G1 > Maranhão

    Menino queimado em carvoaria no Maranhão é transferido para Goiânia

    Menino queimado em carvoaria no Maranhão é transferido para Goiânia


    João Miguel passou por uma cirurgia na tarde deste sábado (17) para amputar as pontas dos dedos; Hora prevista de chegada na capital de Goiás é às 21h30. João Miguel sofreu queimaduras de terceiro grau em uma carvoaria de...


    João Miguel passou por uma cirurgia na tarde deste sábado (17) para amputar as pontas dos dedos; Hora prevista de chegada na capital de Goiás é às 21h30. João Miguel sofreu queimaduras de terceiro grau em uma carvoaria de Buriticupu Reprodução/TV Mirante Após quatro dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Municipal Infantil de Imperatriz, a 626 km de São Luís, o menino João Miguel, de cinco anos de idade, que sofreu queimaduras de terceiro grau após cair em uma caieira (espécie de forno artesanal) em uma carvoaria em Buriticupu, a 311 km da capital, será transferido neste sábado (17) para a cidade de Goiânia, onde ele será internado em um centro especializado para tratamento de queimaduras. Na tarde deste sábado João Miguel passou por uma cirurgia para amputar as pontas dos dedos. Depois do procedimento, a equipe médica autorizou a transferência dele para Goiânia. A hora prevista de chegada na capital de Goiás é às 21h30. Em Goiânia ele será transferido direto para o hospital de queimaduras, onde vai iniciar uma nova fase no tratamento. A mãe de João Miguel, Idenilsa Costa da Silva, revela que o garoto terá uma equipe à disposição dele no novo hospital. “Ele vai ser transferido para Goiânia para o hospital dos queimados. Lá que meu filho vai ter uma equipe toda preparada esperando por ele”, disse. João Miguel permanece sedado e o caso ainda é considerado grave, já que maior parte do corpo dele teve queimaduras de terceiro grau. O acidente aconteceu quando o menino acompanhava o pai que trabalha em uma carvoaria. O pai também teve os pés queimados quando tentava socorrer o filho. Emocionada, Idenilsa Costa conta que entrou em estado de choque ao receber a notícia. “Na mesma hora eu saí correndo e o pessoal me agarrou. Depois eu levantei e saí correndo. Eles me agarraram no meio da rua e disseram ‘tu não corre’ porque teu filho já está para Buriti. Quando eu cheguei dentro do hospital e olhei para meu filho eu caí”, desabafou a mãe de João Miguel.
    Seminário sobre Relações Familiares na Atualidade acontece em São Luís

    Seminário sobre Relações Familiares na Atualidade acontece em São Luís


    Confira a programação completa e como se inscrever. Seminário em São Luís estimula reflexão sobre relações familiares Nos dias 30 de novembro e 1º de dezembro acontece o Seminário Relações Familiares na Atualidade, em São Luís. O evento...


    Confira a programação completa e como se inscrever. Seminário em São Luís estimula reflexão sobre relações familiares Nos dias 30 de novembro e 1º de dezembro acontece o Seminário Relações Familiares na Atualidade, em São Luís. O evento ocorre na Associação Espírita Emmanuel, no bairro Cohatrac. Clique aqui para fazer a inscrição. O objetivo é estimular uma reflexão sobre a importância do papel da família. Serão abordados temas como a família no mundo de mudanças, o amor em família e as relações de pessoas da mesma família com religiões e crenças diferentes. Veja a programação completa. Programação seminário Relações Familiares na Atualidade, em São Luís Divulgação
    Morte do prefeito de Davinópolis foi planejada e teve mandante, diz Polícia

    Morte do prefeito de Davinópolis foi planejada e teve mandante, diz Polícia


    Investigações apontam que todo o crime não aconteceu por acaso. Polícia tenta descobrir se o mandante estava no local do assassinato. Ivanildo Paiva (PRB), prefeito de Davinopólis foi encontrado morto no dia 11 de...


    Investigações apontam que todo o crime não aconteceu por acaso. Polícia tenta descobrir se o mandante estava no local do assassinato. Ivanildo Paiva (PRB), prefeito de Davinopólis foi encontrado morto no dia 11 de novembro Divulgação/Prefeitura Municipal de Davinopólis As investigações do assassinato de Ivanildo Paiva, prefeito de Davinópolis, apontam que o crime foi planejado e com um mandante. De acordo com o delegado regional de Imperatriz, Eduardo Galvão, resta saber se o mandante estava ou não no local do crime. "O crime foi todo arquitetado. Se verifica que foi tudo planejado em relação a situação, que aponta que seja um homicídio que nós chamamos de mercenário. Alguém mandou. Além disso, embora não descatemos a presença do suposto mandante, provavelmente ele não participou da execução no local", contou o delegado Eduardo Galvão. Outra ação realizada pela polícia está sendo uma perícia no celular de Ivanildo. De acordo com o delegado Eduardo, até o momento as ações se concentram na análise de possíveis digitais no aparelho. "A gente não pode divulgar muita coisa, mas algumas perícias estão verificando fragmentos de digitais. Isso pode ser levado a um banco de dados. A princípio, o aparelho estaria travado e estamos tentando ter acesso ao conteúdo dele" Retrato falado Testemunhas alegam que teriam visto dois homens com essas características nas proximidades da fazenda do prefeito de Davinópolis Reprodução/TV Mirante A Polícia Civil divulgou o retrato falado de dois suspeitos do assassinato do prefeito de Davinópolis, Ivanildo Paiva. De acordo com a polícia, as características foram descritas por testemunhas que teriam visto os homens nas proximidades da fazenda do prefeito, momentos antes do crime. No entanto, até o momento nenhum suspeito chegou a ser localizado ou preso, como também ainda não existe uma linha de investigação definida sobre o que motivou o assassinato do prefeito. A Polícia Civil informou que todos os dias novos fatos estão chegando, o que abrem novas linhas de investigação. O crime O prefeito de Davinopólis, Ivanildo Paiva (PRB), de 57 anos, foi encontrado morto na manhã do dia 11 de novembro. De acordo com o delegado Armando Pacheco, Superintendente da Polícia Civil do Interior, o corpo foi encontrado cerca de 2 km da sede da sua fazenda, na zona rural do município e o carro do prefeito foi encontrado abandonado na BR-010, ao lado da mata do 50 BIS, em Imperatriz. Na última terça-feira (13), José Rubem Firmo (PCdoB) tomou posse no cargo de prefeito de Davinópolis, em solenidade na Câmara Municipal da cidade. Initial plugin text
    Segunda etapa do Revalida será aplicada neste sábado e domingo

    Segunda etapa do Revalida será aplicada neste sábado e domingo


    São esperados mais de 900 médicos brasileiros e estrangeiros formados em medicina no exterior. Exame serve para validar o diploma no Brasil. Mais de 900 médicos fazem exames para validar o diploma no Brasil A segunda etapa da edição de 2017 do...


    São esperados mais de 900 médicos brasileiros e estrangeiros formados em medicina no exterior. Exame serve para validar o diploma no Brasil. Mais de 900 médicos fazem exames para validar o diploma no Brasil A segunda etapa da edição de 2017 do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeira, o Revalida, será feita neste sábado (17) e domingo (18) em cinco capitais: Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Curitiba (PR), Manaus (AM), e São Luís (MA). Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), são esperados mais de 900 médicos em busca da revalidação de seus diplomas. A prova é aplicada em dois turnos. No primeiro turno, os portões abrem às 12h e fecham às 12h30, no sábado e domingo. As provas começam às 13h. No segundo turno, os portões abrem às 16h e fecham às 16h30 também no sábado e domingo. As provas começam às 17h. Para conferir o turno, o candidato deverá consultar o cartão de inscrição. É obrigatória a apresentação de via original de documento oficial de identificação com foto para a realização das provas. O Revalida é um exame obrigatório para que os brasileiros e estrangeiros que se formaram em medicina em universidades de fora do Brasil possam exercer a profissão de médicos no país – no caso do programa Mais Médicos, os profissionais não precisam do Revalida para atuar, mas são contratados por meio de contratos temporários de bolsistas. Esta etapa, que deveria ter sido realizada em março, teve um atraso de oito meses devido aos processos judiciais de candidatos que tiveram a inscrição no exame indeferidas. Isso atrasou a divulgação dos resultados da primeira etapa e, como é preciso fazer uma licitação para cada etapa, o processo licitatório começou meses após o calendário previsto no edital. Locais de provas Belo Horizonte/MG: Faculdade de Medicina da UFMG: Avenida Prof. Alfredo Balena, 190 – Santa Efigênia (Próximo ao Hospital do pronto socorro João XXIII) Brasília/DF: Hospital Universitário de Brasília – HUB - Prédio da Odontologia: Av. L2 norte, SGAN 604/605 – Asa Norte Curitiba/PR: Complexo Hospital de Clínica da Universidade Federal do Paraná: Rua General Cerneiro, 181 – Alto da Glória Manaus/AM Faculdade de Medicina da UFAM: Rua Afonso Pena, 1053 – Centro (quarteirão do HUGV). São Luís/MA Hospital Universitário Unidade Materno Infantil: Endereço: Rua Silva Jardim, s/n – Centro (próximo à Unidade Hospitalar Presidente Dutra) Habilidades clínicas O exame é sempre realizado em duas etapas. A primeira consiste em uma prova de múltipla escolha. Já a segunda é uma prova clínica, na qual os candidatos passam por diversas estações que simulam atendimentos a pacientes. De acordo com o Inep, durante a prova "o participante percorre dez estações resolvendo tarefas como a investigação de história clínica, a interpretação de exames complementares, a formulação de hipóteses diagnósticas, a demonstração de procedimentos médicos e o aconselhamento a pacientes ou familiares". Veja as nacionalidades de quem fez medicina no exterior e passou em uma das edições do Revalida entre 2011 e 2016 Alexandre Mauro/G1 Cálculo da média das taxas de aprovação por país nas edições do Revalida entre 2011 e 2016 (nos anos em que o país teve pelo menos um participante) Alexandre Mauro/G1
    Conselho indigenista denuncia ameaças contra técnicos em território de conflito agrário no Maranhão

    Conselho indigenista denuncia ameaças contra técnicos em território de conflito agrário no Maranhão


    Segundo o CIMI, um grupo da FUNAI está sob risco na região de Viana. Eles fazem um relatório de identificação e delimitação nas terras reivindicadas por fazendeiros e índios Gamella. Funai pede segurança a técnicos que fazem relatório em...


    Segundo o CIMI, um grupo da FUNAI está sob risco na região de Viana. Eles fazem um relatório de identificação e delimitação nas terras reivindicadas por fazendeiros e índios Gamella. Funai pede segurança a técnicos que fazem relatório em território Gamella, em Viana O Conselho Indigenista Missionário (CIMI) emitiu uma nota nesta sexta-feira (16) que aponta supostas ameaças a um Grupo de Trabalho da Fundação Nacional do Índio (FUNAI) que fará um Relatório Circunstanciado de Identificação e Delimitação (RCID) em um território na região de Viana, a 110 km de São Luís. O grupo está nas terras disputadas por fazendeiros e índios Akroá Gamella. De acordo com o CIMI, três homens em um carro não identificado circularam na região a procura de lideranças dos Gamella. Índios e fazendeiros disputam terra na região de Viana, no Maranhão Reprodução/TV Mirante O CIMI também afirma que a FUNAI se comprometeu em acionar a Polícia Federal para garantir a segurança dos pesquisadores que estão na área elaborando o RCID e que, até o momento, tanto os pesquisadores quanto os indígenas estão sob risco. Em abril de 2017, pelo menos 10 pessoas ficaram feridas em um confronto entre índios e fazendeiros, no povoado Bahias, na cidade de Viana. A região é alvo de conflito agrário. Confronto entre índios e fazendeiros deixa 13 feridos no Maranhão Segundo o CIMI, após o caso os Gamella realizaram uma ocupação na sede na FUNAI, em São Luís, que determinou a criação do Grupo de Trabalho (GT) para Identificação e Delimitação da Terra Indígena. O grupo iniciou as atividades em novembro de 2018. Índios ficam feridos em confronto com fazendeiros no Maranhão Índios Gamela também estavam com armas de fogo, diz delegado Área de ataque no Maranhão é disputada por índios e fazendeiros Força-tarefa investiga conflito entre índios e fazendeiros no Maranhão Ministério Público Federal teme novo ataque aos indígenas no MA

    IBGE aponta Maranhão com o menor PIB per capita do Brasil


    Dados do Sistema de Contas Regionais 2016 foram divulgados nesta sexta (16). De acordo com dados do Ibge, Maranhão tem o menor PIB do Brasil O Maranhão teve o menor Produto Interno Bruto (PIB) per capita do país no ano de 2016, segundo segundo o...

    Dados do Sistema de Contas Regionais 2016 foram divulgados nesta sexta (16). De acordo com dados do Ibge, Maranhão tem o menor PIB do Brasil O Maranhão teve o menor Produto Interno Bruto (PIB) per capita do país no ano de 2016, segundo segundo o Sistema de Contas Regionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgado nesta sexta (16). O PIB per capita é a divisão do PIB pelo número de habitantes. De acordo com o IBGE, os números do Maranhão atingiram R$ 12.264,28 por pessoa. O maior PIB per capita foi o do Distrito Federal, com R$ 79.099,77. O Sistema de Contas Regionais 2016 é elaborado em parceria com os Órgãos Estaduais de Estatística, Secretarias Estaduais de Governo e Superintendência da Zona Franca de Manaus – SUFRAMA. PIB Com -5,6 de variação negativa em relação ao ano anterior, o Maranhão ficou em 23º dentre todos os estados do país no Produto Interno Bruto, que apresentou valor corrente de R$ 85,29 bilhões. O Maranhão também está entre os 10 estados onde a variação negativa esteve acima da média nacional, que ficou em -3,3%. Dentre todos os estados, apenas Roraima teve resultado positivo no PIB em 2016. Causas De acordo com o IBGE, as atividades que mais influenciaram negativamente a variação em volume no Maranhão foram agricultura (inclusive apoio à agricultura e a pós-colheita), comércio e reparação de veículos automotores e motocicletas, além do setor de construção. No caso da agricultura, o IBGE estima que a queda é resultado da severa estiagem que atingiu o Maranhão no período. Também houve queda na índústria, no setor de serviços e no comércio. Apenas alguns segmentos tiveram variação positiva. São elas: Eletricidade e gás Água e esgoto Indústrias extrativas (18%), Atividades de gestão de resíduos e descontaminação (9%) Serviços de educação e saúde privados (10,3%) Brasil Pelo segundo ano consecutivo, o Brasil teve queda no volume do PIB: de 3,3% em 2016, contra 3,5% em 2015. Entre 2014 e 2016, o país acumulou redução de 6,7% no PIB. De acordo com o Sistema de Contas Regionais 2016, a participação do Maranhão no PIB nacional é de 1,4%. Nota do Governo Em nota, o Governo do Maranhão disse que a economia maranhense foi bastante pressionada pelos efeitos combinados da reversão do super ciclo de commodities no plano internacional, a recessão e a crise fiscal e político-institucional no plano nacional, além de graves impactos da estiagem que afetou o Nordeste e o Estado. O Governo também afirmou que o Maranhão manteve a 17ª posição na participação do PIB nacional, cujo peso aumentou de 1,3% para 1,4%. Por fim, apontou que medidas de ampliação da oferta de serviços públicos para a população, principalmente nos setores da educação, saúde e segurança, assim como o realinhamento salarial de categorias do funcionalismo, contribuíram para atenuar os efeitos da crise nacional em 2016. Como efeitos positivos de tais políticas, as estimativas do Imesc e do IBGE estariam apontando um crescimento de 4,8% do PIB em 2017.
    Mais de 400 médicos cubanos do

    Mais de 400 médicos cubanos do "Mais Médicos" devem deixar o Maranhão


    No Maranhão, segundo o Ministério da Saúde, os 457 médicos cubanos atuam na saúde básica em 167 municípios. O estado é sexto estado com maior número de médicos pelo programa. Mais de 400 médicos cubanos devem deixar o Maranhão De acordo...


    No Maranhão, segundo o Ministério da Saúde, os 457 médicos cubanos atuam na saúde básica em 167 municípios. O estado é sexto estado com maior número de médicos pelo programa. Mais de 400 médicos cubanos devem deixar o Maranhão De acordo com dados do Ministério da Saúde, 457 médicos cubanos atuam no Maranhão pelo programa “Mais Médicos” e eles devem deixar seus postos de trabalho nos próximos dias. O governo de Cuba anunciou a saída do programa social citando as declarações feitas pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) em relação à presença dos profissionais no Brasil. No Maranhão, segundo o Ministério da Saúde, os 457 médicos cubanos atuam na saúde básica em 167 municípios. O Maranhão é o sexto estado com maior número de médicos pelo programa. Médicos cubanos quando chegaram ao Maranhão para o início dos trabalhos Reprodução / TV Mirante Antes de começarem a trabalhar nas comunidades, os médicos fizeram provas para validação do diploma pelo ministério da saúde e um treinamento sobre o funcionamento do sistema único de saúde (SUS). Eles chegaram ao Maranhão em 2013 e assumiram postos nas unidades saúde básica, principalmente, na zona rural das cidades e em aldeias indígenas. A Organização Pan-Americana da Saúde e o Ministério da Saúde deverão fazer um relatório de impacto no Brasil sobre a saída dos médicos cubanos do programa mais médicos. Na manhã desta sexta-feira (16), o Ministério da Saúde divulgou que a seleção de médicos brasileiros para ocuparem as vagas abertas deve ser realizada ainda este mês. Initial plugin text
    Estado de saúde de menino queimado em carvoaria é gravíssimo em Imperatriz

    Estado de saúde de menino queimado em carvoaria é gravíssimo em Imperatriz


    O menino João Miguel sofreu queimaduras de terceiro grau em uma caieira, dentro de uma carvoaria da cidade de Buriticupu, a 311 km de São Luís. Estado de saúde de menino que sofreu queimaduras em Buriticupu é grave De acordo com o último boletim...


    O menino João Miguel sofreu queimaduras de terceiro grau em uma caieira, dentro de uma carvoaria da cidade de Buriticupu, a 311 km de São Luís. Estado de saúde de menino que sofreu queimaduras em Buriticupu é grave De acordo com o último boletim médico, ainda é considerado gravíssimo o estado de saúde do menino João Miguel, de cinco anos de idade, que sofreu queimaduras de terceiro grau após cair em uma caieira (espécie de forno artesanal) em uma carvoaria da cidade de Buriticupu, a 311 km de São Luís. Apesar disso, João já consegue urinar, após passar por cirurgia. Ele está sedado e respira com a ajuda de aparelhos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Municipal Infantil de Imperatriz. Pelo estado grave, não tem indicação para ser transferido de hospital. João Miguel sofreu queimaduras de terceiro grau em uma carvoaria de Buriticupu Reprodução/TV Mirante Eliane Costa, tia de João Miguel, é quem está acompanhando a criança. Ela fica no hospital, mas não pode entrar na UTI pediátrica onde a criança está internada. Ela disse que ele é um menino alegre, comunicativo e muito peralta. No momento do acidente, estava perto do pai, que tinha saído para pegar carvão. “A gente nem vê o fogo, pensa que é só cinza. Aí ele entrou e caiu dentro. Aí o fogo é muito alto, muito fogo. Ele enterrou dentro do fogo. Aí o pai correu e entrou no fogo para tirar a criança com mais duas pessoas. Estão todas queimadas”, disse Eliane Costa, tia de João Miguel. Eliane Costa, tia do menino João Miguel Reprodução/TV Mirante João Miguel é o caçula de cinco filhos. A mãe está em estado de choque e o pai também não pode acompanhar o tratamento da criança porque está em tratamento de queimaduras nos pés decorrente do momento em que foi salvar o filho. “A mãe está passando muito mal. Está muito abalada e em estado de choque. Ela tá no soro e não pôde vir. Aí vamos ver. Se ela melhorar, vai poder vir”, contou Eliane. A Secretaria de Estado de Saúde do Maranhão informou que já entrou em contato com um hospital de Goiás que é referência no tratamento de queimados para receber o menino assim que a transferência for autorizada.
    Maranhão não divulga dados da violência no mês de setembro

    Maranhão não divulga dados da violência no mês de setembro


    De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-MA), os dados ainda estão sendo consolidados e só serão divulgados no mês de dezembro. Maranhão não fornece os dados de setembro Arte/G1 O Maranhão foi um dos dois estados que não...


    De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP-MA), os dados ainda estão sendo consolidados e só serão divulgados no mês de dezembro. Maranhão não fornece os dados de setembro Arte/G1 O Maranhão foi um dos dois estados que não divulgou os dados sobre as mortes violentas no mês de setembro no estado. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA), os dados ainda estão sendo consolidados e só serão divulgados em dezembro, “obedecendo ao prazo de três meses legalmente estabelecido”, disse a nota. Além do Maranhão, somente o estado do Paraná não forneceu os dados. De acordo com o relatório divulgado nessa quinta-feira (15), pelo menos 3.444 pessoas foram assassinadas no mês de setembro no Brasil. De janeiro a agosto deste ano, o Maranhão já registrou 1.126 mortes violentas, divididas entre homicídios dolosos, latrocínios e lesões corporais. Até o momento, o mês de janeiro é considerado o mais violento do ano, com 164 mortes registradas, seguido de junho com 154 e março com 151 assassinatos. Os dados foram levantados pelo índice nacional de homicídios criado pelo G1, ferramenta que permite o acompanhamento dos dados de crimes violentos mês a mês no país. VEJA O MAPA COM MORTES VIOLENTAS NO MARANHÃO O mapa faz parte do Monitor da Violência, uma parceria do G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (USP) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública. PÁGINA ESPECIAL: Mapa mostra mortes violentas do país ANÁLISE DO FBSP: Para reduzir homicídios, Brasil precisa conseguir contabilizar as vítimas ANÁLISE DO NEV: No Norte e no Nordeste, oito das dez polícias mais violentas do Brasil METODOLOGIA: Monitor da Violência Confira os dados mês a mês JANEIRO: 164 mortes – índice de 2.33 mortes para cada 100 mil habitantes FEVEREIRO: 131 mortes – índice de 1.86 mortes para cada 100 mil habitantes MARÇO: 152 mortes – índice de 2.16 mortes para cada 100 mil habitantes ABRIL: 121 mortes – índice de 1.72 mortes para cada 100 mil habitantes MAIO: 137 mortes – índice de 1.90 mortes para cada 100 mil habitantes JUNHO: 154 mortes – índice de 2.20 mortes para cada 100 mil habitantes JULHO: 126 mortes – índice de 1.80 mortes para cada 100 mil habitantes AGOSTO: 141 mortes - índice de 2.0 mortes para cada 100 mil habitantes Na página especial do Maranhão no mapa do Monitor da Violência, é possível navegar e encontrar dois vídeos: um com uma análise de um especialista indicado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública e outro com um diagnóstico de um representante do governo. Objetivo Desde o início do ano, jornalistas do G1 espalhados pelo país solicitam os dados via Lei de Acesso à Informação (LAI), seguindo o padrão metodológico utilizado pelo Fórum no Anuário Brasileiro de Segurança Pública.
    12ª Feira do Livro de São Luís é aberta nesta sexta-feira (16)

    12ª Feira do Livro de São Luís é aberta nesta sexta-feira (16)


    Este ano, a Feira tem como Patrono Graça Aranha, escritor maranhense que completaria 150 anos em 2018; Programação é toda gratuita e conta com mais de 500 atividades. 12ª Feira do Livro de São Luís vai acontecer até o próximo dia 25 de...


    Este ano, a Feira tem como Patrono Graça Aranha, escritor maranhense que completaria 150 anos em 2018; Programação é toda gratuita e conta com mais de 500 atividades. 12ª Feira do Livro de São Luís vai acontecer até o próximo dia 25 de novembro Divulgação/ Prefeitura de São Luís A 12ª Feira do Livro de São Luís (FeliS) será aberta nesta sexta-feira (16), a partir das 18h, com programação até 25 de novembro, no Multicenter Sebrae, no bairro Cohafuma, na capital. Este ano, a Feira tem como Patrono Graça Aranha, escritor maranhense que completaria 150 anos em 2018, considerado um dos articuladores do movimento que renovou a literatura e a cultura brasileira: A Semana de Arte Moderna. O evento homenageia ainda os matemáticos Joaquim Gomes de Souza e João Antonio Coqueiro, ambos maranhenses. Na abertura, os visitantes serão recebidos com o Circo Tá na Rua, que fará a intervenção circense "Voadores" ao longo do pavilhão e no portal de entrada. No Auditório Graça Aranha, às 19h, a solenidade de abertura começa com a apresentação cultural do Coral das Crianças do Educandário Manoel da Conceição Pinheiro Sobrinho, do Bairro de Fátima. O hino nacional será cantado pela cantora indígena Djuena Tikuna, do Amazonas. Em seguida, terá a performance "A arte do Belo", com o ator Domingos Tourinho.  A programação é toda gratuita e conta com mais de 500 atividades, dentre elas escritores nacionais e locais convidados, lançamentos de livros, palestras, rodas de conversa, mesa redonda e conferências, seminários, plenárias, sessões de cinema, bate-papo literário, workshop, oficinas e minicursos, intervenções artísticas, espetáculos teatrais, performances poéticas, contações de histórias, apresentações culturais, exposições, pocket shows e visita de escritores a escolas da rede pública. O evento terá a participação de 22 escritores nacionais. Espaços Com 11.500m², os espaços serão divididos em Auditório Graça Aranha, Casa do Escritor (Lançamento de Livros), Cine FeliS, Café Literário, Sala de Informática, Auditório Casa do Professor, Auditório Punga dos Saberes, Espaço Juventude, Espaço Mulher, Espaço Sebrae, Oficinas Literárias, Palco FeliS, Espaço Criança Semed I (Educação Infantil) e Espaço Criança Semed II (Ensino Fundamental), Espaço Encantos da Literatura Infantil, Espaço Sesc de Leituras e Carro BiblioSesc, Palco Principal, Planetário, Exposições, 70 Estandes para comercialização de livros (livreiros), 4 Estandes de patrocinadores e 6 Estandes de parcerias institucionais. Durante todos os dias, ao longo do pavilhão e na rua, acontecerão intervenções e performances poéticas. Como extensão da Feira, será realizado o "Proseando na FeliS" com programação em escolas e organizações públicas, além de atividades em hospitais e bibliotecas públicas. Dentro da 12ª FeliS também acontecerão eventos simultâneos, que compõem a programação: X Seminário de Políticas Públicas de Bibliotecas, Leitura e Informação; Feira SLZ Preta e o I Encontro FeliS/UBE de Escritores Maranhenses. FeliS terá a participação este ano de 22 escritores nacionais Divulgação/Prefeitura de São Luís Uma das novidades deste ano é o Punga dos Saberes, auditório que terá programação com temas relacionados à cultura popular. O tradicional Café Literário receberá poetas, escritores, acadêmicos e intelectuais. No Cine FeliS serão exibidos curtas infantis e documentários. Já a Casa do Escritor é onde serão lançados cerca de seis livros por dia. A Casa do professor terá atividades voltadas para formação do educador. O Espaço da Juventude receberá programação diária com foco no público jovem. Na área de exposições, a Feira traz o melhor do artesanato local. Além disso, um Espaço de Alimentação com mais de 50 opções de Food Trucks. A programação completa e outras informações podem ser conferidas no site da Feira do Livro de São Luís.
    Mulher é morta com tiro de espingarda na boca no Maranhão

    Mulher é morta com tiro de espingarda na boca no Maranhão


    Lilian Rafaela Santos da Silva, tinha 25 anos, e foi morta na quinta-feira (15) em Codó; Crime foi cometido pelo seu companheiro reconhecido como Jhonatan Moura da Silva, 19. Jhonatan Moura da Silva foi encaminhado para a 4ª Delegacia de Polícia...


    Lilian Rafaela Santos da Silva, tinha 25 anos, e foi morta na quinta-feira (15) em Codó; Crime foi cometido pelo seu companheiro reconhecido como Jhonatan Moura da Silva, 19. Jhonatan Moura da Silva foi encaminhado para a 4ª Delegacia de Polícia Civil de Codó Divulgação/Polícia Civil Uma mulher identificada como Lilian Rafaela Santos da Silva, de 25 anos, foi morta na quinta-feira (15) com um tiro de espingarda na boca em Codó, a 290 km de São Luís. O crime foi cometido pelo seu companheiro reconhecido como Jhonatan Moura da Silva, 19. Segundo a polícia, Jhonatan Moura alegou que vivia há cerca de quatro meses com a vítima e que o relacionamento era conturbado e ocorriam várias brigas. Ele confessou que matou a companheira após discutirem na residência que moravam no bairro São Pedro, em Codó. Após o homicídio, Jhonatan tentou fugir, mas foi capturado pela polícia. Jhonatan Moura da Silva foi encaminhado para a 4ª Delegacia de Polícia Civil de Codó, onde ficará à disposição da Justiça. Casos de feminicídio no MA Segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública, foram instaurados 1.052 inquéritos em São Luís em 2018. No mesmo período foram realizadas 264 prisões em flagrante e pedidas 2.442 medidas protetivas. No ano passado o número de prisões em flagrante e medidas protetivas foram menores.

    Começa o festival de cinema 'Maranhão na Tela' em São Luís; veja a programação


    Mais de 100 filmes serão exibidos em oito mostras, que incluem pré-estreias nacionais. Evento acontece entre os dias 15 a 24 de novembro. Começa nesta quinta-feira (15) em São Luís, mais uma edição do festival de cinema Maranhão na Tela. Serão...

    Mais de 100 filmes serão exibidos em oito mostras, que incluem pré-estreias nacionais. Evento acontece entre os dias 15 a 24 de novembro. Começa nesta quinta-feira (15) em São Luís, mais uma edição do festival de cinema Maranhão na Tela. Serão de mais de 100 filmes em oito mostras, que incluem pré-estreias nacionais e filmes regionais concorrem a prêmios. O evento acontece até o dia 24 de novembro. Este ano, o ator e diretor Murilo Benício e o cineasta maranhense Frederico Machado serão os homenageados do festival. A abertura do evento será realizada nesta quinta-feira, às 20h, no Kinoplex Golden Sala Kinoevolution, no Golden Shopping, que exibirá o filme ‘Um beijo no asfalto’, o primeiro longa dirigido por Benício. O cineasta maranhense Frederico Machado, também homenageado nesta edição, terá oito filmes exibidos durante a programação, dentre eles Infernos, Litania da Velha e Lamparina da Aurora. Além disso, o evento conta com painéis, rodada de negócios, debates, oficinas e laboratórios de cinema. As atividades do festival serão realizadas no Golden Shopping, no Centro Cultural Vale Maranhão e no Hotel Grand São Luís, localizados no Praia Grande. A programação do evento é gratuita. Nesta edição, o festival Maranhão na Tela ampliou suas ações para os nove estados da Região Norte e Meio Norte, já que antes era voltado somente no fortalecimento do audiovisual maranhense. O festival também ganhou duas novas categorias competitivas, a Mostra Maranhão de Cinema, que exibe somente filmes locais e a Mostra Nosso Cinema, que traz cinco longas e dez curtas de outros estados. Confira a programação 15 de novembro Solenidade de abertura 20h às 23h Golden Shopping 16 de novembro ANIM!ARTE // MOSTRA HOMENAGEM MURILO BENÍCIO 10h30 às 21h Golden Shopping ANIM!ARTE // MOSTRA HOMENAGEM CAVÍDEO // MASTER FREDERICO MACHADO 11h às 22h Golden Shopping MOSTRA MARANHÃO DE CINEMA (Informativa) 18h às 20h Centro Cultural da Vale São Luís Maranhão 17 de novembro ANIM!ARTE // MOSTRA MARANHÃO NA TELINHA // MOSTRA HOMENAGEM MURILO BENÍCIO // MOSTRA NOSSO CINEMA 14h30 às 23h Golden Shopping MOSTRA MARANHÃO NA TELINHA // MOSTRA HOMENAGEM CAVÍDEO // MOSTRA HOMENAGEM FREDERICO MACHADO 15h às 00h Golden Shopping MOSTRA MARANHÃO DE CINEMA (Informativa) 18h às 19h40h Centro Cultural da Vale São Luís Maranhão 18 de novembro ANIM!ARTE // MOSTRA MARANHÃO NA TELINHA // MOSTRA HOMENAGEM MURILO BENÍCIO // MOSTRA PANORAMA BRASIL 14h30 às 23h Golden Shopping MOSTRA MARANHÃO NA TELINHA // MOSTRA HOMENAGEM CAVÍDEO // MOSTRA HOMENAGEM FREDERICO MACHADO 15h às 23h30 Golden Shopping 19 de novembro ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 10h30 às 23h30 Golden Shopping ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 11h às 23h45 Golden Shopping CINE CAFÉ - DEBATES 20h às 23h Golden Shopping 20 de novembro ANIM!ARTE 10h às 18h Centro Cultural Vale Maranhão (Sala Juçara) OFICINA // MASTER CLASS 10h às 18h Centro Cultural Vale Maranhão (Auditório) ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 10h30 às 23h30 Golden Shopping ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 11h00 às 23h45 Golden Shopping CINE CAFÉ - DEBATES 20h às 23h Golden Shopping 21 de novembro ANIM!ARTE 10h às 18h Centro Cultural Vale Maranhão (Sala Juçara) OFICINA // MASTER CLASS 10h às 18h Centro Cultural Vale Maranhão (Auditório) ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 10h30 às 23h30 Golden Shopping ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 11h às 23h45 Golden Shopping CINE CAFÉ - DEBATES 20h às 23h Golden Shopping 22 de novembro ANIM!ARTE 10h às 18h Centro Cultural Vale Maranhão (Sala Juçara) OFICINA // MASTER CLASS 10h às 18h Centro Cultural Vale Maranhão (Auditório) ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 10h30 às 23h30 Golden Shopping ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 11h às 23h45 Golden Shopping CINE CAFÉ - DEBATES 20h às 23h Golden Shopping 23 de novembro ANIM!ARTE 10h às 18h Centro Cultural Vale Maranhão (Sala Juçara) OFICINA // MASTER CLASS 10h às 18h Centro Cultural Vale Maranhão (Auditório) ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 10h30 às 23h30 Golden Shopping ANIM!ARTE // MOSTRA COMPETITIVA // MOSTRA NOSSO CINEMA // MOSTRA AÇÃO EM DUPLA // MOSTRA PANORAMA BRASIL 11h às 23h45 Golden Shopping CINE CAFÉ - DEBATES 20h às 23h Golden Shopping 24 de novembro MOSTRA MARANHÃO NA TELINHA 14h30 às 18h Golden Shopping MOSTRA MARANHÃO NA TELINHA 15h às 19h45 Golden Shopping ENCERRAMENTO 20h às 23h45 Golden Shopping
    Embarcações apreendidas no Maranhão com 4 toneladas de pesca ilegal são transportadas para Belém

    Embarcações apreendidas no Maranhão com 4 toneladas de pesca ilegal são transportadas para Belém


    O pescado foi apreendido pelo Ibama. As duas embarcações estavam sem documentação, segundo a Marinha do Brasil. Embarcações "Real Madrid" e "Pesca e Cia" foram apreendidas no Maranhão e trazidas para Belém. Reprodução / Marinha do Brasil As...


    O pescado foi apreendido pelo Ibama. As duas embarcações estavam sem documentação, segundo a Marinha do Brasil. Embarcações "Real Madrid" e "Pesca e Cia" foram apreendidas no Maranhão e trazidas para Belém. Reprodução / Marinha do Brasil As embarcações "Real Madrid" e "Pesca e Cia" foram apreendidas no litoral do Maranhão e foram trazidas para a base naval de Val de Cães, em Belém, nesta quinta-feira (15). De acordo com a Marinha do Brasil, as embarcações realizavam pesca ilegal. Quatro toneladas de pesca foram apreendidas pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama). De acordo com a Marinha, além da posse do pescado, as duas embarcações infrigiram a lei de segurança, pois não portavam qualquer documento ou não estavam com condutor habilitado. As embarcações chegaram no início da noite. O Comando do 4º Distrito Naval flagrou as embarcações na quarta (14), durante a operação de Patrulha Naval, que fiscaliza e combate o descumprimento da lei da segurança do tráfego aquaviário e a pesca ilegal. Segundo o capitão de mar e guerra, Ricardo Ferreira, comandante do Grupamento de Patrulha Naval do Norte, o uso de inteligência para identificação das áreas de concentração de pesca e a parceria com o Ibama foram fundamentais na operação. "Trabalhamos pela segurança da navegação e contribuimos para o uso racional dos recursos naturais no mar", disse. Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do G1 Pará no (91) 98814-3326
    Homem é agredido após assediar mulher em terminal de ônibus em São Luís

    Homem é agredido após assediar mulher em terminal de ônibus em São Luís


    Vídeos registraram as agressões ao homem sofreu após importunado sexualmente uma mulher. Caso ocorreu nessa quarta-feira (14) no Terminal de Integração do bairro Cohab, na capital. Homem é espancado após assediar mulher em São Luís Um homem...


    Vídeos registraram as agressões ao homem sofreu após importunado sexualmente uma mulher. Caso ocorreu nessa quarta-feira (14) no Terminal de Integração do bairro Cohab, na capital. Homem é espancado após assediar mulher em São Luís Um homem foi linchado por populares após ter sido acusado de assediar uma mulher no Terminal de Integração do bairro Cohab em São Luís, na noite dessa quarta-feira (14). Vídeos registraram o momento em que o homem recebe vários chutes e socos de várias pessoas que ficaram revoltadas com o caso. Algumas pessoas aparecem logo em seguida e tentam conter a confusão, mas o homem volta a correr e é perseguido por uma multidão. Em outro vídeo, o homem aparece caído no chão do Terminal de Integração bastante machucado após ter sido agredido. De acordo com a Polícia Militar, o batalhão do bairro Cohatrac atendeu a ocorrência e agora aguarda a vítima para fazer o boletim de ocorrência e em seguida, começar as investigações sobre o caso. Nem o homem e a vítima tiveram suas identidades reveladas. Homem foi agredido por pessoas que estavam no Terminal de Integração da Cohab Reprodução/TV Mirante O caso foi o assunto mais comentado nessa quinta-feira (15) por quem trabalha ou passa diariamente pelo terminal, um dos mais movimentados de São Luís. Mulheres que precisam utilizar o transporte público da capital, alegam que situações de desrespeito à mulher são comuns. “Isso é até comum, só que geralmente a gente não dá tante importância porque acha que é costumeiro. A gente culpa a roupa da mulher, a gente culpa o fato dela ser mulher, a gente culpa várias coisas mas não culpa o agressor", diz Karen Hany Conceição, universitária. Caso aconteceu no Terminal de Integração da Cohab em São Luís Reprodução/TV Mirante Em setembro, essas situações de assédio viraram crime de importunação sexual, com pena que varia de um a cinco anos de reclusão. Desde que a lei ficou mais rígida, dez casos já foram registrados em São Luís. "É necessário que haja a contenção daquela pessoa e as pessoas que estão na rua também podem contê-las, sem fazer qualquer tipo de exageiro. O que aconteceu ontem, inclusive não é permitido por lei, não é aceito. Foi uma atitude que não foi coerente conforme o que havia acontecido, fazer justiça com as próprias mãos. Mas é conter a pessoa e entregar para a polícia para que faça o procedimento correto", explicou a Kasumi Tanaka, delegada da mulher.
    MPF aponta falhas em licenças ambientais na construção de porto privado em São Luís

    MPF aponta falhas em licenças ambientais na construção de porto privado em São Luís


    Comunidade denuncia que casas estão sendo demolidas e moradores já chegaram a ser expulsos pela empresa responsável pela construção do porto, localizado na região do Cajueiro na zona rural da capital. MP aponta falhas em licenças ambientais na...


    Comunidade denuncia que casas estão sendo demolidas e moradores já chegaram a ser expulsos pela empresa responsável pela construção do porto, localizado na região do Cajueiro na zona rural da capital. MP aponta falhas em licenças ambientais na construção de porto em São Luís Duas ações judiciais movidas pelo Ministério Público Federal (MPF-MA) apontam falhas nas licenças ambientais para a construção de um porto privado na área do bairro Cajueiro, zona rural de São Luís. Famílias que moram na região denunciam que suas casas estão sendo derrubadas pela empresa responsável pela construção do porto, que possui parceria com uma multinacional da China. As famílias que moram na região há mais de 30 anos, denunciam que a demolição de algumas casas está sendo feita de forma arbitrária e muitos outros moradores já chegaram a ser expulsos. Os moradores que ainda vivem na área precisam passar por uma cancela que é vigiada por guardas, para assim ter acesso as suas casas. Boa parte da área que será usada na construção do porto já foi desmatada e cercada. O empreendimento bilionário está sendo construído pela WPR São Luís Gestão de Portos e Terminais em parceria com uma multinacional chinesa. Empreendimento bilionário está sendo construído na zona rural de São Luís Reprodução/TV Mirante “Eu tenho essa área aí há mais de 30 anos e os cidadãos chegaram agora em 2014 de mansinho e agora mostraram as garras. Ano passado, em dezembro, eles derrubaram metade do terreno, todo plantado, cercado, tinha várias fruteiras e aí chegaram e meteram o trator e passaram por cima”, conta Moisés Farias, eletricista. O Ministério Público Federal (MPF-MA) entrou na Justiça para embargar a obra do porto. Segundo o procurador Alexandre Soares, as irregularidades na licença ambiental concedidas pelo estado podem provocar impactos ao meio ambiente na região do bairro Cajueiro. “Nós temos nessa região a existência de diversos terminais portuários. Esse terminal portuário privado, vai agora se somar de forma a causar impactos ambientais cumulativos e cinegéticos naquela região, que apresenta a existência de populações tradicionais que vivem na área e justamente se relacionam com aqueles recursos ambientais, especialmente relacionados à pesca na região. Então é necessário que haja segurança para o ambiente, para a população que vive nessa região e para a própria segurança das navegações”, explicou. Comunidade alega que alguns moradores chegaram a ser expulsos das suas casas Reprodução/TV Mirante Mais de 60 casas já foram demolidas e algumas famílias saíram após receber indenização. A aposentada Lenir Albuquerque, que vive há mais de 30 anos na região afirma que foi procurada pela empresa que chegou a oferecer uma indenização de R$ 40 mil e ela não aceitou. O local onde ela vive possui quatro hectares e uma série de plantações e criadouro de animais. A casa onde a vendedora Yasmin Farias foi derrubada esta semana. Ela só soube da demolição quando chegou do trabalho e encontrou uma equipe da empresa dentro da sua casa, retirando seus pertences pessoais. De manhã cedo a gente saiu para o serviço e eles esperaram a gente sair. Quando eu cheguei, eles já estavam dentro da minha casa já tirando geladeira do lugar, fogão, afastando coisas, abrindo o guarda-roupa e vendo tudo. Eu cheguei e encontrei minha casa nessas condições. Eu tive que pedir para colocar minhas coisas dentro do saco de lixo porque não tinha onde eu colocar. Casa onde a vendedora Yasmin Farias morava foi demolida na semana passada Reprodução/TV Mirante A comunidade alega que uma escritura pública dada pelo Governo do Maranhão, em 1998, garante o direito de propriedade da terra de 610 hectares para mais de 100 famílias do bairro Cajueiro. Ainda existem 20 casas na área que a empresa pretende ocupar e as famílias estão com medo de serem expulsas sem ter direito a nada. “A responsabilidade é do estado. O estado existe no contrato social para proteger, para evitar conflitos. Se a partir do momento o estado não toma medidas de proteger seus cidadãos, ai vem a lei do mais forte”, disse Abdon Marinho, advogado da comunidade. De acordo com o Instituto de Colonização e Terras do Maranhão (ITERMA) foi emitido uma escritura condominial da comunidade do Cajueiro em março de 1998, mas que em 2014, a empresa BC Três Hub-Multimodal Industrial Ltda informou ao órgão que adquiriu a área que atualmente é um objeto de processo judicial. Moradores do Cajueiro mostram documento que alega posse da terra onde que está sendo desapropriada Reprodução/TV Mirante Segundo a Defensoria Pública do Maranhão a situação dos moradores do bairro Cajueiro está sendo acompanhada de perto e que das quatro ações propostas pelo órgão, uma venceu e foi favorável a comunidade, determinando que a empresa responsável abstenha-se de praticar atos contrários ao livre exercício da posse pelos integrantes da comunidade. O órgão afirma está a disposição para prestar assistência jurídica integral e gratuita para todos os integrantes do Cajueiro. Por meio de nota, a empresa responsável pela obra informou que o documento do ITERMA não tem validade por se tratar de um imóvel privado adquirido em 2014 e a empresa alega que das 90 famílias registradas, 84 já foram indenizadas. Sobre as ações movidas pelo Ministério Público Federal (MPF-MA) a empresa alega que a Justiça Federal já afastou o pedido de liminar e a ação segue trâmite regular. Além disso, a companhia disse que o Poder Judiciário se manifestou no sentido de que todo o licenciamento obtido pelo porto é regular e possui autorização da Capitania dos Portos e demais órgãos.
    Cerca de 700 gramas de maconha é apreendida no sul do Maranhão

    Cerca de 700 gramas de maconha é apreendida no sul do Maranhão


    Quantidade de maconha foi avaliada em cerca de R$2,500 reais e caderno de contabilidade de tráfico com nomes de devedores foi apreendido pela polícia. Quatro pessoas são presas em Balsas por suspeita de tráfico de drogas Quatro pessoas foram...


    Quantidade de maconha foi avaliada em cerca de R$2,500 reais e caderno de contabilidade de tráfico com nomes de devedores foi apreendido pela polícia. Quatro pessoas são presas em Balsas por suspeita de tráfico de drogas Quatro pessoas foram presas por suspeita de comandar um ponto de distribuição de drogas e receptação de veículos roubados em Riachão, a 920 km de São Luís. De acordo com as investigações da polícia, o ponto de venda de drogas funcionava em um bar que servia de fachada para receber o dinheiro das drogas vendidas. 700 gramas de maconha é apreendida avaliado em cerca de R$2,500 Reprodução/ TV Mirante A polícia também apreendeu uma picape com a placa clonada e duas motocicletas, os três veículos têm registro de furto em Balsas, Tocantins e Guarulhos. Entre as pessoas presas, dois homens e duas mulheres foram encaminhados para a Delegacia Regional de Balsas. A polícia apreendeu três veículos com registro de furto Reprodução/ TV Mirante De acordo com o delegado regional, Fagno Vieira, esse tipo de ocorrência tem se tornado cada vez mais comum em cidades do interior do Maranhão. “Tenho testemunhado esse avanço do tráfico de drogas. É notável que tem aumentado o número de usuários de drogas em cidades que antes eram consideradas pacatas, mas que agora já passam a ser vítimas do tráfico de drogas que vem ganhando espaço, mas que tem merecido resposta proporcional das forças de segurança pública que tenta tirar de circulação os criminosos dessa natureza”, explicou.
    Carregamento de agrotóxicos é apreendido na BR 230, no Maranhão

    Carregamento de agrotóxicos é apreendido na BR 230, no Maranhão


    Carga com aproximadamente 1200 litros de agrotóxicos foi encontrada em um caminhão na cidade de Carolina-MA Carregamento de agrotóxicos é apreendido na BR 230, no Maranhão Um carregamento de agrotóxicos que estava sendo transportado de forma...


    Carga com aproximadamente 1200 litros de agrotóxicos foi encontrada em um caminhão na cidade de Carolina-MA Carregamento de agrotóxicos é apreendido na BR 230, no Maranhão Um carregamento de agrotóxicos que estava sendo transportado de forma irregular em um caminhão foi apreendido na BR 230, em Carolina, que fica a 836 km de São Luís-MA, nessa quarta-feira (14). Segundo a Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), os produtos têm várias irregularidades. Além do crime tributário de sonegação de impostos, a origem da carga pode ser ilícita. Toda carga estava sendo transportada em um caminhão e ficais da Aged encontraram uma série de mercadorias. Segundo eles, foram encontrados 1200 litros de agrotóxicos que estavam escondidos em fundo falso na carroceria do veículo. Ainda de acordo com a Aged a carga tem origem de uma empresa de Minas Gerais que não tem registro para vender defensivos agrícolas. A mercadoria foi embarcada em Goiânia-GO e seria entregue em Balsas-MA. Carga foi encontrada dentro de um fundo falso no caminhão Reprodução/TV Mirante Segundo informações dos fiscais da Aged uma loja de pneus receberia toda a carga. A empresa informou que não comprou a mercadoria. A nota fiscal encontrada com o motorista é de 60 mil reais, sendo que os produtos foram avaliados em mais de 240 mil reais. “Já temos a informação que os produtos foram embarcados em Goiânia-GO por uma pessoa que procurou a transportadora. A empresa de pneus aqui também não comprou esses produtos. Então é o que a Sefaz trata como nota inidôneam que teoricamente foi usada para cobrir essa mercadoria. A Aged vai interditar esses produtos para local apropriado para que seja começada uma investigação. Porque o agrotóxico tem toda uma rastreabilidade. A fábrica vai nos informar para onde esse produto foi distribuído. Se o produto não foi produzido na fábrica a possibilidade é que ele tenha sido falsificado e se foi fabricado, com certeza, não viria para onde a nota foi emitida. Então existe uma grande possibilidade do produto ser fruto de algum ilícito tipo roubo” – disse o fiscal da Aged, Diego Amaral. O crime tributário vai ser investigado pela Polícia Civil. A Aged não descarta a hipótese dos produtos serem falsificados e também pontua o risco para defesa sanitária pela forma irregular com que estavam sendo transportados.

    Maranhão tem menor número de trabalhadores do setor privado com carteira assinada no país


    Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) divulgada nesta quarta (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Maranhão tem menor número de trabalhadores do setor privado com carteira assinada do...

    Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) divulgada nesta quarta (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Maranhão tem menor número de trabalhadores do setor privado com carteira assinada do país O Maranhão tem o menor número de trabalhadores do setor privado com carteira assinada no país. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad) divulgada nesta quarta (14) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) No setor privado com carteira assinada, a taxa de desemprego no terceiro trimestre de 2018 foi de 51% no Maranhão.

 A média no Brasil foi de 74%. No âmbito geral do desemprego, o Maranhão atingiu a sétima pior média na taxa de desocupação, com índice de 13,7%. No Brasil, a taxa média foi de 11,9%. O estado também ocupa a pior posição no índice de desalentados. Segundo a definição do IBGE, desalentados são pessoas que não conseguiram ou desistiram de procurar emprego. A média do país é de 4,3%. No Maranhão, o número é quase quatro vezes maior: 16,6 %, o que corresponde a 523 mil pessoas. “A gente vê claramente o grande problema nessa pesquisa está sendo no setor rural e isso está acontecendo por causa ainda dos efeitos da grande seca que teve lá atrás, 2015 e 2016. Fragilizou a vida de muitos pequenos produtores por causa da crise nos municípios. Houve um corte de transferências federais de 1 bilhão e meio no conjunto dos municípios maranhenses”, declarou Felipe de Holanda, presidente do Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos.
    Com nota 'C', confiança de pagamentos pelo Maranhão é rebaixada pelo Tesouro Nacional

    Com nota 'C', confiança de pagamentos pelo Maranhão é rebaixada pelo Tesouro Nacional


    Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais também revelou grande crescimento na retirada de recursos do Tesouro Estadual para cobrir gastos com a previdência. Capacidade de pagamento dos estados Rodrigo Cunha/G1 O Secretaria do Tesouro Nacional...


    Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais também revelou grande crescimento na retirada de recursos do Tesouro Estadual para cobrir gastos com a previdência. Capacidade de pagamento dos estados Rodrigo Cunha/G1 O Secretaria do Tesouro Nacional divulgou na terça-feira (13) o Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais, que traz dados sobre a situação fiscal, o perfil do endividamento e a capacidade de pagamento dos Estados e Municípios do país. Entre 2017 e 2018 a nota do Maranhão caiu de B para C quanto a capacidade de pagamentos. Já em relação as capitais, no mesmo período São Luís se manteve com a nota C . Na prática, isso indica que agora a confiança de pagamento do Estado do Maranhão é menor, o que dificulta o recebimento da garantia da União para receber empréstimos, em caso de necessidade. Sistema previdenciário no MA O boletim também indicou que o Maranhão apresentou crescimento nos últimos anos na quantidade de recursos tirados do Tesouro Estadual para cobrir os gastos com a previdência. A retirada de recursos saltou de 687 milhões em 2015 para mais de 1 bilhão em 2017. Segundo o Tesouro Nacional, tal crescimento indica que os regimes de previdência não tem se sustentado, já que, para pagar os aposentados, são necessários mais recursos que poderiam ser direcionados para atender outros serviços para a população. O G1 entrou em contato com o Governo do Maranhão acerca do rebaixamento da nota de confiança de pagamentos do Estado e sobre o crescimento na retirada de recursos do Tesouro Estadual para a previdência. Até o momento, não houve retorno. São Luís O Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais também apresentou dados das capitais do país, como números relacionados ao endividamento e a capacidade de arrecadação tributária. Em uma relação que mostra o quanto a receita é consumida pelo total da dívida do município, São Luís aparece em 13º lugar entre as capitais mais endividadas. O índice da relação entre a dívida e a receita é de 27%, um pouco abaixo da mediana nacional, que é de 31,4%. Outro ponto destacado pelo boletim é a força de arrecadação própria do município em relação a sua receita total. Na prática, capitais que não conseguem arrecadar bastante são mais dependentes de outros recursos, como os oriundos de Estados e da União. Nesse quesito, São Luís aparece na 21ª posição no ranking dentre as capitais com mais autonomia de receita por meio dos tributos. De acordo com o levantamento, apenas 35,8% da receita total de São Luís é atrelada aos tributos. O índice chega a estar abaixo da mediana nacional, que é de 44,5%. Por outro lado, apesar da baixa arrecadação dentro do montante total da receita, a capital maranhense se destaca quando o assunto é investimento com recursos próprios. Dentre as capitais, São Luís aparece em 2º lugar no país com 91,1% dos investimentos oriundos de recursos próprios, atrás apenas de Natal, que tem índice de 99%. De acordo com o boletim, elevados percentuais de investimentos com recursos próprios representam baixa dependência de terceiros. Dessa forma, o investimento tem menor impacto fiscal, visto que o Município recorre a operações de crédito de modo mais sustentável.

    Seis presos fogem de Unidade Prisional em Cururupu, no Maranhão


    Fuga aconteceu por volta das 03h30 desta quarta-feira (14). Polícia investiga as causas. Seis detentos fugiram nesta quarta (14) da Unidade Prisional de Ressocialização de Cururupu, a cerca de 100 km de São Luís. De acordo com a Secretaria de Estado...

    Fuga aconteceu por volta das 03h30 desta quarta-feira (14). Polícia investiga as causas. Seis detentos fugiram nesta quarta (14) da Unidade Prisional de Ressocialização de Cururupu, a cerca de 100 km de São Luís. De acordo com a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), o grupo escapou por volta das 03h30 após os detentos abrirem um buraco na parede da cela. Segundo a Seap, o caso está sendo investigado e caso seja constatada a facilitação da fuga por parte de servidores, estes serão imediatamente exonerados e responderão judicialmente pelo crime. As polícias Civil e Militar estão realizando buscas para recapturar os internos, que foram identificados como Alisson Pereira Machado, Carlos André Ramos Silva, Diego Pestana Rodrigues, Elivelton Alves Nascimento, Jorge Henrique Pinto Costa e Marcos Alisson Costa Farias.
    Polícia divulga retrato falado de suspeitos de assassinar prefeito de Davinópolis

    Polícia divulga retrato falado de suspeitos de assassinar prefeito de Davinópolis


    Características foram descritas por testemunhas que teriam visto dois homens nas proximidades da fazenda do prefeito. Crime aconteceu no domingo (11). Polícia divulga os retratos falados de suspeitos pela morte do prefeito de Davinópolis A...


    Características foram descritas por testemunhas que teriam visto dois homens nas proximidades da fazenda do prefeito. Crime aconteceu no domingo (11). Polícia divulga os retratos falados de suspeitos pela morte do prefeito de Davinópolis A Polícia Civil divulgou o retrato falado de dois suspeitos de assassinaram o prefeito de Davinópolis, Ivanildo Paiva, no último domingo (11). De acordo com a polícia, as características foram descritas por testemunhas que teriam visto os homens nas proximidades da fazenda do prefeito, momentos antes do assassinato. O retrato falado dos dois homens começaram a circular nas redes sociais e em aplicativos de mensagem nesta quarta-feira (14). Segundo o delegado Praxísteles Martins, o material é oficial e foi produzido pela perícia técnica da Superintendência Estadual de Investigação de Homicídios e Proteção a Pessoa (SHPP). Testemunhas alegam que teriam visto dois homens com essas características nas proximidades da fazenda do prefeito de Davinópolis Reprodução/TV Mirante “Foi preferível essa divulgação em um momento oportuno, mas a gente aproveita a oportunidade para que a sociedade possa se manifestar e indicar para a polícia, algumas pessoas que possivelmente possam parecer com essas pessoas divulgadas pelo retrato falado. A gente divulga ainda um telefone para o contato (099) 99160 0876”, disse o delegado. Para a polícia, a divulgação dos retratos falados representa um avanço nas investigações, mas ainda não há uma linha específica de investigação. Na manhã desta quarta-feira, os delegados e o superintendente estadual de homicídios se reuniram e afirmaram que a equipe que investiga a morte do prefeito é composta de cerca 20 policiais. Dentre eles, estão delegados, investigadores, escrivãs e a equipe do serviço de inteligência. “Estamos tendo muito cuidado para não se perder nenhum indício ou materialidade. Todo o trabalho foi feito nesse sentido, até porque a autoria ela demanda geralmente um certo tempo para ser concluída, e as investigações estão sendo batidas ponto a ponto para que a polícia possa trabalhar, centrar esforços, naquilo que é mais plausível. Para que não se perca tempo com meras suposições”, explicou Lúcio Reis, superintendente estadual de homicídios. Entenda o caso Prefeito de Davinópolis, no Maranhão Prefeitura de Davinópolis O prefeito de Davinopólis Ivanildo Paiva (PRB), de 57 anos, foi encontrado morto na manhã do último domingo (11), cerca de 2 km da sede da sua fazenda, na zona rural do município. O carro do prefeito foi encontrado abandonado na BR-010, ao lado da mata do 50 BIS, em Imperatriz. De acordo com as investigações, o corpo de Ivanildo havia marcas de tortura e cerca de sete disparos causados por arma de fogo. O delegado regional de Imperatriz, Eduardo Galvão, também informou que na sexta-feira (9) o prefeito informou à família que iria dormir na fazenda, onde ele costumava ir para descansar. Corpo do prefeito Ivanildo Paiva foi encontrado próximo a sua fazenda em Davinópolis Reprodução/TV Mirante O corpo de Ivanildo Paiva foi sepultado na manhã dessa terça-feira (13) no Cemitério Campo da Saudade, em Imperatriz, a 626 km da capital. Parentes, amigos, alguns prefeitos da região Tocantina e vereadores de Imperatriz e Davinópolis, além da comunidade, acompanharam o cortejo fúnebre que foi marcado por muita dor e revolta. Corpo do prefeito Ivanildo Paiva (PRB) é enterrado no Cemitério Campo da Saudade em Imperatriz (MA) Rozany Dourado/TV Mirante Ainda na terça-feira, José Rubem Firmo (PCdoB) tomou posse no cargo de prefeito de Davinópolis, em solenidade na Câmara Municipal da cidade. A data da posse foi uma sugestão da Procuradoria Geral do Município em virtude dos compromissos do serviço público. José Rubem Firmo tima posse na prefeitura de Davinópolis Reprodução/TV Mirante
    Veja o que funciona no feriado da Proclamação da República em São Luís

    Veja o que funciona no feriado da Proclamação da República em São Luís


    Órgãos públicos, comércios e shoppings centers terão o funcionamento alterado; G1 listou as principais mudanças em alguns setores da capital. Rua Grande, principal via de comércio popular de São Luís (MA) Reprodução / TV Mirante Por conta...


    Órgãos públicos, comércios e shoppings centers terão o funcionamento alterado; G1 listou as principais mudanças em alguns setores da capital. Rua Grande, principal via de comércio popular de São Luís (MA) Reprodução / TV Mirante Por conta do feriado da Proclamação da República nesta quinta-feira (15), órgãos públicos, comércios e shoppings centers terão o funcionamento alterado em São Luís. O G1 listou as principais mudanças em alguns setores da capital. Confira. Órgãos públicos O expediente no Tribunal de Justiça será suspenso nesta quinta e haverá ponto facultativo na sexta-feira (16). Responderá pelo plantão o desembargador João Santana, até domingo (18), período em que serão recebidas apenas demandas urgentes, nas esferas Cível e Criminal, incluindo pedidos de habeas corpus, mandados de segurança, medidas cautelares (por motivo de grave risco à vida e à saúde das pessoas), decretação de prisão provisória, entre outros. O Governo do Maranhão informou que não haverá expediente nos órgãos estaduais nessa quinta-feira, por se tratar de um feriado nacional. Só funcionarão setores que prestam serviços essenciais, como assistência médica e hospitalar, policiamento, abastecimento de água, dentre outros. A Prefeitura de São Luís informou que os órgãos municipais não funcionarão nesta quinta-feira (15), de acordo com Decreto nº 50.133 de 17 de janeiro de 2018. Serviços públicos como saúde, limpeza pública, Guarda Municipal, fiscalização de trânsito e outros funcionarão normalmente. Na sexta-feira (16), o expediente será normal em toda a Prefeitura. Comércio A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Maranhão (Fecomércio-MA) informou que nesta quinta-feira (15) por conta do feriado nacional da Proclamação da República, o comércio de rua em São Luís poderá funcionar das 8h às 14h e dos shopping centers das 14h às 20h. Os funcionários serão remunerados com o pagamento de 100% do valor do dia trabalho e mais R$ 50 reais de gratificação, conforme definido na Convenção Coletiva de Trabalho. Os supermercados e as farmácias, consideradas atividades essenciais, podem funcionar em horário livre nesse dia. Bancos A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) informou que não haverá atendimento nas agências bancárias de todo o país, em função do feriado da Proclamação da República. Segundo a Febraban, para realizar operações bancárias durante o feriado, a população poderá utilizar canais alternativos como caixas eletrônicos, internet banking, mobile banking, banco por telefone e correspondentes Shoppings O funcionamento será alterado em alguns Shoppings Centers da capital. Confira abaixo as alterações nos horários. Rio Anil Shopping Lojas e quiosques: 14h às 20h Praça de Alimentação e Cinemas: 12h às 22h Supermercado: 9h às 22h Bancos e Loterias estarão fechadas Shopping da Ilha Lojas e quiosques: 14h às 20h Praça de Alimentação e Cinemas: 12h às 22h Supermercado: 10h às 22h Lotérica: 14h às 19h Academia BodyTech: 09h às 14h VIVA estará fechado São Luís Shopping Lojas e Quiosques: 14h às 20h Supermercados: 8h às 22h Praça de Alimentação: 12h às 22h Cinemas: 13h às 22h30 Parque de Diversões: 12h às 22h
    Deputados cobram explicações para suposta falta de dinheiro em fundo de previdência no MA

    Deputados cobram explicações para suposta falta de dinheiro em fundo de previdência no MA


    Fundo de previdência dos servidores públicos foi discutido em sessão na plenária da Assembleia Legislativa em São Luís. Deputados cobram explicações para suposta falta de dinheiro em fundo de previdência no MA O fundo de previdência dos...


    Fundo de previdência dos servidores públicos foi discutido em sessão na plenária da Assembleia Legislativa em São Luís. Deputados cobram explicações para suposta falta de dinheiro em fundo de previdência no MA O fundo de previdência dos servidores públicos foi discutido em sessão na Assembleia Legislativa. Deputados de oposição cobraram explicações do governo do Estado sobre a situação do fundo de previdência e aposentadoria dos funcionários públicos estaduais. Segundo os parlamentares, o fundo estaria perto de quebrar nos próximos meses. Pelo menos é o que afirma o deputado estadual Adriano Sarney (PV) que diz que o governo do Maranhão não possui capital necessário para pagar os trabalhadores já inativos. “Segundo os técnicos que vieram aqui a esta casa do governo do Estado não tem recurso suficientes para pagar os aposentados no ano que vem”. Um comunicado publicado nesta semana pelo Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público do Estado do Maranhão (SINTSEP) diz que técnicos da Secretaria Estadual do Planejamento e Orçamento teriam reconhecido, em reunião na Assembleia Legislativa, uma possível indisponibilidade de caixa para o pagamento das pensões e aposentadorias no ano de 2019 porque o governo, segundo o documento, mudou a composição do conselho, que gere o fundo tendo a maioria dos conselheiros para aprovar as pautas de seu interesse e, o governo ainda teria feito saques irregulares e remanejamento de recursos do fundo para outros fins. Deputado Adriano Sarney (PV) cobra explicações para suposta falta de dinheiro em fundo de previdência no MA Reprodução/TV Mirante O comunicado cita ainda um saque recente de mais de R$ 400 milhões do Fundo de Pensão e Aposentadoria sem justificativa. O deputado Eduardo Braide (PMN) ressalta que já foram retirados do Fundo Estadual de Pensão e Aposentadoria (Fepa) mais de R$ 1 bilhão. Ele revela que solicitará ao presidente do Instituto de Previdência uma posição sobre a situação. “Há mais de um ano eu vinha alertando essa irresponsabilidade dos saques que aconteceram no Fepa. Foram mais de R$ 1 bilhão que foram retirados do Fundo Estadual de Pensão e Aposentadoria, e agora eu iriei apresentar um requerimento para que o presidente do Instituto de Previdência venha a essa casa prestar esclarecimentos sobre os saques que foram feitos no Fepa. Mas mais do que isso, sob a garantia que nós teremos de pagar tanto os aposentados como os pensionistas do estado do Maranhão”, disse o deputado estadual Eduardo Braide. Deputado Eduardo Braide (PMN) diz que já foram retirados do Fepa mais de R$ 1 bilhão Reprodução/TV Mirante O deputado César Pires (PV) pontua que o governo deveria se posicionar sobre para onde foram investidos os recursos destinados a previdência. “O governo deveria dar uma nota explicando para onde foram o R$ 1 milhão e meio subtraído da Previdência porque está comprometendo os idosos e pessoas com deficiência que dependem do encaminhamento que leva uma pessoa a uma aposentadoria”. O líder do governo na Assembleia, deputado Rogério Cafeteira (DEM), nega que o Estado tenha retirado dinheiro do Fundo para outros fins. “Não existe nenhum desvio de recurso. O recurso está sendo utilizado e não há saques. Há, na verdade, resgate de aplicações para que pague os contribuintes, os aposentados e pensionistas”. Deputado Rogério Cafeteira (DEM) nega que o Estado tenha retirado dinheiro do Fepa para outros fins Reprodução/TV Mirante Mas uma representação feita pelo Ministério Público de Contas para o Tribunal de Contas do Maranhão no ano de 2017 afirma que o governo Flávio Dino editou decretos para abrir créditos adicionais suplementares em favor das Secretarias de Estado da Infraestrutura, da Educação e diversas unidades orçamentárias e, inclusive, o Tribunal de Contas do Estado utilizando-se como fonte de recursos o Fundo de Pensão e Aposentadoria do Maranhão. O documento constata ainda que em poucos meses essa abertura de créditos suplementares para outras áreas do governo chegou a comprometer quase R$ 145 milhões do Fundo. Nos últimos cinco meses o governo não tem publicado na internet o balanço das despesas e receitas do Fundo de Previdência. Fundo de previdência dos servidores públicos foi discutido em sessão na plenária da Assembleia Legislativa em São Luís Reprodução/TV Mirante Na última publicação, ocorrida em junho deste ano, o Fundo de Pensão e Aposentadoria vinha arrecadando cerca de R$ 88 milhões por mês e pagando mensalmente R$ 133 milhões aos aposentados e pensionistas, o que significa um deficit mensal de R$ 44 milhões. O problema é que não tem como prever até quando o Fundo vai ter reserva o suficiente para cobrir essa diferença. O presidente do Sindicato dos Servidores, Cleinaldo Lopes, diz que o Fundo tem menos de R$ 200 milhões em caixa e prevê que a reserva vai zerar ainda no primeiro semestre do ano de 2019 se nada for feito. “Nós queremos pedir a Deus. Temos fé em Deus para que isso não aconteça, mas pela atual situação de recurso financeiro do Fundo Estadual de Pensão e Aposentadoria nós que já havíamos, anteriormente, provocado, denunciado nós estamos sentindo que isso irá acontecer” Em nota, o Governo do Estado disse que tem buscado o equilíbrio entre receitas e despesas para honrar as obrigações, entre elas o pagamento de aposentados e pensionistas, mas não explicou se houve saques do Fundo para outros fins. Presidente do Sindicato dos Servidores, Cleinaldo Lopes, diz que o Fepa tem menos de R$ 200 milhões em caixa Reprodução/TV Mirante

    Paciente é preso após causar tumulto em UPA em São Luís


    Segundo a polícia, o homem de 35 anos, quebrou o monitor do computador e outros equipamentos na Unidade de Pronto Atendimento da área Itaqui Bacanga, por conta na demora do atendimento. Paciente é preso após causar tumulto em UPA em São Luís Um...

    Segundo a polícia, o homem de 35 anos, quebrou o monitor do computador e outros equipamentos na Unidade de Pronto Atendimento da área Itaqui Bacanga, por conta na demora do atendimento. Paciente é preso após causar tumulto em UPA em São Luís Um paciente de 35 anos, foi preso na tarde dessa terça-feira (13) após causar tumulto na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Itaqui-Bacanga em São Luís. O homem, que não foi identificado, ficou revoltado com a demora no atendimento médico e por isso, quebrou alguns equipamentos eletrônicos da unidade. Por volta das 15h, o paciente chegou à UPA do Itaqui-Bacanga reclamando de fortes dores abdominais por conta de uma cirurgia que havia feito. Ele foi atendido por uma enfermeira, que classificou o caso dele na cor verde, considerado um caso de menor gravidade e por isso, ele teria que esperar um pouco mais para ser atendido. Após três horas de espera, o paciente voltou ao setor de classificação para reclamar na demora do atendimento. Ao explicar o motivo do atraso, a enfermeira, que não foi identificada, disse que os pacientes classificados com a cor verde estavam demorando a ser atendidos por conta de uma mobilização feita pelos médicos que trabalham em UPAs da capital, que estão com os salários atrasados, e por isso, estariam priorizando atender pacientes mais graves. O paciente se revoltou e começou a quebrou o computador usado para monitorar os pacientes que são atendidos na UPA. Além disso, ele deu vários socos na mesa e ainda quebrou o celular da enfermeira. Médicos que estavam trabalhando no momento do tumulto, resolveram atender rapidamente o paciente que ainda se queixava de muitas dores. A equipe médica decidiu aplicar um tranquilizante no paciente, que se negou. Minutos após o término da confusão, uma equipe da Polícia Militar chegou a UPA e encaminhou o paciente para o Plantão Central do Itaqui-Bacanga e ele foi autuado por dano ao patrimônio público. De acordo com a polícia, o paciente chegou a passar mal novamente durante o tempo que ficou na delegacia e por isso, uma fiança de R$ 326 foi aplicada para que ele fosse logo liberado e pudesse ser atendido em outra unidade de saúde. Não há informações sobre seu estado de saúde. O G1 entrou em contato com a Secretaria de Estado da Saúde (SES) que até o momento, não se pronunciou sobre o caso.
    Após morte de prefeito, vice toma posse em Davinópolis

    Após morte de prefeito, vice toma posse em Davinópolis


    José Rubem Firmo (PCdoB) tomou posse no fim da tarde de terça-feira (13) na Câmara Municipal da cidade. Ele ocupará o cargo de Ivanildo Paiva (PRB), morto no domingo (11). Vice-prefeito toma posse em Davinópolis José Rubem Firmo (PCdoB) tomou...


    José Rubem Firmo (PCdoB) tomou posse no fim da tarde de terça-feira (13) na Câmara Municipal da cidade. Ele ocupará o cargo de Ivanildo Paiva (PRB), morto no domingo (11). Vice-prefeito toma posse em Davinópolis José Rubem Firmo (PCdoB) tomou posse no cargo de prefeito de Davinópolis, a 663 km de São Luís, em solenidade ocorrido no fim da tarde de terça-feira (13) na Câmara Municipal da cidade. A posse de José Rubem ocorreu após a morte de Ivanildo Paiva (PRB), que foi executado a tiros no domingo (11) a cerca de 2 km da sede sua chácara, localizada na zona rural de Davinópolis. Durante a cerimônia, o preside da Câmara, Raimundo Nonato, presidiu a sessão que contou com a presença dos nove vereadores de Davinópolis. Rubem Firmo afirmou que conduzirá o Município com ética e responsabilidade. “Nós estamos aqui pedindo a Deus que nos abençoe, nos dê força para que a gente possa conduzir da melhor forma possível”. Ivanildo Paiva (PRB), era prefeito Davinopólis e foi encontrado morto no Maranhão Divulgação/Prefeitura Municipal de Davinopólis A data da posse foi uma sugestão da Procuradoria Geral do Município em virtude dos compromissos do serviço público. O procurador do Município, Elias Santos, ressaltou o papel do órgão durante a cerimônia. “A Câmara está cumprindo os seus papéis que é de dar posse, no caso de vacância do prefeito, ao seu sucessor legítimo que é o vice-prefeito hoje empossado, o prefeito Rubem”. José Rubem Firmo tem 59 anos e ingressou na vida política no ano de 2012. O primeiro cargo político veio com a eleição para vice-prefeito de Davinópolis, onde ocupou o cargo desde o primeiro mandato de Ivanildo Paiva. José Rubem Firmo ingressou na vida política no ano de 2012 Reprodução/TV Mirante
    Operação do Ministério da Segurança Pública no combate ao tráfico de drogas realiza prisões no Maranhão

    Operação do Ministério da Segurança Pública no combate ao tráfico de drogas realiza prisões no Maranhão


    Operação ‘Anjos sem Lei’ foi realizada em Imperatriz, Timon e São Luís visando o combate ao tráfico de drogas, principalmente próximo de escolas. No total, quatro pessoas foram presas. Em desdobramento da operação ‘Anjos sem Lei’...


    Operação ‘Anjos sem Lei’ foi realizada em Imperatriz, Timon e São Luís visando o combate ao tráfico de drogas, principalmente próximo de escolas. No total, quatro pessoas foram presas. Em desdobramento da operação ‘Anjos sem Lei’ coordenada pelo Ministério da Segurança Pública, a Polícia Civil do Maranhão realizou operação em Imperatriz, Timon e São Luís visando o combate ao tráfico de drogas, principalmente próximo de escolas. No total, quatro pessoas foram presas. Em São Luís, a Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc) prendeu em flagrante Fabiana Macedo Máximo e Raimundo Carlos Costa no bairro João Paulo. Segundo a polícia, com eles estavam invólucros medianos de crack e apetrechos utilizados para embalagem e posterior comercialização da droga. Fabiana Macedo Máximo e Raimundo Carlos Costa foram presos por tráfico de drogas em São Luís Divulgação/Polícia Civil A dupla foi encaminhada à sede da Senarc, onde foram autuados em flagrante por tráfico e associação para o tráfico ilícito de drogas. Depois, foram levados ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde ficarão à disposição do Poder Judiciário. Já em Timon, a 328 km de São Luís, a polícia prendeu em flagrante Matheus Gabriel da Silva Vasconcelos, de 19 anos. De acordo com a polícia, ele foi surpreendido quando portava pedras de crack e dinheiro resultante da comercialização da droga. Após a prisão, Matheus foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Timon. Logo após a prisão de Matheus a polícia também prendeu Manoel dos Reis Silva, de 37 anos, que estava com mandado de prisão em aberto expedido pela comarca de Teresina, onde responde por homicídio qualificado e porte ilegal de arma de fogo. Manoel será encaminhado ao Sistema Penitenciário do Piauí. Matheus Gabriel da Silva Vasconcelos e Matheus Gabriel da Silva foram presos por tráfico de drogas em Timon Divulgação/Polícia Civil

    "A gente nunca vai conseguir entender o que aconteceu", conta irmã após 2 anos da morte de Mariana Costa


    Carolina Costa era esposa de Lucas Porto, que confessou ter matado a publicitária. Para lembrar a data do crime, uma caminhada em São Luís reforçou a importância de combater a violência contra a mulher. Caminhada é realizada para homenagear o...


    Carolina Costa era esposa de Lucas Porto, que confessou ter matado a publicitária. Para lembrar a data do crime, uma caminhada em São Luís reforçou a importância de combater a violência contra a mulher. Caminhada é realizada para homenagear o Dia Estadual de Combate ao Feminicídio em São Luís Para marcar a data e lembrar os dois anos do assassinato da publicitária Mariana Costa, uma caminhada foi realizada pelas ruas do Centro de São Luís nesta terça-feira (13), dia estadual de combate ao feminicídio. Vários homens e mulheres carregaram faixas, cartazes e usavam camisas que lembravam a importância do combate ao feminicídio e a violência doméstica contra a mulher. “Os índices de feminicídio, de violência contra a mulher, ainda é muito alto. Isso, basicamente, assusta muitas jovens de hoje e o que nós queremos é simplesmente justiça”, contou a estudante Jenifer Ribeiro. Centenas de pessoas se reuníram e carregaram cartazes que lembravam a importância do combate ao feminicídio. Reprodução/TV Mirante A ação é o resultado de um trabalho que levou para a sala de aula o combate a violência contra mulher e o acompanhamento das vítimas. O Ministro Público do Maranhão lembrou que somente com a denúncia é possível acabar com a violência e prender o agressor. “A lei determina que sejam feitas campanhas de prevenção na comunidade escolar. Então o que a gente quer é que esses jovens cresçam reconhecendo o direito das mulheres. Eles já fazem isso quando eles trabalham esses temas nas escolas, com música, teatro, pintura, expressões artísticas e produção textual. É nessa geração que eu acredito”, declarou a promotora de justiça Selma Martins. Morte de Mariana Costa Mariana Costa foi estuprada e morta pelo próprio cunhado, Lucas Porto Arquivo pessoal / Facebook Há 2 anos a irmã da publicitária Mariana Costa, Carolina Costa, entrou para as estatísticas das vítimas de feminicídio. Mariana foi estuprada e morta pelo próprio cunhado, o empresário Lucas Porto, que está preso e aguardando julgamento. “Mariana foi uma vítima no dia 13 de novembro de 2016. Hoje completa dois anos que a minha irmã foi arrancada das nossas vidas pela mão de um homem que eu vivi durante 20 anos. É uma dor que não tem explicação, a gente nunca vai conseguir entender o que aconteceu. O fato é que essa não é uma realidade só da minha casa, é uma realidade de 12 famílias por dia no nosso país. Então é uma realidade que está aí e nós precisamos estar atentas porque nós mulheres merecemos respeito, nós mulheres merecemos caminhar, nós merecemos viver sem medo. E o nosso grito de guerra é esse: Nenhuma a menos”, afirmou Carolina Costa durante a caminhada. Carolina Costa, irmã de Mariana Costa e ex-esposa de Lucas Porto, assassino confesso da publicitária Reprodução/TV Mirante Casos de feminicídio no MA Segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública, foram instaurados 1.052 inquéritos em São Luís em 2018. No mesmo período foram realizadas 264 prisões em flagrante e pedidas 2.442 medidas protetivas. No ano passado o número de prisões em flagrante e medidas protetivas foram menores. Violência contra a mulher no MA “O Brasil está entre os cinco que mais praticam esse tipo de violência. Nós temos que continuar combatendo porque é sinal que as mulheres não estão aceitando esse tipo de prática. Estão procurando a justiça para que possam ser responsabilizadas essas pessoas”, declarou o procurador geral de Justiça do Ministério Público do Maranhão, Luiz Gonzaga. A caminhada desta terça (13) também lembrou que, além das punições previstas, na Lei Maria da Penha existe uma rede de proteção das mulheres vítimas de violência. A Patrulha Maria da Penha da Polícia Militar é responsável por monitorar essas mulheres. “O primeiro passo que a mulher tem que fazer é procurar uma delegacia, registrar um boletim de ocorrência e solicitar uma medida protetiva com a patrulha Maria da Penha. Logo após o deferimento dessa medida protetiva o agressor é afastado do lar através de um oficial de justiça com o acompanhamento de uma viatura da Polícia Militar. Quando ele é afastado, nós recebemos uma certidão de que houve o afastamento. A partir daí a gente começa a fazer as visitas para ela e a fiscalizar o agressor. Ela fica com todos os nossos telefones para que, a qualquer momento que ela necessite, ela liga para que a viatura possa atender o mais rápido possível”, explicou a coronel da Patrulha Maria da Penha, coronel Augusta Andrade. Uma lei estadual estabelece o dia 13 de novembro como o Dia de Combate ao Feminicídio no Maranhão. Durante toda esta semana, ações vão acontecer para incentivar o fim da violência de gênero. “O foco da nossa campanha este ano foi justamente os estudantes porque a gente acredita que o caminho é a educação. É muito mais fácil você conscientizar, você educar uma criança e um adolescente com relação a igualdade de gênero do que reeducar um adulto. Então como eles são o futuro do Brasil,é neles que estamos apostando para que aconteça essa mudança cultural”, ressaltou a delegada da mulher, Viviane Azambuja. Initial plugin text
    Justiça multa enfermeira que atropelou e matou cão em São Luís

    Justiça multa enfermeira que atropelou e matou cão em São Luís


    Ana Giselly Atan foi condenada a pagar multa de quase R$ 25 mil reais, que será destinada ao Hospital Veterinário Universitário da Uema e a instituição filantrópica. Ana Giselly Atan atropelou dois cães da raça pastor alemão em agosto em...


    Ana Giselly Atan foi condenada a pagar multa de quase R$ 25 mil reais, que será destinada ao Hospital Veterinário Universitário da Uema e a instituição filantrópica. Ana Giselly Atan atropelou dois cães da raça pastor alemão em agosto em São Luís Reprodução/TV Mirante A enfermeira Ana Giselly Atan, acusada de atropelar em agosto deste ano dois cães em São Luís, foi condenada pela Justiça do Maranhão a pagar uma multa de R$ 20 mil pela morte da cadela Duquesa e as lesões causadas ao cão Pepe. A audiência foi realizada na nesta segunda-feira (12) na capital. De acordo com a decisão, o valor será destinado ao Hospital Veterinário Universitário da Universidade Estadual do Maranhão (Uema). Além da quantia, a enfermeira deverá pagar outra multa no valor de cinco salários-mínimos que serão revertidos para uma instituição filantrópica, que ainda será definida. A audiência teve a participação do promotor do Ministério Público do Maranhão (MPMA), Fernando Barreto. Dukesa (à esquerda) não resistiu aos ferimentos e Peppe (à direita) sobreviveu ao atropelamento Divulgação/Leila Cristina Oliveira Entenda o caso O caso aconteceu em 14 de agosto no bairro Residencial Pinheiros, na capital. Imagens da câmera de segurança de uma residência mostraram o momento em que Ana Giselly atropelou os dois cães da raça pastor alemão. O vídeo mostra o carro de Ana Giselly acelerando e passando por cima dos cães Duquesa e Pepe. Os cachorros sofreram inúmeros ferimentos e somente Pepe conseguiu sobreviver. Enfermeira atropela cachorros em São Luís; vídeo repercute nas redes sociais Após o atropelamento, a Ana Giselly foi afastada do cargo de enfermeira na Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH). Em seguida, ela se manifestou por meio de nota e afirmou que não tinha intenção de atropelar os dois cães e disse que o ato não passou de “um infeliz acidente e que está trazendo a ela e sua família um profundo abalo e que jamais havia maltratado qualquer animal”. Em depoimento na Delegacia Especial do Meio Ambiente (Dema), Ana Giselly Atan disse que não queria atropelar os cachorros e sim afastá lós das pessoas que estavam na rua. Após ter prestado depoimento, ela foi liberada e respondeu o processo em liberdade. A dona dos dois cães, a professora universitária Leila Cristina Oliveira estava concluindo seu doutorado na Bahia, quando soube do atropelamento dos cães. Segundo a professora, os cachorros estavam na rua após uma tentativa de invasão da sua residência. Após o arrombamento, o portão da casa ficou danificado e os cães acabaram indo para a rua.
    Prefeito executado a tiros em Davinópolis é sepultado no Maranhão

    Prefeito executado a tiros em Davinópolis é sepultado no Maranhão


    Corpo de Ivanildo Paiva (PRB) foi sepultado nesta terça-feira (13) no Cemitério Campo da Saudade, em Imperatriz. Corpo do prefeito Ivanildo Paiva (PRB) é enterrado no Cemitério Campo da Saudade em Imperatriz (MA) Rozany Dourado/TV Mirante O corpo...


    Corpo de Ivanildo Paiva (PRB) foi sepultado nesta terça-feira (13) no Cemitério Campo da Saudade, em Imperatriz. Corpo do prefeito Ivanildo Paiva (PRB) é enterrado no Cemitério Campo da Saudade em Imperatriz (MA) Rozany Dourado/TV Mirante O corpo de Ivanildo Paiva (PRB), prefeito de Davinópolis, a 663 km de São Luís, foi sepultado na manhã desta terça-feira (13) no Cemitério Campo da Saudade, em Imperatriz, a 626 km da capital. De acordo com as investigações da polícia, o prefeito foi assassinado a tiros na manhã de domingo (11) a cerca de 2 km da sede de sua chácara, localizada na zona rural da cidade. Parentes, amigos, alguns prefeitos da região Tocantina e vereadores de Imperatriz e Davinópolis, além da comunidade, acompanharam o cortejo fúnebre que foi marcado por muita dor e revolta. O translado do corpo de Ivanildo Paiva até o cemitério foi feito pelo Corpo de Bombeiros. O corpo de Ivanildo foi encontrado a 2 km de sua chácara no povoado Juçara, em Davinópolis. Já o carro do prefeito foi encontrado abandonado na BR-010, ao lado da mata do 50 BIS, em Imperatriz. Após perícia foram encontradas pequenas manchas de sangue e sinais de resistência da vítima em seu quarto na chácara. Segundo a polícia, Ivanildo Paiva foi executado com arma de fogo e teria sido atingido com seis a sete tiros. As investigações sobre o caso já foram iniciadas e, de acordo com a polícia, a hipótese menos provável para a morte do prefeito é crime de latrocínio, que é o roubo seguido de morte, já que nenhum pertence foi roubado. Ivanildo Paiva (PRB), prefeito de Davinopólis é encontrado morto no Maranhão Divulgação/Prefeitura Municipal de Davinopólis O delegado Regional, Eduardo Galvão, diz que a morte de Ivanildo Paiva apresenta características de um homicídio mercenário que é quando com um mandante e um executor, o que torna a ação metodicamente planejada. "A investigação está em aberto. Todas as linhas de investigação são possíveis. A menos provável e dificilmente teria ocorrido é a hipótese de latrocínio porque ninguém vai se dá a uma missão dessa, a todo um planejamento, arquitetar um crime e nada levar. Na realidade foi levado apenas o celular, mas por questões alheias a ideia de crime contra o patrimônio. Ali tem todas as características de homicídio mercenário, que nós chamamos de homicídio mediante paga, que tem um mandante e executores. Porque pelo que foi arrecadado no local, em termos de indícios, era impossível uma única pessoa ter rendido ele no interior da residência", revelou o delegado. O vice-prefeito de Davinópolis, José Rubem Firmo (PCdoB), toma posse no cargo de prefeito em solenidade às 17h desta terça, na Câmara Municipal. Corpo do prefeito Ivanildo Paiva foi encontrado próximo a sua chácara em Davinópolis Reprodução/TV Mirante
    Teto de escola da rede municipal desaba em Bom Jardim

    Teto de escola da rede municipal desaba em Bom Jardim


    Ninguém ficou ferido após o desabamento; Prefeitura ainda não se manifestou para informar onde os alunos da Escola Municipal Frei Antônio Sinibaldi concluirão o ano letivo. Teto de escola municipal desaba em Bom Jardim O teto e parte das paredes...


    Ninguém ficou ferido após o desabamento; Prefeitura ainda não se manifestou para informar onde os alunos da Escola Municipal Frei Antônio Sinibaldi concluirão o ano letivo. Teto de escola municipal desaba em Bom Jardim O teto e parte das paredes da Escola Municipal Frei Antônio Sinibaldi, situada na periferia do município de Bom Jardim, a 275 km de São Luís, desabou no fim da tarde de segunda-feira (12). O desabamento aconteceu entre a saída dos estudantes do turno vespertino e a entrada dos alunos do horário noturno. Segundo os moradores que residem próximo da escola, apesar do susto ninguém saiu ferido, pois não havia nenhuma pessoa no prédio. Eles acrescentam que várias denúncias já foram feitas sobre a situação da escola, mas até o momento nenhuma providência foi tomada. Os moradores de Bom Jardim afirmam também que a escola passou por uma reforma recentemente e já nos primeiros meses após a reforma já apresentava problemas de estrutura, principalmente, no teto. O Sindicato dos Professores do Município de Bom Jardim diz que pretende acionar o Ministério Público contra a Prefeitura, já que é uma escola municipal e, segundo o Sindicato, a Prefeitura é quem deveria ter tomado as providências para que o acidente não tivesse ocorrido. A Prefeitura de Bom Jardim ainda não se manifestou para informar onde os alunos concluirão o ano letivo, já que a escola não poderá desenvolver as suas atividades. Teto da Escola Municipal Frei Antônio Sinibaldi desabou em Bom Jardim (MA) Reprodução/TV Mirante
    Loja é arrombada na Avenida Castelo Branco em São Luís

    Loja é arrombada na Avenida Castelo Branco em São Luís


    Ação criminosa aconteceu na madrugada desta terça-feira (13) no bairro São Francisco; Bandidos fugiram em um veículo sem deixar pistas. Loja é arrombada na Avenida Castelo Branco em São Luís Uma loja de eletrodomésticos e eletroportáteis foi...


    Ação criminosa aconteceu na madrugada desta terça-feira (13) no bairro São Francisco; Bandidos fugiram em um veículo sem deixar pistas. Loja é arrombada na Avenida Castelo Branco em São Luís Uma loja de eletrodomésticos e eletroportáteis foi arrombada por bandidos na madrugada desta terça-feira (13) na Avenida Castelo Branco, no bairro São Francisco, em São Luís. Durante o crime, os arrombadores deixaram alguns eletrodomésticos pelo caminho como, por exemplo, ventiladores. Segundo o funcionário da loja, que preferiu não se identificar, a ação criminosa aconteceu por volta das 4h e esta já é terceira vez em duas semanas que acontece este tipo de crime. "Já é a terceira vez em duas semanas e é algo que tem fugido do nosso controle", desabafou. Durante o arrombamento, a porta de rolo foi danificada por uma pedra que foi utilizada pelos bandidos para abrirem o estabelecimento. O funcionário diz ainda que eram cerca de seis assaltantes que participaram do roubo. Os bandidos fugiram em um veículo sem deixar pistas. "Eles têm trabalhado mais pesado agora. No começo vinham dois, três. Eles ficavam a pé mesmo. Pegavam o produto e saíam correndo. Agora dessa vez veio, em torno, de cinco a seis meliantes e eles estavam em um carro preto. Eles pegaram o produto, botaram dentro do carro e saíram", finalizou o funcionário. Porta de rolo da loja foi danificada por uma pedra que foi utilizada pelos bandidos Reprodução/TV Mirante
    25,8% dos inscritos faltaram no 2º domingo do ENEM no Maranhão

    25,8% dos inscritos faltaram no 2º domingo do ENEM no Maranhão


    Índice supera o 1º domingo de provas, quando 21,9% dos inscritos faltaram. Milhares de candidatos fizeram o segundo dia de provas do Enem no Maranhão No Maranhão, 25,8% dos inscritos faltaram no 2º domingo de provas do Exame Nacional do Ensino...


    Índice supera o 1º domingo de provas, quando 21,9% dos inscritos faltaram. Milhares de candidatos fizeram o segundo dia de provas do Enem no Maranhão No Maranhão, 25,8% dos inscritos faltaram no 2º domingo de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) 2018. Os dados foram divulgados nesta segunda (12) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP). O número de faltosos chegaram a 55.923 em todo o Maranhão. Em comparação com o primeiro dia de provas houve um aumento no número de ausentes no Maranhão, já que 47.470 inscritos faltaram na realização do 1º dia de prova do ENEM em 2018. 25,8% dos inscritos faltaram no 2º domingo do ENEM no Maranhão Reprodução/TV Mirante No total, 216.758 pessoas se inscreveram para realizar as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM 2018) no Maranhão. No segundo dia, os candidatos responderam a 90 questões de ciências da natureza e matemática, com duração máxima de 5 horas. De acordo com o INEP, a data para a divulgação do gabarito oficial é 14 de novembro. Já o resultado do ENEM será no dia 18 de janeiro de 2019. As notas obtidas no ENEM serão usadas pelos candidatos para acessar o sistema do Governo Federal, o SISU, que é a principal forma de acesso para vagas ao ensino superior nas universidades que compõem o ENEM.
    Flávio Dino edita decreto sobre liberdade de expressão em escolas do Maranhão

    Flávio Dino edita decreto sobre liberdade de expressão em escolas do Maranhão


    Nas redes sociais, o governador disse que falar em “Escola Sem Partido” tem servido para encobrir propósitos autoritários incompatíveis com a Constituição. Flávio Dino edita decreto sobre liberdade de expressão em escolas estaduais do...


    Nas redes sociais, o governador disse que falar em “Escola Sem Partido” tem servido para encobrir propósitos autoritários incompatíveis com a Constituição. Flávio Dino edita decreto sobre liberdade de expressão em escolas estaduais do Maranhão Reprodução/Redes Sociais O governador Flávio Dino (PCdoB) editou nesta segunda-feira (12) um decreto para assegurar, no ambiente das escolas da rede estadual, a liberdade de expressão e opinião a professores, estudantes e funcionários. "Editei agora Decreto garantindo Escolas com Liberdade e Sem Censura no Maranhão, nos termos do artigo 206 da Constituição Federal. Falar em “Escola Sem Partido” tem servido para encobrir propósitos autoritários incompatíveis com a nossa Constituição e com uma educação digna", destacou o governador em uma postagem nas redes sociais. O artigo 206 da Constituição Federal diz que o ensino será ministrado com base nos seguintes princípios: Igualdade de condições para o acesso e permanência na escola Liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber Pluralismo de idéias e de concepções pedagógicas, e coexistência de instituições públicas e privadas de ensino Gratuidade do ensino público em estabelecimentos oficiais Valorização dos profissionais da educação escolar, garantidos, na forma da lei, planos de carreira, com ingresso exclusivamente por concurso público de provas e títulos, aos das redes públicas Gestão democrática do ensino público, na forma da lei Garantia de padrão de qualidade Piso salarial profissional nacional para os profissionais da educação escolar pública, nos termos de lei federal Parágrafo único. A lei disporá sobre as categorias de trabalhadores considerados profissionais da educação básica e sobre a fixação de prazo para a elaboração ou adequação de seus planos de carreira, no âmbito da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios Flávio Dino, governador do Maranhão Reprodução/Twitter De acordo com o decreto editado por Flávio Dino, a Secretaria de Estado da Educação deverá promover campanha de divulgação nas escolas sobre as garantias asseguradas pelo artigo 206, inciso II da Constituição Federal, bem como dos princípios previstos da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394/1996). Ainda segundo o decreto, fica vedado no ambiente escolar: O cerceamento de opiniões mediante violência ou ameaça Ações ou manifestações que configurem a prática de crimes tipificados em lei, tais como calúnia, difamação e injúria, ou atos infracionais Qualquer pressão ou coação que represente violação aos princípios constitucionais e demais normas que regem a educação nacional, em especial quanto à liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar o pensamento, a arte e o saber O decreto diz ainda que professores, estudantes ou funcionários somente poderão gravar vídeos ou áudios durante as aulas e demais atividades de ensino, mediante consentimento de quem será filmado ou gravado.
    Veja como um animal de estimação pode prevenir problemas de saúde no ser humano

    Veja como um animal de estimação pode prevenir problemas de saúde no ser humano


    De acordo com um estudo realizado pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos, animais de estimação ajudam na prevenção de vários problemas de saúde como depressão e doenças cardiovasculares. Veja os benefícios de ter um animal de...


    De acordo com um estudo realizado pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos, animais de estimação ajudam na prevenção de vários problemas de saúde como depressão e doenças cardiovasculares. Veja os benefícios de ter um animal de estimação Ter um animal de estimação em casa pode ser uma boa companhia, principalmente, no desenvolvimento social das crianças. O médico veterinário Adriano Bomfim destaca que os benefícios são maiores quando o relacionamento entre animal e ser humano começa desde a infância. Como é o caso do estudante Luiz Ferreira, de 13 anos, que afirma lembrar de quando ganhou o primeiro cachorro e conta que atualmente já tem quatro em casa. “Eles são minhas melhores companhias desde a infância, um cachorro faz muita falta dentro de casa porque eles brincam muito”, relembrou o estudante. Luiz Ferreira, de 13 anos, afirma lembrar de quando ganhou o primeiro cachorro Reprodução/ TV Mirante De acordo com pesquisas realizadas pelo Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos, o convívio de pessoas com os animais de estimação ajudam a reduzir o risco de doenças cardiovasculares. A dona de casa Bertilha Japiassu conhece os benefícios e afirma que a pitbull Arlequina tem ajudado no tratamento de saúde dos filhos. “O João tem TEA e desde o início do tratamento dele nós começamos a investigar as particularidades dele, foi dito para gente que era importante ter anima porque isso ajudava a desenvolver. Então nós tivemos um cachorro de uma raça menor, que não deu muito certo porque crianças pegam o cachorro e o cachorro mordia ele, fazia com que ele se afastasse do animal. Aí depois nós fizemos equoterapia, o cavalo ele se deu superbem, se desenvolveu muito bem. Quando nós chegamos aqui, o meu marido queria um outro cachorro. Eu já havia tido um pitbull, sempre gostei da raça e nós decidimos adotar. A Arlequina é a paixão da casa”, afirmou. Bertilha Japiassu conhece os benefícios e afirma que a pitbull Arlequina tem ajudado no tratamento de saúde dos filhos Reprodução/ TV Mirante Adriano Bomfim conta que os animais libera um hormônio chamado serotonina que é capaz de modificar o humor das pessoas. “Muita gente já sabe os benefícios que os animais têm, que é a alegria instantânea, mas muitos donos dos animais não sabem o real benefício que eles possuem. Por exemplo, os animais de estimação podem reduzir em 33% as chances de uma criança desenvolver alergia ou asma porque o convívio com esses animais vai desenvolver o sistema imunológico dessas crianças para que cresçam mais fortes. Outras pesquisas indicam que o convívio com os animais ajudam a diminuir a depressão, o estresse, a solidão e eles ajudam a gente a produzir hormônios como serotonina, esses hormônios ajudam a gente a aumentar o nosso humor e nos deixar mais felizes”, explicou. O veterinário conta também que é importante que o animal esteja saudável, os cuidados com a higiene e saúde dos bichinhos de estimação refletem na saúde dos seus donos. “Como alguns animais são bem próximos dos seus donos, alguns até dormem na cama, os cuidados que a gente tem que ter com esses animais têm que ser maiores também. O cachorro tem que estar com as vacinas e controle de parasitas em dias. Precisamos tomar cuidado com algumas doenças que podem ser transmitidas para nós seres humanos, a principal doença na nossa região é a leishmaniose, por isso é muito importante que os donos façam os exames da leishmaniose, coloque as vacinas em dias. E se o animalzinho estiver doente, tratem esses animais, a doença tem tratamento. O cuidado com a saúde dos animais é muito importante para que as pessoas possam ter esses benefícios na área da saúde”, finalizou. A psicóloga Camila Carrilhos comentou sobre a relação entre as pessoas e os animais de estimação explicando de que forma isso torna uma influência no desenvolvimento social das pessoas. “O desenvolvimento das pessoas com a companhia dos animais é visível e notório, eles desenvolvem habilidades sociais onde faz com que a pessoa veja o mundo de forma diferente, tenha um carinho incondicional. Como nós vemos como características principais dos animais é aquele carinho. Ele não vê o que a pessoa tem, a condição financeira, de que forma a pessoa interage, mas ele dá aquele amor, então todas as pessoas têm esse amor incondicional desse animal e isso é uma das características principais, o desenvolvimento desse carinho, desse amor e desse afeto”, contou. Confira a entrevista com a psicóloga Camila Carrilhos Especialista explica sobre a importância do animal de estimação no 'Chame o Psique'
    Polícia Rodoviária Federal apreende 88 veículos roubados no Maranhão

    Polícia Rodoviária Federal apreende 88 veículos roubados no Maranhão


    Operação contou com a parceria da Polícia Civil da Bahia; Barreirinhas foi a cidade com o maior número de ocorrência e contabilizou 11 carros roubados. Polícia Rodoviária Federal apreende veículos roubados no Maranhão Divulgação/Polícia...


    Operação contou com a parceria da Polícia Civil da Bahia; Barreirinhas foi a cidade com o maior número de ocorrência e contabilizou 11 carros roubados. Polícia Rodoviária Federal apreende veículos roubados no Maranhão Divulgação/Polícia Rodoviária Federal Uma operação realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu nesta segunda-feira (12) 88 veículos que foram roubados no estado. A operação que contou com a parceria da Polícia Civil da Bahia registrou ainda 39 roubos na região baiana, o que contabilizou 127 ocorrências nos dois estados do Nordeste. Segundo o superintendente da Polícia Rodoviária Federal do Maranhão, Paulo Moreno, a prática criminosa no estado acontecia principalmente na região da Baixada e nos Lençóis Maranhenses. “Esta prática foi mais relevante nas áreas da Baixada e Lençóis”, revelou. O superintendente acrescentou que os veículos roubados vem, em sua maioria, da Bahia, Minas, Pará e Goiânia, e que no Maranhão o município que teve o maior número de roubo contabilizado foi Barreirinhas. “Os carros roubados vem dos estados da Bahia, Minas, Pará e Goiânia; aqui no estado a cidade de Barreirinhas foi a que teve mais ocorrências. Lá foram 11 carros roubados”. O inspetor da PRF, Antônio Noberto, diz que grande parte dos veículos roubados no Maranhão são clonados no próprio estado. “Muitos veículos são roubados do MA e clonados com placas do MA. Acontece no próprio estado, mas a maioria vem de fora”, contou. Noberto ressalta que o proprietário do carro que foi vítima do crime pode recuperar o automóvel na sede da Polícia Rodoviária Federal. “Para pessoa reaver o veículo, a PRF vai divulgar uma tabela com a narrativa de todas as ocorrências na sede do PRF. No site do PRF também estará esta relação”, finalizou.
    Comissão Interamericana destaca preocupação com a situação dos direitos humanos no Brasil

    Comissão Interamericana destaca preocupação com a situação dos direitos humanos no Brasil


    Relatório destaca urgência de intervenção do governo em episódios de violação dos direitos indígenas, além da situação das cracolândias de São Paulo e das investigações da morte da vereadora Marielle Franco. Comissão Interamericana de...


    Relatório destaca urgência de intervenção do governo em episódios de violação dos direitos indígenas, além da situação das cracolândias de São Paulo e das investigações da morte da vereadora Marielle Franco. Comissão Interamericana de Direitos Humanos apresenta relatório sobre violência no Brasil Cristina Boeckel / G1 Rio A Comissão Interamericana de Direitos Humanos divulgou, na manhã desta segunda-feira (12), relatório preliminar sobre a violência no Brasil, em encontro em Copacabana, na Zona Sul do Rio. O documento destaca preocupação com a situação dos direitos humanos no Brasil - o país, segundo o colegiado, não conseguiu saldar dívidas históricas com populações discriminadas. O grupo teme que medidas de austeridade fiscal do governo causem a exclusão de políticas sociais que atendem populações mais pobres. "A discriminação histórica e a concentração da riqueza resultaram na exclusão histórica de certos grupos da população, como afrodescendentes, povos indígenas e trabalhadores rurais, que permanecem em situação de extravulnerabilidade ao longo dos anos. Essa situação de vulnerabilidade é baseada na origem étnico-racial desses grupos e se agrava quando coincide com a situação de pobreza e de rua", destacou o documento. Uma comissão que está no país analisou dados sobre violações dos direitos humanos. Os analistas estão no Brasil desde o dia 5 deste mês, quando desembarcaram em Brasília. Desde então, eles estiveram na Bahia, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Roraima, São Paulo e Rio de Janeiro. Violação dos direitos indígenas e cracolândias preocupam Os representantes da comissão alertaram para o risco de que o país volte para o mapa da fome da ONU. O relatório preliminar destaca também a redução dos processos de consultas públicas e frisou que a participação da sociedade no governo é essencial para a participação dos cidadãos nas decisões que os influenciam. A comissão destacou a urgência de uma intervenção do governo em episódios de violação dos direitos indígenas e denunciou especialmente a comunidade Guarani-kaiowa. A comunidade de aldeia de açaizal, no Pará, sofre coações. Eles destacaram também indígenas que vivem em situação de rua m Roraima. Os quilombolas também receberam atenção dos pesquisadores. O quilombo Rio dos Macacos, na Bahia, sofre com dificuldades no acesso à água e violência. O uso indiscriminado de agrotóxicos e pesticidas foi destacado pelos investigadores. O desalojamento de terra dos trabalhadores rurais e condições de trabalho foram considerados problemáticos, com verificação de condições análogas à escravidão. Os analistas destacaram as condições de "desumanização" da Cracolândia, em São Paulo. Eles também ressaltaram que os moradores de rua sofrem com a inviabilidade de suas necessidades e lutas em todo o país. A comissão destacou a péssima situação em que são mantidos os detentos. No centro educacional Dom Bosco, voltado aos menores, a comissão constatou que os internos vivem em condições semelhantes à de presídios para adultos. Também no Rio, unidades do Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, tiveram condições verificadas como críticas, como o Plácido Carvalho e Nelson Hungria. Investigações do caso Marielle No Rio de Janeiro, o grupo se encontrou com autoridades da intervenção federal no Centro Integrado de Comando e Controle. Eles também conversaram com os responsáveis pelas investigações das mortes da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes e com familiares das vítimas. Eles foram mortos no dia 14 de março na Região Central da capital fluminense, e o crime segue sem solução. Em agosto, a comissão havia solicitado medidas de proteção para viúva de Marielle, Mônica Benício. O pedido foi feito após ela receber ameaças pela internet e pessoalmente. Na Bahia, a comissão visitou o Quilombo Rio dos Macacos, na Região Metropolitana de Salvador. O local é alvo de disputa entre as 85 famílias que habitam a área e a Marinha. No Maranhão, um dos locais visitados foi o Complexo Penitenciário de Pedrinhas, na zona rural de São Luís. Em 2014, a comissão já havia condenado as instalações e mortes de presos. A última vez que o grupo esteve no Brasil foi em 1995. Entre os temas observados estão a discriminação, desigualdade, pobreza e aplicação de políticas públicas. Os especialistas observaram principalmente a parte da população brasileira que está historicamente em situação de discriminação, como afrodescendentes, indígenas, trabalhadores rurais, população em situação de pobreza, presidiários, migrantes e defensores de direitos humanos. A Comissão Interamericana dos Direitos Humanos é um órgão autônomo da Organização dos Estados Americanos (OEA), que tem como missão promover a observação e defesa dos direitos humanos no continente. É formada por sete membros independentes, que são eleitos pela Assembleia Geral da OEA a título pessoal, sem representarem seus países de origem ou de residência.
    Maranhão registra 643 focos de incêndio em 12 dias de novembro, diz Inpe

    Maranhão registra 643 focos de incêndio em 12 dias de novembro, diz Inpe


    Segundo o Inpe, somente nos últimos cinco dias, o Maranhão contabilizou 388 focos de incêndio. Maranhão já registrou mais de 11 mil focos de incêndio em 2018 Reprodução/TV Mirante Em 12 dias do mês de novembro, o Maranhão já registrou 643...


    Segundo o Inpe, somente nos últimos cinco dias, o Maranhão contabilizou 388 focos de incêndio. Maranhão já registrou mais de 11 mil focos de incêndio em 2018 Reprodução/TV Mirante Em 12 dias do mês de novembro, o Maranhão já registrou 643 focos de incêndio, segundo o relatório do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), divulgado nesta segunda-feira (12). Em outubro, o estado registrou mais de 1,8 mil focos de incêndio em todo o estado. De acordo com o Inpe, somente nos últimos cinco dias, o Maranhão contabilizou 388 focos de incêndio. O estado só fica atrás do Pará, que registrou entre os dias 7 e 11 de novembro que foram realizadas as análises, mais de 900 focos. Logo em seguida, aparecem os estados do Ceará e Amapá. No acumulado do ano, o estado já registrou 11.323 focos de incêndio e ocupa a terceira posição geral no ranking, atrás apenas dos estados de Mato Grosso, com 17.333 e Pará com 16.758. O número representa uma queda de 46% em relação ao ano de 2017, do qual mais de 21 mil focos de incêndio foram registrados em todo o estado.
    Homem é executado a tiros em bar em Santa Inês

    Homem é executado a tiros em bar em Santa Inês


    De acordo com a polícia, dois homens encapuzados efetuaram vários disparos contra a vítima que estava em um bar no bairro Vila Militar, em Santa Inês. Homem é morto a tiros em bar em Santa Inês Um homem identificado como Ramon Alves, de 28...


    De acordo com a polícia, dois homens encapuzados efetuaram vários disparos contra a vítima que estava em um bar no bairro Vila Militar, em Santa Inês. Homem é morto a tiros em bar em Santa Inês Um homem identificado como Ramon Alves, de 28 anos, foi executado a tiros, em um bar na noite do último sábado (10) no bairro Vila Militar no município de Santa Inês, localizado a 250 km de São Luís. De acordo com a polícia, três homens chegaram ao local em um carro, enquanto a vítima estava sentada no bar. Encapuzados, apenas dois homens desceram do veículo e começaram a efetuar vários disparos contra a Ramon Alves, que foi atingido por, pelo menos, oito tiros, a maioria deles na cabeça. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local. A polícia afirma que o crime tem características de acerto de contas. Além disso, a vítima já foi preso algumas vezes e tem passagem pela polícia por porte ilegal de arma e por suspeita da participação em assaltos, levantando mais suspeitas sobre o crime. A Polícia Civil deve continuar investigando as motivações do crime. Ramon Alves, de 28 anos, foi executado a tiros enquanto estava em bar em Santa Inês Reprodução/TV Mirante
    Prefeito executado a tiros é velado em Davinópolis no Maranhão

    Prefeito executado a tiros é velado em Davinópolis no Maranhão


    Sepultamento de Ivanildo Paiva (PRB) está previsto para ocorrer às 8h desta terça (13) no Cemitério Campo da Saudade na cidade de Imperatriz. Prefeito de Davinópolis é encontrado morto O corpo de Ivanildo Paiva (PRB), prefeito de Davinópolis,...


    Sepultamento de Ivanildo Paiva (PRB) está previsto para ocorrer às 8h desta terça (13) no Cemitério Campo da Saudade na cidade de Imperatriz. Prefeito de Davinópolis é encontrado morto O corpo de Ivanildo Paiva (PRB), prefeito de Davinópolis, a 663 km de São Luís, está sendo velado desde a noite de domingo (11) na residência da família. Segundo a polícia, o prefeito foi executado a tiros na manhã de domingo (11) a cerca de 2 km da sede da sua chácara, situada na zona rural do município. O sepultamento está previsto para ocorrer às 8h desta terça-feira (13) no Cemitério Campo da Saudade na cidade de Imperatriz. O corpo de Ivanildo foi encontrado a 2 km de sua chácara no povoado Juçara, em Davinópolis. Já o carro do prefeito foi encontrado abandonado na BR-010, ao lado da mata do 50 BIS, em Imperatriz. Após perícia foram encontradas pequenas manchas de sangue e sinais de resistência da vítima em seu quarto na chácara. Segundo a polícia, o prefeito foi assassinado com arma de fogo e teria sido atingido com seis a sete disparos. Investigações Policia inicia investigações sobre morte do prefeito de Davinópolis O delegado Regional, Eduardo Galvão, que acompanha o caso, afirmou que a investigação está em aberto e que a hipótese menos provável é o crime de latrocínio, já que nenhum objeto do prefeito morto foi roubado. O delegado acrescentou que a morte de Ivanildo Paiva apresenta características de um homicídio mercenário que é quando com um mandante e um executor, o que torna a ação metodicamente planejada. "A investigação está em aberto. Todas as linhas de investigação são possíveis. A menos provável e dificilmente teria ocorrido é a hipótese de latrocínio porque ninguém vai se dá a uma missão dessa, a todo um planejamento, arquitetar um crime e nada levar. Na realidade foi levado apenas o celular, mas por questões alheias a ideia de crime contra o patrimônio. Ali tem todas as características de homicídio mercenário, que nós chamamos de homicídio mediante paga, que tem um mandante e executores. Porque pelo que foi arrecadado no local, em termos de indícios, era impossível uma única pessoa ter rendido ele no interior da residência". Corpo do prefeito Ivanildo Paiva foi encontrado próximo a sua chácara em Davinópolis Reprodução/TV Mirante Eduardo Galvão disse também que aconteceu uma luta corporal antes do prefeito ser executado e que durante o crime houve a participação de mais de uma pessoa na ação criminosa. "Houve luta corporal no interior da residência porque há manhas de sangue. Ter conseguido retirar ele do local. Ele foi morto provavelmente onde o corpo foi encontrado. Foi amarrado até o local. Então um único homem não o faria, mas também não descartamos a possibilidade de que esse suposto mandante tivesse na própria ação no momento em que foi perpetrada". O delegado ainda revelou que o assassinato de Ivanildo Paiva foi planejado. "Mas que foi um crime metodicamente planejado nós não temos a menor dúvida pela distância, pelo horário. A pessoa provavelmente este mais cedo no local, traçou a rota de fuga por onde sairia para onde executaria o prefeito. Então foi um crime planejado, um crime que teve todo um preparo para ocorrer”. Ivanildo Paiva (PRB), prefeito de Davinopólis é encontrado morto no Maranhão Divulgação/Prefeitura Municipal de Davinopólis O delegado Regional disse também que no domingo a polícia já começou a colher os primeiros depoimentos e que uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de São Luís foi encaminhada para Davinópolis a fim de ajudar nas investigações. “O subsecretário determinou a vinda de uma equipe da DHPP da capital, o delegado Jeffrey de Paula Furtado, e o grupo de investigadores foram trazidos de helicóptero do CTA. De imediato, juntamente com os delegados da Homicídios de Imperatriz, Praxísteles e Gustavo, passaram o dia intimando pessoas, levando para a Delegacia de Homicídios. Já foram colhidos vários depoimentos e hoje o dia prossegue com a realização de perícias e oitivas de novas pessoas referidas, relacionadas que possam nos ajudar", disse Eduardo Galvão. Eduardo Galvão ressalta que todas as pessoas que tinham alguma relação com o prefeito morto serão ouvidas para que a polícia possa identificar a linha de investigação sobre o caso. "Eu acho que todos aqueles próximos ao Ivanildo, que tinham alguma relação de amizade, que eram confidentes, que possam nos ajudar nessa investigação tem que ser ouvidos para clarear realmente se vinha sendo ameaçado, motivações, se havia alguma queixa por parte dele em relação a qualquer tipo de ameaça para que a gente possa ir delimitar uma linha de investigação”, finalizou.