernardo do Campo (SP) hoje. A Toyota informou que as unidades de Sorocaba e Indaiatuba estão paradas desde ontem, mas continua com a produção em Porto Feliz e São Bernardo - todas no estado de São Paulo. "A greve também impacta na distribuição de veículos e autopeças para a rede de concessionários e paralisou as operações de exportação", afirmou a Toyota. O complexo da Renault em São José dos Pinhais (PR) deixou de montar veículos na quarta-feira e de produzir motores hoje. A Nissan não faz veículos em Resende (RJ) desde terça-feira. Protesto dos caminhoneiros interrompe produção na Volks em Taubaté A Volkswagen parou a linha do Gol, Up! e Voyage em Taubaté (SP) também na terça-feira, segundo o sindicato local. Oficialmente, a empresa diz que está "fazendo ajustes em seu programa de produção". O sindicato de São José dos Pinhais (PR), onde a empresa compartilha a fábrica com a Audi, afirmou que apenas o setor de estamparia estava trabalhando, com cerca de 500 funcionários. A Peugeot Citroën (PSA) e a Honda suspenderam suas linhas em Porto Real (RJ) e Sumaré (SP), respectivamente, ainda na quarta-feira. A Caoa Chery afirmou que a produção na unidade de Jacareí (SP) foi interrompida nesta quinta-feira. Fábricas paradas Ford - Camaçari (BA), Taubaté e São Bernardo do Campo (SP) FCA - Betim (MG) e Goiana (PE) Volkswagen - São Bernardo do Campo e Taubaté Chevrolet - São Caetano (SP) e São José dos Campos (SP) Renault - São José dos Pinhais (PR) Nissan - Resende (RJ) Chevrolet - São Caetano do Sul (SP) Toyota - Indaiatuba e Sorocaba (SP) Scania - São Bernardo do Campo Peugeot Citroën - Porto Real (RJ) Honda - Sumaré (SP) Caoa Chery - Jacareí (SP) e Anápolis (GO) Volvo (Curitiba)
    Novo relatório da Infraero aponta que aeroportos de Recife, Palmas, Maceió e Goiânia tem combustível até hoje

    Novo relatório da Infraero aponta que aeroportos de Recife, Palmas, Maceió e Goiânia tem combustível até hoje


    Congonhas tem previsão de mais reabastecimento. Restrição está relacionada à greve de caminhoneiros. Infraero diz que está monitorando abastecimento do querosene de aviação Novo relatório da Infraero de 11h desta quinta-feira (24) aponta...


    Congonhas tem previsão de mais reabastecimento. Restrição está relacionada à greve de caminhoneiros. Infraero diz que está monitorando abastecimento do querosene de aviação Novo relatório da Infraero de 11h desta quinta-feira (24) aponta situação crítica de falta de combustível em sete aeroportos administrados pela estatal, em razão da greve de caminhoneiros: Recife, Ilhéus, Goiânia, Palmas, Maceió, Carajás (PA), São José dos Campos (SP) e Uberlândia (MG). No aeroporto de Congonhas, segundo o relatório, foram recebidos “12 caminhões e mais um está a caminho”, com combustível assegurado até as 18h – não fica claro se desta quinta ou de sexta. O documento aponta que haverá novo reabastecimento no aeroporto, um dos três mais movimentados do Brasil. O alerta foi dado pelo Núcleo de Acompanhamento e Gestão Operacional (Nago), no "relatório de monitoramento da mobilização dos caminhoneiros". A estatal disse estar monitorando o abastecimento nos aeroportos. No caso do Recife, ainda havia 12 horas de reserva para abastecimentos. "Em princípio a partir da meia-noite o abastecimento estará comprometido", diz o relatório. Em São José dos Campos (SP), as reservas de combustíveis da Shell e da BR estão indisponíveis. Na edição de quarta (23) do mesmo relatório, a Infraero alertava para a iminência de faltar combustível também em Congonhas. À noite, o aeroporto foi reabastecido. O relatório, tanto de quarta como desta quinta, não inclui aeroportos administrados pela iniciativa privada, como Guarulhos, Confins, Porto Alegre, Brasília e Florianópolis. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) disse recomendar aos passageiros "com voos marcados para os próximos dias que consultem as empresas aéreas antes de se deslocarem para os aeroportos até que a situação se normalize". As empresas adotaram planos de contingência e isentaram passageiros de taxa de remarcação de voos. Situação dos combustíveis nos aeroportos da Infraero Igor Estrella/G1 Quarto dia Pelo 4º dia seguido, caminhoneiros fazem manifestações em 25 estados e no Distrito Federal causando reflexos por todo o país. Os atos nesta quinta-feira (24) são contra a disparada do preço do diesel que faz parte da política de preços da Petrobras, em vigor desde julho. Os protestos provocaram a redução nas frotas de ônibus em várias cidades e foram usados como desculpas para donos de postos cobrarem valores abusivos de até R$ 10, mas já falta combustíveis e há filas nos postos. São vários os relatos de desabastecimento em supermercados, principalmente de hortifrutigranjeiros; hospitais suspenderam procedimentos por conta de falta de medicamentos; fábricas de diversos segmentos pararam suas produções; há possibilidade de racionamento de energia em Rondônia e falta de água no Rio de Janeiro e regiões do Rio Grande do Sul. Aeroportos funcionam normalmente, mas já há registros de cancelamentos de voos. Initial plugin text
    Infraero alerta que aeroportos de Congonhas, em São Paulo, e os de Recife, Palmas, Maceió e Aracaju só têm combustível para esta quarta-feira

    Infraero alerta que aeroportos de Congonhas, em São Paulo, e os de Recife, Palmas, Maceió e Aracaju só têm combustível para esta quarta-feira


    Outros sete aeroportos têm combustível para no máximo dois dias, entre os quais Santos Dumont (RJ). Anac recomenda procurar companhias aéreas. Trecho de relatório da Infraero sobre falta de combustível Reprodução/G1 Um relatório da Infraero...


    Outros sete aeroportos têm combustível para no máximo dois dias, entre os quais Santos Dumont (RJ). Anac recomenda procurar companhias aéreas. Trecho de relatório da Infraero sobre falta de combustível Reprodução/G1 Um relatório da Infraero de 11h09 aponta que os aeroportos de Congonhas, em São Paulo, e os de Palmas (Tocantins), Recife (Pernambuco), Maceió (Alagoas) e Aracaju (Sergipe) têm combustível suficiente para abastecer as aeronaves até esta quarta-feira (23), em razão da greve de caminhoneiros e do bloqueio às distribuidoras. Congonhas é um dos três aeroportos mais movimentados do país. É nele que fica a rota de maior circulação de passageiros do Brasil, a ponte aérea Rio-São Paulo. Outros sete aeroportos têm combustível para um ou no máximo dois dias (Santos Dumont-RJ, Goiânia-GO, Teresina-PI, Campo Grande-MS, Ilhéus-BA, Foz do Iguaçu-PR e Londrina-PR). O alerta foi dado pelo Núcleo de Acompanhamento e Gestão Operacional (Nago), no "relatório de monitoramento da mobilização dos caminhoneiros". O relatório diz respeito apenas aos aeroportos administrados pela Infraero; os gerenciados por empresas privadas não entram na lista. Brasília, por exemplo, restringiu, também nesta quarta-feira (28), o recebimento de aeronaves com pouco combustível no terminal. Pelo 3º dia seguido, nesta quarta-feira (23), caminhoneiros continuam protestando em rodovias federais e estaduais, além de vias importantes em 23 estados do país mais o Distrito Federal. Alguns atos ocorrem diante de refinarias, impedindo a saída de caminhões-tanque. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) disse recomendar aos passageiros "com voos marcados para os próximos dias que consultem as empresas aéreas antes de se deslocarem para os aeroportos até que a situação se normalize". A Abear, associação que representa companhias aéreas, não se manifestou. Em nota, a Infraero informou estar "monitorando o abastecimento de querosene de aviação por parte dos fornecedores que atuam nos terminais e já alertou aos operadores de aeronaves que avaliem seus planejamentos de voos para que cada um possa definir sua melhor estratégia de abastecimento de acordo com o estoque disponível na origem e destino do voo". Situação do combustível nos aeroportos Igor Estrella/G1 Veja a situação específica dos aeroportos da Infraero: Têm combustível apenas até esta quarta-feira - 5 aeroportos: Congonhas (SP) - "As carretas da BR Distribuidora foram bloqueadas e não conseguiram chegar no aeroporto. A Shell conseguiu trazer 4 das 10 carretas previstas" Recife (PE) - "Chegaram quatro carretas do Rio Grande do Norte e, com contingência aplicada pelas companhias aéreas, temos estoque até as 18h de hoje [quarta]" Aracaju (SE) - "Querosene suficiente até esta quarta e gasolina até quinta. Há caminhões parados em Feira de Santana/BA, distante 300 km de Aracaju, ou quatro horas)"; Palmas (TO) - "Caminhão da BR parado em Gurupi-TO. Previsão de estoque até meio-dia. O da Shell está parado em Paulínia-SP"; Maceió (AL) - Shell tem estoque apenas para hoje. BR tem estoque para dois dias. Solicitado apoio da Polícia Rodoviária Federal para liberar caminhão preso em barreira". Combustível para mais um dia ou dois - 7 aeroportos Santos Dumont (RJ) - Tem combustível para mais um dia, até 24/5; Goiânia (GO) - "Combustível atende a aviação até o dia 24"; Teresina (PI) - "Autonomia até 25/5"; Campo Grande (MS) - "Estoque até sexta 25/5"; Ilhéus (BA) - "Em função das carretas não conseguire passar no bloqueio em Cruz das Almas, caso não chegue até amanhã às 08:30, o abastecimento do aeroporto estará comprometido"; Foz do Iguaçu (PR)- Mesmo usando todo o estoque da BR, teremos combustível somente até amanhã"; Londrina (PR) - "Combustível (...) para hoje e amanhã. Previsão de reposição de estoque para amanhã". Combustível suficiente para três dias ou mais - Joinville (SC); São Luís (MA); Navegantes (SC); Manaus (AM); Uberaba (MG) Uruguaiana (RS); João Pessoa (PB); Uberlândia (MG); São José dos Campos (SP); Paulo Afonso (BA); Santarém (PA); Juazeiro do Norte (CE). Leia a íntegra da nota da Infraero A Infraero está monitorando o abastecimento de querosene de aviação por parte dos fornecedores que atuam nos terminais e já alertou aos operadores de aeronaves que avaliem seus planejamentos de voos para que cada um possa definir sua melhor estratégia de abastecimento de acordo com o estoque disponível na origem e destino do voo. Ao mesmo tempo, a Infraero está em contato com órgãos públicos relacionados ao setor aéreo para garantir a chegada dos caminhões com combustível de aviação aos aeroportos administrados pela empresa. Sobre o relatório mencionado pela reportagem, trata-se de um levantamento diário da Infraero e que ajuda a empresa a monitorar a situação do fornecimento de querosene de aviação pelas fornecedoras, além de auxiliar na proposta de ação por parte do Poder Público no sentido de garantir o abastecimento das aeronaves. Aos passageiros, a Infraero recomenda que procurem suas companhias para consultar a situação de seus voos. Aos operadores de aeronaves, a empresa orienta que façam a consulta sobre a disponibilidade de combustível na origem e no destino do voo programado. A Infraero compreende o direito de manifestação, mas entende que os protestos devem ocorrer sem afetar o direito de ir e vir das pessoas, bem como a segurança das operações aeroportuárias. Interdições nas rodovias federais Alexandre Mauro/G1 Initial plugin text
    Polícia deflagra operação 'Stop Car' para desarticular grupos criminosos no Sertão de PE

    Polícia deflagra operação 'Stop Car' para desarticular grupos criminosos no Sertão de PE


    Estão sendo cumpridos seis mandados de prisão e 17 mandados de busca e apreensão nas cidades de Petrolina, Salgueiro e Ouricuri. Operação Stop Car em Petrolina Divulgação/ Polícia Civil Foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (23) a...


    Estão sendo cumpridos seis mandados de prisão e 17 mandados de busca e apreensão nas cidades de Petrolina, Salgueiro e Ouricuri. Operação Stop Car em Petrolina Divulgação/ Polícia Civil Foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (23) a operação 'Stop Car' no Sertão de Pernambuco. O objetivo é desarticular organizações que cometem crimes de roubo de cargas, receptação e tráfico de drogas na região. Estão sendo cumpridos seis mandados de prisão e 17 mandados de busca e apreensão nas cidades de Petrolina, Salgueiro, Ouricuri, além de Casa Nova, na Bahia. Ao todo, trabalham na operação 150 policiais civis e militares. Os presos e os materiais apreendidos serão encaminhados para a 214ª Delegacia de Polícia da 26ª Delegacia Seccional em Petrolina. A investigação foi realizada pela 214ª Delegacia de Polícia da 26ª DESEC em Petrolina, da Diretoria Integrada do Interior 2, sob a presidência dos delegados Magno Neves e Daniel Moreira, com assessoria Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Pernambuco.
    Quatro anos depois, ainda há obras prometidas para Copa no Brasil inacabadas em 11 das 12 cidades-sede

    Quatro anos depois, ainda há obras prometidas para Copa no Brasil inacabadas em 11 das 12 cidades-sede


    A maioria é nas áreas de mobilidade urbana e aeroportos. Responsáveis alegam falta de recursos, problemas com construtoras, impasses judiciais e com desapropriações.  VLT de Cuiabá tem só 6 km de trilhos construídos, do total de 22...


    A maioria é nas áreas de mobilidade urbana e aeroportos. Responsáveis alegam falta de recursos, problemas com construtoras, impasses judiciais e com desapropriações.  VLT de Cuiabá tem só 6 km de trilhos construídos, do total de 22 km Gcom-MT Os quatro anos que separam a Copa no Brasil do Mundial que começa no próximo dia 14 na Rússia não foram suficientes para terminar obras de infraestrutura que deveriam ter sido entregues até 2014. De todas as 12 cidades-sede brasileiras, 11 têm algum projeto que chegou a ser prometido para a Copa ainda inacabado. Apenas o Rio concluiu todas as obras, não necessariamente dentro do prazo para a Copa de 2014. Além disso, a cidade recebeu a Olimpíada dois anos depois, razão pela qual muitos projetos não foram deixados de lado assim que o torneio de futebol terminou – como ocorreu em outras capitais. A maioria das obras que ainda não foram entregues é da área de mobilidade urbana ou de ampliação e melhorias em aeroportos. Falta de dinheiro, problemas com empreiteiras, contratos rescindidos e impasses judiciais e com desapropriações estão entre as causas do atraso de anos na conclusão dos projetos, segundo as administrações. Quatro anos depois, ainda há obras prometidas para Copa no Brasil inacabadas em 11 cidades Veja a situação em cada cidade-sede: Belo Horizonte Aeroporto de Confins ainda tem obras prometidas para a Copa inacabadas Humberto Trajano/ G1 No Aeroporto Internacional de Confins há obras de ampliação e modernização do terminal paradas desde setembro de 2014. A empresa que opera o local desde agosto daquele ano afirma que melhorias prometidas para a Copa são responsabilidade da Infraero. Ambas estão em negociação para concluir as intervenções. Veja a reportagem completa Cuiabá Nove obras prometidas para a Copa de 2014 seguem inacabadas na capital de Mato Grosso – e isso tem custado caro aos cofres públicos. Entre elas, está a construção do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), que já consumiu R$ 1,066 bilhão e está parada desde dezembro de 2014. Só 6 km de trilhos foram concluídos, do total de 22 km. Uma nova licitação será feita e não há prazo de conclusão. Enquanto isso, a manutenção de 42 vagões e de outros materiais já comprados custa R$ 16 milhões por mês. Veja a reportagem completa Curitiba Obra inacabada de responsabiliade do Governo do Paraná que faz parte do projeto Corredor Aeroporto/Rodoferroviária Giuliano Gomes/PR Press Quatro das 13 obras prometidas para a Copa ainda não foram concluídas – três de responsabilidade do governo estadual, e duas, da Prefeitura de Curitiba. Todas elas fazem ligação entre a capital e a Região Metropolitana, como o corredor Aeroporto-Rodoferroviária – onde já foram investidos mais de R$ 44 milhões – e a reforma e ampliação do Terminal do Santa Cândida. Entre as razões alegadas para o atraso de anos estão problemas com as empresas que venceram as licitações e impasses judiciais. Veja a reportagem completa Brasília Imagem aérea do estádio Mané Garrincha em Brasília TV Globo/Reprodução São cinco obras prometidas para a Copa atrasadas, entre elas a urbanização do entorno do estádio Mané Garrincha e a construção do VLT entre o Aeroporto de Brasília e o Plano Piloto. Em 2012, o governo do DF desistiu de entregar o entorno do estádio a tempo para a Copa. Novos prazos foram estabelecidos, mas desde então nada foi feito. O projeto do VLT foi cancelado definitivamente em 2015. Na ocasião, o Metrô, responsável pela obra, disse que estudava "novos traçados para o veículo". Três anos depois, nenhum novo plano foi anunciado. Foram gastos pelo menos R$ 20 milhões antes da suspensão do projeto. Veja a reportagem completa Fortaleza Obras do Aeroporto de Fortaleza viraram amontoado de ferro e concreto. TV Verdes Mares/Reprodução A previsão de entrega da expansão do Aeroporto Pinto Martins era dezembro 2013, mas os trabalhos foram interrompidos em maio de 2014. O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) que iria cruzar 22 bairros também não foi entregue e, em alguns pontos da obra, moradores convivem com transtornos há seis anos. Com custo inicial de R$ 307,5 milhões, a obra do VLT teve o contrato rompido pelo governo estadual com o consórcio responsável após uma série de atrasos. Desde então, cinco licitações foram feitas para tentar dar continuidade à obra – que se encontra com 75,32% de avanço. Veja a reportagem completa Manaus Obra de Centro de Atendimento ao Turista no Centro Antigo de Manaus está parada Adneison Severiano/G1 AM O BRT, sistema de ônibus rápido, seria o principal meio de transporte para os torcedores até a Arena da Amazônia. Porém, em 2012, o governo estadual e a prefeitura desistiram de entregar a obra para a Copa, alegando atraso na liberação de recursos para o projeto. Mas ficou a promessa de entregá-lo depois do Mundial – porém a obra ainda nem foi licitada. A prefeitura afirma que o projeto já está pronto, mas não dá detalhes nem prazos. Dos três Centros de Atendimento ao Turistas prometidos para a Copa, um está com as obras paradas e os outros nem saíram do papel. Veja a reportagem completa Natal Ao menos quatro obra previstas para a Copa na capital do Rio Grande do Norte ainda não foram entregues. A mais atrasada é a reforma e padronização de 55 km de calçadas nas avenidas que dão acesso à Arena das Dunas, na Zona Sul da cidade. Com 5% do projeto executado, a obra precisou ser parada por problemas com desapropriações. A obra dos acessos ao Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves deve ser entregue dentro de 60 dias sem o viaduto que era previsto para ligar a estrada à BR-304 por falta de dinheiro para essa etapa. Veja a reportagem completa Porto Alegre Obra na Avenida Cristóvão Colombo, em Porto Alegre, estava prevista para a Copa 2014, mas está parada desde que o consócio desistiu do contrato alegando dificuldades financeiras Lucas Bubols/G1 Das 18 obras previstas para a Copa de 2014 na capital gaúcha, dez estão atrasadas e duas nem começaram – todas na área de mobilidade urbana. Parte de um financiamento de R$ 120 milhões do Banrisul será usado para concluir alguns dos projetos. Veja reportagem completa Recife Previsto para a Copa do Mundo, Terminal Integrado da IV Perimetral no Recife ainda não foi entregue Marlon Costa/Pernambuco Press São cinco as obras de mobilidade prometidas para a Copa ainda não entregues. Além disso, o governo do estado rescindiu no ano passado o contrato para construir a Cidade da Copa, projeto apresentado como primeiro modelo de cidade inteligente no Brasil. Veja a reportagem completa Rio de Janeiro Estação do BRT Transcarioca está sem algumas das portas de vidro Yasmim Restum/ G1 A cidade tem as obras prometidas para a Copa do Brasil concluídas. Entretanto, um dos principais investimentos de mobilidade para o Mundial sofre com vandalismo e falta de manutenção. O G1 percorreu os 39 km do BRT Transcarioca, que liga a Barra da Tijuca ao Galeão, e viu sinais de depredação em ao menos 26 das 47 estações. Usuários reclamam do serviço, de portas quebradas, sujeira e falta de manutenção. O custo da obra chegou a quase R$ 2 bilhões, R$ 700 milhões a mais que o valor inicial. O contrato é alvo de investigação na Lava Jato. Veja a reportagem completa Salvador Reformas no aeroporto internacional da capital baiana se arrastam até hoje. Houve troca de administração da Infraero para uma empresa francesa, que ainda irá concluir a nova área de check-in. A implementação do BRT na cidade chegou a estar na lista das obras prometidas para a Copa de 2014, mas foi retirada porque não ficaria pronta a tempo. A ordem de serviço para iniciar as obras só foi assinada em março deste ano. Veja a reportagem completa São Paulo Operários trabalham nas obras da estação Chucri Zaidan da linha 17-ouro do monotrilho na Zona Sul de São Paulo Marcelo Brandt/G1 A Linha 17-Ouro do monotrilho, que chegou a ter a inauguração anunciada para antes da Copa de 2014, até hoje não teve nenhuma estação entregue. O projeto foi retirado da lista de obras do Mundial por causa da mudança do estádio da Copa para Itaquera, na Zona Leste. Desde então, os valores da obra aumentaram, e os prazos foram sucessivamente ampliados. A construção tem sido investigada e alvo de vários questionamentos do Tribunal de Contras do Estado. Inicialmente orçada em R$ 1,39 bilhão, a obra agora deve chegar a R$ 3,5 bilhões. De acordo com o Metrô, a execução do trecho prioritário, entre o Aeroporto de Congonhas e a estação Morumbi da CPTM, está em andamento e deve ser entregue em 2019. Veja a reportagem completa
    Alvo de operação contra roubo de cargas é preso no aeroporto de Teresina

    Alvo de operação contra roubo de cargas é preso no aeroporto de Teresina


    Operação da Polícia Civil de Pernambuco tinha como objetivo desarticular uma quadrilha especializada em roubo de cargas. Prisões aconteceram no PI, MG e RS. Alvo de operação da polícia é preso ao tentar embarcar em avião no aeroporto de...


    Operação da Polícia Civil de Pernambuco tinha como objetivo desarticular uma quadrilha especializada em roubo de cargas. Prisões aconteceram no PI, MG e RS. Alvo de operação da polícia é preso ao tentar embarcar em avião no aeroporto de Teresina Gilcilene Araújo / G1 Anderson Duarte da Silva Nascimento, 24 anos, foi preso nesta terça-feira (22) no Aeroporto Senador Petrônio Portella, em Teresina. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Piauí, o jovem é um dos alvos das operações Fidúcia e Barra Azul, deflagradas pela Polícia Civil de Pernambuco em quatro estados, que tinha como objetivo desarticular uma quadrilha especializada em roubo de cargas. “A polícia de Pernambuco no informou que o alvo estava aqui e nós fizemos o monitoramento. Ele foi preso quando estava tentando entrar no avião. A equipe de inteligência estava no aeroporto acompanhando e fez a abordagem”, informou o delegado Luciano Alcântara, da Polícia Interestadual do Piauí. A operação tinha como objetivo desarticular uma quadrilha especializada em roubo de cargas. Ao todo, foram emitidos 13 mandados de prisão preventiva, sendo cinco contra pessoas que já estão presas, além de 11 mandados de busca e apreensão domiciliar. Os mandados foram cumpridos nos estados de Pernambuco, Piauí, Minas Gerais e Rio Grande do Sul. Ao todo, cinco pessoas foram presas nesta terça-feira (22). Além da prisão em Teresina, outra foi realizada no aeroporto de Gramado (RS) e três ocorreram em Pernambuco.
    Forrozão do Galo chega à 10ª edição com dois dias de festa e shows de Elba, Joelma e Banda Musa

    Forrozão do Galo chega à 10ª edição com dois dias de festa e shows de Elba, Joelma e Banda Musa


    Evento ocorre nos dias 1º e 2 de junho, na Praça Sérgio Loreto, no Centro da capital. Joelma e Priscila Senna, da Banda Musa, são atrações da 10ª edição do Forrozão do Galo Katherine Coutinho/G1 Completando dez anos de participação nos...


    Evento ocorre nos dias 1º e 2 de junho, na Praça Sérgio Loreto, no Centro da capital. Joelma e Priscila Senna, da Banda Musa, são atrações da 10ª edição do Forrozão do Galo Katherine Coutinho/G1 Completando dez anos de participação nos festejos juninos recifenses, o Forrozão do Galo, que acontece nos dias 1º e 2 de junho, reúne artistas regionais e nacionais em shows e em um cortejo de dois quilômetros pelas ruas do Centro do Recife. A concentração para o evento, que é gratuito, ocorre sempre às 18h, na Praça Sérgio Loreto, no bairro de São José, em frente à sede do Galo da Madrugada. Há atrações musicais em trios elétricos e em polos culturais ao redor da praça. No Polo Forró, no dia 1º de junho, quem comanda a festa é a cantora Priscila Senna, que sobe ao palco com a Banda Musa, além de Dani Verolli, Elba Ramalho e Jorge de Altinho. No dia 2, a grande atração do polo é a cantora Joelma, que divide a noite de shows com Loirão, Gustavo Travassos e o grupo Amigos Sertanejos. Quatro trios elétricos, comandados por Fabiana Pimentinha, Banda Luará, Ivan Gadelha e Asas da América se apresentam nos dois dias de evento. O Polo Instrumental reúne apresentações da música instrumental nordestina, como baião, xote, xaxado, com participação de bailarinos. O Polo Raízes leva à Praça Sérgio Loreto performances de grupos folclórico de coco, repente, embolada e ciranda. Elba Ramalho comanda show no Polo Forró Andrea Rego Barros/PCR/Divulgação O Polo Infantil oferece aos pequenos uma apresentação de quadrilhas juninas. Barracas com comidas típicas compõem o Polo Gastronômico. Uma cidade cenográfica faz parte da estrutura do Polo das Artes, que também conta com exposição de artesanato. De acordo com os organizadores, a expectativa é de que 60 mil pessoas acompanhem o cortejo dos trios elétricos e os shows na Praça Sérgio Loreto. Além das atrações musicais, são atrações elementos tradicionais da época junina, como bacamartes, flâmulas representando os santos, andor de São João, balões iluminados, grupos de pífanos e xaxado. Um desfile de bonecos gigantes, carros alegóricos com figuras folclóricas, quadrilhas juninas, fogos de artifício e trios elétricos completam a programação. Serviço 10ª edição do Forrozão do Galo Praça Sérgio Loreto - Bairro de São José, região central do Recife 1º e 2 de junho, às 18h Polo Forró 1º de junho: Dani Verolli, Musa, Elba Ramalho e Jorge de Altinho. 2 de junho: Gustavo Travassos, Loirão, Amigos Sertanejos e Joelma. Trios elétricos Fabiana Pimentinha Banda Luará Ivan Gadelha Asas da América
    Morre motorista envolvido em acidente com dois caminhões na BR-232

    Morre motorista envolvido em acidente com dois caminhões na BR-232


    Homem ficou preso às ferragens e chegou a ser socorrido. Colisão aconteceu na altura de Vitória de Santo Antão. Colisão entre dois caminhões aconteceu na BR-232, por volta das 4h50 José Ednaldo Pereira/Corpo de Bombeiros de PE O motorista que...


    Homem ficou preso às ferragens e chegou a ser socorrido. Colisão aconteceu na altura de Vitória de Santo Antão. Colisão entre dois caminhões aconteceu na BR-232, por volta das 4h50 José Ednaldo Pereira/Corpo de Bombeiros de PE O motorista que ficou preso às ferragens após uma colisão entre dois caminhões na BR-232, nesta terça-feira (22), morreu. A informação foi confirmada pela Solar Coca-Cola, empresa proprietária do veículo que era dirigido pela vítima. O acidente aconteceu por volta das 4h50 desta terça, no quilômetro 41 da rodovia, em frente ao Coliseum Leilões, em Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata de Pernambuco. Ainda não se sabe o que causou o acidente. A empresa lamentou o falecimento do funcionário e afirmou que está prestando assistência à família. A companhia apontou ainda que “está à disposição para colaborar com as autoridades na investigação sobre as causas do acidente”. Motorista que ficou preso nas ferragens após colisão entre caminhões na BR-232 faleceu após ser socorrido José Ednaldo Pereira/Corpo de Bombeiros de PE O acidente De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), um dos caminhões bateu na traseira do outro. O da frente levava uma carga de madeira e o de trás tinha carga de refrigerantes, pertencente à empresa Coca-Cola. Com a cabine do motorista completamente destruída, o motorista do segundo veículo ficou preso às ferragens e foi retirado pelo Corpo de Bombeiros de Pernambuco. Ele foi encaminhado para o Hospital João Murilo, no município de Vitória de Santo Antão, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo a PRF, o motorista do outro caminhão saiu do local. A colisão entre os caminhões aconteceu no sentido interior do estado. Os veículos ocuparam a faixa direita da rodovia e não havia congestionamento no local.
    Governo de PE aponta que 97% das vítimas de homicídio entre 2001 e 2015 não tinham terminado ensino médio

    Governo de PE aponta que 97% das vítimas de homicídio entre 2001 e 2015 não tinham terminado ensino médio


    Jovens do Recife encontram na educação o caminho para construir nova história e desafiar estatísticas. Estudo aponta que educação de jovens diminui índices de envolvimento com criminalidade Uma análise da Secretaria de Planejamento e Gestão...


    Jovens do Recife encontram na educação o caminho para construir nova história e desafiar estatísticas. Estudo aponta que educação de jovens diminui índices de envolvimento com criminalidade Uma análise da Secretaria de Planejamento e Gestão de Pernambuco (Seplag) aponta que os jovens que estão fora da escola têm mais chances de se envolverem com o mundo do crime. O estudo afirma que entre 2001 e 2015, 97% das pessoas que foram assassinadas no estado não terminaram o ensino médio e 70% não concluíram o ensino fundamental. (Veja vídeo acima) Desafiando as estatísticas, jovens do bairro de Tejipió, na Zona Oeste do Recife, encontram na educação o caminho para escreverem suas próprias histórias. Essa é a primeira reportagem da nova série do Bom Dia PE: Escolhas. Entre os jovens de 18 a 24 anos que estão presos, a estatística é ainda maior: 93% deles não concluíram o ensino médio. Dos 34,5 mil presidiários do estado, 36% se encaixam nesta faixa etária. Jovens do Recife encontram na educação o caminho para escreverem sua própria história Os dados apontam ainda que, para cada 10 jovens entre 15 e 17 anos, idade na qual deveriam cursar o ensino médio, apenas cinco deles estão estudando. Outros três estão no ensino fundamental, cursando séries atrasadas, e dois sequer estão na escola. (Veja vídeo acima) A história de um adolescente de 18 anos, que foi morto após se envolver com drogas no bairro de Tejipió, é um exemplo de como o caminho escolhido pode ser definitivo na vida do jovem. “Ele estava devendo [drogas], só que os caras procuraram ele e não encontraram. Ele tinha 18 anos e não estava estudando. A maioria que entra nessa vida desiste de estudar. Não são todos, mas a maioria”, relata uma amiga do garoto, que não quis se identificar. Para o assessor técnico da Seplag Hugo Medeiros, o caminho para reverter esse quadro é a implantação de políticas públicas de retorno à escola, além da ampliação do tempo que os adolescentes passam nas unidades de ensino. O assessor técnico da Seplag Hugo Medeiros acredita na implantação de políticas públicas como solução Reprodução/TV Globo ”O modelo ideal seria que a gente conseguisse que esses dois voltassem, e que esses alunos que estão na escola não abandonem. Que eles passem pelo menos nove horas na escola, com todas as refeições. Porque aí a gente vai garantir que esses jovens, sobretudo dos grandes centros urbanos, de mais de cem mil habitantes, fiquem na escola e estejam protegidos, uma prevenção primária de estar cometendo ou sendo vítima de crime”, afirma. Escolha No bairro de Tejipió, alunos da rede pública de ensino convivem com os dois lados da triste estatística: de um lado da Avenida Liberdade fica o maior Complexo Penitenciário do estado, e do outro, o Cemitério Parque das Flores. No entanto, de dentro da escola fazem planos para a construção de uma vida diferente. A estudante Beatriz Coutinho, de 16 anos, está cursando o 3º ano do ensino médio encontrou nos estudos a maneira de mudar de vida e realizar muitos sonhos que carrega consigo. “A faculdade, o trabalho, até onde morar também, porque é um sonho de consumo. Eu penso em ampliar, sair de onde eu moro, não é muito bom. Também é perigoso durante a noite. Penso em morar em uma cidade mais organizada, mais limpa”, afirma a adolescente. Para o estudante Carlos Martins, de 17 anos, estar na escola faz com que os jovens evitem oportunidades de entrar para a vida do crime. "Quando você está afastado, geralmente você tem o dia livre. A bandidagem cai em cima, o uso de drogas, de álcool", diz. Entre os planos de Beatriz Coutinho, de 16 anos, está se mudar do bairro onde mora para um local mais limpo e organizado Reprodução/TV Globo A estudante Ozelita Silva, 17 anos, conta que a decisão pela educação é fruto do que aprendeu com a mãe. "Hoje em dia o leque é o estudo, a educação. As pessoas que transformam o mundo. Então a educação é a base. Minha mãe diz que é o prato de alimentação da gente. O principal prato de alimentação é a educação. É o estudo, o que a gente precisa", afirma a garota. Transformar a escola onde eles estudam em um espaço de convivência, integração e, sobretudo, de construção de um futuro melhor é a missão da professora Girsélha Queiroz, gestora da unidade há 29 anos. “É importante esse processo de ouvir o aluno, construir com eles ações que possam melhorar as dificuldades que estejam apresentando. Então a gente escuta em todos os espaços da escola. A gente se reúne em sala de aula, no pátio, onde for necessário. É importante a escola abrir esse leque de processo democrático, de ouvir e de procurar o que é melhor para os alunos", diz. Para o estudante Gustavo da Silva, de 17 anos, a escola é o caminho que permite o crescimento das pessoas, mas, sobretudo, o jovem tem que ser o protagonista da sua própria história. "A escola ajuda do jeito que ela pode, mas não adianta a escola fazer o projeto e a pessoa não querer ir. A decisão é nossa, com toda certeza", diz o garoto. E o caminho que pretende seguir, ele já sabe. "O caminho certo, honesto, que vai terminar no sucesso", afirma o adolescente.

    Suspeito de matar homossexual em PE é preso em Arapiraca, AL


    Segundo a polícia, vítima foi atropelada após insistir em pegar carona com o suspeito no dia 5 de fevereiro de 2017. Uma operação integrada das polícias de Alagoas e Pernambuco prendeu na cidade de Arapiraca, Agreste alagoano, um homem suspeito...

    Segundo a polícia, vítima foi atropelada após insistir em pegar carona com o suspeito no dia 5 de fevereiro de 2017. Uma operação integrada das polícias de Alagoas e Pernambuco prendeu na cidade de Arapiraca, Agreste alagoano, um homem suspeito praticar homicídio no interior do estado vizinho. A vítima era homossexual e foi atrolepada em 2017. Segundo o delegado Walkis Pacheco, Jean Maciel de Brito foi preso na segunda-feira (21) no Povoado Canaã em cumprimento de mandado de prisão. Ele é suspeito de matar Anderson Ferreira de Melo, no dia 5 de fevereiro de 2017, na cidade de Cruzeiro do Nordeste, em Pernambuco. De acordo com a polícia, a vítima era homossexual e foi atropelada após insistir em pegar carona no caminhão do suspeito. Jean Maciel foi transferido para a cidade de Arcoverde onde permanece à disposição da Justiça. A ação contou com policiais civis dos estados de Alagoas e Pernambuco, por meio da Delegacia de Homicídios de Arapiraca, Homicídios de Arcoverde e da Delegacia de Itaíba, ambos de Pernambuco. Veja mais notícia da região no G1 Alagoas
    Caminhoneiros voltam a protestar em rodovias contra alta do diesel

    Caminhoneiros voltam a protestar em rodovias contra alta do diesel


    Atos ocorrem em pelo menos 24 estados. Caminhoneiros protestam em trecho da BR-116 em Lages, Santa Catarina Fom Conradi/Futura Press/Estadão Conteúdo Alta dos combustíveis mobiliza caminhoneiros pelo segundo dia Caminhoneiros voltaram a protestar...


    Atos ocorrem em pelo menos 24 estados. Caminhoneiros protestam em trecho da BR-116 em Lages, Santa Catarina Fom Conradi/Futura Press/Estadão Conteúdo Alta dos combustíveis mobiliza caminhoneiros pelo segundo dia Caminhoneiros voltaram a protestar em rodovias federais e estaduais nesta terça-feira (22). Na segunda, foram registrados atos em ao menos 24 estados. A maioria dos atos impede a passagem de caminhões, mas libera a de carros de passeio e outros veículos. Alguns protestos ocorrem apenas nos acostamentos. A Justiça Federal de SC e do PR proibiram que os manifestantes ocupem ou dificultem a passagem em rodovias federais. A categoria quer a redução do valor do óleo diesel, que tem tido altas consecutivas nas refinarias. Nesta terça, o preço sobe 0,97% nas refinarias. Mas a Petrobras já anunciou que a partir de quarta-feira (23), o valor cairá 1,54%. A escalada dos preços aconteceu em meio à disparada dos valores internacionais do petróleo. As revisões podem ou não refletir para o consumidor final – isso depende dos postos. Segundo a Agência Nacional do Petróleo, do Gás Natural e dos Biocombustíveis (ANP), o preço médio do diesel nas bombas já acumula alta de 8% no ano. O valor está acima da inflação acumulada no ano, de 0,92%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Fabricantes de veículos também foram afetadas. Chevrolet, Fiat e Ford afirmaram nesta terça-feira que estão enfrentando problemas na produção em decorrência das manifestações. Nesta manhã, foram registrados atos em pelo menos 24 estados: Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe, e Tocantins. Motoristas se mobilizam no Rio Grande do Sul e em Mato Grosso Protesto de caminhoneiros em Jacareí Lucas Cardoso/TV Vanguarda Caminhoneiros bloqueiam vias de vários estados em protesto contra a alta do diesel Veja, a seguir, a situação em cada estado: Alagoas Caminhoneiros bloqueiam o km 73 da BR-101, em Messias, Zona da Mata de Alagoas. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que o bloqueio começou às 10h15. A manifestação já resulta em quatro quilômetros de congestionamento e não há previsão de liberação. Amazonas No Amazonas, o protesto acontece na BR-174, entre Manaus e Boa Vista. Bahia Caminhoneiros voltaram a fechar a BA-535, conhecida como Via Parafuso. A via chegou a ser bloqueada totalmente, mas depois foi liberada uma faixa de cada sentido. Também há ato no acostamento da BR-101, próximo a Alagoinhas, mas até por volta das 6h o trânsito não havia sido bloqueado. Ceará Caminhoneiros voltaram a protestar em dois pontos no estado. O primeiro protesto fecha um trecho da BR-116, no km 70, no município de Chorozinho, Região Metropolitana de Fortaleza. Um outro ato ocorre no km 20 da BR-116, no município de Itaitinga, também na Região Metropolitana. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal do Ceará (PRF-CE), o trânsito nestes locais está lento e não há previsão de liberação. Uma equipe da PRF-CE está no local juntamente com a Polícia Militar. Espírito Santo Motoristas voltaram a protestar em alguns pontos da BR-101: Km 305 (Viana): ato no acostamento, o trânsito é livre. Km 414 (Cachoeiro de Itapemirim): manifestação apenas no trevo; trânsito é livre. Km 156 (Ibatiba): ato no acostamento; trânsito livre apenas para carros de passeio. Goiás Protesto segue bloqueando distribuidoras de combustíveis e trechos de rodovias em Goiás. Os bloqueios são exclusivamente para caminhões. Carros de passeio, ônibus e veículos que transportam cargas perecíveis são liberados em todos os pontos de interdição. Veja os pontos: BR-050 – três pontos no trecho de Catalão BR-060 – um ponto em Rio Verde BR-153 - dois pontos em Aparecida de Goiânia e um Itumbiara BR-158 – trecho no município de Caiapônia BR-364 - um ponto em Jataí BR-414 - um ponto em Niquelândia BR-452 - um ponto em Bom Jesus de Goiás Caminhoneiros seguem bloqueando distribuidoras de combustíveis e rodovias em Goiás Maranhão Caminhoneiros fazem atos em seis pontos de rodovias que atravessam o estado. Os protestos acontecem na BR-135, em São Luís; na BR-010, em Imperatriz e Estreito; e na BR-316, em Caxias, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A BR-230, em Balsas e São Domingos do Azeitão, também foi interdidata. No Km 12 da BR-135, a manifestação começou por volta das 7h30 desta terça. Os caminhoneiros estacionaram seus veículos na faixa direita da via e deixaram o fluxo do trânsito fluir. Durante a tarde, a manifestação migrou para o acesso próximo à Vila Maranhão. Já em Imperatriz, a PRF informou que o grupo de caminhoneiros bloqueou a BR-010 em um trecho do Km 246, em frente a um posto de combustível. Somente uma faixa da pista é liberada para passagem de automóveis. Em Caxias, na BR-316, o protesto se concentra Km 554. Assim como em Imperatriz, todos os outros tipos de veículos seguem com autorização dos manifestantes, exceto os caminhões. Em São Domingos do Azeitão, a 633 km de São Luís, uma manifestação começou no fim da manhã no km 216 da BR-230, próximo ao acesso para o município de Benedito Leite. São cerca de 25 a 30 manifestantes, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal. Outra protesto que se iniciou no começo da tarde ocorre no km 131 da BR-010 em Estreito, onde manifestantes também bloquearam a rodovia. Mato Grosso Dez pontos de protesto são registrados nesta manhã nas rodovias federais de Mato Grosso. Há atos em Cuiabá, Sinop, Primavera do Leste, Campo Verde, Sapezal, Comodoro, Rondonópolis, Nova Mutum e Tangará da Serra. Segundo a concessionária que administra a rodovia, Rota do Oeste, em todos os pontos está liberada a passagem de veículos de passeio, ambulâncias e veículos de carga viva e perecíveis. Protesto de caminhoneiros na BR-163 em Rondonópolis, nesta terça-feira (22) Maycon Araújo/TV Centro América Mato Grosso do Sul Em Campo Grande, caminhoneiros protestam em dois pontos da BR-163, na altura do km 477 e km 550. Eles estão liberando a passagem somente para carros de passeio, ambulâncias e ônibus, sem a queima de pneus. São cerca de 2 km de congestionamento. Na cidade de Bandeirantes, a 71 km de Campo Grande, caminhoneiros também estão parados na rodovia, km 550, sentido São Gabriel do Oeste. Já em Eldorado, a paralisação está na altura do km 39. Em Naviraí, na altura do km 117. No município de Rio Brilhante, caminhoneiros estão na altura do km 323. No caso de Paranaíba, a categoria parou na BR 158, altura do km 96 e, em Sidrolândia, BR-060, km 420, com pista liberada desde as 8h. Minas Gerais De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) há manifestantes em 20 trechos das estradas federais que cortam o estado. Uma delas é na Rodovia Fernão Dias, em Igarapé, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Os manifestantes ocupam uma faixa no sentido Belo Horizonte e outra na direção de São Paulo. Segundo a PRF, não há congestionamento em nenhuma das rodovias, porque o tráfego flui nas faixas liberadas. No Sul de Minas, os motoristas seguem parados em pelos menos quatro rodovias - Fernão Dias, BR-491, BR-265 e MG-050. Há também manifestações no Triângulo Mineiro e na região Centro-Oeste. Pará De acordo com a PRF, por volta das 9h a BR-316, no km 23, estava totalmente bloqueada nos dois sentidos. O trecho fica em Benevides, região metropolitana de Belém, onde o engarrafamento chega a 10 km de extensão. Já em Paragominas, no km 165 da BR-010, a interdição é parcial. Os manifestantes estão permitindo a passagem de veículos particulares e de emergência. Paraíba O trecho da Alça Sudoeste, na BR-230, em Campina Grande, está interditado desde as 7h. Caminhoneiros colocaram pneus na pista, mas estão liberando a passagem para carros de passeio. Também há pontos de interdição na BR-104, na saída para o Sertão paraibano e na BR-110, no município de Monteiro. Protesto também acontece na cidade de Monteiro Edivaldo José/Arquivo Pessoal Paraná Caminhoneiros fazem o 2º dia de protestos nas rodovias do Paraná contra o aumento do diesel. Não há estradas totalmente bloqueadas nas estradas federais, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Uma determinação judicial proíbe que eles fechem totalmente as rodovias federais, sob pena de multa de R$ 100 mil por hora. Pernambuco Caminhoneiros realizaram uma manifestação na BR-232, em Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco, contra o aumento no preço dos combustíveis. O protesto, que ocorreu nos dois sentidos da rodovia, teve início às 8h31 e terminou por volta das 10h20. A BR-232 foi liberada. Manifestantes também interditam uma faixa da BR-101, no município de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o protesto começou por volta das 8h, no quilômetro 83, nas proximidades da fábrica da Vitarella. A PRF ainda não sabe informar a extensão do congestionamento no local. A BR-316, em Ouricuri, no Sertão Pernambucano, também registra protesto. O congestionamento é de cerca de 15 km nos dois sentidos. Apenas ambulâncias, veículos de carga de animais, transportes escolares e carros de passeio podem passar pelo bloqueio. Caminhoneiros bloquearam a PI-247 no Sul do Piauí Arquivo Pessoal/Eduardo Gomes Lima Piauí Mais de 200 caminhoneiros fecharam a PI-247, na entrada de Uruçuí, Sul do Piauí. A manifestação começou desde às 7h desta terça e não tem previsão para terminar. Para bloquear a rodovia, os caminhoneiros queimaram pneus e depois de negociação com a polícia decidiram liberar uma das vias para passagem de veículos de passeio e ônibus. Centenas de caminhões estão estacionados ao longo da rodovia. Rio de Janeiro Motoristas fazem manifestação em três estradas de acesso ao Rio. Na Rodovia Presidente Dutra, é interditada uma faixa no sentido Rio e o acostamento, na altura do quilômetro 276, Barra Mansa. O trânsito está fluindo pela faixa da direita e o congestionamento atinge dois quilômetros. Tempo real: acompanhe a situação do trânsito Na rodovia BR-101, caminhoneiros interditam o acostamento nos trechos de Manilha e Campos. Na Rodovia Washington Luiz, o ato é realizado em três pontos: no km 810, no acostamento, e nos km 808 e 780 nos dois sentidos da rodovia BR-040. Os motoristas permitem a passagem de outros veículos. Caminhoneiros fazem protesto em rodovias do Rio de Janeiro Reprodução / TV Globo Rio Grande do Norte Caminhoneiros voltaram a interditar parcialmente o trecho do quilômetro 106 da BR-101 em Parnamirim, região metropolitana de Natal, no final da manhã. Após deixar apenas uma faixa liberada ao tráfego, o ato foi encerrado por volta das 19h. Também foi registrada interdição na BR-304, na altura de Mossoró, no Oeste potiguar. Os caminhoneiros liberaram a via por volta das 17h40, de acordo com a PRF. Rio Grande do Sul Por volta das 8h30, caminhoneiros protestavam em ao menos 15 pontos de rodovias federais e estaduais, sem bloqueios, segundo a Polícia Rodoviária Federal. Em Araricá, a fila de caminhões parados na rodovia chegava a 8 km por volta das 9h30. Em todos os pontos, caminhoneiros se aglomeravam às margens das rodovias, abordando transportadores de cargas, mas sem prejuízos para o tráfego. A GM divulgou uma nota informando que o movimento dos caminhoneiros está impactando o fluxo logístico em suas fábricas no Brasil, com reflexo nas exportações. "Com a falta de componentes, as linhas de produção começam a ser paralisadas e também estamos enfrentando dificuldades na distribuição de veículos à rede de concessionárias", ressalta a nota. Manifestação ocorrida em Araricá, no Vale do Sinos, na madrugada desta terça-feira (22) Reprodução/RBS TV Rondônia A BR-364 foi interditada por caminhoneiros na região de Candeias do Jamari, cerca de 20 km de Porto Velho. Os manifestantes montaram barricadas de pneus e estão barrando o tráfego de caminhões, com passagem permitida apenas para ônibus, carros pequenos e ambulâncias. Até as 10h30 havia um congestionamento de mais de 10km na região. Roraima Um ato com 150 pessoas acontece no trecho urbano da BR-174, em Boa Vista. Caminhões, carretas e carros de passeio estão estacionados no acostamento da pista direito, no sentido bairro-centro. De acordo com a PRF, a uma das vias chegou a ficar interditada por 15 minutos. Santa Catarina Os atos ocorrem na Serra Catarinense, Oeste, Litoral, Vale de Itajaí, Grande Florianópolis, Norte e Sul. Caminhoneiros passaram a noite em pelo menos 17 pontos de rodovias federais. Às 8h, o km 282, na BR-101, em Imbituba, tinha bloqueio total dos caminhoneiros. Nos demais pontos não são registrados bloqueios totais no trânsito, mas a Polícia Rodoviária Federal (PRF) considerava os locais como pontos de atenção para os motoristas. São Paulo Capital: por volta das 12h40, os manifestantes bloquearam a Rodovia Régis Bittencourt nos dois sentidos incendiando uma barricada de pneus, na altura de Embu das Artes. A interrupção na via causa trânsito de cerca de 1 km tanto no sentido Curitiba quanto no sentido São Paulo. Vale do Paraíba: pelo 2º dia consecutivo, caminhoneiros protestam contra o aumento do diesel na Dutra em Jacareí, Pindamonhangaba e Lorena. Em Jacareí havia lentidão de ao menos 1 quilômetro, por volta das 7h desta terça, na região do Parque Meia Lua. Carretas e caminhões estão estacionados no acostamento da rodovia. Litoral: a categoria se concentra no viaduto da Alemoa, um dos acessos ao Porto de Santos. O protesto não causa interdições ou congestionamentos nas rodovias da região. Também há manifestação em Guarujá, na Rua do Adubo, que dá acesso aos terminais da margem esquerda do Porto de Santos. Segundo a Polícia Rodoviária, carretas não consegue passar pelo local. Na Comandante João Ribeiro de Barros (SP-255), que liga Tupã a Marília, manifestantes usaram um caminhão para interditar as duas vias, causando congestionamento. Em Botucatu, os manifestantes estacionaram cerca de 30 caminhões na rodovia João Hipólito Martins. Já em Bauru, os motoristas permanecem na rodovia Marechal Rondon, próximo ao trevo que dá acesso à Marília. Os veículos estão estacionados no acostamento, sem interferir no tráfego da rodovia. Na região de Itapetininga foram registrados protestos em Itapetininga, Capão Bonito, Taquarituba, Taquarivaí, Angatuba, Itaberá e Tatuí (SP). As manifestações estão sendo acompanhadas pela PM e Polícia Rodoviária. Nenhuma rodovia foi interditada. Na Rodovia Geraldo de Barros (SP-304), em Piracicaba, ocorre um bloqueio parcial na altura do quilômetro 169, no bairro Santa Terezinha. Os manifestantes permitem apenas a passagem de carros. Segundo a PMR, uma faixa de cada sentido foi interditada, além do acostamento. No Oeste Paulista também são realizados atos em Osvaldo Cruz, Tupi Paulista, Presidente Prudente e Panorama Em Bebedouro, na Rodovia Brigadeiro Faria Lima, a manifestação pacífica reúne entre 300 e 500 veículos. Os manifestantes falam em 700 caminhões. Em Mococa, cerca de 15 caminhoneiros realizaram uma manifestação no quilômetro 268 da Rodovia Abraão Assed (SP-338) no início da tarde. Em Salto, um grupo de caminhoneiros interditou uma das faixas e o acostamento da Rodovia Hélio Steffen (SP-75), no km 36, por volta das 18h. Um grupo de motociclistas fechou a rodovia Anhanguera, no km 56, para protestar a favor dos caminhoneiros em Jundiaí. A manifestação foi bem rápida e durou alguns minutos. Pela manhã, em Votorantim, os manifestantes se reuniram na altura do quilômetro 100 da Rodovia Raimundo Antunes Soares (SP-79), próximo a um posto de combustíveis. O trânsito não foi interditado. Cerca de 80 motoristas de vans, segundo a polícia, se concentraram no Parque das Águas, em Sorocaba. O tráfego ficou lento em vários pontos e houve congestionamento, por volta das 9h. Caminhoneiros fazem protesto no acesso ao Porto de Santos, SP. Solange Freitas/G1 Sergipe Desde as primeiras horas desta terça, dezenas de caminhoneiros fecharam a entrada o Porto de Sergipe, localizado no município de Barras dos Coqueiros, na Grande Aracaju. Por volta das 10h, os manifestantes fecharam os dois sentidos da BR-101 no Povoado Pedra Branca, no município de Laranjeiras. Caminhoneiros concentrados na acesso ao Porto de Sergipe Conlutas Tocantins Por volta das 8h, havia interdições em Araguaína, Colinas do Tocantins, Fortaleza do Tabocão, Paraíso do Tocantins, Gurupi e Pedro Afonso. É impedida a passagem de caminhões e caminhonetes. Em Alvorada, também foi registrado protesto, mas não há interdição. Caminhões fecham trecho da BR-153 em Gurupi Jairo Santos/TV Anhanguera
    Operação busca suspeitos de homicídios, roubos e tráfico de armas e drogas em PE

    Operação busca suspeitos de homicídios, roubos e tráfico de armas e drogas em PE


    "Barra Azul" busca cumprimento de 21mandados de prisão, além de 19 de busca e apreensão domiciliar em Bezerros, Recife, São Caetano e Gravatá. Detalhes da Operação são divulgados em Caruaru PM/Divulgação A Polícia Civil desencadeou na...


    "Barra Azul" busca cumprimento de 21mandados de prisão, além de 19 de busca e apreensão domiciliar em Bezerros, Recife, São Caetano e Gravatá. Detalhes da Operação são divulgados em Caruaru PM/Divulgação A Polícia Civil desencadeou na manhã desta terça-feira (22) a Operação "Barra Azul" em Bezerros, São Caetano e Gravatá, no Agreste de Pernambuco, e no Recife. O objetivo da ação é buscar suspeitos de homicídios, roubos e tráfico de drogas e armas. A operação busca o cumprimento de 21 mandados de prisão, além de 19 de busca e apreensão. As investigações tiveram início no dia 15 de agosto de 2017. Um policial militar foi preso durante a operação. De acordo com a assessoria da Polícia Civil, 125 policiais civis, entre delegados, comissários, agentes e escrivães participam da ação. Os detalhes iniciais da operação serão divulgados pelo Chefe de Polícia na manhã desta terça na delegacia Regional de Caruaru.
    FormaSUS abre inscrições para 104 bolsas integrais em cursos superiores na área de saúde

    FormaSUS abre inscrições para 104 bolsas integrais em cursos superiores na área de saúde


    As oportunidades são nas cidades do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Caruaru e Belo Jardim. A Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) é uma das instituições de ensino que participam do FormaSUS Divulgação/Unicap Começam nesta...


    As oportunidades são nas cidades do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Caruaru e Belo Jardim. A Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) é uma das instituições de ensino que participam do FormaSUS Divulgação/Unicap Começam nesta segunda-feira (21) as inscrições para o FormaSUS, programa do governo estadual que oferece bolsas integrais em cursos superiores na área de saúde. Ao todo, são oferecidas 104 vagas, distribuídas em 16 instituições de ensino superior do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Vitória de Santo Antão, Caruaru e Belo Jardim. As oportunidades são para os cursos de medicina, biomedicina, enfermagem, farmácia, fisioterapia, nutrição, odontologia, psicologia, serviço social e tecnólogo em radiologia. Podem concorrer às vagas candidatos oriundos da rede pública de ensino ou que foram bolsistas integrais em instituições de ensino privadas. No ato da inscrição, o candidato deve preencher a Ficha de Inscrição e informar a nota de cada componete do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2015, 2016 ou 2017. Além disso, é necessário anexar os seguintes documentos: Certificado de Conclusão de Ensino Médio (Ficha 19) e certificado das notas do Enem (adquirido no site do INEP). No caso de alunos oriundos de escolas privadas, é requerido também a declaração de bolsista integral na instituição de ensino. Os candidatos podem escolher uma única opção de curso e cinco opções de instituições de ensino, na ordem de sua preferência. A nota do Enem e o cumprimento das exigências documentais serão critérios de classificação. As inscrições vão até o dia 3 de junho e devem ser feitas por meio do site do FormaSUS, onde também é possível encontrar o edital da seleção, arquivo com dúvidas frequentes e manual explicativo do processo de seleção. As bolsas são oriundas de contrapartidas de instituições de ensino privadas conveniadas, que inserem estudantes em estágios na Rede Estadual de Saúde. Confira as instituições de ensino que participam da iniciativa: Centro Universitário Unibra (IBGM) Faculdade Guararapes (FG) Universidade Estácio de Sá Asces Faculdade São Miguel Faculdade Pernambucana de Saúde (FPS) Uninassau (Recife e Caruaru) Centro Universitário UniFavip Wyden Faculdade Facipe Faculdades Integradas da Vitória de Santo Antão (Faintvisa) Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) Facho Faculdade do Recife (Farec) Faculdade Osman Lins (Facol) Faculdade Universo Autarquia Educacional do Belo Jardim (AEB) Nível técnico O FormaSUS conta, ainda, com processo seletivo para cursos de nível técnico. Para esta categoria, as inscrições terão início no dia 4 de junho e vão até o dia 17 do mesmo mês. O edital estará disponível a partir do dia 1º de junho, no Diário Oficial do Estado, no site da Secretaria Estadual de Saúde e no site do Programa FormaSUS.
    Vestibular 2018.2 do IFPE abre inscrições para 2.585 vagas em cursos técnicos e superiores

    Vestibular 2018.2 do IFPE abre inscrições para 2.585 vagas em cursos técnicos e superiores


    Inscrições seguem até 10 de junho. Pedidos de isenção podem ser feitos até quinta-feira (24). Campus Recife do IFPE fica no Curado, na Zona Oeste do Recife Augusto César/TV Globo Começam nesta segunda-feira (21) as inscrições no vestibular...


    Inscrições seguem até 10 de junho. Pedidos de isenção podem ser feitos até quinta-feira (24). Campus Recife do IFPE fica no Curado, na Zona Oeste do Recife Augusto César/TV Globo Começam nesta segunda-feira (21) as inscrições no vestibular 2018.2 do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE). Ao todo, são oferecidas 2.585 vagas em 42 cursos técnicos e superiores. As inscrições seguem até 10 de junho. Pedidos de isenção da taxa de inscrição podem ser feitos até a quinta-feira (24). As oportunidades são para 16 campi, em cidades da Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata e Agreste do estado. São elas: Abreu e Lima, Afogados da Ingazeira, Barreiros, Belo Jardim, Cabo de Santo Agostinho, Caruaru, Garanhuns, Igarassu, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Palmares, Paulista, Pesqueira, Recife e Vitória de Santo Antão. As provas estão previstas para o dia 1º de julho. Para cursos de nível técnico, o exame contém 30 questões de múltipla escolha. Já para os candidatos a cursos de nível superior, as provas são de 50 questões, além de uma redação. Os exames começam às 9h, com duração de três horas para os cursos técnicos, e de quatro horas para os cursos superiores. Os candidatos do curso de Música realizam, ainda, uma avaliação específica de música, também no dia 1º de julho, das 14h às 17h. O listão com o nome dos aprovados está previsto para ser divulgado no dia 11 de julho. Inscrições As inscrições devem ser feitas pelo site da Comissão de Vestibulares e Concursos do IFPE, onde o candidato deve preencher a ficha de inscrição e emitir o boleto de pagamento (GRU). As taxas de inscrição são de R$ 30 para cursos técnicos e R$ 55 para cursos superiores. O boleto deve ser pago exclusivamente nas agências do Banco do Brasil, até o dia 11 de junho. Os candidatos na modalidade Proeja têm isenção automática da taxa de inscrição. Além disso, candidatos com renda inferior ou igual a 1,5 salário mínimo, oriundos de escolas públicas ou bolsistas em escolas privadas também podem solicitar o benefício da isenção. O pedido deve ser feito entre esta segunda (21) e a quinta-feira (24). O mesmo é aplicado para egressos dos programas Mulheres Mil e ProIFPE. A documentação comprobatória deve ser feita no campus em que o candidato deseja estudar, até a sexta-feira (25), das 9h às 12h ou das 14h às 17h. A lista com os candidatos que serão contemplados será divulgada no dia 29 de maio. Quem não receber o benefício, feverá pagar a taxa de inscrição normalmente. Há vagas também para o campus Barreiros do IFPE, que fica na Zona da Mata Sul de Pernambuco IFPE/Divulgação Cotas Metade das vagas do vestibular do IFPE são reservadas para o sistema de cotas, voltado para os alunos oriundos da rede pública de ensino. Dentro desses 50%, existem, ainda, subdivisões entre os candidatos que têm renda familiar per capita de até 1,5 salário mínimo e os que têm renda superior. Há também subdivisões voltadas para os candidatos que se autodeclaram pretos, pardos ou indígenas, além de pessoas com algum tipo de deficiência. Nos curso de vocação agrícola, 25% das vagas de ampla concorrência são reservadas para moradores da zona rural do estado ou filhos de agricultores. Assessibilidade Candidatos com deficiência física, intelectual ou sensorial podem solicitar uma hora a mais no tempo de prova. Além disso, podem realizar a prova em condições especiais, como a um fiscal para marcação do gabarito, uma versão da prova com fonte ampliada, um ledor para prova ou até um intérprete de Libras. O candidato pode solicitar atendimento especial entre o dia 21 de maio e 11 de abril. Para isso, deve apresentar o atestado médico contendo diagnóstico e Código Internacional da Doença (CID) anexado ao documento de requerimento, disponível no Manual do Candidato. Outras informções podem ser consultadas pelo telefone (81) 2125.1724 ou pelo e-mail [email protected] Os telefones específicos de cada campus também estão disponíveis no Manual do Candidato. Cronograma Inscrições: 21/5 a 10/6 somente pelo site cvest.ifpe.edu.br Taxa de inscrição: R$ 30 (cursos técnicos) e R$ 55 (cursos superiores) Solicitação de isenção: 21 a 24/5 Resultado da isenção: 29/5 Liberação do cartão de inscrição: a partir de 18/6 Retificação: 19 e 20/6 Provas: 1/7 Listão: 11/7 Vagas Técnicos Subsequentes: 2.074 vagas Técnicos Integrados: 400 vagas Técnico Integrado Proeja: 40 vagas Cursos Superiores: 71 vagas Cursos Cursos superiores Licenciatura em Química (Campus Barreiros) Tecnologia em Gestão da Qualidade (Campus Igarassu) Técnicos Integrados Técnico em Alimentos (Campus Barreiros) Técnico em Edificações (Campus Recife) Técnico em Eletrônica (Campus Recife) Técnico em Eletrotécnica (Campus Recife) Técnico em Informática (Campus Afogados da Ingazeira) Técnico em Química (Campus Recife) Técnico em Saneamento (Campi Recife e Afogados da Ingazeira) Técnico em Segurança do Trabalho (Campus Recife) Técnico Integrado (Proeja) Qualificação em Operador de Computador (Campus Barreiros) Técnicos Subsequentes Técnico em Administração (Campus Recife) Técnico em Agricultura (Campus Vitória de Santo Antão) Técnico em Agroindústria (Campi Afogados da Ingazeira, Belo Jardim e Vitória de Santo Antão) Técnico em Agropecuária (Campus Belo Jardim) Técnico em Artes Visuais (Campus Olinda) Técnico em Automoção Industrial (Campus Ipojuca) Técnico em Computação Gráfica (Campus Olinda) Técnico em Construção Naval (Campus Ipojuca) Técnico em Edificações (Campi Caruaru, Pesqueira e Recife) Técnico em Eletroeletrônica (Campi Afogados da Ingazeira e Garanhuns) Técnico em Eletrônica (Campus Recife) Técnico em Eletrotécnica (Campus Recife) Técnico em Enfermagem (Campus Abreu e Lima) Técnico em Hospedagem (Campus Barreiros) Técnico em Informática (Campus Garanhuns) Técnico em Informática para Internet (Campi Igarassu e Jaboatão dos Guararapes) Técnico em Instrumento Musical (Campus Barreiros) Técnico em Logística (Campi Cabo de Santo Agostinho e Igarassu) Técnico em Manutenção e Suporte em Informática (Campi Paulista e Palmares) Técnico em Mecânica (Campus Recife) Técnico em Mecatrônica (Campus Caruaru) Técnico em Meio Ambiente (Campi Cabo de Santo Agostinho e Garanhuns) Técnico em Petroquímica (Campus Ipojuca) Técnico em Qualidade (Campus Jaboatão dos Guararapes) Técnico em Química (Campi Recife e Ipojuca) Técnico em Rede de Computadores Técnico em Refrigeração e Climatização (Campus Recife) Técnico em Saneamento (Campi Recife e Afogados da Ingazeira) Técnico em Segurança do Trabalho (Campi Recife, Ipojuca e abreu e Lima) Técnico em Telecomunicações (Campus Recife) Técnico em Zootecnia (Campus Vitória de Santo Antão)
    Cantor Almério faz show no Teatro de Santa Isabel, no Recife

    Cantor Almério faz show no Teatro de Santa Isabel, no Recife


    Show ocorre às 19h deste domingo (20). Ingressos custam R$ 25 e R$ 50, à venda na bilheteria do teatro. Cantor Almério apresenta espetáculo "Desencana" neste domingo (20) Lana Pinho O cantor pernambucano Almério se apresenta no Teatro de Santa...


    Show ocorre às 19h deste domingo (20). Ingressos custam R$ 25 e R$ 50, à venda na bilheteria do teatro. Cantor Almério apresenta espetáculo "Desencana" neste domingo (20) Lana Pinho O cantor pernambucano Almério se apresenta no Teatro de Santa Isabel, no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife, neste domingo (20), para angariar recursos para a turnê internacional “Desempena”, título homônimo do segundo disco do artista. O espetáculo, que começa às 19h, tem ingressos a R$ 25 (meia) e R$ 50, à venda na bilheteria do teatro. Com direção de André Brasileiro e produção de Tadeu Gondim, o espetáculo tem 1h10 de duração. Almério sobe ao palco acompanhado por Juliano Holanda no violão e guitarra, Philipe Moreira Sales nas flautas e pífanos, e Marconiel Rocha na percussão. Para a turnê internacional, Almério tem shows marcados nas cidades de Lisboa, Porto, Coimbra e Amarante, em Portugal. Fazem parte do show canções autorais, como “Minha Casa de Você”, “De Olhar pra Cima” e “Chamado”, além de sucessos como “Perto Demais de Deus”, de Chico César; e “Divino Maravilhoso”, de Caetano Veloso. Serviço Show Desempena, de Almério Teatro de Santa Isabel - Praça da República, s/n, Santo Antônio Domingo (20), às 19h Ingressos: R$ 25 (meia) e R$ 50, à venda na bilheteria do teatro
    Jogo entre Sport e Corinthians tem esquemas especiais de mobilidade e segurança

    Jogo entre Sport e Corinthians tem esquemas especiais de mobilidade e segurança


    Partida ocorre às 16h deste domingo (20), na Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata, no Grande Recife. Arena de Pernambuco recebe partida pela sexta rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, neste domingo (20) Aldo Carneiro/Pernambuco...


    Partida ocorre às 16h deste domingo (20), na Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata, no Grande Recife. Arena de Pernambuco recebe partida pela sexta rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, neste domingo (20) Aldo Carneiro/Pernambuco Press O jogo entre Sport e Corinthians, pela sexta rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, conta com esquemas de mobilidade e segurança, neste domingo (20). Para assistir à partida, que acontece às 16h, na Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata, no Grande Recife, os torcedores podem utilizar, além das rotas de metrô e carro, os ônibus que saem do Derby, no Centro do Recife, para chegar e sair do estádio. As lombadas eletrônicas no sentido Arena foram desligadas pelo Departamento de Estradas de Rodagem de Pernambuco (DER-PE). Metrô O torcedor que optar pelo metrô, deve desembarcar na Estação Cosme e Damião e acessar o Terminal Integrado (TI) de mesmo nome. O valor da tarifa do metrô é R$ 3. Vindo do metrô, já dentro do TI, o usuário deve utilizar a linha especial 047-TI Cosme e Damião/Arena, à disposição do torcedor a partir das 13h. Para ter acesso ao serviço, pulseiras são vendidas antecipadamente, por R$ 3,20. O serviço pode ser adquirido em dinheiro e por meio dos cartões VEM Trabalhador ou VEM Comum, no TI Cosme e Damião. Como se trata de uma linha especial, a tarifa é cobrada integralmente e não há gratuidade. Logo após o término do jogo, o usuário deverá embarcar na mesma linha 047 para voltar para casa. Para os torcedores do Sport, tanto a chegada quanto o retorno são feitos na Praça Sul da Arena de Pernambuco. Os torcedores do Corinthians que utilizarem o metrô como meio de transporte à Arena devem descer no setor norte do estádio, mesmo local onde devem embarcar nos ônibus para o retorno. Ônibus Para a ida, os torcedores podem utilizar, a partir do meio-dia, a linha especial Expresso Derby/Arena, que sai da Praça do Derby, na região central do Recife. A linha conta com veículos com ar-condicionado e a última viagem com destino ao estádio sai às 17h30. O valor da pulseira é R$ 15 (ida e volta) e pode ser adquirida no mesmo local. No retorno para casa, o torcedor deve embarcar no mesmo ponto onde desembarcou no estádio. Em caso de dúvidas sobre o esquema de ônibus, os passageiros podem entrar em contato com o Grande Recife Consórcio de Transporte, por meio da Central de Atendimento ao Cliente, pelo número 0800.081.0158. Estacionamento A Arena Pernambuco possui 4 mil vagas para carros e vans e 100 vagas para ônibus. Para o evento deste sábado, todos os estacionamentos abrem às 13h, mesmo horário das bilheterias. As vagas de estacionamento da Arena são vendidas presencialmente a R$ 10 para motos, R$ 20 para carros e vans e R$ 40 para ônibus. Segurança A Polícia Militar de Pernambuco lançou 630 policiais militares para atuar na segurança no jogo. A área interna do estádio conta com 201 policiais, sendo 187 do Batalhão de Choque e 14 da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães). Sob o comando do 13º Batalhão, a área externa e as principais vias de acesso ao local do jogo contam com a presença de 297 policiais. Nas estações do metrô e terminais integrados de passageiros, guarnições atuam no patrulhamento motorizado (97 policiais) para inibir a ação dos vândalos. Haverá ainda 35 patrulhas extras atuando em pontos estratégicos, para inibir a ação de vândalos. Toda a operação policial é monitorada pelas câmeras de segurança no Centro Integrado de Controle e Comando Regional. A Secretaria de Defesa Social disponibiliza o WhatsApp do Torcedor, no número (81) 9 8606.9880, para denúncias, informações, imagens e vídeos sobre crimes relacionadas aos jogos de futebol. A identidade do denunciante é preservada. O serviço não substitui o 190, que continua disponível e operando normalmente. Ingressos As entradas para a partida são vendidas na Arena de Pernambuco, com valores a partir de R$ 80. O jogo Vindo de uma derrota para o Cruzeiro, o Sport mira a recuperação no torneio atuando como mandante. A equipe leonina ocupa a 11ª colocação, com sete pontos, três a menos que o time paulista, que ocupa a posição de vice-líder. Depois de vencer o venezuelano Deportivo Lara e garantir vaga para as oitavas de final da Conmebol Libertadores, o Corinthians busca a segunda vitória consecutiva na competição nacional.
    IF Sertão-PE abre inscrições para cursos do Proeja em quatro cidades do Sertão

    IF Sertão-PE abre inscrições para cursos do Proeja em quatro cidades do Sertão


    Ao todo, são 225 vagas distribuídas entre os campi Petrolina, Ouricuri, Salgueiro e Serra talhada. Programa de Educação de Jovens e Adultos abre inscrições no Sertão de Pernambuco Fabio Fernandes/Divulgação Começam a partir desta...


    Ao todo, são 225 vagas distribuídas entre os campi Petrolina, Ouricuri, Salgueiro e Serra talhada. Programa de Educação de Jovens e Adultos abre inscrições no Sertão de Pernambuco Fabio Fernandes/Divulgação Começam a partir desta segunda-feira (21) as inscrições para o processo seletivo para o segundo semestre dos cursos de Educação de Jovens e Adultos (Proeja) do Instituto Federal do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE). Ao todo, são 225 vagas distribuídas entre os campi Petrolina, Ouricuri, Salgueiro e Serra talhada. As inscrições podem ser feitas até o dia 20 de junho pela página na internet. Estão sendo oferecidas 95 vagas no campus Petrolina para os cursos de Edificações, Eletrotécnica e Informática. Em Salgueiro, estão sendo ofertadas 35 vagas para o curso de Edificações. Já no campus Ouricuri estão disponíveis 30 vagas no curso de Edificações e 30 no de Agroindústria. Enquanto que em Serra Talhada, são 35 vagas para o curso de Edificações. A seleção para as turmas será feita através de uma avaliação do histórico escolar dos anos finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º anos ou 5ª a 8ª séries ou ciclos/fases equivalentes). Podem participar estudantes que já tenham concluído o 9º ano do Ensino Fundamental ou a 4ª fase da Educação de Jovens e Adultos. É preciso também ter 18 anos até a data da matrícula.   A lista de inscrições confirmadas será divulgada no dia 25 de junho e o resultado final do processo seletivo está previsto para o dia 3 de julho.
    Casa da Rabeca celebra 16 anos com shows gratuitos de forró pé-de-serra, em Olinda

    Casa da Rabeca celebra 16 anos com shows gratuitos de forró pé-de-serra, em Olinda


    Petrúcio Amorim e grupos Nordestinos do Forró e Forró Serrado realizam show a partir das 21h, na Cidade Tabajara. Petrucio Amorim é uma das atrações do aniversário da Casa da Rabeca, em Olinda Divulgação Idealizada pelo Mestre Salustiano, a...


    Petrúcio Amorim e grupos Nordestinos do Forró e Forró Serrado realizam show a partir das 21h, na Cidade Tabajara. Petrucio Amorim é uma das atrações do aniversário da Casa da Rabeca, em Olinda Divulgação Idealizada pelo Mestre Salustiano, a Casa da Rabeca, na Cidade Tabajara, em Olinda, celebra neste sábado (19) 16 anos de fundação. Para comemorar a data, o cantor Petrúcio Amorim e os grupos Nordestinos do Forró e Forró Serrado realizam um show gratuito no local, a partir das 21h. O repertório da celebração conta com canções como "Tareco e Mariola" e "Filho do Dono", de Petrúcio Amorim, um dos maiores nomes do forró pé-de-serra em Pernambuco. As bandas Nordestinos do Forró e Forró Serrado interpretam músicas autorais dos grupos, além de clássicos do forró pernambucano. Além das atrações culturais, na Casa da Rabeca, são vendidas comidas e bebidas típicas para os visitantes. Serviço Aniversário de 16 anos da Casa da Rabeca Casa da Rabeca do Brasil - Rua Curupira, 340, Cidade Tabajara, Olinda Sábado (19), às 21h Entrada gratuita
    Pinduca, o rei do carimbó, faz show em Olinda

    Pinduca, o rei do carimbó, faz show em Olinda


    Evento ocorre a partir das 22h deste sábado (19), no Clube Atlântico de Olinda. Show reúne ainda Forró na Caixa e Dirimbó, além de Dinda Salú. Paraense Pinduca é considerado o "rei do carimbó" Oswaldo Forte/O Liberal O cantor Pinduca se...


    Evento ocorre a partir das 22h deste sábado (19), no Clube Atlântico de Olinda. Show reúne ainda Forró na Caixa e Dirimbó, além de Dinda Salú. Paraense Pinduca é considerado o "rei do carimbó" Oswaldo Forte/O Liberal O cantor Pinduca se apresenta neste sábado (19), no Arraial da Venda de Seu Biu, no Clube Atlântico de Olinda, em Bairro Novo. Conhecido como o “rei do carimbó”, o artista de 80 anos de idade celebra o ritmo paraense e se junta aos grupos Forró na Caixa e Dirimbó, além de Dinda Salú. O show começa às 22h. Além do carimbó, a festa tem como atração forró e outros ritmos da cultura popular. Os ingressos podem ser comprados pela internet e na Venda de Seu Biu, na Rua de São Bento, nº 239, no Varadouro, em Olinda. O preço varia entre R$ 40 (meia) e R$ 80. Considerado um dos expoentes da cultura paraense, Pinduca é criador de ritmos oriundos do carimbó, como o sirimbó, a lambada, o langode, o lári lári e o xengo xengo. Fazem parte do repertório canções como “Dança do Carimbó”, “Sinhá Pureza”, “Carimbó do Macaco” e “Garota do Tacacá”. Serviço Arraial da Venda de Seu Biu Clube Atlântico de Olinda - Rua Doutor Manoel de Barros Lima, 884, Bairro Novo, Olinda Ingressos a R$ 40 (meia), R$ 50 (social) e R$ 80, à venda pela internet e na Venda de Seu Biu, na Rua de São Bento, 239, Varadouro
    Jogo entre Santa Cruz e Botafogo-PB interdita ruas no Recife e tem reforço no policiamento

    Jogo entre Santa Cruz e Botafogo-PB interdita ruas no Recife e tem reforço no policiamento


    Tricolor enfrenta o Botafogo-PB no Arruda, a partir das 19h deste sábado (19). CTTU e Polícia Militar montaram esquemas especiais para a partida.  Estádio do Arruda, na Zona Norte do Recife, recebe o jogo válido pela Série C do...


    Tricolor enfrenta o Botafogo-PB no Arruda, a partir das 19h deste sábado (19). CTTU e Polícia Militar montaram esquemas especiais para a partida.  Estádio do Arruda, na Zona Norte do Recife, recebe o jogo válido pela Série C do Brasileirão Marlon Costa/Pernambuco Press O jogo do Santa Cruz contra o Botafogo-PB, pela Série C do Campeonato Brasileiro, provoca interdições temporárias nas vias de acesso ao Estádio José do Rego Maciel, o Arruda, na Zona Norte do Recife. Além de um esquema especial de mobilidade, a partida, que começa às 19h deste sábado (19), também conta com reforço na segurança, com atuação de 289 policiais militares. A operação da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) no local começa a partir das 16h e vai até as 22h, horário previsto para a dispersão do público. Nesse período, ficam interditadas a Rua das Moças e a Avenida Professor José dos Anjos, no trecho compreendido entre a Rua Petronila Botelho e a Avenida Beberibe. Também são montados pontos de monitoramento nas vias do entorno do estádio. Caso seja necessário, os agentes de trânsito que atuam no local podem ampliar os bloqueios na área, segundo a CTTU. Policiamento Dos 289 policiais militares que fazem parte do esquema de segurança para o jogo, 91 atuam na área interna do estádio, sendo 83 do Batalhão de Choque e oito da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães). Na área externa, as principais vias de acesso ao estádio contam com a presença de 171 policiais. As estações do metrô e os terminais integrados de passageiros recebem equipes do patrulhamento motorizado para inibir a ação de vândalos. A operação policial é monitorada por oficiais da Polícia Militar através das câmeras de segurança no Centro Integrado de Controle e Comando Regional. Denúncias referentes ao jogo, como ação de vândalos e brigas, podem ser enviadas através do WhatsApp do Torcedor, no número (81) 98606.9880. A população pode enviar informações, imagens e vídeos denunciando as práticas delituosas. A Secretaria de Defesa Social (SDS) destaca que o WhatsApp do Torcedor não substitui o 190, que continua disponível e operando normalmente.
    Após 12 anos sem partos, criança nasce em Fernando de Noronha

    Após 12 anos sem partos, criança nasce em Fernando de Noronha


    A mãe afirmou que não sabia que estava grávida. Por falta de estrutura hospitalar, não são autorizados nascimentos na ilha. A casa onde foi realizado o parto Ana Clara Marinho/TV Globo Uma mulher de 22 anos deu à luz uma criança em casa, no...


    A mãe afirmou que não sabia que estava grávida. Por falta de estrutura hospitalar, não são autorizados nascimentos na ilha. A casa onde foi realizado o parto Ana Clara Marinho/TV Globo Uma mulher de 22 anos deu à luz uma criança em casa, no bairro da Floresta Velha, em Fernando de Noronha, na madrugada deste sábado (19). Havia 12 anos que não eram realizados partos na ilha. A mãe, uma dona de casa que preferiu não se identificar, informou que não sabia que estava grávida.   O nascimento de crianças não é autorizado no arquipélago. A Secretaria de Saúde informa que o hospital de Fernando de Noronha não tem as condições necessárias para assistir partos. A administração da ilha divulgou uma nota sobre o assunto, em que confirma o caso e diz que não há registro de qualquer atendimento de pré-natal ou assistência semelhante à família nas unidades de saúde locais. (Veja íntegra abaixo) De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população de Fernando de Noronha é estimada em 3.016 pessoas. Os dados são de 2017. Surpresa Para a mãe da criança, o nascimento foi uma surpresa. “Eu fiz exame [de gravidez] e deu negativo. Eu não senti nada durante toda a gestação. Na noite de sexta-feira tive uma cólica e, quando fui ao banheiro, vi um negócio descendo por entre minhas pernas. Aí foi na hora em que o pai da criança chegou e pegou. Era um bebê, uma menina.  Eu fiquei paralisada, não sabia que estava grávida”, contou.  O pai da menina também afirmou não saber da gravidez da mulher. “Eu ainda estou nervoso. Eu não sabia de nada, ela acordou a mãe dizendo que estava com uma dor. Nós ligamos para o Samu, mas não deu nem tempo da ambulância chegar. Eu fiz o parto, acho que foi Deus”, emocionou-se o frentista. O homem, que não tem carro, levou a filha caminhando até o Hospital São Lucas.  A mãe da garota também foi levada para o hospital, na ambulância.  A mulher já tem outra filha e o primeiro parto foi realizado no continente. “Se eu soubesse que estava grávida não teria minha filha aqui. Eu teria feito o pré-natal e tomaria as vacinas. Ainda bem que foram feitos os exames e não deu nada. Eu não arriscaria a minha vida nem da milha filha”, disse. Nota oficial A Administração de Fernando de Norornha divulgou uma nota oficial sobre o nascimento. Confira a íntegra: “Neste sábado (19), a unidade hospitalar de Fernando de Noronha realizou atendimento a uma criança recém-nascida, trazida pelo seu pai, e sua genitora. A mãe, que deseja não ser identificada, entrou em trabalho de parto em sua residência, e após o genitor auxiliar no procedimento, o mesmo encaminhou a criança para a unidade hospitalar. A família informa não saber da existência da gravidez, assim como inexiste atendimento de pré-natal ou qualquer outra assistência semelhante nos registros das unidades de saúde em nome da família. A Superintendência de Saúde ressalta a importância de se fazer o pré-natal, para monitoramento e controle de índices glicêmicos, hipertensão, diabetes, anemia, doenças transmissíveis e etc, incluindo exames de imagem, como USG, que avalia as condições físicas da criança no útero. Todos os cuidados do pré-natal visam identificar qualquer complicação com antecedência, podendo assim serem tomadas medidas emergenciais para garantia da saúde, tanto da mãe como do bebê”. Campanha de ajuda  Muitos moradores estão comemorando o nascimento da criança, e a família já começa a receber doações. “Eu vim trazer roupinha para a noronhense que nasceu hoje. Para a gente é uma alegria ter uma noronhense nascendo na ilha, finalmente depois de tanto tempo. Estamos nos mobilizando para ajudar a família”, informou a empresária Dora Costa. 
    Festival Celebração Reggae reúne atrações internacionais e brasileiras no Recife

    Festival Celebração Reggae reúne atrações internacionais e brasileiras no Recife


    The Congos, Rod Anton, Ponto de Equilíbrio, A Unidade e Buginha Dub se apresentam no Clube Português no sábado (19). O francês Rod Anton é uma das atrações do Festival Celebração Reggae Mad Mill/Divulgação O grupo jamaicano The Congos e o...


    The Congos, Rod Anton, Ponto de Equilíbrio, A Unidade e Buginha Dub se apresentam no Clube Português no sábado (19). O francês Rod Anton é uma das atrações do Festival Celebração Reggae Mad Mill/Divulgação O grupo jamaicano The Congos e o francês Rod Anton se apresentam no Recife, às 21h30 do sábado (19), durante o Festival Celebração Reggae, no Clube Português, na Zona Norte da capital. Também participam do evento as bandas Ponto de Equilíbrio, A Unidade e Buginha Dub, que convida ao palco Erika Natuza. Com a carreira iniciada na década de 1960, a banda The Congos é formada pelo trio de vocalistas "Ashanti" Roy Johnson, Cedric Myton e Watty Barnett. Essa é a primeira passagem do grupo pelo Recife, aonde chegam acompanhados da banda paulistana Leões de Israel. Banda Ponto de Equilíbrio se apresenta no festival João Dercy/Divulgação O grupo Ponto de Equilíbrio apresenta o show de lançamento do DVD gravado em Salvador em comemoração aos 18 anos da banda. A banda baiana A Unidade é outra atração do festival, que recebe, ainda, Buguinha Dub representando a cena local do reggae e convidando Erica Natuza para abrir a noite. O evento conta com pista, frontstage e camarote open bar. Com preços que variam de R$ 60 a R$ 160, os ingressos estão à venda na Banca Roots e Tabacaria Roots, Myllys, Figueiras Calçados, Ticket Folia, Costamar, Ingresso Prime, Bilheteria Digital e Central da Folia, além da internet. Serviço Festival Celebração Reggae Sábado (19), às 21h30 Clube Português do Recife - Avenida Rosa e Silva, 178, Recife Ingressos com valores entre R$ 60 e R$ 160, à venda na Banca Roots e Tabacaria Roots, Myllys, Figueiras Calçados, Ticket Folia, Costamar, Ingresso Prime, Bilheteria Digital e Central da Folia, além da internet
    Banda Beatles Para Crianças apresenta rock lúdico e interativo em Olinda

    Banda Beatles Para Crianças apresenta rock lúdico e interativo em Olinda


    Com repertório do quarteto de Liverpool, show do grupo acontece às 16h do sábado (19), no Teatro Guararapes, no Centro de Convenções de Pernambuco. Beatles Para Crianças se apresenta no Teatro Guararapes Paulo Cunha/Divulgação A banda Beatles...


    Com repertório do quarteto de Liverpool, show do grupo acontece às 16h do sábado (19), no Teatro Guararapes, no Centro de Convenções de Pernambuco. Beatles Para Crianças se apresenta no Teatro Guararapes Paulo Cunha/Divulgação A banda Beatles Para Crianças, que leva as canções do quarteto de Liverpool de forma divertida às famílias, se apresenta em Olinda pela primeira vez. O show lúdico e interativo do grupo acontece às 16h do sábado (19) no Teatro Guararapes, no Centro de Convenções de Pernambuco. Os ingressos custam entre R$ 32 (meia) e R$ 104 (plateia especial), à venda na bilheteria do local e na internet. A banda é um quinteto formado por Fabio Freire (voz e violão), Gabriel Manetti (voz), Eduardo Ludi Puperi (guitarra, teclados e gaita), Humberto Zigler (bateria) e Johnny Frateschi (baixo). Nos intervalos entre as músicas que compõem o repertório, o grupo conta histórias e interage com a plateia. Utilizando-se de momentos lúdicos, a banda apresenta o rock às crianças de forma educativa. Serviço Show da banda Beatles Para Crianças Sábado (19), às 16h Teatro Guararapes, no Centro de Convenções de Pernambuco - Avenida Professor Andrade Bezerra, s/n, Salgadinho, Olinda Ingressos à venda na bilheteria do teatro e na internet: Balcão: R$ 64 (inteira) e R$ 32 (meia) Plateia: R$ 84 (inteira) e R$ 42 (meia) Plateia Especial: R$ 104 (inteira) e R$ 52 (meia) Informações: (81) 3182-8020
    Pista da Via Mangue é interditada oito horas por semana para treinos de ciclistas e triatletas

    Pista da Via Mangue é interditada oito horas por semana para treinos de ciclistas e triatletas


    Circulação de veículos na pista oeste da Via Mangue, na Zona Sul do Recife, fica proibida das 4h às 6h, às terças e quintas, e das 4h às 8h, aos sábados. Via Mangue tem pista interditada para circulação de veículos durante oito horas a cada...


    Circulação de veículos na pista oeste da Via Mangue, na Zona Sul do Recife, fica proibida das 4h às 6h, às terças e quintas, e das 4h às 8h, aos sábados. Via Mangue tem pista interditada para circulação de veículos durante oito horas a cada semana Reprodução/TV Globo A Via Mangue, na Zona Sul do Recife, passa a ser uma área permanente para o ciclismo de competição a partir do sábado (19). Com essa mudança anunciada pela Prefeitura do Recife, a pista oeste da via fica interditada para a circulação de veículos nas terças e quintas, das 4h às 6h, e nos sábados, das 4h às 8h. Nesses dias e horários, a pista fica livre para que os treinos de grupos de ciclistas e triatletas ocorram com segurança, sem a interferência de veículos. A interdição torna-se permanente após um mês de testes para a criação da primeira Área de Proteção ao Ciclista de Competição (APCC) na capital pernambucana. Inicialmente, o período de interdição abrangia o sábado e, posteriormente, foi ampliado para as terças e quintas. Segundo a prefeitura, o projeto teve média de 200 participantes por dia desde que passou a ser realizado. Nos horários de interdição da Via Mangue, os motoristas que desejam acessar o entorno da comunidade Jardim Beira-Rio devem seguir pela Avenida Herculano Bandeira e dobrar à direita na Rua Arquiteto Augusto Reinaldo. Quem pretende chegar a outros bairros da Zona Sul do Recife pode utilizar a Avenida Domingos Ferreira. Os horários em que ocorre a intervenção, de acordo com a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU), foram escolhidos para diminuir os impactos na circulação de veículos, já que são períodos de baixo fluxo de tráfego.
    Bailito inaugura no Recife com shows de Letrux, Luisa e os Alquimistas e MC Ririca

    Bailito inaugura no Recife com shows de Letrux, Luisa e os Alquimistas e MC Ririca


    Programação começa a partir das 22h desta sexta-feira (18), no antigo Baile Perfumado, no Prado, na Zona Oeste da capital. Letrux se apresenta na inauguração do Bailito Sillas Henrique/Divulgação O antigo Baile Perfumado, no bairro do Prado, na...


    Programação começa a partir das 22h desta sexta-feira (18), no antigo Baile Perfumado, no Prado, na Zona Oeste da capital. Letrux se apresenta na inauguração do Bailito Sillas Henrique/Divulgação O antigo Baile Perfumado, no bairro do Prado, na Zona Oeste do Recife, volta a funcionar nesta sexta-feira (18), com estrutura renovada e sob o nome de Bailito. Para a inauguração, a casa de eventos recebe os shows de Letrux, Luisa e os Alquimistas e MC Ririca, a partir das 22h. Com o álbum "Letrux em noite de climão", a cantora Letícia Novaes se apresenta acompanhada da banda composta por Natália Carrera, na guitarra, e Arthur Braganti nos teclados e sintetizadores, além de Thiago Rebello no baixo, Lourenço Vasconcellos na bateria e Martha V na segunda guitarra. Com dois discos lançados, a banda natalense Luísa e os Alquimistas oscila entre as divas da antiga era do rádio aos programas de brega-funk, passando pelas vedetes e pelos ícones da música pop. Encerrando a noite, Catarina Dee Jah sobe ao palco como MC Ririca com show improvisado de acordo com o contexto da ocasião, projeto que surgiu durante suas discotecagens pelo Brasil. Os ingressos custam R$ 55 (meia), R$ 65 (social) e R$ 110 (inteira) e estão à venda nas lojas Passadisco, Disco de Ouro, Avesso e Redley, e também na internet. O Bailito fica localizado no número 390 da Rua Carlos Gomes. Serviço Inauguração do Bailito, com shows de Letrux, Luisa e os Alquimistas e MC Ririca Sexta-feira (18), às 22h Bailito - Rua Carlos Gomes, 390, Prado, Recife Ingressos: R$ 55 (meia), R$ 65 (social) e R$ 110 (inteira), à venda nas lojas Passadisco, Disco de Ouro, Avesso e Redley e na internet Informações: (81) 3033-4747
    Teatro na Zona Sul do Recife recebe show do cantor Pedro Mariano

    Teatro na Zona Sul do Recife recebe show do cantor Pedro Mariano


    Apresentação do concerto 'Piano e Voz' ocorre às 21h desta sexta (18), no Teatro RioMar, no Pina. Valor dos ingressos varia entre R$ 30 e R$ 140. Pedro Mariano faz show no Recife Aline Arruda/Divulgação O cantor Pedro Mariano, junto com o...


    Apresentação do concerto 'Piano e Voz' ocorre às 21h desta sexta (18), no Teatro RioMar, no Pina. Valor dos ingressos varia entre R$ 30 e R$ 140. Pedro Mariano faz show no Recife Aline Arruda/Divulgação O cantor Pedro Mariano, junto com o pianista Marcelo Elias, apresenta o show "Piano e Voz" na Zona Sul do Recife nesta sexta-feira (18), às 21h. O Teatro RioMar, no bairro do Pina, recebe a apresentação, que tem ingressos com valores entre R$ 30 e R$ 140, à venda na bilheteria do local e na internet. O repertório do show reúne canções que marcaram a vida de Pedro Mariano, filho da cantora Elis Regina e do pianista Cesar Camargo Mariano. Entre elas, estão "Caminhos cruzados", de Tom Jobim e Newton Mendonça; "Acaso", de Abel Silva e Ivan Lins; "Dupla traição", de Djavan; "Tem dó", de Baden Powell e Vinicius de Moraes; "Sangrando", de Gonzaguinha; "Um pouco mais perto", de Ana Carolina, Chiara Civello e Edu Krieger; e "Você", de Roberto Carlos. A carreira de Pedro Mariano conta com nove álbuns. Um deles é "Voz no ouvido", que faturou Disco de Ouro e foi indicado ao Grammy Latino 2001 como Melhor Disco Pop Contemporâneo Brasileiro. Na mesma categoria da referida premiação, o álbum "Pedro Mariano" também recebeu a indicação, mas em 2007. Serviço Pedro Mariano no show "Piano e Voz" Sexta-feira (18), às 21h Teatro RioMar - 4º piso do RioMar Shopping, na Avenida República do Líbano, 251, Pina Ingressos à venda na bilheteria do Teatro RioMar e na internet: Balcão Nobre: R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia) Plateia Alta: R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia) Plateia Baixa: R$ 140 (inteira) e R$ 70 (meia)
    Teatro de Santa Isabel celebra 168 anos com concerto gratuito da Banda Sinfônica do Recife

    Teatro de Santa Isabel celebra 168 anos com concerto gratuito da Banda Sinfônica do Recife


    Apresentação começa às 20h de sexta-feira (18). Ingressos começam a ser distribuídos na bilheteria do teatro às 19h. Teatro de Santa Isabel fica no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife Marcelo Lyra/Divulgação O Teatro de Santa...


    Apresentação começa às 20h de sexta-feira (18). Ingressos começam a ser distribuídos na bilheteria do teatro às 19h. Teatro de Santa Isabel fica no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife Marcelo Lyra/Divulgação O Teatro de Santa Isabel, no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife, completa 168 anos de fundação na sexta (18). O aniversário do espaço é comemorado com um concerto gratuito da Banda Sinfônica do Recife, a partir das 20h. Os ingressos podem ser retirados na bilheteria do local uma hora antes da apresentação. Sob o comando do maestro Nenéu Liberalquino, o concerto passeia da música erudita ao frevo. A noite começa com “Bolero”, de Maurice Ravel, e continua com “Wave”, de Tom Jobim. Também fazem parte do repertório “Funk attack”, de Otto Schwarz, além de composições de John Williams e uma compilação de trilhas sonoras que fizeram sucesso nos filmes de James Bond. A Banda Sinfônica do Recife apresenta, também, canções como "Leão do Norte", de Lenine; "Praieira", de Chico Science; e um arranjo com três dos principais sucessos de Luiz Gonzaga, além de Duda no Frevo. Serviço Aniversário de 168 anos do Teatro de Santa Isabel, com concerto da Banda Sinfônica do Recife Sexta-feira (18), às 20h Teatro de Santa Isabel - Praça da República, s/n, Santo Antônio, Recife Entrada gratuita: os ingressos são distribuídos na bilheteria do teatro a partir das 19h Informações: (81) 3355-3323 / 3355-3324
    Nena Queiroga recebe convidados em show beneficente no Recife

    Nena Queiroga recebe convidados em show beneficente no Recife


    Evento na sede do Galo da Madrugada ocorre na sexta (18) e arrecada recursos para a Creche Manuel Quintão. Ingressos custam R$ 50. Nena Queiroga é uma das idealizadoras do show beneficente Forró Cantando Esperança Rafael Bandeira/Divulgação A...


    Evento na sede do Galo da Madrugada ocorre na sexta (18) e arrecada recursos para a Creche Manuel Quintão. Ingressos custam R$ 50. Nena Queiroga é uma das idealizadoras do show beneficente Forró Cantando Esperança Rafael Bandeira/Divulgação A cantora Nena Queiroga recebe convidados na sede do Galo da Madrugada, no bairro de São José, no Centro do Recife, para o show beneficente Forró Cantando Esperança, que ocorre na sexta (18), às 21h. A instituição social beneficiada nesta terceira edição é a Creche Manuel Quintão, em Olinda. Os ingressos custam R$ 50 e estão à venda no local da apresentação ou na internet. Idealizado por Nena Queiroga e Júnior Chumbago, o show tem participações de André Rio, Luciano Magno, Damião Mota e Cristina Amaral. O repertório reúne clássicos do forró de Luiz Gonzaga; sucessos de Alceu Valença, como "Anunciação"; e canções como "Amor com café", de Elba Ramalho; e "A natureza das coisas", de Aciolly Neto. Os recursos arrecadados com a venda dos ingressos são destinados à referida creche localizada no bairro de Ouro Preto. Desde 2010, a instituição atende a mais de 200 crianças em situação de vulnerabilidade social. O dinheiro será investido na reforma do piso da quadra de esportes e ampliação no refeitório. O evento também procura atrair voluntários da área de saúde para o local, como médicos, dentistas e psicólogos. Serviço Forró Cantando Esperança, com Nena Queiroga, Júnior Chumbago, André Rio, Luciano Magno, Damião Mota e Cristina Amaral Sexta-feira (18), às 21h Sede do Galo da Madrugada - Rua da Concórdia, 984, São José, Recife Ingressos: R$ 50, à venda no local ou na internet
    Operação de combate à pornografia infantil prende 251 pessoas no país

    Operação de combate à pornografia infantil prende 251 pessoas no país


    Operação 'Luz na Infância 2' mobiliza 2,6 mil policiais em 24 estados e no DF. Alvos são pessoas que possuem conteúdos de exploração sexual contra crianças e adolescentes. Operação contra pornografia infantil prende 251 em 24 estados e no...


    Operação 'Luz na Infância 2' mobiliza 2,6 mil policiais em 24 estados e no DF. Alvos são pessoas que possuem conteúdos de exploração sexual contra crianças e adolescentes. Operação contra pornografia infantil prende 251 em 24 estados e no DF A maior operação de combate à pornografia infantil na história do Brasil prendeu 251 pessoas, em flagrante, até as 18h desta quinta-feira (17) em todo o país. O dado é do Ministério Extraordinário da Segurança Pública. O número final pode ser ainda maior. Até o fim da tarde, policiais civis de 24 estados e do Distrito Federal ainda trabalhavam para cumprir mandados e checar apreensões. O balanço final da operação deve ser divulgado nesta sexta (18). Operação Luz na Infância 2 Arte/G1 À noite, o presidente Michel Temer publicou, no Twitter, vídeo em que aparece ao lado do ministro de Segurança Pública, Raul Jungmann. Além da operação desta quinta, ele citou outras realizações da pasta. "Na semana passada ou duas semanas atrás, operação da Polícia Militar, mais de 100 mil homens em todo o país com mais de 5 mil flagrantes em todo país. É a segurança pública do governo federal, comandada pelo ministro Raul Jungmann, que dá os melhores resultados", declarou. De acordo com o ministério, foram presas 128 pessoas na região Sudeste, 47 no Nordeste, 38 no Sul, 21 no Centro-Oeste e 17 na região Norte. Os dados por estado também só serão divulgados nesta sexta. "Nas capitais, equipes das policiais civis seguem trabalhando para checar e contabilizar conteúdos apreendidos para instrução de inquéritos", diz o ministério. Raul Jungmann fala sobre a maior operação contra pedofilia realizada no Brasil “Pela primeira vez na história, temos informações para produzir estatísticas nacionais na área de segurança, possibilitando o desenvolvimento de um plano nacional de segurança pública e defesa", disse o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann. Até então, segundo ele, os documentos existentes não eram analisados de forma conjunta pelos órgãos nacionais de segurança. Policiais cumprem 55 mandados contra pedofilia no Rio de Janeiro Foram cumpridos 579 mandados de busca e apreensão no Distrito Federal e em 24 estados – apenas Paraná e Rio Grande do Norte não estão na operação. Alvos O principal alvo da polícia nesta quinta-feira (17) foi preso em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, com 780 mil arquivos baixados. Policiais prendem mais de 100 pessoas em operação contra pedofilia A ação nacional intitulada Luz na Infância 2 é coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública e realizada pelas polícias civis de cada estado. Segundo o ministro Raul Jungmann, 1 milhão de arquivos foram analisados. Ao todo, 2,6 mil policiais de todo o país fazem apreensão de arquivos com conteúdos relacionados a crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes. Suspeitos também estão sendo detidos em flagrante. Secretário Nacional de Segurança Pública conta detalhes da ação Luz na Infância 2 Os alvos foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais. A operação é realizada na véspera do Dia Nacional de Combate à Violência e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Homem preso em Campo Grande (MS) durante operação de combate à pornografia infantil Allysson Maruyama/TV Morena Parte dos presos é reincidente no crime, mas a maioria deles nunca havia sido detido, devido à dificuldade para rastrear esse tipo de material – parte dele está na "dark web", acessível apenas por meio de programas específicos e impossível de ser visto por mecanismos de busca tradicionais. Por razões de segurança, o diretor de inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública, Carlos Afonso Gonçalves Coelho, não detalhou a forma como os arquivos foram encontrados. "O que posso dizer que é estamos fazendo, desde o ano passado, capacitação do efetivo e desenvolvimento de novas tecnologias", afirmou. Polícia Civil cumpre mandados de busca e apreensão em Mato Grosso e em Pernambuco Veja a situação em cada estado: Acre Alagoas Amapá Amazonas Bahia Ceará Distrito Federal: um dos presos é um empresário de 57 anos, dono de um restaurante. Espírito Santo Goiás Maranhão Mato Grosso: um professor de inglês de 45 anos foi preso em Barra dos Garças, a 516 km de Cuiabá. Mato Grosso do Sul: um policial civil está entre os detidos. Minas Gerais: em Uberlândia, foi preso o principal alvo da operação, com 780 mil arquivos baixados; nas cidades do Vale do Aço e Vale do Rio Doce, foram três pessoas presas; em São Sebastião do Paraíso, um homem de 61 anos preso admitiu ter utilizado o computador de uma escola estadual para acessar os vídeos. Pará Paraíba Pernambuco Piauí Rio de Janeiro: em Campos, um homem foi preso com HDs, discos e notebook com material pornográfico; em Petrópolis, além do material, um idoso tinha um revólver. Rio Grande do Sul Rondônia Roraima: um funcionário público foi preso com fotos de crianças a partir de 5 anos. Santa Catarina São Paulo: em Campinas, um ex-sargento da polícia foi preso em flagrante, com quase mil fotos de pornografia infantil; em São Miguel Arcanjo, um dos presos atraía crianças com brinquedos e balas; em São José do Rio Pardo, um jovem de 21 anos foi detido; na região de Presidente Prudente, foram dois presos; e na Baixada Santista e no Vale do Ribeira, foram cinco presos. Sergipe Tocantins Operação contra pornografia infantil cumpre mandados em 24 estados e no DF Na primeira edição da operação Luz na Infância, realizada em 20 de outubro de 2017, foram cumpridos 157 mandados de busca e apreensão de computadores e arquivos digitais. À época, 112 pessoas foram presas. Segundo Carlos Afonso Gonçalves Coelho, na primeira etapa os arquivos foram analisados entre quatro e seis meses. Desta vez, com o aprimoramento tecnológico, o tempo foi otimizado: O serviço de inteligência chegou aos alvos em dois meses. Suspeito de 24 anos é detido em São José do Rio Preto (SP) durante operação contra pedofilia André Modesto/TV TEM Os alvos e os crimes Todas as pessoas presas nesta quinta-feira (17) estavam com uma quantidade “considerável” de arquivos de pornografia infantil armazenados, segundo o coordenador do Laboratório de Inteligência Cibernética da Secretaria de Segurança Pública, Alessandro Barreto. "Não era como se tivessem baixado sem querer. O mínimo foi 150 arquivos. Teve alguns com 50 mil, 80 mil. Um deles foi preso com mais de 200 mil arquivos armazenados." Ainda de acordo com Barreto, o perfil dos criminosos é variado. Foram identificados homens e mulheres, estudantes, advogados, profissionais da saúde e até educadores. "Teve um técnico de enfermagem que preso na Operação Peter Pan, em São Paulo, por armazenar pornografia infantil no computador de casa e, desta vez, foi preso de novo, mas com os arquivos no trabalho", disse. Os crimes investigados nesta operação são: Armazenar fotos ou qualquer material de pronografia infantil ou que revele clara violência sexual de crianças e adolescentes: de 1 a 4 anos de prisão. Compartilhamento de pornografia infantil: de 3 a 6 anos de prisão. Produção de pornografia infantil: de 4 a 8 anos de prisão. Polícia Civil faz megaoperação contra pedofilia em 24 estados e no DF Pedofilia é doença A pedofilia está entre as doenças classificadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como transtorno de preferência sexual. Pedófilos são pessoas adultas (homens e mulheres) que têm preferência sexual por crianças – meninas ou meninos - do mesmo sexo ou de sexo diferente, geralmente pré-púberes (que ainda não atingiram a puberdade) ou no início da puberdade. O Código Penal considera crime a relação sexual ou ato libidinoso (todo ato de satisfação do desejo, ou apetite sexual da pessoa) praticado por adulto com criança ou adolescente menor de 14 anos. Conforme o artigo 241-B do ECA é considerado crime, inclusive, o ato de "adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente." Leia mais notícias sobre a região no G1 DF.
    Fotógrafo pernambucano pedala 2,9 mil km em 24 dias para visitar parentes em Araraquara: 'coragem, foco e fé', diz

    Fotógrafo pernambucano pedala 2,9 mil km em 24 dias para visitar parentes em Araraquara: 'coragem, foco e fé', diz


    Inspiração veio do fotógrafo araraquarense Beto Ambrósio para fazer a viagem que teve uma parada especial na Basílica de Aparecida. Ele retorna para Afogados da Ingazeira (PE) nesta quinta. O fotógrafo Cláudio Kennedy Queiroz viajou 2,9 mil km...


    Inspiração veio do fotógrafo araraquarense Beto Ambrósio para fazer a viagem que teve uma parada especial na Basílica de Aparecida. Ele retorna para Afogados da Ingazeira (PE) nesta quinta. O fotógrafo Cláudio Kennedy Queiroz viajou 2,9 mil km de bike para visitar parentes em Araraquara (SP). Arquivo pessoal O fotógrafo pernambucano Cláudio Kennedy da Silva Queiroz, de 42 anos, pedalou 2,9 mil quilômetros para visitar parentes em Araraquara (SP). O ciclista saiu de Afogados da Ingazeira (PE), no sertão pernambucano, em 15 de abril e foi recebido na noite de 8 de maio por vários primos na entrada de Araraquara, após 24 dias de viagem. Após passar uma semana com a família, ele retorna a Pernambuco de avião na tarde desta quinta-feira (17). Fotógrafo pernambucano pedala 2,9 mil km em 24 dias para visitar parentes em Araraquara Na viagem a São Paulo, Kennedy fez questão de aumentar o percurso em mais de 400 quilômetros para poder passar em Aparecida do Norte (SP) para visitar a Basílica de Nossa Senhora Aparecida. “Eu quis agradecer porque consegui na minha vida esse ano duas vitórias com os meus filhos. Um passou no vestibular para direito e o outro tornou-se militar, era um sonho para mim, eu lutei por isso, eu pedi muito a Deus”, contou. A bicicleta do fotógrafo pernambucano Kennedy em frente à Basílica de Aparecida: 'parte mais emocionante'. Arquivo pessoal Ele conta que chegar a Aparecida foi a parte mais emocionante da viagem. "Eu chorei muito. Lembrei da minha mãe, que já é falecida, mas que era muito devota, lembrei muito dos meus filhos, da família, da minha namorada, de todo mundo”, diz. Família unida Cláudio Kennedy Queiróz foi recebido por parentes em Araraquara (SP) após pedalar 2,9 mil km. Arquivo pessoal A família Queiroz é muito grande e, na década de 1970, foi separada em um lado paulista e um lado pernambucano. O tio de Kennedy se mudou para Araraquara e chamou os irmãos. Um dos que aceitaram foi o pai de Kennedy, que chegou a ficar por um ano, mas não se adaptou e voltou para Pernambuco. A família voltou a se reunir em 2008 quando uma das primas de Araraquara se aposentou e viajou até Afogados para rever os parentes. Desde então, Fátima Queiroz tem ido anualmente para Pernambuco. Inspiração araraquarense Cláudio Kennedy Queiróz pedalou cerca de 120 km por dia de Pernambuco a Araraquara (SP). Reprodução EPTV A ideia da viagem ocorreu durante uma dessas visitas da prima Fátima a Afogados. Na época, ela comentou sobre o fotógrafo araraquarense Beto Ambrósio que pedalou 25 mil quilômetros por 17 países da América Latina. “Eu falei: ‘se ele rodou a América Latina de bike, eu consigo chegar a Araraquara’, afirmou Kennedy. Para fazer a viagem ele fez um detalhado planejamento. Ciclista há três anos, intensificou os treinos, fez um check up da saúde, pegou orientações com uma nutricionista, estudou o percurso e leu todos os livros de Beto Ambrósio e até chegou a trocar e-mails com o fotógrafo-ciclista. A bicicleta do fotógrafo pernambucano Kennedy foi equipada com produtos de higiene, pneus extras, roupas, barraca e até um fogareiro. Arquivo pessoal A bike também foi preparada para a viagem. Foi toda envelopada e ganhou um alforje no qual Queiroz carregou produtos de higiene, suplementos, roupas, pneu, câmera de ar, uma barraca e até um fogareiro com uma panelinha que nunca foram usados. Aprendizado no caminho Kennedy pedalou uma média de 120 km por dia. Geralmente, começava às 5h e parava às 14h, lutando consigo mesmo para vencer os percursos, alguns difíceis como as montanhas de Minas Gerais. Como combustível Kennedy usava a falta de confiança de algumas pessoas na sua conquista. “O que mais me fortalecia eram as críticas negativas. Quando a pessoa diz que eu não sou capaz eu provo que sou capaz”. O fotógrafo Cláudio Kennedy Queiróz registrou todo o percurso e cada cidade pela qual passava no caminho que fez de bicicleta de Pernambuco a Araraquara (SP). Arquivo pessoal Ao longo da viagem ele passou por seis estados e conheceu muita gente que o ajudou, mas também teve decepções. “Eu fui muito recriminado. Você está em uma bike e quando chega para se alimentar em algum lugar ou para dormir, eles olham para você como um peregrino, um esmoler”, contou. O momento mais dolorido aconteceu ao ser rejeitado por um conterrâneo que tinha uma pousada na Bahia. “Isso nunca vai sair de mim. O apelido dele era ‘Pernambuco’ e eu fui humilhado por ele. Eu queria um quarto para dormir e ele negou porque eu disse que iria colocar a bicicleta dentro do quarto. Ele pegou o dinheiro balançando na minha frente e falou ‘vai embora daqui’. "Isso me marcou muito. Eu disse para ele que ele não era de Pernambuco porque o povo do meu estado é muito acolhedor. E que ele não tinha direito de usar o nome de Pernambuco”, disse. Esses acontecimentos e a constante superação durante a trajetória fizeram com que o fotógrafo aprendesse muito sobre si mesmo e também sobre as pessoas. Cláudio Kennedy Queiróz trouxe produtos de higiene, remédios e fogareiro no alforje da bicicleta. Reprodução EPTV “Na estrada eu chorava, eu brigava com Deus, eu falava com Deus, eu cantava. Fiz muitos amigos. Encontrei refugiados da Venezuela, pessoas de outros estados, pessoas que estavam fazendo o mesmo que eu”, conta. Tanto Kennedy quanto a sua bicicleta chegaram intactos a Araraquara, mas ele reconhece que a viagem foi perigosa. Os parentes tanto de Araraquara quanto de Pernambuco acompanharam a trajetória com preocupação por meio dos vídeos que ele gravava no final de todos os dias. “Tem que ter muita coragem, foco e fé, muito mesmo, não é pouco não”, diz. “Porque você não pode olhar para trás. Em primeiro lugar você tem que ter palavra, então você tem que segurar a sua palavra, se eu voltasse eu seria motivo de piada”. Kennedy volta para Pernambuco a tempo de comparecer na formatura do filho como militar em Recife e já decidiu a próxima viagem. No ano que vem ele quer fazer esse mesmo percurso, só que de carro e com uma decisão: “Quando eu ver essas pessoas na estradas eu vou parar para ajudar”, afirma. Fotógrafo pedalou de Pernambuco até Araraquara (SP) em 24 dias. Arquivo pessoal Veja mais notícias da região no G1 São Carlos e Araraquara.
    Guardas municipais bloqueiam rua, distribuem feijoada e jogam dominó em protesto no Recife

    Guardas municipais bloqueiam rua, distribuem feijoada e jogam dominó em protesto no Recife


    Manifestantes interditaram a Rua José Bonifácio nesta quarta (16), segundo a CTTU. Categoria pede revisão do Plano de Cargos e Carreiras e uso de armas de fogo. Guardas municipais realizaram protesto na Zona Oeste do Recife Paula Costa/Sindguardas...


    Manifestantes interditaram a Rua José Bonifácio nesta quarta (16), segundo a CTTU. Categoria pede revisão do Plano de Cargos e Carreiras e uso de armas de fogo. Guardas municipais realizaram protesto na Zona Oeste do Recife Paula Costa/Sindguardas Recife/Divulgação Um protesto dos guardas municipais do Recife interrompeu o trânsito na Rua José Bonifácio, no bairro da Torre, na Zona Oeste da capital, nesta quarta (16). Segundo a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU), os manifestantes bloquearam as quatro faixas da via, próximo à Rua Padre Achieta, até as 18h20. Durante o ato, os guardas municipais distribuíram feijoada e jogaram dominó e xadrez. Eles levaram coroas de flores para protestar em prol da revisão do Plano de Cargos e Carreiras da categoria e da utilização de armas de fogo por servidores que atuam na área de segurança. Guardas municipais bloquearam trânsito durante protesto na Zona Oeste do Recife Wellington Pereira/TV Globo Orientadores de trânsito foram enviados ao local da manifestação para diminuir os impactos na circulação de veículos durante o ato, que foi realizado próximo à casa do prefeito Geraldo Julio (PSB), situada na Rua Neto Campelo. A Polícia Militar foi acionada e realizou bloqueios em ruas da região. A manifestação começou de manhã na Praça do Derby, no Centro do Recife. Em seguida, um grupo de guardas foi recebido na sede da gestão municipal, no Cais do Apolo, no Bairro do Recife, mas não houve acordo com a categoria. Os manifestantes seguiram em caminhada pelas ruas do Centro do Recife até a Rua José Bonifácio. Guardas do Recife jogaram dominó e distribuíram feijoada em protesto Paula Costa/Sindguardas Recife/Divulgação Resposta Por meio de nota, a Prefeitura do Recife informou que "lamenta a radicalização do movimento de guardas municipais enquanto mantém constante diálogo com a categoria" e ressaltou que, desde 2013, tais profissionais "receberam aumento médio de mais de 50% de salário", ultrapassando a inflação acumulada no período. Ainda no texto, a administração municipal destacou que, no mesmo período, "a Guarda Municipal recebeu a maior nomeação de sua história, com 702 novos agentes e conta hoje com um efetivo de 1675 homens, número que vai aumentar ainda mais com a conclusão da formação de 149 novos agentes que serão nomeados ainda neste primeiro semestre". A prefeitura afirmou também que a primeira revisão do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimento foi construída em conjunto com a categoria e encaminhada à Câmara Municipal do Recife. A nota cita, ainda, investimentos realizados desde 2013, como renovação da frota de viaturas, criação dos grupamentos especiais, capacitação permanente do efetivo e aquisição de mais de 5 mil uniformes, 400 coletes balísticos, 200 radiocomunicadores.
    Começa a venda do segundo lote de ingressos para o São João da Capitá

    Começa a venda do segundo lote de ingressos para o São João da Capitá


    Valores variam entre R$ 50 e R$ 380. Prévia junina acontece nos dias 8 e 9 de junho, no Classic Hall. São João da Capitá ocorre no Classic Hall, em Olinda Reprodução/TV Globo A partir da meia-noite desta quarta-feira (16), começa a ser vendido...


    Valores variam entre R$ 50 e R$ 380. Prévia junina acontece nos dias 8 e 9 de junho, no Classic Hall. São João da Capitá ocorre no Classic Hall, em Olinda Reprodução/TV Globo A partir da meia-noite desta quarta-feira (16), começa a ser vendido o segundo lote de ingressos para o São João da Capitá. Com preços que variam entre R$ 50 e R$ 380, as entradas estão à venda na bilheteria do Classic Hall e na internet. A tradicional prévia junina chega à 17ª edição neste ano e ocorre nos dias 8 e 9 de junho. Os ingressos da área VIP custam R$ 200 (inteira) e R$ 100 (meia), para cada uma das noites do evento. Os valores da "casadinha" para a entrada VIP, que garante acesso nos dois dias, são R$ 320 (inteira) e R$ 160 (meia). Para o espaço Prime Capitá, que conta com open bar, os ingressos saem por R$ 210, para um dia; e R$ 380, para os dois dias de festa. A pista, que terá piso elevado e uma visão inédita do palco externo, tem ingresso no valor de R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia), para um dia de evento; enquanto a "casadinha" para os dois dias de São João da Capitá custa R$ 160 (inteira) e R$ 80 (meia). Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do Classic Hall, em Olinda; e pela internet, através do site Bilhete Certo. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (81) 3427-7501. Dupla Simone & Simaria é uma das atrações do São João da Capitá em 2018 Rickardo Marques/G1 AM
    Obra em rede de esgoto provoca desvios no trânsito da Zona Oeste do Recife 

    Obra em rede de esgoto provoca desvios no trânsito da Zona Oeste do Recife 


    Interdição parcial do Largo da Paz, iniciada nesta terça (15), tem previsão de terminar na quinta (17), segundo a Compesa. Obra interdita parcialmente Largo da Paz, em Afogados, na Zona Oeste do Recife Compesa/Divulgação Uma obra emergencial...


    Interdição parcial do Largo da Paz, iniciada nesta terça (15), tem previsão de terminar na quinta (17), segundo a Compesa. Obra interdita parcialmente Largo da Paz, em Afogados, na Zona Oeste do Recife Compesa/Divulgação Uma obra emergencial para substituir um trecho da tubulação da rede de esgoto no bairro de Afogados, na Zona Oeste do Recife, provoca a interdição parcial do Largo da Paz a partir desta terça-feira (15). Segundo a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), o serviço tem previsão de ser concluído na quinta-feira (17). Por causa da complexidade da obra, pedestres e motoristas devem seguir as orientações de desvio sinalizadas na via. Os motoristas que circulam pela Estrada dos Remédios em direção ao bairro da Imbiribeira, na Zona Sul do Recife, devem desviar pela Rua Doutor Adelino e seguir pela Rua Cosme Viana. Para os ônibus que trafegam pela Rua São Miguel, o desvio passa a ser feito pela Rua Quitério Inácio de Melo, para depois pegar a Rua Professor Wanderley Filho até acessar a Avenida Sul. De acordo com a Compesa, a obra tem o objetivo de substituir um trecho de uma tubulação de esgoto de grande porte, com 900 milímetros de diâmetro e cerca de 20 metros de extensão. Como a tubulação está a quatro metros de profundidade, é preciso interditar parcialmente a via, já que envolve máquinas e equipamentos de escoramento de valas.
    Aproveitando o paraíso: Grazi Massafera descansa em Fernando de Noronha

    Aproveitando o paraíso: Grazi Massafera descansa em Fernando de Noronha


      Grazi Massafera está em Fernando de Noronha descansado com a filha, Sofia, que tem cinco anos de idade, e o namorado, Patrick Bulus. A atriz chegou na sexta-feira (11) e acompanhou na ilha o final "O Outro Lado do Paraíso", novela que...


      Grazi Massafera está em Fernando de Noronha descansado com a filha, Sofia, que tem cinco anos de idade, e o namorado, Patrick Bulus. A atriz chegou na sexta-feira (11) e acompanhou na ilha o final "O Outro Lado do Paraíso", novela que interpretou o papel de Lívia. Grazi também passou em Noronha Dia das Mães nesse domingo (13). Nesta temporada Massafera tem feito corridas, já fez passeio de barco e esteve na Praia Cacimba do Padre. A artista está hospedada na Pousada Teju-Açu, onde ficou na visita anterior à ilha.      
    Curso para professores em unidades de conservação é realizado em Fernando de Noronha

    Curso para professores em unidades de conservação é realizado em Fernando de Noronha


      O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) em parceria a Universidade de Brasília (UNB), concluíram a primeira etapa do Projeto Comunidade Escola- ICMBio, com o Curso de Formação Continuada de Professores da...


      O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) em parceria a Universidade de Brasília (UNB), concluíram a primeira etapa do Projeto Comunidade Escola- ICMBio, com o Curso de Formação Continuada de Professores da Rede Pública para Ações Educativas em Unidades de Conservação da Natureza.  Ao todo foram disponibilizadas 30 vagas para os professores e profissionais convidados. No projeto são repassadas experiências já realizadas pelo Instituto na formação de professores para trabalharem temas ambientais em comunidades escolares. “Focar o curso num debate mais profundo acerca das unidades de conservação é um esforço de mobilização para construir o entendimento dessas áreas protegidas enquanto um projeto de sociedade, como parte de um todo, que é o território. Esses espaços naturais devem incorporar em sua gestão a preocupação com os laços afetivos com as comunidades locais e os meios para viabilizar a participação social em sua administração. Efetivamente, as pessoas protegem o que amam", afirmou o coordenador Geral de Gestão Socioambiental do ICMBio, Paulo Russo. Para quem com educação na ilha, o curso é mais uma forma de ampliar as informações que serão repassadas no dia a dia para os alunos. “Discutir a educação ambiental de forma mais integral, percebendo que ela está ligada à discussão de valores e da ética que fazem parte de nosso modo de viver”, disse a gestora da Centro Integrado de Educação Infantil Bem-Me-Quer, Sheila Libânia.   “É mais um passo de uma longa parceria das unidades de conservação com as escolas do arquipélago. O que torna esta experiência especial é que, trabalhando com os professores e parceiros como foco do processo formativo, estamos ampliando a difusão de conhecimentos e encurtando a distância entre comunidade e o ICMBio” avaliou o chefe do Núcleo de Ação Integrada do ICMBio, Felipe Mendonça.    Parque 30 anos O projeto Comunidade - ICMBio faz parte do calendário de comemorações dos 30 anos de criação do Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha. O curso tem três fases: etapa presencial com função formativa, que aconteceu neste mês de maio; etapa de acompanhamento para a criação e execução de ações ambientais educativas propostas por grupos ou individualmente; e a etapa de difusão do conhecimento, que acontecerá em novembro de 2018, onde serão compartilhados os resultados obtidos com a comunidade local.   Este projeto é realizado pelo ICMBio e Universidade de Brasília e  apoio do Projeto GEF Mar, Econoronha, WWF-Brasil, Projeto Golfinho Rotador,  Escola Arquipélago e Centro Integrado Bem-Me-Quer.      
    Pai e filho presos em MS na operação 'Efeito Dominó' lavavam dinheiro para um dos maiores traficantes da América do Sul, diz PF

    Pai e filho presos em MS na operação 'Efeito Dominó' lavavam dinheiro para um dos maiores traficantes da América do Sul, diz PF


    Filho foi preso em um condomínio de luxo em Campo Grande e o pai em Dourados. OS R$ 27 mil apreendidos pela PF em Dourados, nesta terça-feira (15), durante a operação Efeito Dominó, na casa do doleiro Pedro Araújo Mendes Lima PF/Divulgação Os...


    Filho foi preso em um condomínio de luxo em Campo Grande e o pai em Dourados. OS R$ 27 mil apreendidos pela PF em Dourados, nesta terça-feira (15), durante a operação Efeito Dominó, na casa do doleiro Pedro Araújo Mendes Lima PF/Divulgação Os dois doleiros presos nesta terça-feira (15) em Mato Grosso do Sul, pai e filho, na operação “Efeito Dominó”, da Polícia Federal, são suspeitos de lavarem dinheiro para Luiz Carlos da Rocha, conhecido como “Cabeça Branca”, e apontado pela unidade como um dos maiores traficantes da América do Sul. Ele foi preso em julho do ano passado em Sorriso, Mato Grosso. Segundo a PF, foram presos em Mato Grosso do Sul nesta terça, Hamilton Brandão de Lima e o pai dele Pedro Araújo Mendes Lima. O filho, com mandado de prisão preventiva, foi detido em um condomínio de luxo na Vila Nasser, em Campo Grande. Já o pai foi preso em Dourados, com um mandado de prisão temporária, válida por cinco dias. No imóvel onde ele estava foram encontrados e apreendidos R$ 27 mil em dinheiro e dois carros de luxo. Além dos dois presos em Mato Grosso do Sul, a PF prendeu durante a operação, que foi voltada contra a lavagem de dinheiro do tráfico internacional de drogas, outras seis pessoas, em cinco estados: Rio de Janeiro, Pernambuco, Ceará, Paraíba e São Paulo, além do Distrito Federal. Um dos presos foi Carlos Alexandre de Souza Rocha, conhecido como Ceará, delator da Lava Jato. Ele atuava na Lava Jato com o doleiro Alberto Youssef e firmou acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República (PGR). O acordo foi homologado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). A PF disse que vai avisar as duas instituições para que avaliem a rescisão do acordo. Ceará foi preso preventivamente, em João Pessoa (PB). No final da manhã, ele deixou a sede da PF na Paraíba para ser transferido para a Superintendência da PF, em Curitiba. Como delator da Lava Jato, Ceará mencionou os políticos Fernando Collor de Mello, Aécio Neves, Renan Calheiros e Randolfe Rodrigues. O delegado da PF Igor Romário de Paula afirmou que, na época da delação, Ceará escondeu os crimes que ele cometia relacionados ao tráfico de drogas. Segundo outro delegado da PF que participou da operação, Roberto Biasoli, as pessoas presas nesta terça-feira formam o "núcleo principal" da organização ligada ao Cabeça Branca. Biasoli explicou que quase todos os presos tinham acesso ao Cabeça Branca, e que o contato com ele era restrito. Os presos, segundo o delegado são doleiros e lavadores de dinheiro. Conforme o delegado, Ceará e Cabeça Branca passaram a atuar juntos a partir de 2016. Antes, em 2013, Ceará já trabalhava para traficantes, ainda de acordo com o delegado.
    Depois de quatro meses da inauguração, unidade de saúde será entregue aos moradores de Fernando de Noronha

    Depois de quatro meses da inauguração, unidade de saúde será entregue aos moradores de Fernando de Noronha


      A Unidade de Saúde da Família Dois Irmãos – USF, será entregue para uso dos moradores de Fernando de Noronha na próxima segunda (21), quatro meses após a cerimônia de inauguração. Os homens seguem trabalhando para concluir o...


      A Unidade de Saúde da Família Dois Irmãos – USF, será entregue para uso dos moradores de Fernando de Noronha na próxima segunda (21), quatro meses após a cerimônia de inauguração. Os homens seguem trabalhando para concluir o serviço, que ainda não está pronto. Foram gastos R$ 1.400.000,00, além das  obras, profissionais realizam instalação dos equipamentos. A inauguração oficial foi promovida no dia 2 de janeiro e foi o último ato público do ex-administrador da ilha, Luís Eduardo Antunes. Ele chegou a ser questionado por um grupo de moradores,  os representantes da comunidade reprovaram a cerimônia antes da conclusão das trabalhos.  Agora, o atual administrador não pretende fazer nenhuma cerimônia. “Nós vamos abrir a unidade de saúde, que vai funcionar das 8h às 17 horas. Vamos acompanhar o início dos trabalhos que serão oferecidos para a população, mas não será feito neunum ato de inauguração”, informou o administrador de Noronha, Plínio Pimentel.    
    Delator da Lava Jato é preso em operação contra lavagem de dinheiro de tráfico internacional de drogas

    Delator da Lava Jato é preso em operação contra lavagem de dinheiro de tráfico internacional de drogas


    Efeito Dominó é um desdobramento da operação que prendeu o Cabeça Branca, um dos maiores traficantes da América do Sul. PF prende doleiro e mais sete ligados a lavagem de dinheiro do tráfico A Polícia Federal (PF) prendeu na manhã desta...


    Efeito Dominó é um desdobramento da operação que prendeu o Cabeça Branca, um dos maiores traficantes da América do Sul. PF prende doleiro e mais sete ligados a lavagem de dinheiro do tráfico A Polícia Federal (PF) prendeu na manhã desta terça-feira (15) Carlos Alexandre de Souza Rocha, conhecido como Ceará, delator da Lava Jato. Outras sete pessoas também foram presas em uma operação contra lavagem de dinheiro do tráfico internacional de drogas. Ceará atuava na Lava Jato com o doleiro Alberto Youssef e firmou acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República (PGR). O acordo foi homologado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). A PF disse que vai avisar as duas instituições para que avaliem a rescisão do acordo. Ceará foi preso preventivamente, ou seja, por tempo indeterminado, em João Pessoa (PB). No final da manhã, ele deixou a sede da PF na Paraíba para ser transferido para a Superintendência da PF, em Curitiba. Como delator da Lava Jato, Ceará mencionou os políticos Fernando Collor de Mello, Aécio Neves, Renan Calheiros e Randolfe Rodrigues. (Veja abaixo). O delegado da PF Igor Romário de Paula afirmou que, na época da delação, Ceará escondeu os crimes que ele cometia relacionados ao tráfico de drogas. Prisões preventivas: Carlos Alexandre de Souza Rocha (o Ceará); Edmundo Gurgel Junior; Ivo Queiroz Costa Filho; Hamilton Brandão Lima; Geraldo Ferreira Filho. Prisões temporárias (por cinco dias): José Maria Gomes; Leonir Vettori; Pedro Araújo Mendes Lima. Conforme a PF, seis investigados chegaram à Curitiba e foram encaminhados para a Superintendência da PF ainda na terça-feira. Hamilton e Pedro Araújo chegaram na manhã desta quarta-feira (16). Carlos Alexandre de Souza Rocha chega ao Aeroporto Internacional de João Pessoa Walter Paparazzo/G1 Outros doleiros O G1 apurou que, além dele, outros dois operadores financeiros agem no esquema investigado pela Operação Efeito Dominó, deflagrada nesta terça. Um deles, Edmundo Gurgel Junior, foi investigado pela PF no caso Banestado, na Operação Farol da Colina, segundo a Polícia Federal. Ele foi alvo de prisão preventiva, no Recife (PE). O outro doleiro preso é José Maria Gomes. A prisão dele é temporária e ocorreu no Rio de Janeiro (RJ). Todos os presos serão levados para a Superintendência da PF, em Curitiba. O G1 tenta localizar os advogados dos citados. PF prende empresário no Recife em operação contra lavagem de dinheiro de tráfico internacional de drogas PF apreendeu dinheiro durante busca realizada em Recife, pela Operação Efeito Dominó Divulgação/Polícia Federal Operação Efeito Dominó Batizada de Efeito Dominó, a ação é um desdobramento da Operação Spectrum, deflagrada em 2017. Na ocasião, Luiz Carlos da Rocha – o Cabeça Branca, um dos maiores traficantes da América do Sul, segundo a PF – foi preso em Sorriso (MT). Cabeça Branca foi procurado por 30 anos pela PF e pela Interpol. Ele fez várias cirurgias plásticas para mudar o rosto. 'Embaixador do tráfico' vivia como grande agropecuarista em MT, diz PF PF acha US$ 340 mil em carro apreendido com um dos maiores traficantes do país De acordo com a PF, a investigação policial apontou uma "complexa e organizada estrutura" destinada à lavagem de recursos provenientes do tráfico internacional de entorpecentes. O delegado da PF Roberto Biasoli afirmou que as pessoas presas nesta terça-feira formam o "núcleo principal" da organização ligada ao Cabeça Branca. "Só pelo que nós conseguimos levantar com o material apreendido, do ano de 2014 a 2017, teriam sido negociadas 27 toneladas de cocaína, isso com um lucro de aproximadamente US$ 140 milhões", disse o delegado. Biasoli explicou que quase todos os presos tinham acesso ao Cabeça Branca, e que o contato com ele era restrito. Os presos, segundo Biasoli, são doleiros e lavadores de dinheiro. Conforme o delegado, Ceará e Cabeça Branca passaram a atuar juntos a partir de 2016. Antes, em 2013, Ceará já trabalhava para traficantes, ainda de acordo com o delegado. De acordo com a decisão do juiz Nivaldo Brunoni, da 23ª Vara da Justiça Federal em Curitiba, as prisões foram decretadas porque a prática dos crimes investigados "permite conclusão da existência de risco de reiteração delitiva e, por conseguinte, risco à ordem pública". Arte/G1 A estratégia A estratégia da operação, conforme a PF, é baseda na ligação de interesses das atividades ilícitas dos "clientes dos doleiros" investigados. Biasoli citou que traficantes estão entre esses "clientes". De um lado, havia a necessidade de disponibilidade de grande volume de reais em espécie para o pagamento de propinas, segundo a PF. Do outro, de acordo com a PF, traficantes internacionais – como Cabeça Branca – tinham disponibilidade de recursos em moeda nacional e necessitavam de dólares para fazer as transações internacionais com fornecedores de cocaína. Biasoli esclareceu que a troca de dólares era realizada de várias formas, sendo o dólar-cabo, que são transferências internacionais ilegais, uma delas. Também havia lavagem de dinheiro, segundo o delegado, usando fazendas e outros bens em nome de laranjas, além do envio de dinheiro vivo para o Paraguai em carros com fundos falsos. "A gente tem indícios de um link direto do dinheiro do narcotráfico indo parar na mão de políticos corruptos (...) Eles não estão interessados em saber a origem, eles querem receber. E esse cara que lidava com o dinheiro de narcotraficantes também entregava propina a corruptos", afirmou Biasoli. Os mandados judiciais Ao todo, são 26 mandados judiciais expedidos pela 23ª Vara Federal de Curitiba. Há 18 de busca e apreensão, cinco de prisão preventiva e três de prisão temporária. Os mandados foram cumpridos no Rio de Janeiro, Pernambuco, Ceará, Paraíba, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal e em São Paulo. Biasoli relatou que foram apreendidos documentos, uma arma de calibre restrito e dinheiro. Entretanto, até o começo da tarde, não havia um balanço fechado do material apreendido na operação. A polícia ainda está mapeando o caminho do dinheiro da organização criminosa. Crimes de lavagem de dinheiro, contra o Sistema Financeiro Nacional, organização criminosa e associação para o tráfico internacional de entorpecentes são apurados pela Efeito Dominó. Operação Efeito Dominó apura crimes de lavagem de dinheiro, contra o Sistema Financeiro Nacional, organização criminosa e associação para o tráfico internacional de entorpecentes Divulgação/PF Ceará Ceará, preso na Operação Efeito Dominó, é um dos delatores da Operação Lava Jato. Ele trabalhava para o doleiro Alberto Youssef e foi preso na 1ª fase da Lava Jato. Em 2014, Ceará disse, em depoimento, que foi a Maceió e levou R$ 300 mil para o ex-presidente da República Fernando Collor de Mello (PTB-AL) em pacotes de notas de R$ 100. O depoimento foi homologado em 2015. À época, Collor negou conhecer Ceará e questionou a credibilidade do seu depoimento. O delator também mencionou, em depoimento, que o senador Aécio Neves (PSDB-MG) recebeu R$ 300 mil a mando de Youssef. Aécio negou a afirmação. Ceará ainda citou a entrega de dinheiro a outros políticos, entre eles, os senadores Renan Calheiros (PMDB-AL) e Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Contudo, Alberto Youssef negou o repasse de valores a Randolfe Rodrigues, e o STF não viu motivo para investigá-lo. Renan Calheiros negou ter recebido dinheiro. Em nota, a defesa de Aécio informou que a acusação feita sobre o senador foi arquivada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) e pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em 10 de fevereiro de 2016. "A própria PGR reconheceu no pedido de arquivamento da denúncia que as declarações de 'Ceará' foram desmentidas nos depoimentos prestados pelo empresário Ricardo Pessoa e por Alberto Yousseff", diz trecho do comunicado. Veja mais notícias da região no G1 Paraná.
    Terça Negra em dobro celebra Bob Marley e Dia da África com programação gratuita no Recife

    Terça Negra em dobro celebra Bob Marley e Dia da África com programação gratuita no Recife


    Eventos ocorrem no Pátio de São Pedro na terça-feira (15), a partir das 20h, e no dia 22 de maio, a partir das 16h. Terça Negra ocorre no Pátio de São Pedro, na área central do Recife Clélio Tomaz/PCR/Divulgação Neste mês de maio de 2018,...


    Eventos ocorrem no Pátio de São Pedro na terça-feira (15), a partir das 20h, e no dia 22 de maio, a partir das 16h. Terça Negra ocorre no Pátio de São Pedro, na área central do Recife Clélio Tomaz/PCR/Divulgação Neste mês de maio de 2018, a Terça Negra tem programação dobrada no Pátio de São Pedro, no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife. Na terça-feira (15), o evento celebra o reggae do cantor jamaicano Bob Marley através dos shows das bandas Massapê, às 20h: Marlevou, às 21h; e Positividade, às 22h. A entrada é gratuita. Também aberta ao público, a edição seguinte da Terça Negra, em 22 de maio, homenageia o Dia da África, celebrado no dia 25 deste mês. Para comemorar a data, o Movimento Negro Unificado oferece cinco atrações em de oito horas de programação. A festa começa às 16h, com uma feira afro de empreendedores e segue com o Fórum Permanente de Políticas Públicas para Capoeira, além das apresentações do Balé Afro Magê Molê e do Afoxé Omulu Pá Keru Awo. O encerramento fica por conta do grupo Coco dos Pretos. Programação 15 de maio 20h - Massapê 21h - Marlevou 22h - Positividade 22 de maio 16h - Feira Afro de Empreendedores 19h - Apresentação do Fórum Permanente de Políticas Públicas para Capoeira 20h - Balé Afro Magê Molê 21h - Afoxé Omulu Pá Keru Awo 22h - Coco dos Pretos